História Minha Doce Empregada - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Anko Mitarashi, Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hidan, Hinata Hyuuga, Hizashi Hyuuga, Ino Yamanaka, Inochi Yamanaka, Iruka Umino, Itachi Uchiha, Jiraiya, Juugo, Kakashi Hatake, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Kisame Hoshigaki, Kurenai Yuuhi, Kushina Uzumaki, Mikoto Uchiha, Minato "Yondaime" Namikaze, Neji Hyuuga, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Samui, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shion, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju
Tags Hentai, Naruto, Romance
Visualizações 134
Palavras 2.618
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ecchi, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi gente!! Espero que gostem!! Boa leitura!!

Capítulo 12 - Segunda chance.


"Todos merecem uma segunda chance...até o amor."

- Anita. -

 

-Sair? Com o senhor? Não posso! -Falou rápido sem hesitar.

 

-Nande? -Ele franziu o cenho.

 

-Nande? -Pausou. -Vou sair com a Hina-chan e com a Ino-chan. -Ele riu.

 

-Eu sei que não... -Sakura arregalou os olhos. Kuso! Como ele sabe que ela estava mentindo.

 

-Vou sim! -Continuou afirmando.

 

-Naruto me disse que hoje eles iriam viajar para Itália.

 

-A Hina não me disse nada! -Ela estreita as sobrancelhas. -Demo... ainda posso sair com a Ino!

 

-Ah vamos... -Pediu fazendo beicinho. -Onegai... eu não mordo. -Ela riu.

 

-Eu sei que não! Demo... já combinei com elas.

 

-Desmarque... vamos, prometo que você irá se divertir. -Ele lhe lançou aquele irresistível sorriso de canto.

 

-Não posso simplesmente descamar. -Ele coçou a nuca.

 

-Então vamos todos juntos. Já que não há outra maneira.

 

-É um programa para mulheres senhor. -Ela fala.

 

-Kuso! Onegai, Sakura. Vamos...

 

-Deixe-me pensar então. -Ela mordeu o lábio inferior e ele teve que se segurar para não beijá-la.

 

-Está certo. -Abriu passagem para ela subir as escadas.

 

-Arigato. -Ele abriu um grande sorriso.

 

****

 

A rosada adentrou seu quarto às pressas, apanhou o celular em cima do criado-mudo e enviou uma mensagem para Ino. Não tinha marcada nada com a amiga mas não custaria nada tentar. Não estava muito afim de sair com Sasuke, por que sabia que iria acabar caindo na lábia dele.

Sabia que Hinata, Tenten e Temari estariam ocupadas com seus parceiros, então apelaria com a Yamanaka. 

 

-Aquela porquinha deve estar dormindo com certeza, mas quando ela acordar irá ver e me responder.

 

"Bom dia porquinha. O senhor Fugako e a dona Mikoto foram para França e levaram minha okaa-san. E para piorar, ou não rsrs, Sasuke me convidou para sair. Dai eu disse que tínhamos marcado alguma coisa já. Um programa apenas para mulheres. Demo... ele continuou insistindo e eu disse que iria pensar. Me ajuda amiga! Você já tem planos para hoje? Nem que seja para ficarmos assistindo filmes e séries. Onegai. Ah, e mais tarde levarei seu carro. Kissus."

 

-Agora é só esperar ela me responder. -Falou consigo mesma. Logo voltou para seus afazeres.

 

Como havia mais duas empregadas na casa o trabalho sempre era dividido. Afinal, uma mansão daquela não podia conter apenas duas empregadas. Lisa e Mary são inglesas e quando chegaram a Tóquio conseguiram um emprego na mansão Uchiha. A primeira além de cuidar da casa ajudava Sayuri na cozinha quando a mesma precisava. Já a segunda cuidava só dos afazeres domésticos, junto com Sakura. Todas duas se davam super bem com as Haruno's. Muito animadas e educadas. Também tinha os jardineiros, seguranças, motoristas. Todos muito competentes e simpáticos.

 

A rosada adentrou o quarto da mãe e sorriu. O mesmo estava limpo e cheiroso. Com certeza sua okaa-san o organizou antes de viajar. Depois se dirigiu ao quarto de Fugako e Mikoto, organizou e limpou tudo. Tirou o pó dos móveis e passou um pano molhado no chão, lavou o banheiro. Saiu e fechou a porta. Depois era a vez do quarto de Itachi. Também não teve muito trabalho por lá. O moreno era bem limpo e organizado. Ajeitou tudo, trocou os lençóis da enorme cama, passou um pano no chão e saiu, também lavou o banheiro e saiu. 

Sakura era bem rápida e eficiente. Não deixava nada pela metade ou mal feito. Limpou mais dois quartos de hóspede, por que os outros seriam limpos por Mary, e seguiu para o quarto do Uchiha caçula. A porta estava aberta e o quarto vazio.

 

-Graças a Deus! -Exclamou.

 

Deu a mesma atenção que nos outros quartos. Lavou o banheiro, trocou os tapetes, as toalhas. Trocou os lençóis da cama, colocando desta vez lençóis azuis, limpou os móveis e depois de tudo organizado limpou o chão. Sasuke ainda não havia aparecido e a rosada tratou de ser rápida. Logo tudo no andar de cima estava limpo e organizado. Sem contar o agradável odor floral que vinham dos cômodos. A não ser o odor amadeirado que vinha do quarto de Sasuke. O moreno gostava desse perfume, e Sakura sabia disso. Não demorou muito para Itachi chegar, já eram quase meio-dia. Sasuke chegou em seguida. Sakura estava ajudando Lisa, pondo a mesa enquanto Mary estava organizando os banheiros do andar de baixo.

Os irmãos se sentaram para almoçar. A cozinheira os serviu e logo se retirou. Ao ver o Uchiha mais novo, Sakura correu afim de se esconder. Estava o evitando o máximo possível.

Elas almoçavam na cozinha e a rosada sente seu celular vibrar. Apanha o mesmo e fita uma mensagem da amiga.

 

Ino porquinha: "Boa tarde testuda! Acordei agora rsrs... gomen! Queria muito poder te ajudar mas hoje não posso... o Sai me convidou para sair e eu não pude recusar. Você sabe que eu e o Gaara até tentamos mas não rolou, então resolvi dar uma chance ao ele que já vem insistindo a algum tempo. Não se preocupe com meu carro, pode trazê-lo mais tarde. E quanto ao convite do Sasuke? Aceite! Você não tem nada a perder e ele não fará o que você não quiser! Rsrs Kissus!"

 

Sakura logo respondeu: "Puta que pariu hein! Não posso aceitar assim! Ah, até me esqueci de te contar. Ontem não sei o que deu nele... demo... ele se declarou! Me disse muitas coisas. Que me ama, e que só percebeu isso quando eu estava hospitalizada, e que teve medo de me perder, que sente muito ciúmes e um monte de blá-blá-blá! Está muito diferente comigo! E agora me chamou pra sair! Eu não quero! Ou quero! Não sei! Estou ficando maluca!"

 

Ino porquinha: "Sakura... eu sei que ele já aprontou muito com você! Agora é sua vez de dar o troco! Aceite sair com ele. Vá bem provocante é bem sexy rsrs. Mas não ceda hein! Não me desaponte!"

 

Sakura não pode conter o risinho. Lisa e Mary olharam para ela sem nada entender. Logo respondeu: "Ino você definitivamente não é certa! Rsrs Tudo bem! Aceitarei. Afinal ele está sendo tão gentil comigo!"

 

Ino porquinha: "Vou até aí mais tarde para te ajudar a escolher a roupa e fazer uma maquiagem!"

 

"Mas você não iria sair com o Sai?"

 

Ino porquinha: "Nao vai demorar nada! E o Sai não irá ficar irritado só por me esperar uns 5 ou 50 minutinhos! Rsrs"

 

"Está certo então! Arigato maluca!"

 

Ino porquinha: Love you!"

 

Sakura terminou seu almoço e retirou a mesa, os irmãos também já haviam terminado a refeição. Limpou tudo e lavou os pratos, copos e talheres. Depois de limpar mais uma vez a cozinha, finalmente estava livre. Subiu até seu quarto, trancou a porta, retirou as roupas e adentrou para um longo e relaxante banho morno. Lavou as longas madeixas rosas, ensaboou o corpo e depilou qualquer pelo visível. Após mais alguns minutos saiu enrolada num robe rosa felpudo. Escolheu uma langerie de renda vermelha, um short jeans e uma camiseta também vermelha para que não marcasse. Secou os cabelos, se perfumou e apanhou alguns esmaltes e utensílios para fazer as unhas. Optou por um vermelho. As longas e belas unhas agora estavam mais belas ainda. Sakura tinha unhas lindas e quase todos pensavam que eram postiços, pelo fato dela ser empregada na mansão. Mas eram dela mesmo. Vez ou outra alguma se quebrava mas logo crescia. 

Sentiu seu celular vibrar. O apanhou achando que poderia ser sua mãe ligando pela terceira vez somente naquele dia para perguntar se estava tudo bem. Nem ao menos olhou para ver de quem se tratava.

 

-Moshi-Moshi?

 

-Sakura? Sou eu! -Ela sentiu seu coração palpitar mais forte.

 

-O que deseja? -Ele riu.

 

-Como assim? Quero saber se aceita meu convite? -Ela suspirou vencida. -Pensei em bater no seu quarto mas imaginei que estava ocupada no banho ou com outra coisa.

 

-E eu estava mesmo! -Falou sem pensar. O moreno sentiu seu membro pulsar. Kuso! A amava tanto que não podia deixar de desejá-la a todo momento.

 

-E então? Pensou?

 

-Hai! Ino, infelizmente tem outro compromissos para hoje e eu já liguei para Hina e ela me confirmou que irá viajar com o Naruto. Na verdade já devem estar lá.

 

-Nossa... eu sou tão desprezível assim? -Se fez de ofendido. Depois riu. -Você tentou escapar para todos os lados mas não conseguiu.

 

-Nossa digo eu! Quem vê o senhor falando assim imagina que pretende me estuprar! -Ela fala sem hesitar. Logo se arrepende.

 

-Bom... jamais faria nada a força com ninguém, muito menos com você. Uma pena você pensar isso de mim!

 

-Gomen... -Kuso Sakura! Você às vezes estrapola! -Pensou. -Não é isso... gomen mais uma vez...

 

-Não poderia ficar bravo com você. -Ela revirou os olhos.

 

-Está bem! Me venceu pelo cansaço! -Riu. -Onde vamos?

 

-Vamos a um lugar bem legal! -Ele alarga ainda mais o sorriso. -Você vai se divertir!

 

-Okay! Arigato! -Se despedem e ela finaliza a chamada. -Sakura! Sakura! Não caia na lábia dele! -Falou consigo mesma.

 

****

 

A campanha foi tocada uma, duas, três vezes! Kuso! Será que não ouviram todo os "só um minuto" que a rosada falava.

 

-Sakura-chan! -A rosada arregalou os olhos. -Você cresceu!

 

-Vovó Mesumi! -Se abraçaram. -Entre! Deixem-me te ajudar com essa mala.

 

-Arigato querida. -Sentou-se no enorme sofá. -Onde estão meus netinhos?

 

-Bem... Acho que Itachi voltou para a empresa e o senhor Sasuke saiu. -Que saudades da senhora.

 

-Também estava com muitas saudades de vocês. Mikoto me ligou e pediu que eu viesse para que vocês não ficassem sozinhos.

 

-Ah que bom! -Sakura lhe sorri. -A senhora está com fome?

 

-Não querida. Não se preocupe.

 

-Então vou preparar um quarto bem confortável para senhora!

 

-Arigato querida. -Levantou-se seguindo a rosada. Mesumi é a mãe de Mikoto. É uma senhora muito agradável que gosta muito de Sakura, de uns sessenta e quatro anos de cabelos pintados de pretos.

 

-Eles ficarão muito felizes ao vê-la. -Sakura disse enquanto ajudava a senhora a tirar as roupas da mala e guardá-las no guarda-roupas.

 

-Espero que sim! Ah, quase me esqueço... -Retirou uma caixinha de uma bolsa e a entregou. -Uma lembrancinha. Espero que goste.

 

-Ah vovó! Arigato! -Sakura a abraçou e abriu a caixinha. La havia um lindo colar de ouro com um delicado e fofo pingente de um coração. Provavelmente a joia mais cara que Sakura já havia ganhado. -Lindo!

 

-Que bom que você gostou minha querida. -Continuaram conversando por mais algum tempo. Depois Sakura a deixou descansando da viagem e seguiu para seu quarto. Porém a campanha mais uma vez tocou e ela correu para atender. Era Ino, feliz e radiante.

 

-Olá testuda! -Lhe deu um forte abraço. -Nani? Ainda não se vestiu pelo menos? Já são seis e meia!

 

-A vovó Mesumi está aí! Chegou agora a tarde e ficamos conversando! Agora ela está descansando. -Depois que fechou a porta Ino praticamente a arrastou até seu quarto.

 

-Vamos! Temos muito trabalho!

 

-Exagerada! -Sakura revirou os olhos.

 

A rosada tomou um banho morno e se secou. Pôs seu roupão e voltou ao quarto. Ino já estava impaciente a esperando. Como essa loira é desesperada.

Sakura se sentou em frente à seu espelho e a Yamanaka tratou de emperequetar a amiga. Escovou os longos cabelos róseos, e fez babyliss nas pontas. Optou por uma maquiagem destacando os olhos. Preparou a pele com uma base clara, contornos e iluminador. Desenhou a sobrancelha com uma sombra própria para isso na cor rosa, nos olhos optou por uma sombra rósea e dourada, e delineador preto estilo gatinho. Rímel preto destacando bem os cílios longos. Blush pêssego e um batom nude. Sakura estava ainda mais linda. Quando se olhou no espelho até se assustou. Como uma bela maquiagem muda uma pessoa.

 

-Porquinha será que você não exagerou?

 

-Claro que não testuda! Você tem que estar mais linda ainda! Tem que deixar aquele Uchiha arrogante babando!

 

-Mas essa não é minha intenção! -Sakura ainda se olhava no espelho.

 

-Ah Sakura! Pare de bobagem é vista logo o vestido enquanto eu me maqueio!

 

-Tudo bem! -Voltou ao banheiro para se trocar. -Você veio de táxi? Gomen por não ter levado seu carro!

 

-Não se preocupe. O Deidara-kun me trouxe. -Falou enquanto espalhava a base clara sobre o rosto.

 

-Entendo. -Sakura calçou os saltos, pôs brincos dourados e um bracelete. O colar que acabara de ganha da avó de consideração. Passou seu perfume de cerejeiras e aguardava a amiga terminar o cabelo. Logo seu celular vibrou com uma mensagem de Sasuke.

 

"Estou te aguardando aqui na sala."

 

-Pronta? -Ino indaga.

 

-Muito antes de você! -A rosada sorri.

 

-Está linda testuda!

 

-Não mais que você amiga! -Apanhou sua bolsa e desceram as escadas.

 

****

 

Sasuke estava sentado no sofá já um pouco impaciente. Estava muito bem arrumado com uma camisa cinza e um casaco social de corte reto. Calça jeans e um sapato preto. Os cabelos negros e macios como sempre bagunçados de um jeito extremamente sexy. Mexia no celular quando ouvia o barulho dos saltos ecoando nas escadas e as vozes femininas vindo de lá. Levantou-se pois julgou ser Sakura, e estava certo. Quando pousou seus olhos sobre a Haruno perdeu o fôlego. Ela estava estonteante naquele vestido curto, rosado, de veludo molhado, de alças e com um decote sensual. Saltos pretos, maquiagem belíssima e cabelos lindos. Não conseguia pensar em mais nada, sentiu o corpo doer de desejo ao vê-la tão sexy é tão linda. Apenas sorriu quando ela se aproximou. Estava embasbacado.

 

-Boa noite. -Ela disse.

 

-Boa... boa noite. -O Uchiha responde.

 

-Boa noite Sasuke-chato-kun! -Ino fala brincalhona.

 

-Ino? -Ele a fita confuso. -Boa noite. Você também irá?

 

-Ah não... não gosto de segurar vela!

 

-Ino! -Sakura a repreende.

 

-Gomen, gomen! -Beijou a amiga. -Já vou. Arigato por guardar meu carro.

 

-Arigato digo eu! -Disfarçou a vergonha por estar sendo encarnada pelo moreno.

 

-Ja ne! -Ino se direciona a porta. -Ja ne Sasuke-chato-kun! -Sorriu marota.

 

-Até! -Ele revira os olhos. -Vamos?

 

-Boa noite! -Itachi chega.

 

-Boa noite Ita-kun! -Sakura exclama fazendo Sasuke bufar.

 

-Vão sair? -Ele arqueia uma sobrancelha.

 

-Hai. -Sasuke responde. -Vamos?

 

-E posso saber aonde vão? -O Uchiha mais velho cruza os braços.

 

-Não pode não otou-san! -Ironiza. Sakura olhava para os dois já se assustando. Como Sasuke tinha o pavio curto! Kuso!

 

-Ah acabei me esquecendo... a vovó Mesume está aí. -Envergonhou-se por não ter se lembrado de falar antes. -Ela estava dormindo, depois fui até o quarto e perguntei se ela precisava de algo. Ela disse que estava tudo sob controle e que iria tomar um banho e comer algo. Me ofereci para preparar alguma refeição mas ela disse que faria e que eu poderia sair tranquila. Mas pediu que não chegássemos tarde.

 

-Eu já a vi. -Sasuke fala. -Não se preocupe. Faça companhia a ela onii-san!

 

-Vou ir vê-la agora mesmo! -Sorriu. -Está linda Sakura-chan. Divirtam-se e tomem cuidado! -Falou sincero. Sasuke sentiu o rosto esquentar. Sentiu ciúmes da forma como Itachi falou com a rosada. Apesar de que O Uchiha mais velho visse a Haruno como uma Irma, o mais novo não conseguia controlar.

 

-Pode deixar! Arigato Ita-kun! Não pretendemos voltar tarde. -Despediram-se e saíram. Itachi fora ao encontro da avó e ficaram conversando por muito tempo.

 

****

 

Caminharam até a enorme garagem e Sasuke escolheu para hoje seu Koenigsegg Agera preto claramente caríssimo. Abriu a porta como um verdadeiro cavalheiro. A rosada agradeceu e sorriu. Ele tomou seu lugar no banco do motorista. Enquanto o portão abria ele a encheu de elogios.

 

-Você está linda! Tão cheirosa.

 

-Arigato. -Respondeu corada. -O senhor também.

 

-Senhor não... me chame de Sasuke okay?

 

-Onde vamos?

 

-Vamos a uma balada. Você gosta?

 

-Gosto. -Desviou os olhos dos dele.

 

-Que bom! -Ele sorriu. Para logo dar partida e sair.


Notas Finais


E aí gente?! Espero que tenham gostado. O que acharam da Sakura ter aceitado esse convite?! E a avó deles? Muito fofa né?! Sasuke com ciúmes da Sakura com o Itachi é sempre engraçado!! E a doidinha da Ino? Digam o que acharam!! Onegai!! Comentem tá?! Bjs!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...