História Minha Doce Empregada - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Anko Mitarashi, Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hidan, Hinata Hyuuga, Hizashi Hyuuga, Ino Yamanaka, Inochi Yamanaka, Iruka Umino, Itachi Uchiha, Jiraiya, Juugo, Kakashi Hatake, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Kisame Hoshigaki, Kurenai Yuuhi, Kushina Uzumaki, Mikoto Uchiha, Minato "Yondaime" Namikaze, Neji Hyuuga, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Samui, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shion, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju
Tags Hentai, Naruto, Romance
Visualizações 114
Palavras 3.030
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ecchi, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi gente!! Espero que gostem!! Boa leitura!!

Capítulo 13 - Noite agradável.


"As pessoas são sempre boas companhias quando estão fazendo aquilo que realmente gostam."

 

- Ananda de Almeida Fonseca. -

 

 

 

Itachi apressou-se para chegar ao encontro da avó. Subiu as escadas rapidamente chamando-a. A senhora o respondeu e ele adentrou na quarta porta.

 

-Obaa-chan! -O moreno a abraça.

 

-Itachi-chan meu netinho! Que saudades! -Deu-lhe um beijo na bochecha.

 

-Obaa-chan por que a senhora não me ligou? Eu iria buscá-la no aeroporto. -Ela sorriu.

 

-Ah não se preocupe! Sua mãe me ligou hoje pela manhã quase chorando, me pedindo que viesse tomar conta de vocês... coisas de Mikoto Uchiha... você sabe. -Ele anuiu.

 

-Okaa-san às vezes exagera. Mas entendo a preocupação dela... afinal Sasuke e Sakura nunca se deram bem, a senhora sabe. -Ela afirmou com a cabeça.

 

-Sasuke é um tolo! Sakura sempre foi uma ótima menina! Responsável, educada, prestativa! Ela até disse que se eu quisesse ela não iria sair para ficar me fazendo companhia! -Itachi consentiu. -Lembro-me de quantas vezes ela o ajudou mesmo sem ele querer.

 

-Há algumas semanas a Sakura sofreu um acidente. -Ele suspirou. -Na verdade a maluca da Karin e a sua neta Akane estavam na sala brigando pelo Sasuke, e a pobre Sakura vendo aquela confusão tentou separá-las, mas as duas a empurraram, e Sakura caiu sobre a mesa de vidro, que acabou cortando sua testa e ela desmaiou. Graças a Deus ela ficou bem. Desse dia pra cá o Sasuke a tem tratado melhor. Com mais respeito. Eles até saíram juntos hoje. Mas estou de olho nele.

 

-Faz um bocado de tempo que não vejo a Akane! E quando a vir... ela irá me escutar por isso! Coitadinha da Sakura. -Ela suspirou fundo. -Gosto dela como se fosse minha neta!

 

-E eu a tenho como minha imouto! -Sua avó sorriu. -Não quero vê-la sofrendo mais uma ver pelo Sasuke.

 

-Eu entendo. Bem... vamos observá-los para vermos como estão se tratando.

 

-De acordo. -E sorriu maroto. -Obaa-chan... a senhora pode fazer taiyaki* para mim? aqueles que só a senhora sabe fazer... Onegai. -Ele fez um beicinho e a avó não resistiu.

 

-Claro! Com esses olhos pidões. Mas só se você me ajudar! -Ela se põe de pé.

 

-Claro! Arigato! A senhora é a melhor obaa-chan. -Lhe deu um beijo estalado na bochecha.

 

-Assim conversamos mais. Quero saber sobre suas namoradinhas...

 

-Obaa-chan eu não tenho namoradinhas. -Corou.

 

-Não tem? Hum... sei...

 

****

 

Sasuke pôs o carro em uma vaga no estacionamento do Aragawa*. Abriu a porta e se direcionou até a outra para abri-la para Sakura sair. Ele lhe estendeu a mão e lhe lançou um sorriso galante. A rosada corou e respondeu-lhe com um sorriso sincero.

 

-Arigato. -Ela disse.

 

-Espero que realmente divirtamo-nos! -Ele lhe estendeu o braço.

 

-Não me diga que estamos no Aragawa?

 

-Hai... Nande?

 

-Nande? É um dos restaurantes mais caros... e olha como estou vestida.

 

-Pra mim você está linda. -Ele se aproximou para falar baixinho em seu ouvido. -E estou me segurando para não agarra-la aqui mesmo.

 

-Como se fosse tão fácil... -Ela revirou os olhos. Logo se lembrou do que Ino falara:

 "Sakura... eu sei que ele já aprontou muito com você! Agora é sua vez de dar o troco! Aceite sair com ele. Vá bem provocante é bem sexy rsrs. Mas não ceda hein! Não me desaponte!"

-Sorriu de canto. Como Ino é pervertida! -Maluca... -Murmurou para si mesma.

 

-Hã? Disse algo?

 

-Lie! Lie! Estava pensando alto demais. -Ela suspirou. -Saiba que eu aceitei sair com o senhor... com você  mas isso não significa que no final da noite iremos para cama! Que fique claro. -Ela foi bem direta e ele anuiu.

 

-Não pretendo fazer nada que você não queira. -Ela revirou os olhos. -Sakura ouça. -Ele parou na frente dela e a fitando nos olhos continuou. -Não a te chamei para sairmos com o intuito de transarmos. A não ser que você queira. -Ela estreitou as sobrancelhas. -Estou brincando. Mas escute, estou me esforçando para fazer você confiar em mim. Juro que eu me arrependo amargamente por tudo que já te fiz. Gomen... mas me deixe tentar consertar todo o estrago.

 

-Você pode tentar, mas não será fácil apagar anos de humilhações e ódio com jantares caros. Que fique claro! Então, se esforce! -Ele respirou fundo. -Digo... se esforce nas suas atitudes, palavras, no seu amor. Não no que seu dinheiro pode comprar ou me proporcionar. Não estou a venda Uchiha.

 

-E eu jamais pensei dessa forma. -Ele depositou um beijo terno sobre a testa dela. -Arigato. Vamos? -Ela assentiu com um maneio de cabeça.

 

Eles adentraram ainda de braços dados. Sakura corada por ver tanta gente chique e pela elegância do local, com decoração fina e lustres por todos os lados, e Sasuke imensamente feliz por tê-la ali com ele e por ela, sem duvidas? ser a mais bela presente. Logo o maître os conduziram até uma mesa reservada pelo Uchiha. Eles se acomodaram e escolheram o prato. Um bife wagyu que é carne de kobe, uma das mais caras do mundo, que vem de uma fazenda local e é servido simplesmente com pimenta e mostarda. O moreno também pediu uma garrafa de Boërl & Kroff Brut*.

 

-Esse lugar é lindo. -A rosada fala assim que ficaram a sós.

 

-Realmente. Gosto muito daqui. Você nunca veio aqui?

 

-Sério que está me perguntando isso? -Ele sorriu. -Só via pela internet.

 

-Pretendo te levar para conhecer todos os lugares que quiser. -Ela corou.

 

-Arigato... mas não se preocupe...

 

-Eu realmente quero poder lhe oferecer minha companhia quando tiver chance. -Ela sorriu. -Quero segurar sua mão e te levar para dançar.

 

-Acho que conheço essa música... -Ela cantarolou e ele sorriu.

 

-Me de um desconto, não sou muito bom com palavras. Mas é verdade. Quero compensar todos esses anos ruins. De verdade Sakura. -Ele alisou a face enrubescida dela. -Você fica ainda mais linda quanto está envergonhada.

 

-Com licença... -O garçom se fez presente com o pedido do casal. Lhes serviu e retirou-se. -Bom apetite. -Os dois lhe sorriram de volta.

 

-Eu acho que estão todos me encarando de forma nada amistosa. -Sakura olhava a sua volta. -Será que é por causa da roupa?

 

-Já disse que você está linda. Aliás, a mais linda de todas. E se estão te olhando é porque simplesmente assim como eu estão te admirando. -Ela sorriu tímida. -E digo mais... eles devem estar com muita inveja de mim por estar acompanhado de uma mulher tão bela é interessante.

 

-Nossa quantos elogios. Não mereço tanto.

 

-Merece muito mais.

 

Jantaram e se deliciaram com o champanhe. Porém com moderação. Nenhum dos dois queria ficar bêbados. Logo Sasuke pagou a conta com seu cartão de crédito ilimitado, e saíram a fim de se divertirem mais. Dessa vez a rosada que tomou a direção do carro por insistência do moreno.

 

-Quero ver se sabe dirigir mesmo! -Ele a provoca.

 

-Ah é? -Ela tô. -Me de as chaves então! -Estendeu a mão e o moreno lhe entregou o que pedira.

 

A rosada adentra o veículo e após ambos colocarem o cinto, retira o carro da vaga e logo do estacionamento com muita habilidade. Depois o moreno lhe deu as coordenadas de onde iriam.

 

-Você entra a direita, dai tem um contorno, depois de fazê-lo é só seguir reto. -Ele explica.

 

-Entendi. -Falou sem tirar os olhos da estrada.

 

Após mais alguns minutos eles chegaram no Genius Tokyo. A rosada escolheu uma vaga e estacionou. Retiraram os cintos e desceram. 

 

-Genius Tokyo é? -Ela o olhou de soslaio.

 

-Hai! Gosto muito daqui.

 

-Deve ser muito divertido. -Falou apreensiva.

 

-Vamos? -Ele sem perceber entrelaça seus dedos aos dela.

 

-Va-Vamos. -Respondeu tímida.

 

-Está se divertindo? -Ele indagou.

 

-Hai! Muito! -Ela sorriu. -Arigato!

 

Adentraram o local e logo foram alvo de muitos olhares. Afinal era Sasuke Uchiha. Filho do magnata Fugako Uchiha, um dos homens mais ricos do Japão. Depois se dirigiram até a área VIP e acomodaram-se. O moreno sentiu-se incomodado quando notou os olhares que lançavam na rosada, sentiu-se enciumado enquanto ela parecia nem se importar, mas gostou quando ele enlaçou sua cintura.

 

-Você chama tanta atenção... -Sussurou no ouvido dela. Apesar da música alta ela pode ouvir. -Você é tão linda. -Ela sentiu o rosto queimar.

 

-Não é para tanto. Você está exagerando. -Sorriu. -Não vi ninguém me olhando.

 

-Modesta. -Cantarolou.

 

-Mas é verdade. -Timidamente ela se solta do enlaço dele.

 

-Quer beber algo?

 

-Talvez um licor, mas só uma dose.

 

-Certo.

 

O garçom os serviram com uma dose de uísque e uma de licor aparentemente caro, na opinião de Sakura. Ela realmente estava se divertindo, Sasuke estava sendo um verdadeiro gentleman e ela estava gostando da companhia dele. Estava feliz por estarem se dando bem, apesar de não querer um relacionamento com o moreno naquele momento ela pensava num possível futuro ao lado dele.

 

-Se ele realmente quer como me disse. -Sussurrou para si mesma.

 

-Vamos dançar? -Ele a desperta de seus devaneios.

 

-Ah não sei dançar. -Ela sorriu.

 

-Claro que sabe! Já dançamos juntos lembra?

 

-Lógico que eu lembro. Você praticamente me roubou do Itachi-nii!

 

-Não roubei. Mas acho que fiquei enciumado.

 

-Eu e o Itachi-nii? -Ela riu. -O considero como um irmão mais velho!

 

-Mesmo assim!

 

-E você que ficou se esfregando naquela sareia!

 

-Ciúmes senhorita Haruno?

 

-Óbvio que não! -Revirou os olhos.

 

-Venha... vamos dançar, onegai... -Ele fez um beicinho e ela não resistiu. Se levantaram e caminharam até a enorme pista.

 

A música que tocava no momento era dançante e bem provocativa. Chantaje da Shakira feat. Malluma. Sakura mexia os quadris e a cintura conforme o ritmo e isso estava enlouquecendo o moreno. Ela rebolava e fazia caras e bocas de maneira bem sexy. Ela sabia que estava mexendo com ele e sorriu de canto ao contatar isso. Logo a música acabou e outra ainda mais sensual começou a tocar, Despacito de Luis Fonsi feat. Daddy Yankee. Ele novamente enlaça a cintura dela, e para provocar mais a rosada envolve o pescoço do moreno com seus braços e continuam dançando, dessa vez mais próximos, bem mais próximos. A letra da música assim como o ritmo é bem sexy e todos os casais estavam da mesma forma: dançando de maneira sensual com os corpos colados.

 

 

 Tú, tú eres el imán y yo soy el metal Me voy acercando y voy armando el plan Solo con pensarlo se acelera el pulso (oh yeah)

Ya, ya me está gustando más de lo normal Todos mis sentidos van pidiendo más Esto hay que tomarlo sin ningún apuro  

Despacito Quiero respirar tu cuello despacito Deja que te diga cosas al oido Para que te acuerdes si no estás conmigo  

Despacito Quiero desnudarte a besos despacito Firmo en las paredes de tu laberinto Y hacer de tu cuerpo todo un manuscrito

 

As mãos do Uchiha percorriam as laterais do corpo de Sakura. E ela estava gostando, parece que o champanhe e o licor estavam surtindo algum efeito nela. Estava mais corajosa e mais provocativa. Mordia o lábio inferior a todo momento só para atiçar o moreno. Após alguns minutos a música acabou e outra começara a tocar. Thinking Out Loud de Ed Sheeran. Uma música mais lenta e tranquila. Ela depositou as mãos nos ombros dele e afundou o rosto de peito dele. Ele inalou o maravilhoso odor de cereja que vinha das madeixas róseas e depositou um beijo calmo na cabeleireira. Ela sorriu.

Quando a música acabou a rosada foi até o banheiro, e Sasuke a acompanhou e esperou por ela ao lado da fila de mulheres que também aguardavam sua vez. Enquanto aguardava sentiu alguém tocando seu ombro. Quando se virou para olhar fitou dois obres castanhos. Ela pareceu familiar.

 

****

 

-Testuda? Você aqui?

 

-Porquinha-chan!

 

-Está com o Sasuke?

 

-Lie. Com o príncipe da Inglaterra! -Ino revirou os olhos.

 

-Baka!

 

-Se eu iria sair com ele! Com quem mais eu poderia estar?

 

-Baka mesmo assim! Mas me fala, como ele está sê portando? -Ino fala enquanto retocava a maquiagem.

 

-Muito bem. Tirando as investidas dele -Ela sorriu maliciosa e Ino estreitou os olhos. -Calma! Não fizemos nada!

 

-Nada? Nenhum beijinho?

 

-Lie!

 

-Muito bem! Me orgulhe e massacre ele! -A rosada anuiu.

 

-Depois fomos ao Aragawa-

 

-ARAGAWA? -Ino a interrompe. -É o mais caro do mundo! Você arrasou testuda!

 

-De fato o lugar é lindo e muito chique. Até fiquei com vergonha.

 

-Nande? -A loira estreita as sobrancelhas.

 

-Por que todas as mulheres estavam bem vestidas com vestidos longos e aparentemente muito caros.

 

-Bobagem! Você está e é linda! Espero que o Sasuke mude mesmo! Ou eu mesma soco o belo rostinho dele. -Ela riu. -Agora venha cá para retocarmos essa maquiagem! -Sakura sorriu. Como essa Yamanaka é doida.

 

****

 

-Sasuke Uchiha! -A mulher exclamou.

 

-Sim sou eu. E você? -Ele realmente não se lembrava.

 

-Nossa já se esqueceu de mim? -Ele estreitou as sobrancelhas. -Nos conhecemos ontem lá no cassino. Katy lembra? -Lhe estendeu a mão em cumprimento.

 

-Ah sim... agora me lembro. Como vai? -Perguntou apenas por educação.

 

-Estava bem, mas acho que estou muito melhor agora... Está sozinho aqui? -Ela indagou se aproximando dele.

 

-Lie.

 

-Está com amigos?

 

-Lie... estou-

 

-Olha quem eu encontrei perdida! -Sakura surge de braços dados com Ino.

 

-Yo Sasuke-chato-kun! -A loira sorri.

 

-Yo porquinha-chan!

 

-Baka! -Ela bate no braço dele.

 

-Ino! Doeu! -Alisou o braço atingido pela loira. -Ah sim... essa é a Katy. -Apontou para morena. Nos vimos ontem lá no cassino. -Sakura não gostou nada da menção daquele lugar, e gostou menos ainda dessa tal Katy. Mas como recebeu uma boa educação, assim como Ino a cumprimentou. -E essas são Sakura e Ino!

 

-É um prazer! -A morena forçou um sorriso, e foi retribuída com sorrisos da Haruno e da Yamanaka.

 

-Então... vocês já estão indo? -Ino indaga.

 

-Você que ir para casa agora? -Sasuke fez a pergunta a Sakura. -Se quiser nós vamos.

 

-Desde quando ela se manda? -Ino indagou divertida. -Ela não vai agora! Não agora que nos encontramos.

 

-Ah Ino! -A rosada riu. -Está certo então. Ficamos mais um pouco.

 

-Então vamos logo por que deixei o Sai sozinho!

 

-Katy, você quer vir conosco? -A rosada pergunta por educação.

 

-Se não for atrapalhar... eu ainda estou me adaptando a cidade e aos lugares. Arigato. -Falou sem tirar os olhos do Uchiha, e Sakura não gostou nada, nada.

 

Sasuke segurou na mão da Haruno e logo atras de Ino voltaram para a área VIP. Katy, como havia dito os seguiu até lá. Cumprimentaram Sai e se acomodaram. Sakura se sentou ao lado de Sasuke, e Katy muito provocativa sentou-se do outro lado do Uchiha. Porém ele parecia não dar bola pra ela, estava ocupado demais conversando com "sua quase" rosada. Até que a morena não se conteve e indagou:

 

-Vocês são namorados?

 

-Lie. -Sakura apressou-se em responder. -Somos... somos amigos! Não é mesmo Sasuke-kun?! -Deu leves tapinhas na perna dele.

 

-Por enquanto. -O moreno sussurrou no ouvido dela e Ino soltou um risinho ao ver a  amiga enrubescendo.

 

-Entendo. -Katy sorriu de canto.

 

-O que houve Sasa? -Ino tenta não rir.

 

-Calada! -A rosada gesticula algo com as mãos. -Estou perfeitamente bem!

 

-Você voltará à Tōkyō Daigaku* na segunda?

 

-Se Deus quiser sim! 

 

-Vocês estudam na Tōkyō Daigaku? -Katy indaga.

 

-Hai! Todos nós! -Ino responde apontando para si e para os outros três. -Nande?

 

-Por que justamente na segunda eu começo lá. Vou fazer arquitetura. -Imediatamente Ino e Sakura trocam olhares. Kuso! Ela tinha que cursar arquitetura?

 

-A Sakura também! Nossa futura arquiteta! -Sasuke fala.

 

-Estou revendo meus conceitos. Talvez não faça arquitetura mais. -A rosada fala sem perceber. Ino não se aguentou e afundou o rosto no pescoço de Sai para poder rir. -Talvez eu faça engenharia civil!

 

-Então faça economia para poder te ver em todas as aulas. -O Uchiha sussurra no ouvido dela.

 

-A tá! Já estou fazendo! Economia não é muito interessante pra mim! Assim como sei que você jamais faria arquitetura ou engenharia.

 

-De fato! -Ele anuiu e ela revirou os olhos com um sorriso sarcástico nos lábios.

 

 

Após mais algum tempo a morena despediu-se, mas antes de ir embora ela deu seu número a Sasuke mesmo sem ele ter pedido. Sakura olhou para Ino e ambas reviraram os olhos.

 

-Eu acho que foi essa "zinha" aí que vimos lá no cassino conversando com o Sasuke. Lembra que te contei isso? -Ino sussurra para Sakura.

 

-Me lembro sim... então foi ela não é. Achei desnecessário o Sasuke ter pego o número dela... mas infelizmente não posso falar nada.

 

-Está com ciúmes Sakura-chan?

 

-Claro que não! -Ela estreita as sobrancelhas.

 

-Ele só pegou por educação! E você não pode negar que esse baka esta se comportando muito bem com você! -Sakura anuiu.

 

-Isso é verdade.

 

-Vamos? -Sasuke, que antes conversava com Sai, se fez presente.

 

-Vamos sim. -A rosada consente. -Ja ne! E vê se não vai chegar em casa de manhã hein senhorita Yamanaka! -Abraçou a loira, que revirou os olhos pelo seu comentário sarcástico, e despediu-se de Sai com um aperto de mãos. Após as despedidas eles rumaram até o estacionamento e seguiram para casa. A viagem até a mansão fora tranquila. Eles conversaram bastante sobre gostos e preferenciais, hobbies, musica, sobre quando eram crianças e só se deram conta que já haviam chegado quando Sasuke adentrou a rua de sua casa. Esperou o portão se abrir, entrou e guardou o carro na enorme garagem. Desceram e adentraram a casa. Sakura fora até a cozinha e serviu com um copo de água gelada, Sasuke também quis. Depois ambos subiram as escadas dirigindo-se até os quartos.

 

-Sakura. -O moreno segurou na mão dela. -Foi uma ótima noite. Arigato.

 

-Eu que agradeço, de verdade, me diverti bastante! -Ela sorriu.

 

-Fico feliz. Espero que possamos sair mais vezes.

 

-Talvez sim... por que não... Agora eu vou me deitar, estou cansada. Boa noite.

 

Ela tentou se desvencilhar, mas não queria. Sasuke pousou às mãos esobre a face corada dela e selou suas bocas com um beijo calmo e terno. Não como os de antes que apenas tinha desejo r volúpia. Esse estava cheio de amor e carinho. Sakura pôs as mãos nos ombros dele enquanto o mesmo a puxava para mais perto de si.


Notas Finais


Explicações.

Taiyaky:
Apesar do formato de peixe, o Taiyaki é um bolinho doce feito com uma massa similar à panqueca americana, que leva farinha, ovos, açúcar, leite e manteiga. Ele é assado em uma forma com molde de peixe até dourar e normalmente é servido em barracas pelas ruas do Japão.

Aragawa:
O restaurante Aragawa é um dos restaurantes mais famosos e conhecidos a nível mundial. Fica situado no distrito de Shinbashi na cidade de Tóquio. No seu género, trata-se do rei dos restaurantes no que aos preços e ao luxo se refere. Cada refeição individual custa aproximadamente 270 Euros/687 Reais, e a verdade é que existem outros programas mais acessíveis. Contudo, se estiver desafogado a nível de finanças trata-se de uma óptima opção.
Por outro lado, o restaurante Aragawa também pode ser nomeado por todos os que queiram remediar alguma asneira que tenham cometido e queiram compensar a sua namorada, levando-a ao restaurante mais caro do mundo! Pelo luxo que apresenta é desculpado de certeza!
No geral, o Aragawa é considerado o restaurante ideal para todos os apreciadores de carne. O seu bife é servido apenas com pimenta e mostarda e é um dos bifes mais reputados de todos os restaurantes do mundo.

Boërl & Kroff Brut :
Para aqueles que realmente estejam com vontade de esbanjar dinheiro, uma garrafa Midas de 30 litros deste Champagne está disponível atualmente por £71.856.


A Universidade de Tóquio: (Tōkyō Daigaku, abreviado como Tōdai) é considerada a mais prestigiada universidade japonesa. Possui cinco campi: em Hongo, Komaba, Kashiwa, Shirokanedai e Nakano, 10 faculdadese 11 institutos de pesquisa, com um total de cerca de 29 000 alunos, 2 700 dos quais estrangeiros. É a 21ª melhor universidade do mundo.

E aí gente?? Gostaram?? Espero que sim!! Sasuke está se esforçando não é mesmo?? E essa Katy?? Não estou gostando muito dela!! E esse beijo deles!! Gente eu precisei fazer com que esse beijo acontecesse!! Porque pelo menos pra mim iria ficar estranho eles sairem e se esfregarem (rsrs) na hora da dança e não rolar nada no fim da noite. No que será que vai resultar?? Só no próximo capítulo para sabermos!! Comentem tá?! Bjs!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...