História Minha nova escola {Jikook} - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jeon Jungkook, Jikook, Jimin, Jungkook, Park Jimin
Visualizações 450
Palavras 1.003
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Lemon, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura!💕

Capítulo 33 - 🤛🏻Capitulo 33🤜🏻


Fanfic / Fanfiction Minha nova escola {Jikook} - Capítulo 33 - 🤛🏻Capitulo 33🤜🏻

Jihoon on 

Logo que eu subi para o quarto com a minha avó e o Taehyung, eu não tive duvidas de que minha omma iria bater nela! Mas ela logo saiu de casa e eu não vi nada de mais ali - Por que não bateu nela,omma? Tirou os cabelos dela nas unhas -Todos riram na forma em que eu falei -Não vale a pena, filho! Mas enfim, vamos aproveitar sua festa tá? -Ele me deu um beijo na bochecha e nós continuamos a festa como se nada estivesse acontecido

Minha avó logo foi embora, o Taehyung também, nós arrumamos tudo e fomos todos dormi já que estávamos cansados 

Jungkook on 

Durante essa noite eu percebi que o Jimin não estava dormindo direito, ele estava revirando na cama a noite inteira, e pelo o que eu conheço ele está agoniado com alguma coisa 

- Tem alguma coisa te incomodando? -Coloco minhas mãos em seu rosto e sinto molhado de lágrimas -O que foi meu amor? 

-Eu fico chateado, pois a gente faz uma festinha toda linda para o nosso filho, faz tudo dar certo, mas vem alguém e atrapalha..Nada ocorreu como o Jihoon queria -ele me respondeu chorando e eu o abracei -Ele nem está lembrando disso, ele está feliz por tudo que você organizou para ele, e sobre a Mia ele nem se importa! Ela não estragou a sua festa, ele estava feliz! Não se preocupe -conseguir arrancar um sorriso dele e logo dormimos 

Logo que meu despertador tocou o Jimin não estava mais na cama,provavelmente estava arrumando o café, então fiz minhas higienes matinais e desci, somente o Jimin estava na cozinha -Cadê as crianças? -Fui até ele -Estão tomando banho mais daqui a pouco vão descer -sorriu 

-Você esta melhor? -sento no sofá esperando a sua resposta -Tô sim..Jeon,você sabe onde a Mia está morando? -eu concordei com a cabeça - Ela me mandou uma mensagem com a localização semana passada! Mas para que você quer saber?

-Nada! -Ele se senta do meu lado -Só para saber se é longe daqui -ele sorriu se sentando ao meu lado -Jimin..você ta aprontando al.. - ele me interrompe -Não é nada não meu amor, eu prometo -ele me dá um beijo - As crianças vão demorar no banho? 

-Não sei..Acho que sim! -sorrio -Então temos um tempinho a sós - Levanto,pego o Jimin e o coloco sentado em cima do balcão da cozinha e começo um beijo calmo que vai ficando cada vez mais intenso,eu precisava fazer aquilo para acalmar o Jimin, durante o beijo eu coloquei minhas mão nas coxas do Jimin acariciando cada parte enquanto ele colocou suas mãos por dentro da minha camisa por cima do meu peitoral, mas infelizmente ouvimos o barulho da porta abrindo e tivemos que parar 

-Bom dia appa -O Jihoon desceu já com seu uniforme -Bom dia -Respondi sorrindo para o pequeno 

As crianças desceram,tomaram seu café e eu fui para a empresa já que o Jimin ia deixar as crianças na escola e depois iria 

Jimin on 

Assim que deixei as crianças na escola fui para empresa e fui diretamente para a sala do Taehyung 

-Tae,preciso de um favor seu! Pegue o celular do Jungkook para mim,por favor! Não deixe ele ver 

-Ta! Mas para que isso, Chim? Ta aprontando né? 

-Depois eu te explico! Apenas pegue o celular dele - ele murmurou um "ata" e eu fui para a minha sala 

Depois de uns 20 minutos o Taehyung apareceu na minha sala e tirou o celular do Jungkook do bolso -Tome! Mas cuidado, ele ta desesperado atrás -rimos e ele me entregou o celular - O que tu vai aprontar, Park? 

-Vou na casa da Mia! Vou acabar com aquela vagabunda,ela vai se arrepender de ter nascido -Tae fez uma cara assustado -Bixa agressiva 

-Eu preciso que você fique com as crianças! Vai ser rápido -Pego o celular do Jungkook copiando a localização que a Mia tinha mandando para ele e mando para o meu número e logo apago a mensagem para ele não desconfiar de nada enquanto o Tae estava na porta -Pronto! Pode devolver para ele -entrego o celular para o Taehyung que me desejou boa sorte ao sair de lá 

As horas passaram correndo, e quando deu o horário de buscar as crianças eu busquei elas e as deixei na casa do Tae 

-Daqui a pouco eu busco vocês! -Disse dando um beijo em casa um -Omma,onde você vai? -Jihoon perguntou preocupado- Resolver problemas filho, obedeça seu tio Tae que daqui a pouco eu busco vocês 

Entrei no carro e coloquei a localização no meu celular e  fui até a casa dele,era uma casa normal, bonita até e eu espero que ela esteja em casa! Eu entrei pelo o corredor que dava até a porta e toquei a campainha e logo a porta foi aberta -Surpresa, Mia! - a mesma fez uma cara de assustada -Jimin? Sai da minha casa -Ela tentou fechar a porta mais foi em vão então eu entrei -Vim aqui para fazer você se arrepender de ter nascido! Você nunca mais vai aparecer na minha casa para mexer com a minha família -Dei um tapa em sua cara -Ai..Me desculpe! Eu não vou mais em sua casa - a mesma já estava chorando -Calma! Eu nem comecei -ri 

Eu dava tantos tapas naquela cara dela que ficou mais feia do que já era,a mesma não tinha reação nem para gritar - Você tem sorte de eu não querer te matar! Apareça na porta da minha casa mais uma vez que você vai conhecer o inferno! Ta me ouvido -Coloquei ele encostada na parece colocando minhas mãos em volta de seu pescoço meio que a enforcado -ME OUVIU PORRA? - dei mais um tapa nela -sim! - eu a joguei no chão e sai dali indo até a casa do Tae,minhas mãos estavam doendo do tanto que eu bati nela, mas eu estava feliz por dentro! 

Passei na casa do Taehyung, busquei as crianças e fui para casa 





Notas Finais


Desculpem os erros!💕
Obrigada pelos 100 favoritos, eu amo muito vocês e estou bem feliz com isso :-)
A pedidos de vocês, Jimin arrebentou a Mia🌚
Até amanhã docinhos❣


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...