História Minha nova irmã (Norminah , G!P) - Capítulo 118


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camren, Dinah, Normani, Normimah, Siope, Trolly, Veronica Iglesias, Zandaya
Visualizações 578
Palavras 3.302
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Mistério, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Intersexualidade (G!P), Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi

Capítulo 118 - Cabello vs Jauregui


Fanfic / Fanfiction Minha nova irmã (Norminah , G!P) - Capítulo 118 - Cabello vs Jauregui


Dinah Jane.


-Amor , não fica brava - eu andava atrás de Normani , que entrava pela porta dos fundos , bufando irritada e extremamente teimosa. Eu tinha estacionado o carro , por isso entramos pelos fundos.

-Como você não quer que eu fique? Ele sorriu para você como um galã das novelas mexicanas que a Ally vê, Dinah! - Normani para no meio da cozinha para discutir comigo - Ele disse que "adorou a noite de vocês" e que você foi "incrível". Isso é sinal que o quê? Você realmente me traiu - ela se senta no balcão , encostando a cabeça ali e tapando com os braços - Por que você fez isso com a gente? 

-Ai Normani , eu que deveria chorar , sinceramente meu anjo - encosto a mão em seu ombro - Nem parece que somos casadas a dez ano , fora mais dois anos de namoro que tivemos dando inicio dezenove anos atrás , mas que foi interrompido nos afastando por conta de faculdade. São quase doze anos juntas e estamos pior do que quando a gente namorava e eu sentia ciúmes nas meninas e dos meninos que queriam ficar com você. Confia em mim , por favor? - junto as mãos fazendo um biquinho. 

-Dinah... - ela levanta a cabeça para me olhar - Eu estou tentando confiar em você , sinceramente , mas está impossível com esse projeto de atleta rondando a gente. Isso , de certa forma , me deixa mal , porque eu sei que eu trabalho demais e não te dou muita atenção as vezes , aí eu acredito que você vai procurar na rua...- ela pausa limpando mais algumas lágrimas

-Que eu vou procurar na rua...? - peço para continuar. 

-O que você não tem em casa - ela sussurra a última parte chateada.

-Mani , não fica assim - beijo sua bochecha - Da próxima vez que eu encontrar ele...

-O quê? Você tem outro encontro marcado com ele? - Normani se levanta bruscamente , me encarando incrédula - Okay , você que sabe. - ela passa a porta me fazendo ir atrás dela , mas quando a gente chega na sala...- Que feio , gente! Escutando a conversa - Normani muda de assunto rindo , só para fingir nada aconteceu. Ela tinha essa mania igual a Ally. 

Geminianos! - penso bufando estressada e me direcionando para um canto longe de Normani , que tinha ido para o canto oposto da sala.

-Troyzinho! -Shawn se apróxima do loiro , que estava sentado no sofá ao lado de Jade. 

-Não , Shawn! - O loiro se levanta rápido , se afastando do vesguinho . 

-Eita , gente! O que está havendo? - Verônica para de ler seu livro para prestar a atenção naquela conversa. 

-O que houve? Eles me chamaram para jogar futebol com os amigos dele e...

-Esses viados nem me chamam - corto Troy , fazendo uma observação com uma cara brava - Eles sabem que eu adoro bater uma bolinha e...- pauso por conta dos olhares maliciosos que todos na sala haviam me lançado - Ah , vão à merda , gente! Não dá nem para falar um troço sério , que vocês já malíciam. 

-Não falamos nada - disse Harry rindo da minha cara. 

-Mas pensaram - eu dou língua.

-Pensamos , pode ter certeza que pensamos -Lauren afirma rindo ao lado de Jessy. 

-Então pronto! Ainda bem que as crianças não estão na sala. -agradeço aos céus. 

-A Leigh , o Liam e o Zayn são adultos , bem adutos e já ...

-Chega! - Normani e eu gritamos para Niall parar. O loirinho ri negando envergonhado. 

-Aí continuando...- Troy volta a contar a história - O Nick , o Shawn e os amigos dele , ficavam se aproveitando de mim , só porque eu não tenho maldade nisso - ele termina nos fazendo rir e Ally vai até ele o abraçar em solidariedade. 

-Por favor Troyzinho - Shawn insiste.

-Não! Eu disse que não estou preparado ainda - o loiro continua negando.

-Porra viado! Você já não está pronto já tem dez anos. Faz que nem a Ally e libera logo meu filho. Você acha mesmo que ela está a dez anos sem dar? Ela , com esse fogo que passa a cabeça , já deve ter dado umas sem vezes só esse ano - Nick fala óbvio. 

-É , faz que nem eu...- Ally confirma - Espera aí! Eu nunca fiz isso , é mentira - Ally se defende e todos seguram a risada - É sério

-Uhum...senta lá Allyson Brooke Hernandez - Camila se levanta indo até a amiga e dando um tapinha no ombro dela. Depois ela volta ao seu lugar.

-Eu juro - Ally insiste .

-Só tem uma pessoa que pode responder essa pergunta...- Jade pausa.

-E aí , pessoal! Tudo bem? - Perrie chega entrando animada. 

-Oi , linda - Louis chega ao lado dela perto da porta lhe abraçando. 

-Ele está doente? - Perrie aponta para Louis com uma cara estranha. 

-Está! Todos eles estão com uma doença horrível - Ally mente se aproximando dela e batendo em Louis - Tira a mão daí - ela esbraveja para o menino , que começa a rir.

-Papis , aqui ela me batendo - Louis faz queixa para Shawn e Nick , que o abraçam. 

-Calma , filho. -Nick faz um carinho na cabeça do menino - Depois a gente bate nessa anã da Branca de Neve. - ele dá língua para Ally , que revira os olhos. 

-Querido , eu não sou anã da Branca de Neve , pois eu sou a própria Branca de neve - Ally beija o próprio ombro. 

-A Verônica é a Rainha Má- Lauren caçoa da amiga rindo.

-Vai tomar no cu , Malévola. - Vero bate na cabeça da Lauren , que agora estava emburrada. - É para implicar? Implica direito querida.  Perrie , conta para tia quando foi sua última vez. 

-Ah , foi ontem - a menina responde simples  , sem maldade nem uma . Todos já direcionam olhares maldosos para Ally. 

-E foi com quem ? - Shawn pergunta na lata , sem dar rodeios algum.

-Ah , foi com a ...

-Não! - Ally tapa a boca da menina - Se você falar...- ela cochicha algumas coisas no ouvido da menina , que assente e depois não fala mais nada.

-Assim você está se entregando , Ally - Camila fala rindo

-Nada disso - Ally nega com o dedinho - Eu disse que se ela contasse...- Ally pausa para pensar - Se ela contasse , eu não daria cookie para ela. 

-É , eu sei bem qual é o "Coo ki" tu vai dar para ela - Harry solta , em seguida assobiando e fingindo que não era com ele. 

-Me respeita , menino - Ally esbraveja. 

-Deixem elas , gente. Pelo menos elas fazem pessoalmente - Normani diz sem um pingo de humor, lá do outro canto da sala. 

-Isso não é culpa minha , ô Mulher  Super Trabalho - me defendo na cadeira do piano , que ficava no outro canto da sala. 

-Espera! Agora eu me perdi - Perrie coça os fios loiros confusa. 

-Isso só pode ter dois significados. Um : É piolho. Dois : Você é loira - Harry caçoa da amiga , mas logo corre para trás de Louis , pois Perrie estava se levantando para bater nele - Nem mais um passo , mulher das cavernas!  Sua grossa! Brutamontes! Você anda sem Fair Play nem um , heim! 

-Mas espera! Você achar que ela é burra por ser loira , você automaticamente está se referindo a todas as outras loiras dessa sala como burras - eu me levanto irritada com aquele comentário.

-Ô , calma! Você e a tia Ally não contam , vocês são de farmácia. Sem agressão , tia. 

-Harry , agora eu me sinto ofendida duas vezes. Melhor loira de farmácia , do que leão da montanha - Ally nos defende e afirmamos. 

-Isso é um elogio - o garoto joga os cachos , agora maiores.

-Mas não foi um elogio. Você é um leão depilado que nem leão é. Você é um gato indefeso. - Jade ri da reação do menino.

-Eu sou loiro natural , isso me torna burro? - Niall acaba se confundindo e confundindo a todos nós. 

-Acho que nem uma pessoa loira é burra , o Harry que é ignorante e idiota - Lauren diz sincera. 

-Uwooo! - todos falamos juntos. 

-Nossa , Jauregui! Achei que gostasse de mim - Harry coloca a mão no coração como se estivesse ofendido - O que mais me surpreende , é saber que os papis , a minha irmãzinha e o Lou estão nesse complô contra mim. 

-Desculpe querido , você é idiota - Louis coloca a mão no ombro de Harry num ato solidário , mas Harry sai de perto dele bufando irritado. 

-Maninho , eu sou loira e você me ofendeu , Goku dos infernos! - Jade fala bem séria , lhe virando as costas. 

-Harry , não tem jeito, você é um bosta , aceite - Lauren manda um coração com as mãos para Harry - Gente , eu sei como resolver o probleminha de vocês - Lauren anda até sua bolsa , que estava em cima do piano e tira um cartãozinho de dentro dela , logo em seguida me entregando - Aqui. - ela me dá e eu fico analisando aquilo intrigada.

-Tem certeza que isso vai ajudar? - pergunto sem tirar os olhos do cartão customizado. Nele estava escrito "Terapias para casais" 

-Tenho! - confirma a dos olhos verdes convicta - Quando a Camz e eu estávamos naquela crise horrível , isso nos ajudou bastante - Lauren se senta ao meu lado e Camila vem se sentando em seu colo.

-É bom mesmo. Eu amadureci bastante depois disso - conclui Camila recebendo uma afirmação de Lauren , que concordava. 

-Interessante...- Normani vem ao meu lado e se ajoelha analisando o cartão - Pode funcionar. 

-Pode mesmo , mas deveria ter um para sogras. Lembram do quase barraco no casamento da Dinah e da Normani, entre a tia Sinu e a tia Clara? - Troy relembra rindo e afirmamos rindo junto com o mesmo - Só melhor do que essa briga é Ferrer vs Hansen. 

-Nem fala desse capeta , por que senão, ela aparece de novo e já tem uns bons...-pauso para pensar - Dias que eu não bato em alguém. Da última vez , eu não bati nela , mas se ela se meter com o meu casamento mais uma vez , eu vou quebrar a cara dela. 

-Dinah , deixa a Alexa. Ela está no Brasil , o pai dela morreu e ela ficou com tudo , está maravilhosa , entendeu? Deixa ela quietinha - Normani fala com calma sem perceber o que tinha falado. Ela só se lembrou da merda , quando ela estava feita. Eu a olho bem séria , com uma cara tipo : "Explica ou morre". - Ops! - ela exclama batendo em sua testa. 

-Vem cá. Como é que a senhora sabe? - cruzo os braços brava. 

-Redes sociais - Verônica responde tomando um tapa de Troy na nuca - Aí! - ela acaricia o local.

-Verônica! - Troy e Lauren chamam sua atenção. Aqueles  dois sabiam já , está nítido. 

-Vamos logo para o Flashback , que eu já estou toda fodida. - Normani pede desesperada. 


Flashback - Narradora. 

A cerimônia do casamento das Hansen havia sido lindo. Arrancando lágrimas de todos os convidados , Dinah e Normani enfim casadas estavam na festa recebendo vários parabéns dos convidados. 

Sinu Cabello estava na festa e de longe via Clara Jauregui com sua filha , Lauren. Clara também já tinha lhe visto e sua expreasão não era nada boa. As duas possuíam uma richa pesada desde a adolescência. Mas esperem! Para entender melhor isso , seria necessario um outro flashback para os anos 70 , então vou resumir.

Sinu e Clara eram melhores amigas. Até que um dia , ambas roubaram , isso mesmo, roubaram o namorado uma da outra e iniciaram uma briga terrível , a pior do ginasio. Até então , uma não vai com a cara da outra. Sabem o termo "Toma Lá Dá Cá"? Então...Sinu era namorada de Micheal , pai da Lauren , da Taylor e do Chris. E Clara namorava Alejandro , pai de Camila e Sofia Cabello. 

:-Karla , não me obrigue a falar com aquela senhora. Eu não gosto dela - Sinu sussurra para Camila , que lhe segurava pelo braço , a puxando e a obrigando a ir falar com Clara. 

:-Mãe , problema é de vocês. Façam ao menor por Lauren e eu. Sorria e finja está se divertindo - Camila passa todas as ordens a mãe e se apróxima de Lauren com sua mãe - Olá senhorita Jauregui - Camila fala tímida. 

:-Camila , querida. - Clara abraça Camila - Sem formalidades , eu te imploro. Só Clara. Como você está linda , aposto que você e Sofia puxaram ao Alejandro. - Clara já solta a primeira farpa , fazendo Camila corar e Sinu revirar os olhos com tamanha hipocrisia da parte da Jauregui mais velha. Lauren percebendo o clima ruim , resolve cortar pela raiz. 

:-Olá senhorita Sinu

-. É um prazer revê-la , Lauren. - Sinu aperta a mão da garota , dando-lhe um beijinho no rosto - Você também é muito bonita , minha filha tem bom-gosto. É educada , Michael realmente soube educar seus filhos divinamente. - Sinu passa a mão no rosto de Lauren.

:-Sinu...- Clara a olha com certa repulsa e raiva. - Quanto tempo! 

:-Clara...- Sinu rebate o olhar - Realmente muito tempo! Lembro-me que da última vez que conversamos decente , você roubou meu namorado. 

Lauren e Camila se olham nervosas , totalmente preocupadas com o que podia sair daquela conversa toda. Elas se praguejavam por terem obrigado um certo tipo de diálogo entre suas mães

:-Realmente! Foi quando Michael se encantou com a minha belaza e viu que realmente poderia arranjar coisa muito melhor. O que mais me surpreende , é o fato de Sofi e Camila serem tão educadas e lindas , coisas das quais realmente não veio de você.

:-O quê? - Sinu dá um passo perguntando - Eres una idiota! - Sinu xinga ela brava

:-Mamá , quédete tranquila , por favor! - Camila pede para ela ficar calma e ela assente.

:-Deixa ela , Camilita. Agora você pode ver quem realmente é sua mãe , sem classe e sem respeito. - Clara diz desdenhosa - Ainda é ladra de namorados. - completa. 

:-Mãe , a senhora também fique quietinha em nome de Jesus. - Lauren tenta tranquilizar a situação.

:-Eu não roubei homem de ninguém , você que viu o meu e roubou primeiro. Sua ladra! - Sinu dá mais um passo e Clara também , ficando frente à frente. 

:-Mães , mães , mães! Acalmem-se , pelo amor de Deus! Olha , eu não estou brigando nem por mulher , o que dirá por homem - Lauren dá de ombros e Camila solta um risinho baixo. 

:-A Lolo está certa. Mãe , o papai foi embora quando a Sofi era pequena e nunca mais voltou , ele não prestava. Interessa mesmo quem "roubou" o homem de quem? - pergou Camila. 

:-Isso mesmo , Camz! O papai morreu e só ficou a gente. Ficar mexendo no passado agora e besteira. - Lauren concorda com sua namorada. 

:-Ela é cobra! - diz Sinu

:-E ela é falsa! - Clara rebate

Ambas se apróximavam mais com fúria e desejo de vingança.


:-É errado Shippar? - De longe , Verônica , que acompanhava a história , pergunta a Keana. 

:-Amorzinho , você já está bêbada não é? - Keana pergunta tentando arrancar a taça com o líquido alcóolico da mão da sua namorada. 

:-Estou bêbada de tesão por você , sua gostosa -.Verônica fala alto despertando alguns olhares curiosos.

:-É , estou vendo que vou ter que te arrastar para casa no colo - Keana nega rindo do estado da menina.

:-Isso! E depois tu me taca na cama e...

:-Shi...- Keana coloca o indicador sobre os lábios da garota - Fale mais baixo. 

:-Okay , mas se eu jogar essa bebida no meu corpo e a gente for lá para trás , você me lambe? - Verônica pergunta ameaçando jogar a bebida dentro da sua roupa. 

:-Vero , segura a onda. A festa acabou de começar e você já está assim? Você é uma das madrinhas , tem que aquietar o facho. 

:-Tá bom , mãe! Vem dançar .

:-Não. Espera o barraco ali acabar , está cada vez mais interessante - Keana diz atenta aos movimentos na rodinha ali e Vero assente prestando atenção também


:-Gente , vamos acalmar aqui! Vocês não querem estragar o casamento das meninas , não é? - Camila pergunta e elas negam. 

:-Então pronto! Se arrumarem barraco aqui , no nosso casamento nem uma das duas vai , heim! Agora sentem nessa mesa agora e comecem um bom papo amigável , isso se vocês quiserem ficar no altar do nosso casamento , porque senão , vocês vão ficar lá atrás , na última fileira. Agora andem! - Lauren bate palma - Sentem lá agora - ela aponta para duas cadeira e as mães sentam bufando frustrada. 

:-Essa é a minha Lolo - Camila abraça a namorada , colocando a mão na nuca dela. 

:-Sua Lolo - Lauren afirma colocando as mãos na cintura da namorada , para as duas iniciarem um beijo. 

A festa toda as duas mães ficaram se alfinetando , quase que saíram no tapa uma segunda vez. Mas bastou taças e mais taças , que as duas viraram amigas rapidinho. O susto maior , foi quando Camila e Lauren viram as duas dando um selinho , mas elas só riram , pois não lembrariam de nada na manhã seguinte.

Fim do Flashback.


Hope. 

-Allycia , tem certeza de que está bem para ir a escola hoje? Olha , eu posso ir e pegar a matéria para você. O Bryce e eu te ensinaremos tudo. - digo enquanto descia as escadas já pronta , sendo seguida pela minha amiga , que também estava pronta.

-Tenho Hope , vai ficar tudo bem - ela diz tentando me passar segurança de que tudo iria ficar bem. 

-Okay. Mas você vai me mostrar quem fez aquilo com você? - pergunto e ela pensa um pouco , mas depois ela afirma vencida - Ótimo! Agora vamos na cozinha - eu digo me direcionando até o outro ambiente , sendo seguida por ela- Preciso pegar uma coisa. - digo abrindo a gaveta. 

-O quê? 

-O facão de cortar carne da minha mãe - pego o grande objeto pontudo e guardo em minha bolsa.

-Ou, ou ,ou! Pode parando aí! Bota isso de volta , Hops. Você quer matar a garota? É isso? - Allycia pergunta extremamente assustada e desesperada .

-Sinceramente? - pergunto e ela afirma - Eu quero sim matar ela - dou de ombros.

-Não Hope, não faz isso! - Allycia praticamente implora me fazendo rir. - Do que está rindo?- coloca as mãos na cintura irritadinha. 

-Ai , Lycia! Eu não iria esfaquear a menina - guardo o objeto pontudo na gaveta.

-Você é idiota- ela diz brava , me apontando o dedo. 

-Mas você me ama - abraço ela de lado.

-Amo mesmo , mas você não deixa de ser idiota - ela continua brava e eu acabo rindo novamente.

-Vamos baixinha , se não o Bryce vai matar a gente e hoje vamos com a mãe dele - ando ao lado dela. 

-Ui, vai com a sogra - ela implica comigo. 

-Idiota é você! - reviro os olhos lhe dando um tapa na cabeça. 

-Ai Hope, eu sou um bolinho sensível , não me bate. 

-Você agora é um bolinho amassado - saímos rindo de casa.


Notas Finais


Ai essas duas ❤
Melhor amizade


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...