História Minha Obsessão - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Michael Jackson
Tags Assassinato, Drama, Michael Jackson, Obsessão, Rei Do Pop, Romance, Transtorno
Exibições 25
Palavras 1.299
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


CHEGAYYYYY
Capítulo novo amores! Boa leitura :D

Capítulo 21 - O dia do casamento


Diana on

O dia do casamento havia chegado: Era hoje! E eu estava empolgadíssima, pois hoje será o dia da minha vitória! Finalmente me livrarei daquela asinha e terei de volta para mim o meu homem Eu já estava quase pronta para o casamento, ou melhor, o sequestro da noiva ridícula! Coloquei um vestido coladíssimo que me deixava ainda mais bonita, contornando todas as curvas do meu corpo, e o decote valorizava ainda mais os meus seios. Arrumei meu cabelo, passei uma maquiagem um pouco mais forte e um batom vermelho –adoro essa cor –E coloquei meu melhor salto. Liguei para Thales, pois iremos juntos. Mas antes, reforçarei a ele o que o mesmo deverá fazer.

Ligação on

  -Thales, já está pronto?

  -Estou terminando de me arrumar, Diana. Estou tentando dar o nó na minha gravata.

  -Assim que terminar de se arrumar, venha logo para cá. Você sabe que teremos que ir juntos, como se fossemos um casal!

  -Tá bom, estarei aí.

  -Não demore!

Ligação off

A verdade é que eu odeio prolongar as conversas por telefone. Prefiro um papo cara a cara, que é mil vezes melhor. Porque entre telefones, não posso jogar o charme que quero para a pessoa que desejo, e isso é totalmente sem graça.

Não fizeram nem ao menos cinco minutos e Thales já estava tocando a campainha. Corri para atende-lo.

  -Olá Diana, ou devo dizer... Amor. –ele foi irônico

  -Olá amor, entre antes que meus pés comecem a doer!

Ele adentrou o local e se sentou no sofá.

  -Teremos que combinar ainda mais esse caso. Como você pretende pegá-la sem que ninguém  veja você saindo?

  -Eu estava pensando em sequestrá-la enquanto ela estivesse se arrumando, na própria casa. Já que como são ricos, não precisariam sair para salões ou coisas assim. Devem com toda certeza, ter maquiadoras ou algo do tipo.

  -Muito bem, mas você acha que ela não irá tentar resistir? –eu ri

  -É por isso mesmo que vou precisar desmaiar a Verônica antes de trazê-la até você. Ela pode resistir, mas meus golpes acabarão com ela. –ele garantiu

  -Nossa como ele é confiante. –debochei  -É melhor você não falhar, Thales, aja com cuidado, porque eu não pensarei duas vezes em me livrar de você! –o ameacei

  -Que porra, Diana! Eu já sei disso e você sabe que não vai dar nada errado. –ele rebateu

  -E então, vamos? Te deixarei na porta da casa dela e vou para a igreja para que Michael não suspeite de nada. Depois, você sabe muito bem que terá que me encontrar no lugar que combinamos, certo?

  -Tudo bem, mas não precisa me deixar lá na casa dela. Estou de carro também, basta você me passar o endereço.

E assim aconteceu. Eu passei o endereço para Thales, que saiu logo em seguida.

Diana off

 

Thales on

Chegando a casa do Michael, eu toquei a campainha. Eu pretendia arrombar a porta, mas aí eu assustaria a Verônica e ela poderia usar alguma arma branca para se defender de mim. Fui atendido pela mesma, e tenho que admitir: Como o Michael é sortudo! Ela é realmente muito linda.

  -Pois não? –ela disse

Nesse momento eu fiquei sem reação, não queria ter que fazer aquilo tudo com ela. Esquecendo a minha emoção, rapidamente a imobilizei

  -Por que está fazendo isso. –ela disse quase sem ar

  -Apenas venha comigo!

Percebi que seu medo era tanto, mas finalmente ela veio comigo. Entramos no carro e eu dirigi rumo ao local onde encontraríamos a Diana.

Thales off

 

Verônica on

Eu não sei o que ele quer comigo, mas isso não ficará assim. Vou tentar ser amigável para ver se consigo tirar algo de útil dele, inclusive saber o porque dessa merda toda! De repente eu me vi afastada da cidade, estávamos em um local completamente diferente, passávamos por uma estrada de terra. Mas para onde ele está me levando? Oh Michael, eu sinto muito, mas hoje será o pior dia de sua vida. Eu vou morrer? Talvez eu vá! Era isso que meu pressentimento queria me avisar, tenho certeza. Se tem haver com a Diana eu ainda não sei, mas ainda vou descobrir. E se tiver, isso não ficará assim, mas não ficará mesmo! Ela vai me pagar por tudo isso, mas vai me pagar com a vida dela, ela vai morrer em minhas mãos ou então acontecerá o contrário comigo.

  -Por que está fazendo isso comigo? O que você quer de mim? –tentei manter a calma, mas por dentro eu estava com medo, muito medo

  -Olhe Verônica, a Diana está me obrigando a fazer isso com você, mas eu quero te ajudar!

  -O que vocês querem comigo? Olhe, eu não confio em você!

  -Preciso te levar até ela, porque ela disse que quer matar você. Mas não é isso que acontecerá porque eu não vou permitir, vou fingir que estou do lado dela para me unir a você e acabar com ela. Não é só você que ela quer matar, ela me ameaçou disso também, e é por isso que vou precisar da sua ajuda.

  -E eu vou deixar o meu noivo me esperando igual a um idiota? Ele vai pensar que eu não quero me casar com ele! Dê-me um bom motivo para que eu acredite nisso tudo que você disse.

  -Escute, ela me deu uma grana boa para que eu te sequestrasse antes do casamento, para que ela pudesse ficar com o seu “futuro marido”. –ele fez aspas com os dedos  -No início eu não queria aceitar, mas eu precisava do dinheiro para mudar de vida, e ela sabia que eu estava precisando. Então, para garantir que ela não me passaria à perna eu fiz com que ela adiantasse o pagamento, ela não queria aceitar no início, mas depois concordou. Tenho certeza que ela irá me matar também e pegar o dinheiro de volta. Por isso quero mata-la e preciso que você me ajude, tenho certeza que não sou o único que quer isso.

Ao ouvir essas palavras, eu comecei a pensar. Teríamos bastante tempo já que o percurso parecia ser bem longo. Ele pode me ser útil, pode me ajudar a sair viva, pode me ajudar a acabar com a Diana e salvar a minha pele e principalmente a do Michael.

  -Tudo bem, eu vou te ajudar. Mas você terá que ser mais rápido e atuar maravilhosamente bem para que ela não desconfie que eu e você somos aliados a partir de agora. Qual seu nome?

  -Me chamo Thales. Olha, se vamos fazer isso, que seja do jeito certo então. Eu tenho duas armas no porta-malas, uma minha e outra da Diana. Retirei as balas de uma delas, e é essa que eu entregarei a ela. A que tem as balas é a que ficará comigo. Só você e eu sabemos disso. Então, quando ela apontar a arma para você, é melhor que você desvie e atue bem também para ela não desconfiar.

  -Ah, então você é o “rolo” dela. –eu ri  -Tudo bem então, combinado. Agora amarre minhas mãos e minha boca para parecer que você fez tudo certo.

Assim ele fez. E ao chegarmos lá, a Diana estava com uma roupa totalmente curta e decotada, típica de uma piranha como ela. Thales me empurrou bruscamente para a Diana, que me desamarrou e me lançou na face um tapa.

  -Olha quem está aqui, a dama de honra ridícula! –ela riu

  -É sempre um prazer te ver, piranha! –cuspi em seu rosto e ela se enfureceu

  -Aproveite agora, porque acho que não existe vida após a morte, querida. Thales, cadê a minha arma?

  -Está aqui, Diana. –ele entregou a mesma para ela e piscou para mim, entendi o recado

Ela apontou a arma na minha direção, mas ao olhar para a arma com atenção, percebi que Thales fez merda...


Notas Finais


Continua...
Espero que tenham gostado!
Beijokas ;D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...