História Minha pequena perdição - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Kuroshitsuji
Personagens Alois Trancy, Ciel Phantomhive, Claude Faustus, Condessa Rachel Durless-Phantomhive, Elizabeth Midford, Grell Sutcliff, Sebastian Michaelis
Tags Comedia, Drama, Kuroshitsuji, Lemon, Suspense, Yaoi
Exibições 285
Palavras 1.493
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Lemon, Poesias, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 14 - Momentos de romance Part 2


Fanfic / Fanfiction Minha pequena perdição - Capítulo 14 - Momentos de romance Part 2

Sebastian colocou o menino no carro após pagar a conta.

-Você está muito bêbado.

-Não tô nada...voooocê é que está.

O menino dizia rindo e brincando com os próprios cabelos.

-Eu não,pois estou dirigindo.

-Claro que está bêbado,vi você bebendo o arco-íris daquela garrafa de chifre de unicórnio também.

-Arco-íris?Chifre de unicórnio?Isso mexeu mais com você do que eu pensei.

-Sebaaaaastiiiiiiiiaaaan...eu tô excitado.

O menino disse manhoso olhando para o maior que tentava prestara tenção na estrada.

-Meu Deus,não me fala isso.

-Por que?Sebastian nii-chan...não minta...eu sei que você quer me comer.

-Você está louco.

-Admita,eu sou uma delícia.

-Ciel,você por acaso fumou algo?

-Admita.

-Okay okay.Você é uma delícia.

-Como um pedaço de bolo de chocolate com morangos.

-Como meu pequeno pedaço de bolo com pedaços doces de morango.

O menino riu e ficou todo jogado no banco do carona até chegarem no estacionamento da faculdade.

-Venha,vou te carregar.

O menino voou para os braços do maior rindo e ficou pendurado nele como se fosse um filhote de macaco aranha.Quando estavam já no corredor do quarto Ciel cochichou para Sebastian.

-Você vai me comer né?

-Vou te dar um banho.

-E depois...

-Depois vamos dormir.

-Mas amanhã é sábado.

-Eu sei.

-Isso significa que podemos nos divertir nii-chan.

Se Sebastian tivesse um pouco menos de ética e senso comum ele se aproveitaria da atual situação da Ciel para se satisfazer,mas aquele não era o caso.Ao chegar em seu quarto ele foi ao banheiro e colocou a pequena banheira que tinha no lugar para encher.Não sabia o por quê,mas seu quarto era o único que tinha mimos como uma banheira e uma TV melhor e mais atual.

Assim que ela estava bem cheia chamou Ciel que até então estava deitado nos colchões.A única surpresa que teve foi que quando o menino adentrou o banheiro estava apenas com a boxer preta um tanto quanto justa e que há pouco tempo ele estava totalmente vestido.

-Que seja,já vi que consegue se despir sozinho.Quanto terminar me chama pra esvaziar a banheira.

O maior saiu do banheiro rapidamente e um tanto quanto corado.Foi inútil,pois alguns segundos depois ouviu seu pequeno lhe chamando.

-Não é possível que já tenha terminado.

-Não consigo tirar essa cueca.

-É claro que consegue.Você conseguiu tirar todo o resto.

-Acho que me esqueci como se tira uma cueca.

-Se é assim não tem jeito.

O moreno se ajoelhou diante ao pequeno e a primeira coisa que percebeu foi o anel que ainda estava na mão do menor.

-Vamos tirar isso primeiro para que não perca.

Sebastia tirou o anel e colocou em cima da pia depois retornou para a posição que estava.ao abaixar a boxer de Ciel percebeu que o menino realmente estava excitado.

-Opa...-Disse com uma carinha fofa.

-Você é inacreditável Ciel Phantomhive.

-Você tá fedendo.Toma banho comigo.

-Sério,eu estou tão fedido assim?

-Não,você está super cheiroso,mas pode ficar mais.Quero seu cheiro em mim.

O maior riu sonoramente com aquele comentário besta.Enquanto o menino entrava na banheira ele se despia.Logo seu corpo forte e bem definido estava desnudo.Ele também entrou na banheira e se sentou de frente para Ciel.

-Nii-chan...esfrega minhas costas?

-Venha cá então.

Ciel se virou de costas e se aproximou do maior que começou a esfregar suas costas.Enquanto ele fazia isso Ciel se aproveitou de sua posição e começou a se esfregar no membro de Sebastian.

-E...ei Ciel...não...não faça isso.

Ciel sorriu com uma cara de safado e se virou de frente para o maior,se aproximou mais o o beijou,durante o beijo foi aproximando mais seu quadril do dele fazendo os membros se encostarem ocasionalmente.Sentia que o maior também já estava excitado."Trabalho feito".Riu com o próprio pensamente e se virou de costas de novo,dessa vez sentado no colo de Sebastian.

Ciel esticou um pouco o braço e conseguiu alcança uma arminha de brinquedo que estava na beira da banheira.Aquele brinquedo ele havia comprado para encher o saco de Sebastian,toda vez que o moreno fazia algo que o menino não gostava,ele enchia a arminha e jogava água nele,como se o maior fosse um cachorrinho sendo treinado.Mas no final era apenas uma brincadeira de criança.

Ciel encheu a arminhas,ainda estava no colo de Sebastian e sentia facilmente seu membro já bem duro perto de suas nádegas (imagem do cap).Apontou a arma para Sebastian.

-Quer brincar com essa?

Sebastian já não se aguentava mais.

-Quer saber?

-Quê?

-Que se dane.Não quero brincar com essa.Eu quero brincar é com essa aqui.

As mãos do maior deslizaram pelas coxas de Ciel até encontrarem o membro do garoto,o qual começou a masturbar.Gemidos doces escapavam dos lábios de Ciel.

-Nii-chan...

-Não devia ter me atiçado tanto meu amor.Dessa vez vou terminar o que comecei.

Um arrepio percorreu a espinha de Ciel.As mãos suaves de Sebastian juntamente com a água morna o fazia gemer cada vez mais deliberadamente.

Por fim o moreno largou o membro do de olhos azuis.Fez ele se levantar e se apoiar na berada da banheira ficando assim quase que de quatro.

-Que linda visão.-Sebastian passou as mãos pelas nádegas de Ciel e as apertou.Começou distribuindo beijos pelo pescoço do menor,foi descendo pelas costas até chegar nas nádegas e depois coxas.

As mãos acariciavam o rosto de Ciel,barriga e as vezes provocando os dedos roçavam o membro do menor.Sebastian estava por cima dele,ambos os corpos se encostando.

-Nii-chan...tá me provocando?Eu também sei brincar disso.

O menor se virou,suas pequenas mãos tremulas por causa do resto de vergonha que lhe restava devido a bebida foram levadas até o membro,bem maior,de seu namorado.Devagar e um pouco envergonhado Ciel começou a masturbar Sebastian com suas duas mãos.Sebastian se curvou um pouco e chegou bem perto de seu pequeno,olhando em seus olhos,quase beijando seus lábios.

-Sabia que você me enlouquece?

-De tesão?-Pouca vergonha causada pela bebida.

-De tesão,de amor,de loucura,de tudo que há de bom você me enlouquece.

Sebastian virou seu pequeno de novo o colocando na posição de antes.O maior levou dois de seus dedos á boca e os lubrificou bastante.

-Sabe,você fica sexy fazendo isso.

-Vou ficar ainda mais fazendo isso.-O de cabelos escuros começou a roçar seus dedos na pequena entrada de Ciel e cuidadosamente empurrou o primeiro dedo para dentro.Ciel arqueou as costas de dor gritando.

-Ahhhh...Sebastian seu filho da...

-Calma meu pequeno,relaxe que a dor logo passa.

Sebastian manteve o primeiro dedo parado até que Ciel se acostumasse com a pequena invasão,quando percebeu o mais novo mais calmo ele adentrou o segundo dedo causando mais incomodo ao que agora perdia a virgindade.

-Vou começar a mexer-los okay?Vai doer um pouco,mas é só no início.

O moreno começou a mexer os dedos devagar com pequenos movimentos de vai e =vem que aos poucos foram ficando cada vez mais rápidos até chegar ao ponto de Ciel louco de prazer implorar por mais dentre gemidos.

-Ahhh nii-chan...Sebastian...por...aaahh...por favor...ma...mais.

-Como está ficando safadinho rápido.-Sorriu um pouco sádico e deu um tapa em Ciel deixando na pele alva a marca de seus dedos.

O de olhos castanhos retirou os dedos de forma um pouco bruta fazendo o garoto se queixar de dor.

-Sinto muito...estou um tanto quanto ansioso.

-Você me quer Sebastian?

-Você nem imagina quanto meu menino.

Ciel se levantou e selou seus lábios aos de Sebastian que mais do que nunca desejava a atenção do menino em um lugar específico.O maior levantou Ciel e o encostou na parede,as pernas do mais novo rodeando a cintura do moreno.

-Vai incomodar...ou melhor...vai doer...realmente quer isso?

Ciel respondeu com ações e não palavras.Ele forçou o corpo contra o membro de Sebastian e então o mesmo tomou partido começando a adentrar o pequeno.e início colocou apenas a cabeça.

-Ah Ciel...você é tão apertado,tão quente...tão bom.

O menino não estava em condições de responder,estava quase gritando em um misto de dor e prazer.Um meio termo entre querer parar e desejar continuar.

Aos poucos Sebastian foi adentrando o pequeno até reparar que o prazer sumia cada vez mais e a dor tomava o corpo do menino de novo.

-Vamos com calma tudo bem?Hoje apenas metade.

Ciel balançou a cabeça concordado enquanto soltava alguns gemidos desafinados.Aos poucos ele foi se acostumando e Sebastian começando a se mover cada vez mais e mais rápido.Chegou ao ponto em que suas pernas bambearam e ele resolveu colocar Ciel de quatro novamente.

Deitou seu corpo sobre o do menor e enquanto o penetrava também passava as mãos por seu corpo,começou a masturba-lo,gemia baixo em seu ouviso e isso levava o pequeno cada vez mais à loucura.

-Se...sebastian...eu...eu vou.

Antes de terminar sua frase sentiu seu interior ser preenchido por Sebastian e isso o fez gazar ainda mais rápido enchendo assim a mão de Sebastian que ao mesmo momento levou essa mão até a boca e a lambeu olhando para Ciel que estava corado e ofegante.Via o líquido o qual preencheu seu pequeno escorrer por sua pernas.

-Acho que agora você precisa de um banho mias do que nunca.

Selaram sua noite com um calmo e terno beijo.

 

 


Notas Finais


AEEEEEE FINALMENTE HEIN?KKKKKK
Gostaram do cap?Uma dica,se lembrem de que o anel ficou na pia do banheiro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...