História Minha vida com uma tsundere - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 37
Palavras 1.127
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ecchi, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Eae, mais um cap pra voces.

Capítulo 2 - Primeiro dia de aula


Ikira pov ON

Agora que já contei o começo da minha amizade com a Ako, vamos voltar ao presente.

(De volta ao presente)

Mãe: Ikira!! Acorda, não vai se atrasar pra escola no primeiro dia!

Ikira: Ahhh, tá bom eu já vou.

Olhei as horas no celular e vi que eram 7:30, a aula começava 7:40, tenho que fazer tudo voando!!!! Pulei da cama, me troquei na velocidade da luz, corri pro banheiro, fiz minha higiene pessoal, corri pra cozinha,   peguei meu copo de leite e tomei num gole só e coloquei meu misto quente na boca pra comer no caminho, dei tchau pra minha mãe e entrei no elevador.

Ikira: Se eu correr eu consigo chegar em cima da hora, tenho 8 minutos antes do sinal bater.

Sai do elevador, peguei minha bicicleta e fui pra escola, ela não ficava muito longe, era só virar a esquerda e seguir reto que eu chego.

Eu passaria na casa da Ako pra gente ir junto como sempre faz mas ela já deve ter ido, que droga, por que tinha que me atrasar no primeiro dia?!

Cheguei na escola, estacionei a bicicleta e sai correndo até a sala, cheguei quase arrombando a porta quando o sinal tocou bem na hora.

Iori: Só você pra se atrasar no primeiro dia.

Ikira: Calado!

Dei bom dia pros meus amigos e fui pra minha carteira que infelizmente era bem longe dos outros, a última da esquerda, o bom era que eu dividia com a Ako, só de ver seus cabelos meu coração acelerou, ela se virou pra mim e pude ver seus grandes olhos verdes que me hipnotizavam toda hora(a ako é a garota da capa da história pra vocs saberem como ela é), tinha viajado para ver minha avó por uma semana, essa era a primeira vez que a vi depois da viagem e ela estava linda.

Ikira: Oi Ako.-disse um pouco envergonhado

Ako: Bom dia, está atrasado Baka, tive que ir andando sozinha pra escola.

Ikira: Foi mal.

Ako: Foi mal o caramba, você tá me devendo uma por causa disso.

Ikira: Tá bom, ai! Seus socos machucam sabia?

Ako: Sabia.

Eu ia continuar discutindo mas   o professor chegou bem na hora então tive que me sentar e ficar quieto.

=quebra da 4° parede=

Você deve estar pensando, desde quando eu gosto da Ako, o Dragon não colocou isso na sinopse.

Dragonrage: Eu quis deixar pra vocês saberem disso depois, mas já que quebramos a 4°parede, vou aproveitar e colocar um flashback (sim outro flashback) de 2 anos atras quando Ikira percebe que gosta da Ako.

Flashback ON

Estava indo visitar a Ako depois de ela ficar muito doente, queria fazer companhia pra ela nesses dias que ela ia ficar em casa e nada melhor que um filme juntos.

Toquei a campainha e sua irmã mais velha Yuno atendeu a porta, ela era 4 anos mais velha que a Ako,  ela era bacana mas era um pouco pervertida, vivia contando piadas sujas e isso faz dela uma pessoa muito engraçada.

Yuno: E ai Ikira, beleza?

Ikira: Beleza.

Yuno: Veio ver a Ako não foi?-eu não notei isso na época mas Yuno tinha feito um sorriso de pura malicia enquanto dizia aquilo.

Ikira: Sim.

Entrei e fui subindo as escadas até o quarto dela.

Yuno: Ako, o Ikira veio te ver.-falou a mais velha de frente a porta

Ako: Pode entrar.

Eu entrei no quarto e vi Ako na cama embaixo de um cobertor laranja com bolinhas.

Ako: N-não precisava vir me visitar!-ela disse com o rosto rubro e com a voz rouca e um pouco nasal por causa do nariz entupido e a dor de garganta. 

Ikira: Queria te fazer companhia.

Ako: Mas não ache que eu estou super feliz por me visitar!-Ako diz em um tom arrogante com o rosto ainda mais vermelho

Ikira: Eu fiz aqueles biscoitos de chocolate branco que você gosta.

Ela pegou o saco de biscoitos da minha mão e começou a devora-los.

Ako: Se está esperando um "obrigada Ikira" em um tom de voz super meloso, saiba que eu não vou fazer isso.

Ikira: Nem um pequeno obrigada?

Ako: Humph,obrigada...Baka.-disse me dando um soquinho no braço.

Ikira: Eu também trouxe um filme pra gente.

Ako: Não é de românce né?-falou com o rosto pintado com um leve tom de vermelho

Ikira: Pff, claro que não, é de terror!

Ako: Vai se fuder, quantas vezes eu tenho que te falar que eu não gosto desse tipo de filme?

Ikira: Medrosa.

Ako: O que foi que você disse?-disse com uma voz assustadora.

Ela me pegou pelo pescoço e olhou com raiva pra mim.

Ikira: Nada nada.-disse entrando em pânico. 

Ako: Foi o que imaginei.

Ako começou a tossir muito derrepente, ela fez um sinal indicando pra eu buscar água

Ikira: Calma que eu vou pegar uma  água pra parar.


Desci até a cozinha pra pegar a água, Yuno estava no celular e pelo seu sorriso eu diria que era algum video de pessoas se machucando feito idiotas

Yuno: Ikira me responde uma coisa. 

Ikira: O que foi?

Yuno: Eu vou ser bem direta-um sorriso de pura malicia brota em seu rosto- você gosta da minha irmã?

Ikira:N-nã..o-Meu "não" saiu todo torto e sem jeito porque no mesmo instante que dizia aquilo, tudo que passei com a Ako passou na minha cabeça e a ficha caiu, ou melhor despencou da cobertura de um arranha-céu de mil andare, e o barulho que fez na minha mente quando bateu no chão foi como uma bomba atômica explodindo.

Yuno: Caiu a ficha não é?

Ikira: Despencou a ficha.

Yuno deu uma risada leve.

Yuno: Relaxa, seu segredo está em boas mãos.-falou a mais velha colocando a mão em meu ombro.

Ikira: T-tá...

Yuno: Só não enrola muito ouviu?-ela falou com um sorriso.

Ikira: Eu vou...tentar...

Yuno: E não se esquece que eu quero ter sobrinhos lindos.-ela disse saindo da cozinha rindo e me deixando completamente envergonhado

Flashback OFF

É foi bem assim que aconteceu, o resto não importa, mas você deve estar me achando um idiota depois de ouvir como a ficha despencou do arranha-céu e bom..."explodiu",  é que eu era muito "foda-se" pro amor na época.

=de volta a realidade

Ako: Ikira!

Ikira: Eu! Onde? O quê? 

Ako: Presta atenção na aula, você tá tão distraido que tá até babando na camiseta.

Eu olhei praa manga da blusa e vi uma mancha de baba, eu fiquei todo envergonhado que tirei a blusa e implorei pra que ninguém tivesse visto.

Ako: Mas você ein...tava pensando no que pra ficar no mundo da lua?

Ikira: N-nada demais.

Ako: Francamente, você é um bobo por completo.

O resto da aula como sempre foi um tédio total, eu estava quase dormindo acordado de novo quando o sinal do interalo tocou e todos sairam correndo da sala.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...