História Minha vida doida - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 2
Palavras 797
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Famí­lia, Ficção, Policial

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Nova escola


Ela olhou para mim 

- Como não chorar se eu pensei que nunca ia ver você de novo - ela disse entre soluços

- Eu soube que você não come a dois dias - eu disse mudando de assunto ja que não conteia elas que não ia estudar na mesma escola que elas

Ela começou a rir

- Quem te contou isso? Para eu poder matar -  ela disse com um olhar mortal

- Você não vai saber, mas a senhorita vai comer agora alguma coisa - eu disse seria, ou pelo menos tentando

Ela sai resmungando até a cozinha é pegou um biscoito

Olhei para Sam e perguntei: 

- Cadê Izzy? -

- Ela está viajando- 

Eu acho que chegou a hora de falar que não vou estudar na mesma escola que elas

- Gente eu tenho algo para falar para vocês - eu disse

- Vai dizer que você está namorando - disse Sam

- Não, que dizer sim, mas não é isso que eu tenho a falar - eu disse meio confusa

- Você engravidou do seu namorado e seu filho está no carro junto com seu namorado - disse Gabi

- NÃO!!!! sai dessa, vocês acham que sou o que? - eu disse intrigada

- Uma pessoa doida com uma vida doida - disse Stevie

- Tá certo, mas esse não e o que tenho a falar -

- Tá bom então o que é? - perguntou Vitória

- Bom, eu não vou estudar com vocês mais -

- Ahh, que também não vou estudar mais lá - disse Stevie

- Só sobrou nos Três - disse Gabi

-Pois é, mas você vai estudar aonde, Manu? - perguntou Sam

- Na escola ****- 

- Ata legal - disse Gabi

- Ei Stevie, cadê seus pais? - eu disse enquanto caminhava até ela

- Minha mãe está trabalhando, vem cá ela sabe? - ela perguntou para as meninas apontando para mim

As meninas negaram

- Sabe o que? - perguntei confusa

- Aconteceu a mesma coisa que aconteceu com você, meu pai não é mesmo meu pai, mas não posso me mudar como você porque não sei quem é meu pai - disse Stevie meio triste

Eu cheguei mas perto dela e a abraçei ela

- Eu sei, o que é passar por isso - eu disse me lembrando quando descobri que realmente era meu pai

- E mas ao contrário de você eu não sei quem é meu pai - ela disse triste

- Não se preocupe com isso você vai descobri - eu disse nos separando

- Bom eu já vou!!- eu disse olhando as horas - meu pai teve achar que estou perdida porque não cheguei até agora em casa-

- Não vai, por favor você acabou de chegar - disse Stevie

- Eu sei, mas acabei de chegar de viagem meu pai teve tá preocupado - 

Stevie me olhou com um olhar triste

- Eu passo amanhã aqui tá bom? - 

- Tá certo então amanhã você passa aqui-

Me despedir delas é fui para casa, quando cheguei em casa meu pai estava lendo uma jornal, quando me olhou e perguntou

- Ficou perdida? -

- Não só estava na casa de Stevie ela estava em depressão.

- Ata eu não sabia que ela estava em depressão.

- E eu também não. Bom eu vou subir para meu quarto arrumar minhas coisas.

- Tá certo.

****** Algumas Semanas depois*****

Hoje e o primeiro dia de aula na nova escola, eu sou a unica emancipada nessa escola, vou chegar de Camaro.

Acordei, tomei banho, me arrume e deci para tomar café da manhã, meu pai voltou para os Estados Unidos, então estou morando sozinha, pego minhas coisas e a chave do carro eu vou para a escola.

Chegando lá vejo que ela é simples, bem como eu gosto, entrei e vi dois homens conversando e uma pergunta.

- Que turma?

Ai eu respondo

- 8 ano( eu passei um ano sem estudar)

- lá encima terceira porta a direita

- obrigada

Eu subo a o chegar na sala vejo varia pessoas se abraçando, conversando, então eu entro e me sento na terceira Carteira na primeira fila perto da parede

É aula começa e primeira aula e de Geografia, ela pediu para a gente fazer um círculo e falar de onde veio, nessa parte eu me ferro, porque eu acho que sou a única que veio de outro pais

Chegou minha vez de falar 

- De onde você veio - a prof pergunta

- Da Rússia

Todos me olham com os olhos arregalados, e uma menina pergunta

- Por que você veio para o Brasil?

- Porque minha família está toda aqui, lá eu morava sozinha, só eu e deus aí eu voltei

- Mas você tem quantos anos? - outra menina pergunta

- Eu tenho 14 anos, mas sou emancipada.

- Ata legal

A professora vai para outras pessoas até que foi interrompida por uma homem todo de preto.

- Ora, Ora mas que turma mas linda do mundo, eu voltei para me vingar do que vocês fizeram - ele disse













Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...