História Minha vida em uma fic - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~Eu

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Originais
Visualizações 21
Palavras 932
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Escolar, Esporte, Famí­lia
Avisos: Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


oi desculpas pelos erros ortográficos por todas as partes tristes que eu for contando ao longo do Capítulo
desculpe se eu esquecer de alguma coisa aqui e mais la na frente eu comentar ta

boa leitura

Capítulo 1 - Um pouco sobre mim


Fanfic / Fanfiction Minha vida em uma fic - Capítulo 1 - Um pouco sobre mim

oi me chamo Maria Fernanda o proposito dessa fic  e espresar os meu sentimentos que por sinal eu não posso compartilhar com muita gente so com  a minha melhor amiga Bruna, eu aqueria que ela fosse minha irmã cara ela e a melhor pessoa do mundo , e que ela eu posso confiar tipo ela e tipo uma segunda mãe so que mais legal sabe evoluida , voltando eu gosto bastante dela eu e ela e a minha amiga Luiza gostamos de k-pop  bts man e que as musicas de tristeza e bem interesante ,ai eu mudo demais de assunto , eu ja estou no meio do ano e  mais eu sofro bulling na escola e triste demais dia 3 de agosto eu tinha ido pra casa da Bruna era umas 2 horas da tarde que ela pediu pra mim ir la que ela ia me mostra um filme bem triste ai meu pai me liga     

              NANDA ON

eu : oi pai  foi

pai: oi vem pra casa agora 

eu: porque ainda ta sedo são 6:00 agora 

pai: que sedo oque? vem logo lra casa Maria Fernanda 

eu: haaffs pai eu n posso nem mais ficar com as minhas amigas 

(que no caso e so uma porque a luiza mora longe )

pai: pode so que outro dia porque hoje ja ta tarde 

eu : pai a Bruana me leva ai 

pai: não pra ela vim te trazer 11:00 que nem ela te trouser na quela vez ? nao vem logo pra casa Maria Fernanda 

eu: pai ela não vai me levar 11:00 horas da noite 

pai: eu não vo falar denovo 

eu: pai se e muito chato afffs 

               NANDA OFF 

ai eu falei pra "Bruna que eu ia te que ir ai ela me abraço ai eu disse eu tenho quei antes que ele chame  a pericia o exército e um elicopitero das maiore forças aerias do mundo " ai ela riu e disse  "han não eu sei que você não vai voltar amanhã porque você vai ficar dormindo a tarde toda " e eu disse 

                   NANDA ON 

EU: eu vo tentar não dormir ta 

BRUNA: ha não poxa , porque ele quer que você va agora ? 

EU : e poraue eu to chegando da escola muito grosa  e ele fica reclamando 

BRUNA : porque você  ta chegando da escola estresada e reclamona 

EU : e que eu não aguento mais a minha vida eu quero morre porque ninguem gosta de mim sabe tipo eu to la na  mechendo do celular e do nada o pessoal começa me tacar bolinha de papel sem eu ter feito nada ai eu ai quando eu vi quem começo tudo eu fui falar com a garota d ela fico cheia de inginorancia comigo ai na hora do recreio eu prefiri ir pra quadra jogar queimada com umas garotas la  e quando deu a hora da educaçao fisica  nos ainta tava brincando de quimado e ela ficava me tacando a bola muito forte ate que eu ela taco a bola pra mi acerta ai o garoto entro na minha frente porque viu que ia me machacar a bola e ai ela disse q  tacado a bola do lado errado do campo e que tinha que refazer e ai não dei tempo do garoto entra na minha frente e como eu não confiu em ninguem eu me previni e consegui segurar a bola e e taquei nela ela seguro e taco em mim com toda a força que aceto o meu rosto e o  professor não falo nada ai ela fico tacando bola muito forte em mim  e me tratando diferente mais o meu pai não intende porque pra ele e so ir la e falar na direçao so que eles dizem que mentira porque no começo do ano eu tava pasando mal e eles diserão que  minha mãe tinha ido la na escola pra dizer que era frescura minha sendo que a minha mãe tava trabalhando como ela foi la ? 

(ai eu e a Bruna começamos a chorar )

BRUNA : poxa eu te intendo 

EU : ai eu disse cara eu tento ingnorar so que chega uma hora que não da mais 

BRUNA: ...

EU: cara eu queria ser a sua irmã 

BRUNA :eu tanbem queria ser a sua 

EU : e melho eu ir antes que meu pai venha aqui  me buscar 

BRUNA: ta bom so que voce vai ir com essa cara de choro pra casa 

 eu :sim eu nem ligo mais 

   / relembrando dia 3 de agosto mais sedo /  no whats 

eu :  bruna qual e o sentido da vida 

bruna : se trouxa e ser trouxar 

eu : então eu ja compri o meu papel aqui na terra 

bruna : mais ou porque  esta me pergu tando isso 

eu : nada não 

bruna hurrum 

           /voltando pra o presente do dua 3 de agosto /  

eu : se lembra quando eu te perguntei qual era o sentido da  vida ? 

bruna : sim lembra porque 

eu :era por isso que eu perguntei porque eu não sirvo pra nada so pra ser mais uma burra na escola 

bruna :você não e burra tem gente que e bem pior que você vai la lavara o rosto pra tu poder ir 

eu : ta 

          nanda off

ai nesse dia eu chegui em casa e falei muito porque ele perceberão que eu tinha chirado porque quando eu choro eu fico vermelha e ai ele não intenderao mais tentarão  

gente boa noite porque eu tenho eacola amanhã e tenho que tomar banho eu demoro no banho e estou muito cansadab







Notas Finais


Desculpe se não tiver sido oque vocês espera vão


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...