Hist√≥ria Minha vida mudou quando te conheciūüíė - Cap√≠tulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Deadpool, Homem de Ferro (Iron Man), Homem-Aranha, Os Vingadores (The Avengers), Thor
Personagens Anthony "Tony" Stark, Clint Barton, Dr. Bruce Banner (Hulk), Gwen Stacy, Loki, Natasha Romanoff, Nick Fury, Peter Parker, Steve Rogers, Thor, Wade Willson (Deadpool)
Tags Spideypool, Stony, Thorki
Exibi√ß√Ķes 140
Palavras 1.013
Terminada N√£o
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
G√™neros: Aventura, Crossover, Fantasia, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Gente desculpa sumir assim, estava de mudança e fiquei sem pc e sem net (foi uma merda).
Espero muito que gostem,
Boa leitura Pandinhas ‚ô•

Capítulo 19 - "Acertos."


Fanfic / Fanfiction Minha vida mudou quando te conheci💘 - Cap√≠tulo 19 - "Acertos."

        GENTE ISSO É NO MESMO  TEMPO QUE OCORREU A MORTE DA RAINHA DE ASGARD.

 P.O.V Steve

- Peter já disse que você não vai ir.

- E eu já disse que vou ir. - Já fazia meia hora que eles dois estavam discutindo.

- Já chega, não vim aqui para ouvir vocês dois discutindo.

- Mais só quero ir visitar o Harry, o Tony que começou tudo.

- Peter vai logo,preciso conversar com o Tony.

- Steve você não pode fazer isso. - Falou irritado.

- Tchau Peter. - Beijei sua testa e ele foi embora. - Já fiz querido.

- Você não tem o direito.

-Pelo o que eu saiba também tenho a guarda do Peter porque ele quis. - Tony virou e foi "marchando" irritado para o seu bar. - Pode ficar irritado o quanto quiser, mas não vai mudar o que vim fazer aqui.

- E o que o senhor certinho veio fazer aqui?

- Avisar que estarei saindo da equipe.

- O QUE? COMO ASSIM? VOCÊ NÃO PODE FAZER ISSO. - Tony se exaltou e eu comecei a rir. - Do que esta rindo picolé?

- Tinha que ver sua cara. - Comecei a rir muito e ele fechou a cara. -Tenha senso de humor Tony.

-...- Ele me ignorou

-Sério isso Tony? - Ele me ignorou novamente. - Okay, vou te deixar com seu uísque. - Fui em direção ao elevador apertando o botão quando sinto ele me abraçando por trás.

- Fica. Por. Favor. - Sussurrou beijando minhas costas. Me virei de frente para ele.

- Me dê um simples motivo. - Falei, mesmo ele não tendo um eu ficaria.

- Estou com saudades do seu abraço, do seu sorriso de manhã, do seu corpo. - Ele passou a mão pelo meu peitoral. - E do seu beijo. - Ele se aproximou roçando os lábios no meu. - Quero você de volta picolé. - Toquei seus lábios com o meu (um selinho) que logo ele aprofundou para um beijo longo e apaixonante.

- Tony... - Fui interrompido por outro beijo dele. E consequentemente por muitos outros beijos.

Tá que não aguentava mais ficar tanto tempo longe dele. Loki e Thor estavam em Asgard, Nat havia "raptado" Bruce e junto todos haviam saído (mandou todos embora u.u). Então tudo resultaria em uma manhã bem agradável.

P.O.V Narradora

Tony havia tirado Steve de seus devaneios levando uma de suas mãos até a bunda do mesmo apertando e a outra entrou por debaixo de sua camisa arranhando as costas dele. Steve começou retirar a camisa de Tony e a sua Tony tratou de rasgar a camisa do outro e lamber seu mamilo esquerdo, Steve gemia baixinho, quando foi para o mamilo direito começou a desabotoar a calça do Steve enquanto estimulava seu membro por cima da calça. 

Steve não parava de gemer e isso era musica para os ouvidos de Tony e em poucos minutos ele tirou toda a roupa do picolé, depois de um tempo estimulando o membro do capitão até ficar duro igual pedra, Tony coloca a cabeça na boca chupando, o capitão segurou seu cabelo não muito forte. Tony entendeu o que ele queria e começou a ir mais rápido, o único som que se ouvia era os gemidos abafados do capitão.

- T-Tony a-aqui não. 

- Vai indo para o quarto, que vou pegar um presentinho. - E assim Steve foi para o quarto e Tony foi no quarto do Bruce pegar um presentinho que o amigo tinha lhe dado para usar com o capitão. - Voltei amor.- Steve estava deitado na cama se masturbando enquanto Tony não vinha.

- O que é isso? 

- Um brinquedinho. Vire de bruços. 

Capitão deitou de bruços na cama, Tony pegou uma algema e prendeu o seu braço na cama e logo fez isso com o outro. Tony ficou no meio das pernas do capitão e deu vários beijos da nuca até a base da coluna, deu um tapa na bunda dele que ficou meio rosado, logo terminou de tirar a roupa, Steve tentava ver o que o outro iria fazer. 

Tony beijou e mordeu cada uma de suas nádegas, logo beijando e lambendo sua entrada, os gemidos de Steve já não eram abafados e sim altos, longos e manhosos, pela "tortura" que levaria de seu amado, quando parou de lamber sua entrada ele voltou para o membro do seu amado picolé que estava "doido" por atenção, Steve automaticamente empinou a bunda dando mais espaço para Tony "trabalhar", enquanto chupava o capitão começou a penetrar um dedo em sua entrada que o incomodou um pouco, mas quando entrou o segundo o incomodo foi maior, Tony percebendo que o capitão não estava confortável o estimulou mais. Logo retirou os dedos, que fez Steve resmungar.
Tony pegou um lubrificante  jogando na entrada de Steve e  jogando no seu membro e o penetrando devagar.

- T-Tony vai devagar. - Capitão reclamou.

- Mais do que já estou indo? - Tony se inclinou para cima do capitão e beijou sua nuca. - Só relaxa. - Tony entrou de uma vez escutando um grito do Steve.

- SEU FILHO DA PUTA. 

- Relaxa, vai ver como é bom ( ͡° ͜ʖ ͡°). - Steve assentiu.

Tony ficou um tempo parado esperando Steve sentir-se bem e começou a se movimentar devagar, aos poucos ia aumentando os movimentos de acordo com os gemidos do capitão, Tony começou a dar uns tapas na nadegada direita de Steve que reagiu com um gemido manhoso que fez com que Tony perdesse o pouco de sanidade que lhe restava. A cada segundo ia mais rápido a pedido do maior, Tony segurou o membro de Steve e começou a masturba-lo rápido junto com suas investidas.

Não demorou muito para que Tony gozasse e sair de dentro do maior, e ir solta-lo para que o ajudasse a goza com mais facilidade, quando Steve se virou o menor montou em cima dele e cavalgou ate que ambos estivessem satisfeitos.

- Eu. Te. Amo. - Falou enquanto beijava o maior.

- também o amo.  


Notas Finais


( Õ°° Õú Ė Õ°°)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usu√°rios deixam de postar por falta de coment√°rios, estimule o trabalho deles, deixando um coment√°rio.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...