História Minhas Cartas Para Você - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Shawn Mendes
Personagens Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Cameron Dallas, Cartas, Magcon, Shawn Mendes
Exibições 46
Palavras 757
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Primeiramente, muito obrigada pra quem está aqui
Segundamente, a fanfic começa do meio, depois vem as cartas aí volta para para a continuação desse capítulo
Desculpa qualquer erro, espero que gostem

Capítulo 1 - As Cartas


 

Shawn

   Eu estou neste exato momento tomando coragem para ir lá, falar com ela , me abrir , dizer o quanto estou apaixonado por ela, dizer o quanto odiei ver aquele garoto quase a beijando tive que sair de perto para não acabar arrancando a cabeça daquele idiota. E falando nele, ele é um dos meus motivos de estar totalmente sem coragem de falar tudo o que sinto a ela, aquela cena não para de repetir na minha cabeça, tinha ido lá para fazer justamente o que estou tentando juntar coragem agora, será que eles estão namorando? Ela gosta dele ??
   Eu sou um louco, estou parado na frente da casa dela, às exatas 17:00 da tarde, pensando em todos os motivos para não entrar lá e dizer tudo o que sempre quis lhe dizer tudo, e se ela estiver mesmo ficando com aquele cara eu juro que eu me afasto e paro de insistir, mas se não, eu vou lhe pedir uma chance, vou lhe mostrar o quanto a amo e vou conquista-lá.
   Senhor como eu quero vê-la, não sabe o quanto sua atitude me machucou nessas semanas , ela simplesmente se afastou de todos, será que foi por causa daquele garoto?? Viu só consigo pensar nisso. Mas será que ela nunca percebeu que o que fazia meu dia valer a pena era seus sorrisos?? Nunca viu que eu ficava mais feliz com nossas conversas?? Que eu passava horas a observando? Ela nunca sentiu aqueles choques que eu sentia quando a tocava??
   Não adianta ficar aqui pensando nisto, senão vou acabar ficando aqui a eternidade, saio do carro e vou para o portão tocando a campainha, e quem atende a porta é a mãe de Claire com uma caixa nos braços
- Shawn??- ela me olha, olha pro pote e logo depois para mim de novo
- A Claire está??- ela me encara com pena, mas porque pena?? Ela dá uma olhada no relógio e me convida para entrar
- Sente-se. Veja, eu não concordei com essa loucura, e achei muita insensatez da parte dela, espero que você bote um pouco de juízo na sua cabeça, ela só escuta você,  ela teria que te contar tudo então vou te dar isto- ela diz entregando a caixa para mim e eu devo ter feito uma cara bem confusa para ela logo completar - são cartas dela, deve lhe ajudar a entender, mas não abra agora e não conte a ninguém sobre a existência delas muito menos a Anne
- Sim senhora- respondo mesmo estando com vontade de fazer um milhão de perguntas
- Ela foi morar com o pai- a notícia chegou a mim como um soco no estômago
- Quê?? Como assim??
- Como eu disse não concordei com isto
- Mas ela...
- Avise as seus amigos e leia essas cartas amanhã e lembre-se: Não conte a ninguém- disse me levando a porta
- Sim senhora- estou mais perdido que nunca, mas preciso avisar pro pessoal.
 E assim vou para o carro com a caixa nas mãos
(...)

- Q- quê, não ela teria me avisado...- acabei de dar a notícia para Arabella e o Cameron, os melhores amigos dela, eles foram os últimos, a Arabella ficou muito chateada e agora está abraçada no Cameron chorando, a Annie foi a única que não ficou muito "triste", diria que até ficou feliz o que fez uma raiva crescer no meu peito.
- Ela deve ter um bom motivo, fique calma nós vamos descobrir, certo??- ele a consola enquanto eu apenas observo mergulhado na tristeza- Shawn ??
- Que??
- Vou leva- lá para casa e você devia fazer o mesmo, você está acabado- lhe respondo com uma tentativa de sorriso e vou pra casa.
Chegando lá tiro apenas os meu sapatos e me jogo na cama, já está tarde e eu estou realmente acabado.
 
(...)

    Acordo com a luz entrando pela janela e logo me lembro das cartas de Claire e saio correndo até o carro para pega-las, com elas em minhas mãos volto direto para a cama e despejo todas ali e começo abrir uma. Está destinada a mim?? Olho as outra, são todas para mim, agora estou confuso.
   Vou organizando elas conforme a data e duas me chamam a atenção uma em vez de Toronto na cidade está Vancouver, e o outro foi de hoje.
   Terminada as organizações pego a primeira e começo  a ler com medo do que vou achar aqui mas muito mais curioso.

Toronto, 01 de outubro de 2016
Querido Shawn...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...