História Minhas cicatrizes - Capítulo 3


Escrita por: ~

Exibições 157
Palavras 1.817
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi pessoas❤❤
Sem mais delongas,espero que gostem e boa leitura 😙

Capítulo 3 - Eu declaro guerra


Fanfic / Fanfiction Minhas cicatrizes - Capítulo 3 - Eu declaro guerra

 

 ​POV King 

Eu disse pra Elaine que ela podia ir de Limusine sozinha que eu e os meus amigos íamos ir à pé mas ela disse que não tinha problema.Eu só não queria que as coisas ficassem mais tensas entre ela e o Ban.

-Obrigada por se preocupar comigo onii-chan - Elaine deu um sorriso fofo e eu fiquei pensando "porra! Quem eh você?"- quem é essa? - perguntou ela meio confusa e encarando Diane

-Essa é Diane - Diane parecia meio tensa do meu lado -Diane,essa eh minha irmã Elaine

-Oi!- pude perceber a tensão na voz dela 

-Oi! - Elaine deu um sorriso gentil e ficou olhando pra ela com uma cara pensativa

- Quem é ela? - olhei para onde Diane estava apontando e vi o capitão com a Elizabeth no colo.Liz estava gritando impacientemente do lado dele enquanto ele a ignorava.Foi aí que entendi tudo.Eu não tinha chances com Diane.Ela ia ser só mais uma garota na lista de peguetes do Meliodas.Senti muita raiva,mas o que eu podia fazer?

-Aquela é a... como é mesmo o nome dela Harle? 

-Elizabeth - respondi,seco

-Isso!Elizabeth!podia jurar que o nome dela não era esse!

-Então Elaine,eu percebi que você fica muito sozinha e tal,por isso eu te apresentei a Diane - Elaine me olhou confusa - ela acabou de chegar e quem sabe de repente vocês não poderiam se ajudar,né?tudo bem pra você Diane? - acho que eu nunca vou me acostumar a olhar pro rosto dela,senti minhas bochechas queimarem quando Diane olhou pra mim.

-Por mim tudo bem - virei o rosto morrendo de vergonha

-E você Elaine?

Elaine ainda estava me olhando confusa

-Eu entendo se ...- Diane começou a falar mas foi interrompida 

-Espere!não é isso!-ela disse ainda me olhando confusa - é que... Harle,eu não pensei que você percebia... - me senti culpado,apesar de ser um idiota,eu amava minha irmã,só não sabia demonstrar - eu também nunca te vi ajudar uma menina desse jeito - ops!acho que fui descoberto! - isso é muito bom!
Elaine sorriu.Eu fiquei com medo dela mas estava feliz.

-Hey Diane! - disse ela sorrindo - vamos dar uma volta?

Diane sorriu pra ela e as duas saíram conversando como amigas de infância.Se ela gosta mesmo do capitão ela está perdida.

 

POV Diane

Acho que essa tal de Elizabeth está passando mal.Mas tinha que ser carregada justo pelo MEU Meliodas?ela devo ser louca,nunca conversei com ele direito e já estou falando que ele é meu.Mudando de assunto,eu não imaginei que eu ia me sentir tão bem conversando com outras pessoas como eu me senti hoje.Conheci a Elaine,irmã do Harle e acho que nós estamos até bem próximas,ela me chamou pra ir com ela em uma boate nesse fim de semana,acho que deve ser até bem divertido. Quer saber? Eu vou mesmo! Me divertir,tirar os problemas da cabeça... acho que eu estou precisando.
 

POV Elaine 

Não sei  bem o que meu irmão estava pensando quando me apresentou essa garota,mas tenho certeza que não era pela "mais pura amizade". É a primeira vez que eu vejo Harle assim com uma menina e olha que já vi ele com muitas meninas diferentes!Com todas ele era do mesmo jeito: sorria malicioso,ficava jogando cantadas 99% da conversa porque aquele 1%vagabundo ele deixa pra mão boba.Ele que pense que eu nunca percebi. Essa... Diane(esse é  mesmo o nome dela?) Faz ele ficar diferente do tipo que fica corado só de olhar pro rosto dela,que se preocupa em ajudar e o pior é que eu acho que ela nem percebeu isso.

Por falar em perceber,eu fiquei chocada quando o Harle falou que percebeu que eu estava sozinha,acho que ele estava preocupado comigo... ELE ESTAVA PREOCUPADO COMIGO!Não pensei que ele se importava!Comecei a rir sozinha.

- Hey Elaine?Está tudo bem? - perguntou Diane

-Eu tô mais do que ótima! - respondi alegre - pode me dar licença um segundo?eu preciso ir ao banheiro!

-Claro! - Diane pareceu confusa mas me acompanhou até lá sem fazer nem uma pergunta sobre a minha repentina mudança de humor.Acho que ela é do tipo que respeita os limites dos outros.Gostei dela.

Diane disse que ia me esperar do lado de fora,assenti e entrei.Tinha umas meninas conversando lá dentro.Uma delas era a Mina(personagem original),milagre eu lembrar o nome dela,a outra é uma tal de Jericó,Jirico... Não consigo me lembrar!Bom,tanto faz entrei numa cabine e comecei a rir sozinha.
Sem querer, eu comecei a ouvir a conversa das garotas do lado de fora...

- Mas o que você ia me falar?FALA!por favor!eu sou curiosa!

-Eu e o Ban...- Pera aí...Ban? - estamos namorando!

Eu literalmente cai do vaso sanitário.Ainda bem que eu não estava fazendo minhas necessidades nele e a tampa estava fechada.Processando...quem namoraria o Ban? Essa tal de Jericó (gente,esse Jericó em vez de Jericho foi de propósito por minha parte, a Elaine não sabe o nome dela) é louca?Senti uma sensação estranha subindo pelo lado esquerdo do meu peito,de repente eu estava tão ansiosa que me deu vontade de chorar.Acho que eu preciso ir ao médico,minhas emoções estão bem bagunçadas hoje.Olhei meu rosto no espelho,sai da cabine e fui lavar as mãos.Tenho essa mania,não quero que as pessoas pensem que fui ao banheiro e não lavei as mãos(mesmo eu não tendo feito nada lá).Olhei a Jericó...ela não parecia ter muita coisa de  especial,o que estou dizendo?eu não tenho nada de diferente!ela é forte,decidida,não está nem aí para o que as pessoas pensam... totalmente o contrário de mim.Putz! Ela parece tão feliz!O Ban é tão otário,o que será que ela viu nele?Coitada!

Sai do banheiro rindo por dentro mas ainda com  aquela ansiedade estranha no peito.

-Está tudo bem? - a voz de Diane me trouxe de volta para a terra 

-Claro! - respondi meio forçada. Diane não perguntou mais nada,ela só assentiu com a cabeça e continuou nossa conversa como se nada tivesse acontecido.Acho que ela percebeu que "algo de errado não está certo", espera!O Ban que fica repetindo isso!senti um baque no meu coração e perdi todo o meu ar por breves segundos.Será que ele jogou alguma magia negra em mim?

POV Ban

-Ban! - fui assustado pelo grito eufórico de King

-Fala inconha - King riu da minha ironia

-Eu fui falar com ela!

-Isso é bom!significa que você não é mudo!O mistério agora é saber o que você falou e com quem

-Ban deixa de ser chato!Estou falando da novata e...

-Ah sim!Aquela garotaque você rejeitou de cara quando eu falei só porque você não conhecia ela.Mudou de idéia ou eu estaria enganado?

-Putz!Mas você dormiu com o bozo hoje em Ban!

-Até onde eu sei, não

-Que seja!Como você pode me zoar tanto assim com essa cara de esnobe sendo que você solta gargalhadas  quando zoa os outros?aconteceu alguma coisa?

- Não,nada de especial... Vou contar hoje na sua casa quando todo mundo estiver reunido 

-Beleza!Voltando ao assunto,eu falei com ela! 

-E então? 

-Acho que ela gosta do capitão 

Coitado do King,como é que eu vou contar pra ele que eu estou namorando com ele nesse estado?Que seja!Daqui a pouco ele melhora.Pelo menos eu espero que sim. 
 

POV Meliodas 

- O que você está fazendo aqui Liz? - tipo,que susto!

-Nada!eu só queria saber se você precisava de ajuda - disse ela olhando para o chão 

-Bom,agora você já sabe que não estou precisando

-Também não precisa falar assim né?

-Desculpe - acho que eu exagerei - é que eu estou preocupado com a Elizabeth 

-Como assim você sabe o nome dela? 

-Desculpe mais uma vez Liz,mas eu estou com pressa e não preciso te dar satisfação.
Eu admito!Fui um grosso!Mas a Liz só fica no meu pé! Olhei pra trás pra ver se ela ainda estava me seguindo mas ela já tinha ido embora. Porra de peso na consciência!

Olhei de novo para Elizabeth,ela parecia uma princesa... 

-Meli...-ela está acordada? - ...odas

Ela disse meu nome! Ou eu estou ficando louco ou ela disse meu nome!Espera!Ela ainda está dormindo,ela dorme falando?

Eu queria ouvir o que ela estava falando mas ela começou a fazer uns sussurros estranhos que estavam me deixando louco.Comecei a assobiar a música "Crank that"(Soulja Boy Tell'em) quando finalmente chegamos na enfermaria.Estava completamente deserta,não tinha nenhuma alma viva visível lá.

Coloquei Elizabeth em uma das camas com todo cuidado pra não acordá-la.Em um gesto involuntário,Elizabeth me puxou com ela pra cima da cama.Era tentador,mas eu não podia fazer isso,pelo menos não aqui.Tentei me soltar mas ela era mais forte do que eu pensei ,quando vi eu já estava em cima dela.

Me soltei de Elizabeth com dificuldade,fiquei com medo de pensar no que poderia ter acontecido e sacudi a cabeça tentando tirar esses pensamentos desnecessários da minha mente. Elizabeth abriu o olho visível dela (que não estava debaixo da franja ) com a maior carinha de sono e olhou pra mim fazendo um biquinho involuntário.Olhei pro rosto dela e tive certeza absoluta que eu nunca vi nada mais lindo.

 

POV Elizabeth

Não lembro o que aconteceu antes,acho que tinha um dragão rosa,tinha Soulja Boy e um príncipe loiro de olhos verdes.Lutei para abrir meus olhos e quando consegui,percebi que eu estava na enfermaria,olhei para o lado para fazer um reconhecimento do local e opa!O que o Meliodas está fazendo aqui?

-Oi! -disse ele sorridente - já acordou Bela Adormecida

Senti minhas bochechas queimarem."concentre-se Elizabeth ele só está brincando"

- O que aconteceu?-perguntei,minha cabeça estava doendo. Será que eu cai?

-Bom, - ele parecia nervoso,ai!tão lindo!pera aí,que? foco!foco! - eu joguei uma bola e ela sem querer caiu em você.Juro que não foi de propósito se você quiser pode perguntar pro...

Interrompi antes que ele pudesse acabar de falar

-Tudo bem! - eu disse sorrindo - eu confio em você! 

Ele hesitou um pouco e perguntou:

-Você está bem?

-Minha cabeça ainda dói um pouco mas acho que vou sobreviver - me apoiei nos meus cotovelos tentando me levantar.Levei um susto quando Meliodas apoiou os braços nas minhas costas me ajudando a levantar. Droga!tenho certeza que devi estar parecendo um pimentão agora!
O sinal tocou,acabou o intervalo.

-Quer ir pra sala?

Fiz que sim com a cabeça e ele simplesmente me pegou no colo e me colocou no chão.Me senti uma manteiga derretida  em cima da torrada,o cheiro dele era tão gostoso.Quando Meliodas me pôs no chão eu achei que ia cair,mas,ele apoiou meu braço em seus ombros e passou o braço dele pela minha cintura.Eu achei que ia morrer! 

-Pra garantir que você não vai cair - disse ele sorrindo

Apenas concordei com a cabeça.Eu estava completamente sem reação.Se aqui é o céu eu quero ficar aqui.

POV Diane

Eu e Elaine estávamos conversando animadamente no caminho de volta pra sala quando eu vi a tal
Elizabeth agarrada com Meliodas. Não quero saber se ele é meu ou não, se eu conheço ela ou não, a partir de agora eu declaro guerra!


Notas Finais


Oi pessoas!!!!o que vocês acharam?espero que tenham gostado 😙😙😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...