História Miraculous :Mágica do Amor - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Sabine Cheng, Tom Dupain
Tags Adrienette, Miraculous Ladybug
Exibições 133
Palavras 253
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Hentai, Mistério, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Nudez, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 8 - Acho que dei um fora na margarida...


Mari ON

Acordei pela luz do sol mesmo, fui logo tomando meu banho e fazendo minha higiene, depois fui colocando uma roupa: vestido de renda vermelho, um pouco vinho, com rosas, sinto preto e salto preto com laço preto, fui na cozinha e fiz algumas panquecas que aprendi com a minha mãe, só tirei o ingredientes malignos. Comi apenas duas panquecas com a minha geleia em cima, escovei os dentes e em seguida me surpreende ver Alya toda arrumada, enquanto eu levei mó tempão.

-As panquecas estão boas- disse ela

-Receita de Família- dei uma risadinha.

Peguei minha mochila que era preta, na verdade era uma bolsa de couro.

Quando cheguei na sala, fui me sentar e o professor ainda não chegava

- ahh, esse lugar é só para populares,você deve ser uma nerd- disse uma menina loira, de nariz empinado com três amigas ao seu lado

-tah seu nome aqui, ah ta desculpa, se você se meter comigo, puff, não vai querer saber,queridinha

-voce é filha de qual princesa, para me chamar assim?

- primeiro, ela não é princesa, é rainha,segundo,sei que não sou boa em matemática, mas sei que isso não é da sua conta...

Todo mundo ooooooooo e eu mandei um beijinho pra ela e fui me sentar ao lado do cabelo de banana

-a minha princesa manda bem nos fora

-uou amiguinho bananinha vai abaixando a tua bola, eu não sou tua princesa.

As aulas foram chatas e a maioria era de como não fazer maldade com uma pessoa



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...