História Miraculous: Quem é você? - Capítulo 39


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, André Bourgeois, Chloé Bourgeois, Félix, Gabriel Agreste, Hawk Moth, Jalil Kubdel, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain
Exibições 88
Palavras 2.552
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Escolar, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Amores, espero que gostem e pá, hoje vou tentar falar um pouco dos dois casais e também, pra quem estava sentindo falta o Pessoal vai parecer e com eles muuuiiitaaasss Novidades, novos personagens, novos romances, e é claroo, Muiitas tretas então é isso fiquem com o Cap. Ou Eps, como quiserem chamar rsrs

Capítulo 39 - Aluno Novo e Muitas Tretas!!


Meu Motoqueiro fora da lei.... 

 

_Seu o que?   - Ouvi uma voz. Juro, me assustei então virei e cara, que sorte que não era a minha mãe. Imagina se ela descobrisse do Jhor? 

_AAAAHH, - Gritei e ela tapou a minha boca -

_Fica Quieta-Sussurrou.

_Ainda bem que é você, - Suspirei já calma.- Que alívio!

_Você ainda não me respondeu!! -Cruzou os braços. 

_Aiii, Mari, que é?!! Que implicancia hein? Será que eu não posso nem relaxar depois de um passeio com o meu Ex que por sinal, é um gato? -Pus as mãos na boca- Aii, meu Deus! Per... -Ela me interrompeu.

_Sem essa de : ''pera ai, o que?'', nem tem como fingir gatinha, dessa vez Cê se entregou. Ah, e nem vem me dizer que não tinha dito nada antes porque eu ouvi.  Ouu, quase isso né, -Pos a mão no queixo como quem está pensativo e terminou -Aah, isso não  importa, fala logo, me conta todas as tretas Cê tá ligada que eu vou querer os detalhes desse ''passeio''  -fez aspas '' né?!

_ Oh My god, no que eu me meti? Você é mesmo chata quando quer heiin?
_Ah, sei disso não precisa elogiar desde que me conte tudo tintim tintim.

_ Se acha- Falei num tom de deboche e rimos.-Ok, voce venceu -Levantei as mãos como se estivesse rendida- Eu conto! Mais.. Não aqui,  vamos subir !! 

               Nós cumprimentamos a todos! Graças á Deus e ao Jhor, obs : Jordan, eu cheguei á tempo e ninguém notou minha demora. Ou, eu acho né, mas OK! Cumprimentamos, ou melhor, eu cumprimentei os quatro e subimos. Mari me contou a história do Tal boy lá, o Flávio, dos ciúmes do Adrian e sua reconciliação e eu contei como foi meu  encontro com o Jordan. Principalmente na parte em que chegamos a torre Eiffel. Logo após pedi que fôssemos dormir.

_Pronto, Satisfeita?! Podemos  dormir que amanhã é outro dia?!!

_Ok-Ela riu- Está mesmo feliz com esse lance de estudar?!
          _Olha, estudar nunca foi o meu forte só que, eu  me dedico desde os 15 anos e tipo, eu to a fim de explorar a nova escola.

_Cara, nem é tão divertido assim- Ela parecia eu, falando da minha antiga escola- A escola é enorme mas tem áreas onde nem podemos pisar, sem contar as patricinhas.
_ E daí? Eu  não  curto nada o que elas fazem, que além do mais não é nada além do que usar rosa, falar -Hi Teatcher, good morning e blá blá blás em ingles, sei nem falar portugues quem dirá ingles,  e  fora isso, falar de roupas. Eu curto mesmo é futebol, Skate, esportes, livros violão e etc... Eu tenho cultura né, ve se eu tenho cara de quem se mete com as Patys filhinhas de papai.

_E-ehh, isso é outro problema. Sabe, isso de Futebol e tudo mais.

_Porque?!

_Ah, é que desde que o tal do Pedro entrou pro time, ele proíbe a entrada das meninas e sabe? O cara é fera. Ninguém até hoje superou ele, nem mesmo os melhores.

_Resumindo, as meninas simplesmente não podem jogar?! -Ela fez sinal que sim com a cabeça- Que preconceitooo, Que isso Cara? Demorei séculos pra virar Crack no Fute pra mudar de colégio e não poder entrar pro time?! Eu MATO, esse garoto!

_Ei ei ei, não estressa, eu não quero voce metida em confusão hein?

_Relaxa to fora dessa mais que eu vou entrar pro time eu vou.

_ Como com os garotos impedindo?

_Voce vai ver...

_Ok, só não se mete em intriga beijos,  boa noite.

_Boa até amanhã.... 
 

No dia seguinte......
 

*Despertador tocando e vibrando muito autooo*

_Affss, já tenho que levantar com esse maldito pipipi, no ouvido.

_Bom  dia pra você também, coisa chata! -Disse meiga- Sabia que atrasei uma hora no despertador?

_Éh, O QUE??!! -Me olhou com um olhar mortal -Voce é louca?

_Nunca fui normal e você sabe disso, mas ainda não cheguei ao extremo da loucura é que estamos no horário de verão.

_Afss Eu odeio o horário de verão sempre acordo mais cedo.

_Aaaah,, deixa de ser resmungona e olhe pelo lado positivo pelo menos a noite ainda está claro. Vamos lá, desperte hoje é um novo dia nada de reclamação 

Então abri as cortinas e as janelas. Logo em seguida nós tomamos banho descemos pro café e fomos. Vou sentir saudade dessas zoeiras quando formos só eu Minha mãe e Papai. Espero que  o Gusta venha logo pra cá, ele é  chato mas tá sempre fazendo piadinhas e animando geral....

       Um pouco depois  já na escola......

_Fomos as primeiras a  chegar na escola..-Revirou os olhos .
_Néh, tá tudo tão vazio-Afirmei entediada também.
                                 

  Segundos depois...


_Oii Marii preciso te contar um monte de coisas desse fim de semana. -Tava vazio não tá mais.


_Oi Marii, Oi Alya, E aeh, cara,-olhou pra trás e nós também.Era Adrian - Tudo Bom Kell?


_ Oii, Nino- Eles deram um toque de mãos- Oii, amor- Abraçou Mari.- Oi Alya, e Ai, Kell? tá gostando de conhecer a escola?

_Aah, Oi, Kell. Desculpe tava tão empolgada falando com a Mari que nem te cumprimentei.


_Aah, sem problemas Alya, eu também não falei com vocês direito. Oi Nino, Oi Adriian, e, respondendo a sua pergunta, eu cheguei aqui na sexta e nós somos os primeiros aqui, ainda não tem ninguém.... Então eu não conheço nada ainda mais tipo, quero conhecer e espero gostar!

_É verdade, parece que viemos abrir a escola. -Alya riu e nós também.

_Ah, é mesmo desculpe-Colocou a mão na nuca-. Foi mal.

_Cara, voce sempre é envergonhado assim? Por que tipo, pra ser meu amigo tem que ser sem vergonha.

_Então não me inclua nessa lista. E pode tirar a Mari também, porque somos muito tímidos.
_To brincando gente, calma! Não sou de excluir ninguém, só tenho um lema.

_ E qual é? - Nino interrompeu.


_Anda comigo quem quer, gosta de mim quem quer, então se não curte o meu jeito Maloqueira irmão, vaza porque amizade falsa comigo não se cria

Nino e Adrian, ficaram de boca aberta, Mari rindo da atitude deles e Alya? Só me olhava


_O que foi ? To suja?-Disse tentando ser séria mas não consegui. Ri.

_Hahahah-Mari riu e Alya também.

_Que foi gente? Ces tão me assustado papo reto.

_N-não é só-ó, que-e....- Nino Gaguejou. Parecia surpreso mais surpreso com o que afinal?. Alya o interrompeu.


_É que eu vivo dizendo isso   pros meninos e O Nino, junto do Adrian, não me dá razão. Ele vive dizendo : ''Você é encrenqueira isso sim''

Olhei pro mesmo que me respondeu :
_To errado?


_Tá- Eu e Alya dissemos em unissono

_Qual é, Nino tá fechando errado? -Adrian Falou e todos rimos. 


_Não, mas agora é sério cara, - Disse me recuperando da risada- Amizade falsa é osso né??

Olhei pra Alya, que olhou pra mim e demos uma batida de mãos, então ela falou

_Você é das minhas.-Rimos.


_A Mari também, -Respondi- Ela só tem medo de demonstrar tais atitudes e magoar alguém. Eu era assim.

_Nosso maiores erros, sempre são se preocupar demais com as pessoas e depois sair como trouxa. -Alya Falou e todos só concordavam prestando atenção na conversa sem se intrometer.-Temos sempre medo de magoar alguém.
_ Falando nisso, ali vem um alguém super falso. ~Clhoe ~

_Rhuum, aquela ali? Pode ser considerada a rainha das falsianes.

-Novamente todos rimos e fomos andando em direção a sala de aula  a medida que os alunos foram chegando. Entrei  na sala e adivinha?! Tinha Aluno novo. Que bom, odeio ser a novata!! Quer dizer, por um lado é bom, mas por outro nem tanto. Com gente nova na sala, posso me enturmar mas fácil e conheceremos a escola juntos. Quer dizer, se ele, ou ela, né, for uma pessoa legal. Acho que é um rapaz mesmo, e quem sabe eu nem conheço? Do nada as pessoas resolveram vir do Brasil para Paris.

 Estava o maior furdunço na sala até a prof chegar.

_Bom dia pessoal, hoje teremos um novo Aluno na sala.  Nesse momento pôde-se ouvir falas do tipo : 
 

''Outro?''   ''Espero que se enturme rápido!'' ''Por mim tanto faz''' ''Mais um, pro bonde da zoeira''. Ouu, até uma frase do tipo preconceituosa que inclusive veio da Chloe. Não gosto daquela garota. Como já disse, realmente estava um Fuzuê  dentro da sala. Isso até a prof dar um basta. 

_SILÊNCIO -Ela gritou- Han han, - Limpou a garganta- Digo, silêncio por favor, deixem o colega de você se apresentar.

Mano, a Chloe não parava de falar mal do moleque e tals, que não queria outro mimadinho na sala, e blá blá blá, mas ela é o que afinal? Sério, me dá nos  nervos pessoas assim, que julgam aos outros mas não se olha no espelho até porque  se ela fizer isso, né amor, o espelho quebra. Mais Ok, tava ela lá, falando mal do pobre coitado até a prof mandar o garoto entrar e ela ficar de boca aberta com sua beleza. 

_Obrigado pela compreensão -Concluiu ao nos ver quietos.- Bom, pode entrar e se apresentar para a turma.

Então ele se posicionou ao lado da prof e começou a falar, sem nenhuma timidez ou vergonha..

_Olá Pessoal, eu me chamo André Marquez, tenho 17 Anos, e espero me dar bem nessa turma. 

Clhoe ainda de boca aberta já ia se aproximar do garoto pra dar seu Showzinho mais eu sou eu né, sem contar que a Mari também é esperta e o André percebeu logo e se esquivou.

_Oii, André, seja bem... - Ela nem chegou  terminar e ele a interrompeu.

_Só um instante  - Se afastou.
              _ Raquel, Dupain?!! Que bom que te encontrei, eu sabia que a gente ia ficar na mesma sala.- Clhoe só olhou incrédula enquanto ele corria em minha direção.

_ André, meu amoor, que saudade! -Brinquei e me joguei em seus braços. Ele me rodopiou, e todos ficaram olhando o nosso surto de amizade até ele perguntar :

_Cade a Mari?! -Apontei pra trás.

 

Pov's Marinette:

_Amor, você conhece ele?!! -Adrian Sussurrou ao meu ouvido. 

_Obviamente que sim né, não viu que ele disse o nome dela? -Alya concluiu.- Amiga, que boy mara é esse? Ele é um gato de marca maior. Nossa, nem pra apresentar pras Amigas heiin?  Porque nunca me disse Nada?.

_Pois é, porque nunca disse nada?- Adrian perguntou ciumento.

_Ele é lindo mesmo né Alya, realmente é um amor de pessoa ainda mais depois que se conhece.

_Percebe-se. -Disse Alya suspirando e me fazendo rir.

_Eu ouvi isso  -Disseram Nino e Adrian.

_Nino, Para que a gente nem tem, não teve e possivelmente nunca vai ter nada a ver- Alya disse na cara dura.

_Adrian, não começa Ok?! Você viu o que aconteceu esse fim de semana por conta dessa sua desconfiança né? Aliás, eu conheci ele no tempo que morei no Brasil, á muito tempo atrás, nem tinha porque citar, nem achava que veria ele  novamente, principalmente aqui em Paris.

_Affs- Bufou - Nem falo mas nada.
_É melhor nem dizer nada mesmo se for pra ter uma DR aliás, o menino tá vindo falar comigo e eu não quero parecer mal educada ou ignorar uma amizade de Anos por  ataques um namorado ciumento.


_Ok, desculpa! -Abaixou a cabeça- Voce tem razão, não faço  mas.


_Voce não precisa pedir desculpas, só não ficar bravinho a toa. Poxa, não tem motivos pra isso eu posso ter mil amigos que nenhum deles ocupará o seu lugar. -Quase nos beijamos mais lembramos que estávamos na sala.

Pov's Nino : 

 
Qual é, Alya precisava mesmo ser mal educada daquele jeito?  Eu sei que errei, realmente nunca fomos mas do que amigos, e muito mal nos falamos na sala de aula, mas sei lá, mano. Eu não controlei, simplesmente saiu. Assim, do nada sem esperar. Eu não tinha preparado nada, longe de mim, gostar da Alya. Quer dizer, querer controlar ela e tals mas não sei, uma onda de sentimentos invadiu o meu peito. Não gostei de vê-la falar assim de alguém que nem conhece.


            _ É, realmente é só amizade mesmo! - Respondi seco.

_Que bom que sabe disso. - Retribuiu no mesmo tom ignorante de antes.

_ Realmente é muito bom saber que nada nunca vai mudar entre a gente. Foi mal ai, se fiz parecer o contrário. Não foi minha intenção quero dizer, eu e voce, Ce sabe nunca daria certo até porque, eu to namorando. - Menti.

_Aaah, que legal. Um dia vamos sair em quarteto então, ai eu te apresento O...-A interrompi.

_Quem? -Perguntei atencioso a cada palavra que seria dita.

_Ooh, Daniel, um garoto super fofo que me pediu em namoro esses dias. Mas... Fala aii, como é sua namorada? Aliás, ela tem nome?
        _ Tem sim e é Luna. -Nem é verdade, citei a primeira pessoa que me veio na mente. E ficamos assim, falando desse assunto até a prof pedir silencio


Pov's Alya : 
Rhuum, é mole?! O Nino querendo mandar em mim. Cara, até parece que eu vou deixar. Mano, nem é nada meu. Além de amigo óbvio, pra ficar assim, de mimimi ao me ver falar do boy magia lá. Fui grossa com ele eu sei, mas não sou de pedir perdão aliás, ele veio com um papinho que tava namorando  e eu que não ficaria atrás. Inventei um nome. Melhor dizendo, eu disse o que me veio na mente. O Dani me mata. Em fim, ficamos assim até a prof pedir silêncio mas ainda assim, me surpreendi ela estava boazinha hoje e até deu um tempinho pro André falar com a Mari já que antes havia falado com a Kell.

 

Pov's Marinette :

JURO, me surpreendi a prof tava legal hoje de até um tempo pro André falar comigo. Ele veio até mim, me abraçou, me sacudiu bagunçou meu cabelo , sério não sei como não perdeu essa mania e me beijou na bochecha e todos olharam igual aconteceu com a Kell logo após isso, a prof falou :

 

_Percebi que já conhece alguns colegas da classe. Isso é bom, assim não fica sozinho. 

_Conheço sim, professora. São as minhas maninhas.-Ele sorriu.

_Ok, pode se sentar que a aula já vai começar.

_Eii, Andy -Pelo que percebi Raquel tava provocando alguém- Cê pode sentar comigo. Como voltei a estudar na sexta,ainda estou sem dupla. Quer dizer, ele pode né Prof? -Falou toda meiga fazendo todos rirem.
       _Pode sim, Raquel, assim vocês não ficam sem dupla. Bom, chega de papo e vamos iniciar a aula.


Pov's Raquel :
 
A aula começou e nem  tava tão chata. Logo logo acabou e fomos liberados. André já conhecia a escola mais ou menos e me apresentou. Na verdade a mãe dele já trabalhou aqui como professora e ele vinha ve-la, as vezes até ficava para uma partida de  Fute com os garotos. nenhum dos nossos colegas de classe o conhecia ou, pelo menos foi o que pareceu mas ele já tinha conhecimento de uns playboys mas antigos na escola, como inclusive o líder que comanda o time e foi ver se ele  consegue uma permissão pra mim entrar porque se não, ah, parceiro, a chapa vai ficar quente......  To Amando essa escola,  assim foi o nosso dia. Aluno novo e Muitas tretas.
                             

 


Notas Finais


Espero não estar devendo nada e que o capítulo tenha sido no mínimo Satisfatório. Beijos meus amores, fondue de chocolate com Morango pra vcs e é isso até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...