História Miraculous-Segredo Revelado - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Hawk Moth, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabrina, Tikki
Exibições 188
Palavras 3.029
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Fantasia, Romance e Novela, Super Power
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oii leitores!
Desculpa o atraso mais mesmo assim espero que gostem!
Obrigada por lerem...E muitos mistérios por ai à serem revelados!
Então boa leitura!

Capítulo 18 - Segredo Revelado-Mistérios


Fanfic / Fanfiction Miraculous-Segredo Revelado - Capítulo 18 - Segredo Revelado-Mistérios

                    (Marinette)

Depois que almocei,eu fiquei horas e horas andando para o lado e para o outro querendo pensar em um jeito para não deixar Paris sozinha no Halloween,a Tikki já estava agoniada de me ver tão pensativa que ela fala:

- Marinette fique calma,eu sei que você está com medo de deixar Paris sozinha mas ainda vai ter um jeito,eu sinto que vai!

Realmente eu estava muito preocupada com isso mas foi como a ela mesmo falou,eu tenho que me acalmar!
Ela também falou que eu precisava esfriar a cabeça e foi quando resolvi me transformar e sair um pouco em Paris.
-Tikki transformar!
Me transformei e logo fui com meu ioiô sobre os prédios e casas,eu estava pensando também sobre tudo que o Mestre Fu falou para mim quando eu entreguei o livro para ele.
Bom fazia tempo que eu não pensava nisso,ficava me preocupando com Chloé,Adrien,com as minhas obrigações como Ladybug e até ficava pensando sobre o Chat Noir ser o Adrien.
Tipo,eles não tem nada a ver um com outro,o Adrien é..é...inexplicável!Enquanto o Chat Noir só sabe dar em cima de mim,fica fazendo as suas piadinhas de gato,mas eu não posso negar que ele faz a obrigação de ser o super herói que ele é,me ajudando e ajudando os cidadãos de Paris.
Agora falando em Adrien,eu estava tão pensativa e quando eu percebi estava perto da janela da sua casa!
Quando me dei conta disso eu olhei para o lado e para a minha surpresa ele também estava olhando fixamente para mim,ouve então aquela troca de olhares e quando menos espero ele me chama.
Achei que ele precisava de algo sério,quando eu chego mais perto de sua janela eu com muita vergonha pergunto:
-É...Olá Adrien,v-você está precisando de ajuda com alguma coisa?
Ele então fala meio tímido:

- Ah não eu só...só queria te dar um "oi" porque não é todo dia que a Ladybug está na minha janela.

Eu e ele ficamos com muita vergonha,não sei o porque do motivo dele mas eu sei o meu motivo de ficar nervosa por causa dele.
Como ficar perto dele sem ter vergonha,com todo aquele charme?
Espera,o que eu estou falando!
Eu estou dando um de Chat,falando tudo o que vem na cabeça kkkk!
Enfim,resolvi quebrar um pouco o silêncio que estava se formando  falando:
-Bom,das outras vezes que eu vim aqui foi por causa de um akuma mais hoje eu estava precisando andar para ver como estava essa linda cidade,desculpa te incomodar e também acho que estou te atrapalhando!
Ele falou uma coisa que eu jamais pensei que eu iria ouvir,ele falou que eu não estava atrapalhando ele e nunca atrapalhei e para completar ele ainda fala que foi bom de falar comigo!
Aii meuuu deus!
O Adrien gosta de falar comigo,quer dizer como a Ladybug,é talvez pode ser que ele goste de falar comigo como Marinette também mas ele foi tão fofo com a Ladybug.
Eu fiquei super vermelha(uma coisa que eu sempre faço quando recebo elogios)e ainda um elogio do Adrien!
Quando eu ia embora ele me interrompe me perguntando se eu iria voltar lá mais vezes.
Na hora eu pensei que iria travar a língua ou até mesmo desmaiar,eu apenas queria saber se ele realmente tinha falado aquilo!
Óbvio que eu dei um pequeno deslize gaguejando,mais no final eu falei que tudo dependia do perigo de Paris e talvez eu voltaria lá!
Agora só para eu dar uma de bobona,eu falei isso e ainda dei uma piscadinha para ele e sai!
Até que eu gostei de falar com ele,gostei de ficar sem pensar naquilo tudo sobre a minha viagem para Xangai.
Fui embora com um sorriso do tamanho da Torre,calma,nem tanto mas eu fiquei muito feliz de falar mais cedo com o Adrien sendo Marinette e ainda mais ter falado com ele como Ladybug!
Na minha casa,me destransformei e bem na hora que voltei a ser a super desastrada de sempre eu tive a ideia de falar com o Chat Noir sobre eu não estar em Paris no dia 30 e 31.
Será que iria dar certo?
Eu apenas precisava de um Akuma ou uma emergência para falar com o meu gatinho.Aliás,falando nisso,ele parou de dar aquelas"visitinhas"para a Marinette kkkkk?
Ah,ele deve ter até esquecido que ele"é meu novo amigo" pois com certeza ele é preguiçoso quando não está transformado!

                         (Rafael)

Bom,hoje foi um dia realmente cheio de emoções,e graças ao meu plano e com a ajuda da Alya e do Nino conseguimos fazer a Marinette e o Adrien voltarem a ser amigos.
Quer dizer,amigos não,melhores amigos! Parece que a amizade entre os dois ficaram até mais forte,ele até começou a abraçar ela!
Hum...Sei não...Acho que esses dois vão ter muito mais que amizade,além desses dois,Alya e o Nino agora estão mesmo juntos!
Estou muito feliz por eles, mesmo não conhecendo eles à muito tempo,já estava na cara que iria dar em namoro!Enfim,chegando na casa dos meus padrinhos,minha madrinha logo fala que havia um telefonema para mim quando eu atendi pensando que era alguém aqui de Paris e falei:
-Olá,quem está falando?
Minha prima de Xangai estava me ligando,ela também falava francês e resolveu falar comigo sem ser na nossa língua natal:

-Olá,Rafa! Aqui é a Lala,que saudade que estamos de você! Está tudo bem ai?

Nossa! Fazia tempo que eu não falava com a Lala,o nome dela é Laura mais sempre falei o apelido dela "Lala",ela também já conheceu a Marinette,todos nós brincávamos juntos e as duas eram muito mais que amigas ficavam parecendo até irmãs quando a Mari foi para Xangai!
Fiquei surpreso dela ter me ligado assim de repente,eu falei que estava bem e perguntei a causa dela me ligar e ela respondeu:

-Rafa,eu sei que você está ai fazendo o intercâmbio mas você sabe que todo Halloween rezamos pelo nosso tio-avô que sumiu nesse mesmo dia e até comemoramos vendo os desfiles e lendas...
Acho que você podia vim para dar uma força para a nossa família não acha? Pelo menos a vovó está morrendo de saudade de você!

Ah,é verdade,nosso tio-avô sumiu já faz 4 ou 5 anos,ele possuía muito conhecimento por tudo sendo na história,na medicina,em todas as áreas e de repente ele sumiu misteriosamente no dia do Halloween.
Eu realmente precisava ir para lá visitar meus avós,primos e tios,e até quem sabe levar meus padrinhos e a Marinette para visitarem lá novamente!
Convidei eles e eles acharam ótima ideia e até iriam falar com a Mari sobre isso...
Depois que eu também falei com ela,percebi que ela estava muito animada para ir a Xangai novamente!
Como de costume,depois dessa notícia, ela subiu para o seu quarto e ficou lá um bom tempo. Eu acho que para ela ficar esse tempo todo no quarto,só podia estar tentando tentando aprender chinês kkkk
Mas depois dessas horinhas,ela desceu e até foi jogar vídeo game comigo e com o padrinho Tom,eu imfleismente perdi mas eu tenho certeza que foi roubo da Marinette!
Não valeu e é claro que eu perdi,eu estava com dor de cabeça e deixei a Marinette ganhar. Eu ainda vou pedir revanche e ainda vou ganhar!

                         (Adrien)

Bom,depois que eu fiquei lá pensando na visita da Bugboo,eu resolvi descer para perguntar para o meu pai o que eu definitivamente iria fazer em Xangai.
Desci e quando estava prestes a entrar em seu escritório ele fala com uma voz bem estranha e resolvi apenas escutar:

-,Se eu for para lá,ninguém vai me deter,eles não estarão lá e depois que eu conseguir eu vou resgata-la!

O que meu pai estava falando?
Quem não iria estar lá?
Ele iria resgatar quem?
Não estava entendo mais eu sabia que tinha alguma coisa muito séria acontecendo,eu fiquei ali,parado e escondido perto da porta só ouvindo aquela conversa!
E quando ele ia falar mais alguma coisa a Nathalie chega e fala:

-Adrien,o que você está fazendo?
Já fez suas obrigações?

Ah a Nathalie tinha chegado bem na hora e me atrapalhou ouvir,eu precisava dar uma resposta o mais rápido possível mais nem sabia o que dizer.
Então escapa algumas coisas da minha boca:
-É...Sim mas,eu estou procurando o meu...meu...livro!
Adrien porque você falou livro?
Ai se ela desconfia que fui eu que sumi o livro do meu pai,e ainda mais eu não gostaria que ela soubesse que eu escutei o que meu pai tinha falado aquelas coisas estranhas!
Ela então falou:

-Já encontrou? Seu pai não gosta que você fique atrapalhando-o no escritório dele. Agora Adrien pode descansar em seu quarto,qualquer coisa eu irei entregar o seu livro!

Essas regras do meu pai são as piores que existe,sempre me prendendo,me isolando,não me deixa a vontade nem na minha própria casa!
As vezes ele é duro de mais,graças ao desaparecimento da minha mãe ele ficou assim,sem graça,sem coração.
Ainda iria investigar essas histórias por trás desse mistério todo,e quando eu descobrir espero não ser uma coisa muito séria!
Subi novamente para o meu quarto e Plagg fala:

-Nossa Adrien,o que você acha que o seu pai estava falando? E outra coisa,cadê o meu queijo?

Pela primeira vez eu achei que o Plagg estava mesmo preocupado com essa história,mas parece que sua fome fala muito mais alto!
Eu então respondi:

-Plagg eu também não sei,mas eu ainda vou saber,e você não se cansa de comer não?

Ele fala novamente:

- Não mesmo! Como posso parar de gostar do meu Camembert? Ele é tão suculento,tão gostoso...

Ai,ai,ai,Plagg com essa obsessão por esses queijos fedorentos,tive que dar o queijo para esse buraco sem fundo que é o Plagg e fui me deitar logo cedo depois de ler os livros que meu pai "acha" que são bons para o meu futuro.
Pelo menos algumas coisas me fizeram alegrar hoje,mais eu não tirava esse mistério da cabeça que eu vou desvendar sobre o Gabriel Agreste!

                    (Marinette)

Eu fui lá em baixo e conversei um pouco com o Rafa,com minha mãe e até joguei um pouco de vídeo game com o meu pai,o Rafa achou que poderia ser melhor que eu,mas o que ele não sabia é que eu fui treinada com o melhor treinador que existe!
Ele perdeu 5 vezes seguidas e ainda falou que não se lembrava que eu era tão boa assim!
Depois que jantamos,eu estava cansada e fui tomar meu banho,vesti meu pijama e me despedi deles para dormir,dei boa noite para a Tikki que também apesar de não ter lutado com nenhum akuma ou salvado nenhuma pessoa,estava muito cansada.
Os meus sonhos só eram akumas e akumas e akumas e mesmo que eu quisesse parar de sonhar com isso eu não conseguia.
No outro dia acordei até assustada pensando que algo muito grave iria acontecer mais depois de horas e horas nada tinha para a Ladybug e o Chat Noir entrarem em ação.
O dia passou tão rápido,acho que foi porque eu fiquei com a Alya o dia todo!
Fomos para o parque com a Manu,depois nos duas fomos aos museus pois depois que a Alya ficou sabendo que a Ladybug já existia desde a época do faraó ela quer saber mais e mais sobre história e também quer investigar se tem alguma coisa da Ladybug envolvida com todos os acontecimentos do passado...
O que ela mal sabe é que a sua melhor amiga e a sua super heroína favorita e é meio estranho não poder contar quem realmente sou!
Aii só de saber que amanhã tinha aula eu já fiquei com dor de cabeça,tinha que ver a Chloé e a Lila,ou seja,aquelas duas mentirosas!
Com certeza as duas vão achar que eu e o Adrien ainda estamos brigados,mais a única coisa que eu queria é que o Adrien falasse com a Chloé sobre essa mentira que conseguiu me deixar brava e triste e graças ao meu conhecimento de que eu podia ser akumatizada eu ficava me contendo e tentando ser alegre.
Enfim,eu e a Alya ficamos o dia todo juntas e quando fomos para casa eu resolvi falar sobre a minha viagem para Xangai:
-Sabe Alya,no dia do Halloween eu estarei em Xangai visitar meus parentes,quer dizer eu vou um dia mais cedo,eu acho,então...O que você acha sobre o 1°Halloween sem a sua melhor amiga?
Ela ficou muito feliz,ela disse que Xangai seria uma ótima viagem para mim e disse que não iria se importar deu ir para a China.
Aii pelo menos a Alya não iria se importar,mas eu acho que um certo gatinho preto não vai dar conta do recado de ser super herói sozinho sem a sua "Lady",quer dizer,não que eu seja dele,quer dizer eu sou mas...Hum..porque é tão difícil de explicar?
Depois que ficamos mais algumas horas conversando a minha melhor amiga foi embora pois já estava tarde,eu mal tinha falado com a Tikki,e mal tinha derrotado um akuma.
Ai que coisa!
Todos os meus pensamentos e diálogos tem algum akuma envolvido!
O que será que vai acontecer assim de tão sério para eu ficar vidrada em akumas?
Minha mãe me chamou para jantar mas não estava com fome,então apenas fiz o resto das minhas tarefas e fui costurar um pouco...
Enquanto eu costurava a Tikki foi comendo o seu cookie,e quando me dei conta dormi ali mesmo.
Acordei super atrasada com o meu despertador tocando,o Rafa gritando e eu tentando me arrumar!
Eu coloquei então escovei meus dentes o mais rápido possível e também me vesti bem rápido, a Tikki me ajudou com os materiais,despedi dos meus pais e fui correndo com o Rafael para a escola.
No mesmo local onde eu vi o meu primo pela primeira vez,eu cai e minha mochila tinha ficado pouco aberta,e então os meus livros,cadernos e tudo que estava lá dentro ficou espalhados na calçada!
Rafa e eu corremos e fomos arrumar novamente os meus materiais e como ele é muito engraçadinho aproveitou e falou:

-Mari,mari você nunca se cansa de ser desastrada nos momentos mais importantes né Rainha Super Desasatra!

Esse Rafa,as vezes até parece com o Chat Noir fazendo essas piadinhas,eu estava terminando de arrumar e aproveitei respondendo:
-Rainha Super desastrada não! Rainha super atrasada também,agora vamos antes que o portão feche!
Eu só sei que quando chegamos faltavam menos de 30 segundos para começar a aula e quando entramos na sala na correria a "minha amiguinha"Chloé resolve abrir sua matraca:

-Nossa! Pensei que só a Marinette bobona conseguia chegar atrasada mas vejo que isso é de família né Rafael? Que linda a sua "jaquetinha mixuruca" está até do avesso para ver se fica melhor!

Ela começou a dar risadas e todo mundo também começou a rir,exceto a Alya,Nino,Adrien e Rafa.Foi me dando aquela vergonha e quando eu ia responder aquela metidinha o Rafa me fala para não dar bola para ela...
A professora então fala para todos se calarem e pede para eu arrumar minha jaqueta,porque a Chloé tinha que falar justo naquela hora?
Eu e Rafa nos sentamos e tentamos prestar atenção na aula.

                        (Adrien)

Depois de várias e várias leituras,eu logo dormi e acordei no outro dia,domingo foi um dia muito corrido,fui para o Basket,para competições de esgrima e depois o meu pai me forçou a estudar com a Nathalie o meu Chinês!
Praticamente o meu dia foi cheio de coisas que me cansou muito,segunda feira acordei como um dia normal,fiz minhas obrigações de manhã como de costume e fui para a escola,a Chloé já estava lá mais eu ainda não podia falar o tudo que eu havia para falar perto de todo mundo,não queria deixar ela "humilhada"
Ela veio me cumprimentar com a Lila e eu fiquei sem reação para fugir dali rapidamente,ela então fala:

- Oi Adrienzinho meu lindo! Como você vai? E seu pai?

Hum...A Chloé perguntando sobre o meu pai? Que estranho,por acaso ela quer alguma coisa com ele?
Eu só falei que estava bem e ela veio me dando beijo na bochecha.A Lila ficou meio sem graça e apenas disse "oi" e eu até retribui dizendo a mesma coisa.
As vezes eu não consigo ser duro ou rancoroso,só não achei o que a Chloé ultimamente está fazendo,como humilhar as pessoas,tratar mal todos,e desde do começo eu tento dar chances para ela.
Ainda mais que ela fez isso comigo e com a Mari,ela não suporta a Marinette mesmo,falando nela,depois que faltava segundos para a aula começar ela e o Rafa chegam atrasados e lógico que a Chloé não deixou barato e falou os defeitos que estavam nos dois.
Enquanto todos riam menos eu,Nino, Alya,Rafa e Mari,conseguia perceber que a Marinette ficava muito muito cansada de tudo isso e nem consigo imaginar todos os anos que as duas estudaram juntas!
Os dois se sentaram e ficaram prestando atenção na aula,a minha melhor amiga foi arrumar a sua jaqueta e de tanta vergonha nem me cumprimentou!
Apenas quando deu o intervalo,estava ela com a Alya sentadas no banco,eu me aproximei disse:
-Oi Marinette! Oi Alya! Tudo bem com vocês?
A Alya respondeu normalmente enquanto ela respondeu toda nervosa:

- Oli..quer dizer olé..quer dizer Olá!

Eu então falei para a Mari:
-Mari,é...Eu vi o que a Chloé fez com você e o Rafa mas eu vou falar com ela OK?
Ela então sorriu e a Alya começou a dar pequenas risadinhas(eu não sei a causa) e a Mari respondeu:

-É... Era o que eu queria! Não,não é que eu queria que...você sabe né? Na verdade eu...eu...estou feliz por que  você vai falar com ela!

Bom,mesmo as vezes que eu não entendia quase nada quando ela falava,eu sabia que ela continuava sendo fofa tentando me agradecer.
Ela realmente consegue ser gentil em todas as vezes,eu então falei para ela não ligar para a Chloé que realmente eu também estou cansado dela tratar todos assim e eu iria ser sincero na minha conversa com ela.
Ah é...Eu ainda precisava falar para eles sobre a minha viagem para Xangai mais queria que todos ficassem sabendo um pouco mais tarde!
Enquanto eu terminava de falar com as meninas,a Lila estava me olhando com um olhar bem fixo parecendo que queria me tirar dali.
Sabrina e Chloé estavam andando juntas e resolvi até me afastar e procurar os meninos para não começar a minha conversa com a loirinha!


Notas Finais


Obrigada por lerem!
Até o próximo capítulo!
Beijos!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...