História Mirrors - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Wynonna Earp
Personagens Nicole Haught, Waverly Earp, Wynonna Earp
Visualizações 41
Palavras 1.342
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Sobrenatural, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - Cristal


Fanfic / Fanfiction Mirrors - Capítulo 3 - Cristal

 

Purgatório era sem sombra de dúvidas um lugar místico, o próprio nome ja dizia muito sobre o que existia ali, mas no meio desse inferno de Dante criado em Purgatório, um amor tão puro quanto as nuvens do céu existia e neste amor puro estavam envolvidas Waverly, uma garota carinhosa, doce, inteligente e um pouco emotiva, mas que sempre se preocupava em cuidar do bem maior de todos, mesmo que isso implicasse em ela perder algo, o altruísmo era realmente sua maior qualidade, disposta a sacrificar sua felicidade por um bem maior. Do outro lado havia Nicole, uma policial dedicada a cumprir o que o juramento cível era colocado, destemida e perdidamente apaixonada por Waverly desde o primeiro momento que a viu. O namoro das garotas era perfeito se não fosse por uma coisa: o atrapalho constante da irmã de Waverly, Wynonna no melhor momento e por conta disso, Waverly teve uma ótima ideia: Sair do campo de visão de Wynonna para ter o seu momento com a namorada.  

-Motel Holliday? Tem certeza que a Wynonna não sabe onde fica? - Perguntou Nicole saindo do carro. 

-Não tem como, fica quase no limite da cidade, e a Wynonna não conhece todos os cantos de Purgatório, conheci esse lugar em uma pesquisa a alguns anos atrás! - Comentou Waverly saindo do carro. 

Nicole pegou as malas, para a policial, apenas algumas camisetas, camisas e calças eram necessários, coisas que cabiam em apenas uma mala, mas Waverly não via as coisas de forma tão simples assim. Na recepção Waverly pegou a chave da suíte e Nicole com certeza imaginou que a namorada havia planejado tudo, afinal Waverly era uma planejadora. AO entrarem no quarto, Nicole ficou admirada, realmente aquela faixada horrível escondia um verdadeiro castelo por dentro. 

-Nossa, até o ar é mais leve aqui, nem parece que estamos em Purgatório! - Comentou Nicole guardando as malas. 

-Exatamente, e por isso temos que aproveitar cada minuto! - Falou Waverly puxando a namorada para um rápido beijo. 

O beijo que iria ser rápido, foi se acelerando e ficando mais intenso, mais fogoso. Waverly finalizou o beijo com uma pequena mordida nos lábios inferiores de Nicole. 

-Realmente, temos que aproveitar cada segundo! - Sussurrou Nicole. 

Waverly não deixou de sorrir ao comentário da namorada, Nicole era o primeiro relacionamento homossexual de Waverley, e como primeira, a pequena Earp queria experimentar tudo que podia.  

-Vou me trocar, não saia daí policial! - Falou Waverly rindo. 

Nicole riu da brincadeira da namorada, enquanto Waverly saia para o banheiro, Nicole decidiu arruma um pouco o quarto para elas, não que ele realmente precisasse. Algum tempo depois, Waverly apareceu chamando a atenção de Nicole que jogava um jogo em seu smartphone. 

-Demorei muito? - Falou Waverly abrindo o roupão e mostrando a bela lingerie branca. 

Nicole ficou boquiaberta, Waverly além de um sorriso lindo, tinha um corpo perfeito na visão da policial. 

-Nossa! - Exclamou Nicole. 

Waverly se aproximou da namorada e pegou as mãos da namorada, as colocando em sua cintura. A morena se encurvou um pouco e colocou as mãos sobre o pescoço da amada e a beijou com todo o desejo que sentia pela namorada. As mãos de Nicole pareciam ter vontade própria e caminharam pelo corpo de Waverly, parando no bumbum da morena, onde a ruiva apertou calma e lentamente. Waverly sentiu aquele pequeno gesto como um convite e continuou a beija-la, a língua da morena pedia passagem e logo foi liberada, enquanto isso as mãos de Waverly percorriam a nuca de Nicole, e puxando lentamente o cabelo curto da namorada. Se existia sensação melhor do que essa, as duas ainda não haviam experimentado e isso que transformava a relação delas em algo além da imaginação. Um sorriso saiu entre os beijos das duas e Nicole quebrou o beijo; Waverly olhou preocupada ao ver a situação, talvez imaginando que a namorada não avia gostado de algo, mas logo percebeu que Nicole estava tão animada como ela, a ruiva pegou Waverly no colo e a morena voltou a beija-la, usou uma das mãos para apoiar o corpo proximo a nuca de Nicole. A policial a encostou na parede e o atrito entre a pele quente de Waverly e a cerâmica, fizeram a morena suspirar. AS duas voltaram aos beijos quando uma batida na porta as interrompeu. 

-Não pode ser! - Esbravejou Nicole. 

A policial desceu a namorada do colo e Waverly ficou um pouco afastada aguardando que a pessoa que estivesse atrás daquela porta talvez fosse quem ela não queria ver no momento. 

-Com licença espero não ter atrapalhado nada, esqueci de entregar a vocês o cardápio e falar algumas regras daqui que estão neste panfleto. - Falou a Recepcionista amistosa. 

-Ah obrigada! - Exclamou Nicole educadamente. 

-Espero que estejam gostando dos aposentos, e caso precise de algo não precisa me hesitar em chamar, meu nome é Cristal e o seu é Nicole haught certo? - Perguntou Cristal sorridente. 

-É isso! Prazer em conhecer, se precisar te procuramos com certeza! - Respondeu Nicole satisfeita. 

-Ótimo! Esse é o meu número particular, caso você precise de algo e a cozinha estiver fechada, não precisa me passar o seu, quando você mandar mensagem eu gravarei o seu! - Falou Cristal encostando-se na porta. 

Algo irritou Waverly e a morena saiu de trás da porta, ficando atrás de Nicole e com as pontas dos pês tentando colocar o queixo sobre o ombro da namorada. 

-Não se preocupe, se a minha namorada precisar de algo eu mesmo irei cuidar! Quando pesquisei sobre esse motel me falaram que os hospedes podiam fazer sua própria comida se quisessem! - Comentou Waverly. 

-Ah claro, isso também é possível, bom não pretendo atrapalhar mais vocês, boa noite para vocês! - Falou Cristal saindo. 

Nicole fechou a porta atrás de si e uma Waverly extremamente irritada apareceu cruzando os braços. 

-O que? - Perguntou Nicole. 

-Como o que? Não reparou que aquela mulher estava flertando com você? - Esbravejou Waverly. 

-Waves você só pode estar louca, ela foi gentil apenas isso! - Disse Nicole sorrindo do ciúmes da namorada. 

-Gentil? Fiquei esperando ela te passar o número do quarto dela para você! - Falou Waverly irritada. 

-Waves, nenhuma garota me interessa além de você! - Falou Nicole puxando a namorada para um beijo. 

Waverly tentou sair dos braços de Nicole, estava irritada com a namorada, como ela poderia ter dado tanta atenção para outra garota que não fosse ela? Mas para a infelicidade de Waverly, Nicole não era apenas mais alta, era forte também e logo a morena percebeu o quanto invalido seria tentar lutar mais. 

-Se resistir mais terei que prender você por desacato a uma agente policial! - Exclamou NIcole puxando a namorada para si. 

Waverly não resistiu, e beijou a namorada apaixonada, os lábios macios de Nicole era um convite para um paraíso que Waverly adorava ir. As línguas se tocaram e o beijo foi se transformando em mais íntimo e apaixonante. Nicole a pegou novamente no colo e dessa vez a colocou sobre a cama, a morena que estava irritada, agora sentia o quanto aquilo estava sendo sexy. Nicole começou lentamente beijando o pescoço de Waverly, subindo apenas para colocar o lóbulo da orelha de Waverly em seu lábio e morde-lo lentamente fazendo um estrago na pequena Earp. A ruiva sentiu as mãos de Waverly por todo o corpo dela, querendo desesperadamente toca-la, Nicole decidiu que era hora de investir mais pesado e desceu os lábios até os seios que pareciam que haviam sido feitos apenas para ela, colocou um em sua boca e o sugou enquanto sua outra mão acariciava o outro. Instantemente Waverly colocou uma das mãos sobre a cabeça de Nicole, causando mais fricção entre o seio e automaticamente deixando algo mais úmido mais abaixo. Depois de algum tempo dando apenas atenção aos seios da namorada, Nicole desceu os lábios sobre o tórax desenhado da namorada, porem uma outra batida na porta atrapalhou as duas novamente. 

-Não acredito! - Gritou Waverly. 

Irritada Nicole levantou-se e foi atender a porta



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...