História Missão impossível ~ Imagine Suga BTS - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais, Suga
Tags Romance
Exibições 291
Palavras 652
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem

Capítulo 13 - Tudo ia bem


Fanfic / Fanfiction Missão impossível ~ Imagine Suga BTS - Capítulo 13 - Tudo ia bem

Depois de tudo o que aconteceu, eu e Suga estávamos super bem, ele ainda tinha ciúmes do Jin, mas tive que me afastar de Jin por causa do ciúmes dele, Monique parou de me provocar, depois da surra dela. E finalmente Jin começou a se tratar fiquei feliz por ele. 

Suga e eu estávamos namorando escondido, meu pai nunca iria permitir, estávamos 2 meses juntos. E nisso meu pai nunca descobriu, minha mãe sabia e me apoiava porque quando ela e meu pai eram jovens eles namoravam escondidos, e por causa disso minha mãe engravidou. Mas ela sabe que Suga me respeita. Mas mal ela sabe que eu e ele já tivemos relações. 

O tempo foi passando, e eu e Suga estávamos indo para o 3°ano, e não sabíamos para qual faculdade íamos, ainda estamos juntos, durou muito tempo quase 3 anos, até que certo dia eu resolvi sair a noite, e meu pai estava me seguindo, só que eu não vi, eu estava indo ver Suga. 

- Oi amor : disse Suga me abraçando. 

- Oi meu amor, eu cheguei cedo hoje viu? : disse beijando Suga. 

Até que senti alguém saindo do arbusto. 

-MAS QUE MERDA É ESSA AQUI? :disse meu pai saindo do arbusto. 

- Suga Vá embora : disse expulsando Suga. 

-Não! Temos que enfrentar ele, Você sabe que se você não enfrentar agora ele nunca vai permitir: disse Suga entrando na minha frente. 

- quem é você garoto? O que faz com a minha filha? : disse meu pai puto da vida. 

- Eu sou namorado dela! Namoramos quase 3 anos e eu amo sua filha: disse Suga. 

- Não por favor : disse sussurrando 

- Você  está maluco? Eu não posso acreditar, venha! Vamos pra casa________: disse meu pai me puxando pelo braço. 

- Eu não vou!, o senhor vai me permitir, porque eu amo ele! : disse me soltando do meu pai. 

- você está de brincadeira? Vamos para casa agora! Você vai saber o que é bom pra você! Vai morar com a sua tia bem longe daqui : disse meu pai falando sério.

- Não por favor não leva ela embora : disse Suga desesperado. 

-Suga me perdoa, eu vou voltar : disse sendo puxada pelo meu pai e chorando. 

Meu pai me puxou pelo braço e me levou para casa, Chegando lá ele me jogou novamente no sofá, minha mãe desceu as escadas. 

- mas o que está acontecendo aqui!? : diz minha mãe gritando. 

- Mãe ele descobriu tudo!!: digo chorando. 

- Descobri? Então quer dizer que você sabia? Você apoiou ela nisso? : diz meu pai mais puto ainda. 

-Calma filha vai ficar tudo bem : diz minha mãe me abraçando. - Você não tem coração, você não pode proibir ela de amar, ninguém manda no coração! : diz ela brigando com o meu pai. 

- mas ela mora comigo, enquanto ela estiver na minha casa ela vai obedecer às minhas ordens! : diz ele gritando com a minha mãe. 

-Abaixa seu tom! Minha filha não merece isso, acho melhor ela ir para a tia dela, por que assim ela não convive com você, e pode ter certeza que quando ela voltar ela vai sim namorar com o garoto! E vai esfriar essa cabeça!  : diz minha mãe apontando o dedo no rosto do meu pai. 

-Vamos ver então : diz meu pai saindo de casa e batendo a porta. 

-Mãe Aonde Ele vai? : digo me levantando. 

- ele vai esfriar a cabeça minha filha, desde a morte do seu irmão ele se tornou assim. Mas fique calma, o melhor a fazer agora é ir para a sua tia, e ficar lá até a poeira abaixar, eu sei que vai ser difícil, mas vou falar com Suga e ele vai entender : diz minha mãe me abraçando. 

- Mas mãe... Tudo bem eu vou : digo abraçando ela e subindo. 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...