História Missão SS: Colar Da Destruição - Capítulo 4


Escrita por: ~ e ~Romendy7836

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Acnologia, Angel, Aquarius, Aries, Cana Alberona, Câncer, Capricórnio, Carla (Charle), Chelia Blendy, Erza Scarlet, Frosch, Gajeel Redfox, Gildartz, Grandine, Gray Fullbuster, Happy, Igneel, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Juvia Lockser, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Minerva Orland, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Personagens Originais, Sting Eucliffe, Virgo, Wendy Marvell
Tags Fairy Tail
Exibições 28
Palavras 749
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Shounen, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Boa leitura

Capítulo 4 - Lembranças dolorosas


Fanfic / Fanfiction Missão SS: Colar Da Destruição - Capítulo 4 - Lembranças dolorosas

Pov's Lucy
 

Primeiro dia de aula e conclusão: Não quero mais ir para a escola, nesse mesmo momento me encontrava no meu quarto, procurando algum sinal de quem está atrás de nós e não achei nada, mas achei uma coisa boa pra mim AS KILLERS SÃO AS ASSASSINAS SS, fechei meu notebook e olhei para minha penteadeira, atrás do espelho tinha uma caixinha, peguei e a abria revelando o colar de dragão cujo poder era avassalador, bem eu não acredito muito nisso! Vivemos em um mundo onde magia não podem existir, peguei o colar e passei a mão por ele me lembrando de tudo, por que eu fiz isso?

-Maldito Colar – guardei o mesmo na caixinha e sai de perto

voltei para minha cama e fiquei fitando o teto branco, lembrando da porra do Sting, da minha mãe, do meu pai, dos meus “amigos” que me abandonaram, que vida eu tenho! Bufei e escondi minha cabeça no travesseiro ficando de bruços na cama lembrando do meu passado

Lembrança on
 

Jude- Filha você vai se casar com Sting, pois ele é rico e precisamos de dinheiro para manter nossa empresa e ultrapassar as Exceeds, a empresa Celestial deve ficar em primeiro

Eu- por que você não se casa com ele?

Jude- Cadê seu respeito garota?

Eu- Morreu- dei de ombros – Junto com a minha mãe

Jude- Já pedi para não falar isso!

Eu- eu falo o que eu quero, você a muito tempo não manda mais em mim!

Jude- Estou cansado de você! Você irá sim! Se casar com Sting

Eu- não, não vou, não irei, não quero!

Jude- Você não tem opção e nem opinião, EU MANDO EM VOCE!
 

Eu- VAI SE FUDER SEU VELHO

Sai correndo para o meu quarto o tranquei e em frente da porta empurrei mobílias, fechei as janelas e deitei na cama, fitando o teto e relembrando como odeio o Sting e agora? Casamento arranjado sem minha permissão!
 

Sting é um filha da puta, queria alguém aqui do meu lado e você seria perfeita mãe, mãe pera a EMA, ema foi minha segunda mãe, levantei da cama e peguei a roupa mais alegre que eu tinha, andei para o banheiro, tirei minha roupa calmamente, entrei no box ligando o chuveiro e deixando a água quente entrar em contato com a minha pele relaxando-a, sai do banheiro já vestida e sem perder tempo andei até minha janela abrindo e pulando a mesma, peguei minha faca e a chave da moto no arbusto, segui caminha até a garagem abria mesma silenciosamente, peguei a moto e sai com ele sem fazer nenhum barulho, quando já estava em uma distância boa acelerei e sai voando pelas ruas, Ema morava em um aparte afastada da cidade, então demorou um pouco

Cheguei em frente à sua casa e bati na porta, pensei que estava cordada pela luz estar acesa, bati na porta mais uma vez e nada em um reflexo olhei para a tranca e vi que estava quebrada, com uma mão segurei a maçaneta e com a outra peguei a faca, abri a porta em um movimento rápido, mas a única coisa que eu vi foi a minha outra mãe decapitada com um bolo em sua mão escrito Happy Birthday Lucy, lacrimas caíram de meus olhos, passei a mão pelo meu rosto estranhando a ação causada pelo meu corpo

Fiquei sem reação e a única coisa que podia fazer era voltar para casa


Lembranças Off

Acordei assustada e com medo, suava frio e tremia meu coração acelerado, olhei para fora da minha janela e vi que já estava de madrugada peguei meu celular e olhei o horário 3:00 eu dormi pakas, se Wendy e sua mãe não estivesse aqui eu estaria matando pessoas inocentes, me deitei novamente e virava de um lado pra o outro, forçava meu olhos a se fecharem o que não adiantou. Ouvi o som da minha porta se aberta olhei para a mesma e vi a figura de uma garotinha

Wendy- Lucy-san você está bem?

 Eu- Wendy, mais ou menos
Wendy- o que houve?

Eu- lembrei de coisas ruins
Wendy- quer que eu durma com você

Eu- adoraria

Fui para o lado esquerdo da cama, assim desocupando o direito, Wendy se deitou e em seguida me abraçou

Wendy -anjos não tem pesadelos
 

Eu - anjo de onde você tirou isso?
 

Wendy- Eu acho, você tem bom coração
 

Eu- Wendy- por um momento me veio a ideia de contar tudo para ela, mas deixe quieto – Obrigada
 


Notas Finais


Obrigada por ler
até a próxima
bjs com caramelo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...