História Missão SS: Colar Da Destruição - Capítulo 5


Escrita por: ~ e ~Romendy7836

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Acnologia, Angel, Aquarius, Aries, Cana Alberona, Câncer, Capricórnio, Carla (Charle), Chelia Blendy, Erza Scarlet, Frosch, Gajeel Redfox, Gildartz, Grandine, Gray Fullbuster, Happy, Igneel, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Juvia Lockser, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Minerva Orland, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Personagens Originais, Sting Eucliffe, Virgo, Wendy Marvell
Tags Fairy Tail
Exibições 27
Palavras 956
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Shounen, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Boa leitura

Capítulo 5 - Meu nome é Met


Fanfic / Fanfiction Missão SS: Colar Da Destruição - Capítulo 5 - Meu nome é Met

Pov’s Lucy

Acordei com dor nos olhos, com dificuldade abri eles e olhei para minha cintura onde um projeto de smurf estava agarrada, olhei para trás e vi outro projeto de pessoa, Erza também estava agarrada em mim assim como as outras garotas, todas espremidas na cama, dei um pequeno sorriso e com muita dificuldade sai da cama sem acordar ninguém o que foi muito difícil, fui até o armário e peguei uma calça jeans, blusa básica preta, um tênis cinza andei até minha penteadeira e nela peguei: meu relógio, meu brinco e colar de unicórnio, fui até o banheiro na ponta dos pés, entrei e fechei o mesmo, olhei para o espelho e vi a lucy de anos atrás a lucy chorona e fraca, passei a mão pelo rosto todo inchado, dei um leve suspiro e com delicadeza tirei meu pijama, andei até o chuveiro ligando o mesmo e deixando na temperatura Scorpions. Comecei a cantar uma melodia, 4 minutos depois sai do box, já enrolada na toalha, peguei meus maravilhosos produtos Ivone.

Sai do banheiro já vestida por completo, sai do quarto e vou até a cozinha peguei uma panela e uma colher de pau, voltei para o quarto, acordei Wendy por dó, após ver os objetos em minha mão deu um sorriso travesso e fez cinco com as mãos e eu concordei

5 minutos depois, Wendy aparece no quarto vestida e com 2 tampas de panelas, se dirigiu para o lado esquerdo da cama, mudei o horário do despertador e comecei a bater a colher na panela

Eu- ACORDA CAMBADA ESTAMOS ATRASADAS, VAMOS MENINAS!!
 

Foi tão engraçado todos acordaram no pulo se atropelando uma as outras, abrindo meu guarda-roupa e pegando meus acessórios, entraram como um furacão no banheiro e 3 minutos depois saíram com uma cara não muito agradável

Eu- o que houve?
Mira- Qual a graça?
Eu- graça?
Erza- você está rindo! E agora é exatamente 6:00 Horas
Levy- até você Wendy?
Wendy- me desculpe
Juvia- olha isso foi até bom!
Eu- como?
Juvia- não fizemos a lição
Erza- verdade

Saímos do quarto indo para a sala, onde nossas mochilas estavam.

1 hora depois havíamos terminado e foi exatamente no horário certo, andamos até a garagem demos tchau para a tia gradine e seguimos nossos caminho
Quando chegamos na escola vimos uma roda e eu me enfiei no meio com a Wendy em meus ombros, o rosado cujo nome eu ainda não conheço(mesmo ele estando na mesma sala de aula que eu)
Quem estava “brigando” com ele era um garoto de cabelos loiros e olhos castanhos, magrelo e usava óculos e o que aparentava ser ele era muito ruim em brigar, não conseguia se defender e muito menos bater, sua cara estava toda inchada e sangrando muito, entreguei a Wendy para a erza e como ele havia feito comigo eu parei a briga

Rosado- o que está fazendo?
Eu- Parando a briga
Rosado- me solta
soltei o mesmo e rapidamente socorri o outro, levando-o para a enfermaria

Loirinho- O-Obrigado
Eu-Que isso!
Loirinho-Serio mesmo
Eu- tudo bem
Loirinho- pensei que ia morrer
Eu- o rosado não mata nem uma mosca
Loirinho -Não é o que minha situação diz
Eu- Só vocês mesmo, senta ai, já volto

Sai pela enfermaria procurando a caixa de primeiros socorros, cara estava no ultimo armário, voltei segurando-a e com cara de santinha, sentei ao seu lado e comecei a fazer os curativos em seus machucados mais do que profundo e por conta disso demorei muito

Eu- Pronto múmia
Loirinha- Obrigado loirinha
Eu- sou lucy
Loirinho- Oh, prazer sou met
Lucy- prazer met, bem já cuidei de você to indo

Sai da sala acenando, andei pelo corredor que estava silencioso demais, virei no corredor entre o refeitório e as salas e acabei me deparando com uma cena nojenta, o rosado e a vaca estavam se comendo, passei por eles sem me importar virei na porta que levava para o pátio aberto, o lugar era realmente bonito e agradável vi as meninas em baixo de uma sakura

Juvia estava desenhando, Mira cutucando erza, Levy lendo e Erza comendo seu bolinho de morango, andei até elas e me sentei completando o circulo

Eu- oi meninas
Meninas-  oi lucy
Eu- o que me contam de bom?
Levy- tem detetives procurando por nos

Eu- serio?!
Mira- sim, eles estão estudando nessa escola
Eu- merda
Juvia- temos que descobrir isso antes deles!
Eu- sabiam que somos assassinas nível SS?
Erza- serio?!
Eu- incrível né, Voces tem dicas?
Juvia- são meninos, isso é uma dica?
Eu- de certa forma é
 

O sinal bateu e todos nos seguimos caminho para a sala, onde praticamente estava havendo uma macumba das doidas, o professor scorpio e a aluna Cana ( eu acho :/) estavam jogando cartas freneticamente

Eu- Ahhh, desculpe atrapalhar, mas a aula já começou
Prof- Oh, me desculpe, você venceu cana (é eu acertei)
Cana- hehehe já sabia disso

O  professor foi para sua mesa e fez um gesto com as mãos para entrarmos, concordei com a cabeça e andei para o meu lugar, que como sempre é na última carteira ao lado da janela. E para me prevenir peguei minha caneta permanente e escrevi bem grande na mesa
ESSE LUGAR PERTENCE A LUCY (LOIRINHA) Todas nos sentamos atrás menos Levy que sentou na frente do professor, Levy sendo Levy

O professor começou a explicar e estava bem fácil aprender, o que é inesperado vindo de uma lourinha como eu :/
A aula acabou e estava chata, porque quando você aprende algo aquilo fica chato e repetitivo, sai da sala me jogando no chão de joelhos

Eu- Aleluia Acabou!
Prof- isso quer dizer que você gostou da minha aula

todos nós rimos de seu comentário.


Notas Finais


Obrigada por ler
bjs da loli


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...