História Mistérios sem Fim - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Lay, Personagens Originais, Sehun, Suho, Xiumin
Tags Amor, Atração, Aventura, Bruxa, Coragem, Drama, Exo, Família, Feitiçeira, Feitiço, Força, Kpop, Magia, Medo, Ódio, Paixão, Poção
Visualizações 16
Palavras 1.130
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drabble, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Estou inspirada, então vamos para mais um *-*

Capítulo 7 - Fortes emoções


Fanfic / Fanfiction Mistérios sem Fim - Capítulo 7 - Fortes emoções

O dia amanheceu e Chanyeol foi para a casa das meninas para chamar Nahura para um passeio pela floresta, chegando lá ele encontrou Mahauf sentada no degrau da pequena escada que dava acesso até entrada na casa. 

- Bom Dia Mahauf,  Nahura está aí? 

- Você vai chamar ela para passear?  

- Eita, como você sabe disso? 

- Achei que você demorou pra assumir isso que está sentindo ai. 

- Caramba Mahauf. 

- Chanyeol seus olhos não escondem o que você sente. 

- Eu nunca senti isso antes, então é algo novo pra mim. E Nahura é uma pessoa muito especial. 

- Eu entendo você. Fica calmo e deixa tudo acontecer naturalmente. 

Ahn Yon saiu na porta cumprimentando Chanyeol e Mahauf.

- Bom Diaaa. 

- Ahn Yon chama avisa a Nahura que o Chanyeol está aqui, e que ela vai passear com ele. 

- Opa!! Pode deixar, ela ja vai vir. 

Nahura se arrumou e saiu na porta. 

- Você está tão bonita. Disse Chanyeol enquanto sorria para Nahura. 

- Obrigada. Nahura estava um tanto envergonhada. 

- Vamos?  Disse Chanyeol enquanto esticava sua mão para que Nahura colocasse a sua mão junto a dele. 

Eles foram caminhando pela floresta até que pararam em uma ponte que embaixo passava um pequeno riacho, e tinha algumas flores, enquanto Nahura estava alguns passos a frente, Chanyeol parou, pegou algumas flores e levou para Nahura. 

- São tão lindas quanto você. Disse entregando uma pra ela e outra ele colocou atrás de sua orelha. 

Nahura sorriu envergonhada e abaixou a cabeça. Chanyeol então pegou levemente o queixo de Nahura fazendo com que esse momento levantasse seu rosto. 

- Nahura, eu... ele não conseguia parar de sorrir. 

-  Seu sorriso é tão lindo. Nahura disse se aproximando de Chanyeol. 

Seus rostos estavam bem próximos e como lhe faltavam palavras, um beijo doce disse tudo o que ele precisava ser dito naquele momento. Foi um beijo cheio de amor e muita timidez. Afinal ambos nunca tinham se apaixonado e muito menos beijado. Chanyeol afastou seus lábios dos de Nahura, sempre sorrindo... 

- Me desculpe se fui rápido demais, não quero te assustar. 

- Chanyeol, eu sinto a mesma coisa por você. Desde a primeira vez que te vi, senti algo diferente, conforme o tempo foi passando eu fui gostando mais ainda de você, mas eu estava com medo de falar para você. 

- É recíproco Nahura. Disse Chanyeol enquanto abraçava Nahura e dava um beijo em sua testa. 

Enquanto isso... 

 No castelo de Kai, os guardas estavam indo até a floresta para treinar, como sempre faziam, treinaram durante um tempo, e depois cavalgando de volta ao reino, Sehun sentiu algo como se fosse uma picada, pensou ser um inseto qualquer e apenas ignorou. 

Os dias foram se passando e tudo parecia ir bem na vila, porém no castelo Sehun precisou ser afastado de suas atividades, pois o que parecia ser uma simples gripe foi se transformando em algo mais grave e nada conseguia curá-lo. Até mesmo Somin tentou fazer algo escondido de Kai e dos guardas, mas nada teve efeito e cada dia que passava ele ia piorando mais. 

Com Sehun afastado, D. O, Suho, Xiumin, Lay faziam a "vistoria" na vila. 

Mahauf, recebeu a noticia que sua amiga Talula estava muito doente, Talula também era uma feiticeira, mas infelizmente sua magia estava fraca, e somente Mahauf poderia ajudar ela. Imediatamente ela comunicou Chanyeol que iria sair por um tempo e que era para ele ficar de olho nas meninas. 

Mahauf emprestou um dos cavalos de Chanyeol, vestiu sua capa, se despediu das meninas, de Chanyeol e Minhee e viajou. 

Enquanto ela ia em direção aonde sua amiga morava, ela se perdia em seus pensamentos.....  

" Espero que não aconteça nada com minhas irmãs enquanto eu estou aqui ".  

Certo dia durante a "passagem dos guardas" pela vila, eles já estavam estranhando a movimentação estranha na vila, e tudo acontecendo desde que aquelas duas haviam chegado ali, porque até então eles não sabiam da existência de Mahauf. Então eles planejaram seguir as Ahn Yon e Nahura para ver aonde elas moravam e o que faziam lá. 

Nesse meio tempo eles comunicaram a Kai que tinha gente nova na vila, e que era suspeita pois coisas estranhas estavam acontecendo na vila. 

Lay por ser o mais asqueroso, tratou de seguir as meninas para descobrir aonde elas moravam, e quando descobriu, esperou elas irem até vila, e invadiu a casa delas e acabou vendo tudo o que Mahauf usava para fazer suas poções. Logo deduziu que Ahn Yon e Nahura eram feiticeiras. Ele saiu dali junto com D. O e Xiumin que estavam fazendo guarda na porta, e foram avisar Baek. 

- Encontramos novas feiticeiras na vila, adentramos a casa delas hoje, e encontramos isso. Disse Lay abrindo um saco e jogando as ervas e frascos que Mahauf usava para suas poções. 

- Kai já sabe disso? Baek tinha uma expressão preocupada. 

- Sim, estamos esperando o momento certo e vamos pegá-las. Disse D.O enquanto colocava no saco as coisas que estavam no chão. 

- Agora é só aguardar, já ja teremos uma fogueira acesa na vila. Suho sorria friamente enquanto terminava a frase. 

Baek ficou nervoso com a notícia e foi se encontrar com Somin, que estava em um quarto com Senhun, tentando fazer algo para salva-lo. 

- Somin.....  Baek disse abrindo a porta devagar. 

- Shiiiiiiiiuu, enfim a dor dele amenizou e agora está descansando. 

- Ele não melhorou nada? 

- Nada, eu não sei mais o que fazer, não dá pra saber o que aconteceu com ele, e meus poderes não estão fazendo efeito sobre ele. Talvez uma magia mais forte, possa curar ele. 

- Que triste. Somin, os guardas descobriram que tem algumas feiticeiras novas na vila, e estão planejando pegar elas. 

- MEU DEUS, e agora. 

- Infelizmente não posso fazer nada, são ordens de Kai, temos que seguir. 

Somin ficou desesperada com a situação, pois ela também não podia fazer nada, até porque se Kai descobrisse a verdade sobre ela, ela também estaria morta, e seria capaz dele matar Baek por esconder a verdade dele. Baek vendo o desespero de sua amada, a abraçou tentando acalma-lá. 

Enquanto isso, do lado de fora Lay, D.O, Xiumin, Chen, Suho esperavam ansiosos o momento em que iriam capturar Ahn Yon e Nahura. 

Mahauf chegou até a vila aonde sua amiga estava e se deparou com ela totalmente fraca e debilitada, começou no mesmo instante a buscar ervas e fazer uma poção de cura para salvar a vida de sua amiga. 

 O que Mahauf não imaginava é que enquanto tentava salvar a vida de sua amiga, suas irmãs estavam correndo risco de vida, e nesse momento nem Chanyeol e nem Minhee poderiam fazer nada para salvá-las. 


Notas Finais


Eu to ficando nervosa.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...