História Mitw, um amor real. - Capítulo 49


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama
Exibições 209
Palavras 814
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Mistério, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Gente
Só pra explicar
Esquece o último capítulo sobre o vampiro
Então
Voltando a história normal
Digamos que tamos no capítulo 48

E de verdade, esquece o negócio do vampiro

De verdade mesmo se não taco a katana em vcs

Capítulo 49 - Lemonada no restaurante


Pov. Pac

Eu estava no banheiro, com o Mike brigando, enquanto eu morria de rir. Então ele tava tipo "Eu te Mato"

Pac: desculpa.... Eu não devia ter fingindo ter alergia, desculpa desculpa.

Mike: certo, mais por.causa disso vai ter que ficar de castigo

Pac: é qual é o castigo?

Mike: esse.

Ele vai até  a porta e a fecha, então ele volta e me pega no colo me colocando encima da pia de quartzo preto, que me deixava na altura de seus olhos.

Ele me dá um beijo, bem profundo, até o ar ser necessário, saindo suas mãos em meu peitoral.

Pac: m-mas aqui no b-banheiro?

Mike: sim!.agora fica quietinho.

Ele retira minha camisa, deixando meu peitoral a mostra, confesso que fiquei um pouco envergonhado. Ele me beija, passando suas mãos pela minha barriga, até que ele vai com o beijo para meu pescoço, fazendo isso com muita calma.

Ele começa a beijar meu pescoço, dando cupões.

Ele me dá um chupão que deve ter ficado a marca.

Mike: essa é pra verem que você tem dono.

Eu realmente não gosto de ser o ativo, por isso parece que  Mike é perfeito pra mim.

Estava pensando quando sinto um grande prazer. E gemo, mike estava chupando meu mamilo, enquanto apertava o outro. Ele chupava e rodeia sua língua quente e viscosa em volta de meu mamilo, que sa estava ficando sensível.

Ele tira sua camisa  e sua calça, ficando apenas com sua box, e faz u mesmo comigo, eu não sei pq estava tão envergonhado com isso. Ele retira minha box, e eu acabo me levantando e sentando no chão segurando minhas pernas, cobrindo meu membro pra que ele não veja. Acho que estava envergonhado por estar fazendo isso no banheiro. Ele se levanta e senta na minha frente.

Mike: oque foi?

Pac: t-to meio envergonhado... por e-estar em um banheiro num restaurante super lotado...

Mike: não precisa ficar com vergonha... só tem nós dois aqui..

Ele disse colocando as mãos em meus joelhos.

Mike: olha não precisa ficar assim... se não quiser a gente pode ir pra casa.

Pac: não. Tudo bem... só tava meio envergonhado.

Eu vi que Mike Segurou um pouco mais forte meus joelhos.

Mike: então.... vamos nos divertir.

Ele disse abrindo minhas pernas e me vendo ereto.
Eu corei muito naquela hora, então ele me pega no colo como una noiva me levando até um balcão que tinha lá, era um pouco mais alto que deixava minha cintura perto de seu pescoço. Ele me coloca lá com minhas pernas em seus ombros.

Então ele abaixa a cabeça e começa a lamber a cabeçinha do meu membro.. enquanto eu gemia...

Pac: m-mike... ah.... haa... v-vai logo....

Mike: só estou me divertindo...

Ele me pega e coloca de barriga pra baixo no balcão, ele abre um pouco minhas pernas e sinto sua língua na minha entrada. Dei um gemido meio alto, então ele continua.

Ele me dá 3 dedos e eu chupo. Então ele me tira dali e me deita no tapete do chão me deixando ao seu lado, ele estica a mão até minha entrada, introduzindo o primeiro dedo. Incomodou um pouco mas não doeu.

Ele coloca mais um e começa a fazer movimentos de tesoura, digo que doeu, então Mike colocou o terceiro dedo, que doeu e dou um grito de dor. Então ele me olha e se aproxima me beijando me distraindo da dor.

Ele  tira os dedos de mim e se posiciona em minha entrada.

Mike: posso?

Pac: v-vai fundo....

Então ele começou a ir devagar, então vai indo mais rápido, e logo depois foi indo muito mais rápido e fundo. Depois senti meu ápice é nós gozamos juntos...

Ele se levanta e se veste, então me pega no colo e sinto algo escorrer de minha entrada, então olho e vejo sangue escorrendo.

Mike: desculpa, fui forte.demais.

Então ele me coloca na pia e pega uns papéis me ajudando a me limpar, logo depois me veste. E limpa o banheiro. Ele me pega no colo denovo me sentando no seu e arruma meus cabelos.

Logo depois me abraça, me fazendo carinho. Então eu adormeço.

Pov. Mike

Pac estava  dormindo em meu colo, então eu peguei ele como noiva no colo e sai ora fora. Os meninos ficaram me olhando.

Mike: gente, vou levar o Pac pra casa.

Cellbit: blz, depois nos vamos.

Eu saí a caminho de casa.

Quando cheguei, me embolei tudo pra abrir a porta, então entro com Pac, em direção a nosso quarto e o deito lá, mas antes eu ia dar banho nele.

Fui até ele, retirando suas roupas e o deixando nu, vi que em sua box avia alguns vestígios de sangue.

Fui até o banheiro e liguei na água quente, tirei minhas roupas e volte.

Peguei Pac, e entrei com ele lá.

Pac: hum? *bocejo* Mike?

Mike: To aqui amorzinho


Notas Finais


Então, esqueçam o capítulo anterior


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...