História Moments Raura - Capítulo 22


Escrita por: ~

Exibições 170
Palavras 1.800
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oii minhas lindas disculpa pela demora

Espero que gostem ,beijocas

Capítulo 22 - Uma noite inesquecível


Fanfic / Fanfiction Moments Raura - Capítulo 22 - Uma noite inesquecível

Pov laura

Ross.....o que falar dele??...simplismente eu não sei decifrar,eu só sei que o amo...e muito.
Ele mesmo sendo meu namorado agora,sempre sera meu melhor amigo,ele sabe o que me dizer ,sempre que eu preciso, me faz sentir segura e protegida, e sabe ser fofo,carinhoso...

Nunca pensei que a gente um dia poderia ficar juntos,e se tratar de uma maneira diferente, se é que me entendem .Mas eu ja me acustumei ,e é uma sensação nova e gostosa de se sentir (não levem na malicia!!!),ele me faz bem!! Disso eu tenho certeza,porque aquele vazio que eu sentia quando perdi a memória ,era ele!!ele era a unica memória que me faltava,e agora ele ta aqui do meu lado me abraçando e secando cada lágrima que tinha caido dos meus olhos,e me confortando...tinhamos aqui um tempinho curto pra gente aproveitar o tempo perdido,praticamente 2 meses sem memória .....

-ta pensando no que princesa???-ele diz me chamando a atenção,o olho por um tempo e acabo sorrindo

-Em como eu to feliz e minha vida mudou de cabeça pra baixo-digo rindo fraco e ele ri também

-em que se refere?....-perguntou me virando e me colocando na sua frente encostada na sacada ,e com as mão ainda na minha cintura,praticamente me prensando nela.

-a gentte....-ele faz uma cara estranha e vira a cabeça para o lado ainda me olhando ,isso me fez rir.-sei lá ....sabe?? É que mesmo que a gente esteja junto ja fassa um tempo, eu ainda acho tudo muito novo ....e estranho !! Por pennsar que antes a gente sempre dizia pras jornalistas que tudo o que a gente tinha era que apenas "não passava de bons amigos " e agora ,meio que de uma hora pra outra a gente ta aqui .....juntos-eu falo ,ele não me interfiria no que eu falava,só ficava prestando atenção e me olhando atentamente

-Então você quer dizer que ainda não se acostumou com as novas maneiras e modos de noa tratarmos,e em como nós falamos agora para os reporters e os fans??-ele me perguntouu resumindo o que eu havia dito

-Isso...-digo e o mesmo solta uma risada fraca e abre os braços e eu literalmente me jogo neles

-Eu te amo pequena....-ele sussurra no meu ouvido me causando arrepios e um sorriso sair dos meus lábios

-Tambem amo você loiro...-eu digo baixinho e sorrindo novamente dm seguida

-Quer sair??-perguntou se soltando de mim

-Pra onde??-pergunto entranndo no quarto e mechendo nas sacolas de roupa que havia comprado

-aa sei lá ....no parque aqui perto?? Ta tudo coberto de neve mesmo kkk-ele disse rindo depois que terminou de dizer

-tudo bem...só vou me trocar!!-digo pegando algumas roupas e correndo pro banheiro ,deixando ross sentado na cama rindo de algo,provavelmente de mim...

Eu peguei uma blusa branca de lã ,com
Um casaco vermelho por cima,uma calça preta ,uma botinha também preta com detalhes emm dourado ,e prendi meu cabelo dos lados deixando o resto totalmente solto...

Saio do banheiro em seguida,e pego um batom nude e uma maquiagem leve e passei tudo,com o ross me olhando sem parar..

-Porque ta me olhando??-pergunto com a mão na cintura e virada pra ele ,que sorri em resposta

-O que você faz pra ficar tão bonita!!-ele diz me fazenndo corar em seguida

-Bobo!!-digo rindo pra aliviar a vergonhosa aqui e o palhaço que não parava de rir e me olhar,logo a minha frente-...vamos??

-vamos tomatinho!!-ele disse rindo e passando seus braços a volta do meu pescoço

-para seu oxigenado!!-digo rindo e lhe dando um tapa de leve no seu braço

-Ei!! Assim também não -ele disse fingindo de magoado,isso me Fez rir-não tem graça...

-Ei rabugento,vamo ou não??-pergunto tirando outra com a cara dele

-Sem graça...vamo!!-ele disse

.....Chegamos no central park ,ele estava praticamente coberto de pura neve,branquinha e gelada ,tava tudo tão bonito....um dia frio,mais ótimo pra sair..

-Bonito ne??-ele me chama atenção ,eu o olho e assinto sorrindo

-É lindo...eu ja tinha vindo aqui,mais não tinha vindo quando tinha neve...-falo atenciosamente olhando as crianças brincando e rindo ,com as bolas de neves...me senti estranha com isso ,pensar em FILHOS

-posso te faze uma pergunta diferente??-ele perguntou me olhando ,eu o olhei desintendida mais assenti

-Você pensa em filhos??...-eu arregalo os olhos e o olho espantada -...sei lá ...é que você tava olhando pras crianças com um olhar de ternura e carinho...

-haaa...é que eu acho bonito ver os pais com um amor pelos filhos ,e estar sorrindo por suas gargalhadas gostosas ....-eu falo sorrindo e olhando para as crianças novamente ,elas brincavam de tacar bolas de neve uma na outra...

-mas você não respondeu minha pergunta direito!!-ele falou

-qual??-pergunto e ele sorri fraco,parecia um pouco vergonhoso ou nervoso

-Tem vontade de ter filhos?-me perguntou

-Aaa....eu quero ter filhos ..claro,mais eu acho que agora seria cedo demais!!-falo meio tímida

-Awn...comigo??ou com,...outro??-perguntou me chamndo a atenção o olhei e vi que sua expressão era pensativa e séria ,,ele olhava pra algun lugar que eu não sabia onde era

-Ross....isso só o tempo sabe!! E....-eu digo mais ele me interrompe

-não to te forçando e nem dando sinal de qe quando voce ficar gravida deve ser de mim...só ..so to perguntando-ele diz nervoso coçando a nuca ,solto uma risada baixa

-você pensa em filhos ross??-pergunto me virando pra ele (n/a:só pra lembrar ,eles estão andando pelo park)

-penso....as vezes!!-ele diz fazendo uma carinha fofa!

-Comigo?-o supriendo com essa pergunta

-provavelmente ....-disse e eu por intuito
Resolvi quebrar esse ar serio e fiz uma pergunta um tanro estranha...

-Esse ano?? -falo e ele me olha querendo rir

-Quando quiser!!-ele disse entrando no jogo da ironia e malicia

-papo reto ne?-pergunto e ele assente em seguida

-lógico ....nome?

-anna

-menino?

-ethan

-nome do seus filhos?

-esses mesmo

-então vai se esse!!

-claro

-gêmeos

-ta doido??

-to

-percebi-falo baixo e ele pareceu escurar pois me olhou indignado

-hey!!-me repreendeu rindo e eu o acompanhei

-Porque a gente ta falando de filhos??-pegunto e ele sorri por um instante

-sei lá ...pensando no nosso futuro??-me perguntou enquanto nos sentavamos em um banco quaquer

-é....isso e legal!!-falo sorrindo

-então quer falar mais disso?? Ou tem outra opinião??-disse

-você poderia me contar o que aconteceu enquanro eu não lembrva das coisas....-falo e ele assente

-o que quer saber??-perguntou

-annn...o que você fez nesse tempo?-pergunto e ele muda sua expressão pra ttriste

-trancado no quarto o dia intero- ele diz inclinando sua cabeça pra traz ,e por um curto instando eu acho que vi uma lágrima escorrer por seu rosto

-porque fez isso??-pergunto o olhando atentamenteve pegando em sua mão as entrelaçando,ele suspirou pesadamente

-você não tem noção....-ele diz calmo ,mais ua voz parecia de choro

-Noçaõ do que??-pergunto e ele me olha por um tempo e volta a olhar pra algo distante

-Você não tem noção ....do que eu sofri...pra mim eu não tinha mais chão ,eu não tinha respiração eu não tinha vida.....-engoli em seco ,ele me faria chorar.-...sem você eu não tinha rumo..eu não ..tinha ar,alegria,e nem ao menos alegria ....eu só tinha vontade de chorar,e ficar preso naquele quarto,...laura....você não tem noção do papel importante que você tem na minha vida, e pode até parecer clichê ...mais parte da minha vida só funciona com você aqui...comigo,com sua voz,seus abraços,risadas,sorrisos,beijos e converças,você é quem faz minha vida ter um senntido correto de viver!! Você também não tem a mínima noção ,de saber em o quanto minha familia sofreu ,em tentar me fazervsair daquele quarti um segundo siquer,mais eu só sabia pensar em você ,em todo o que você não lembrava mais,de todos os momentos sue a gente tinha vivido....juntos....pensar que você nem ao menos iria se lembrar que um dia a gente tinha se conhecido....-ele por fim terminou

Chorando.Sim...eu vi ross lynch chorando,e por mim....
Eu ja nem podia falsr nada,eu acho que ja podia inalgurar minha cachoeira....eu tava feliz,,chorando de felicidade,por cada palavra que ele tinha me dito...

-ross....eu...-não consigo dizer nada ,só consegui o puxar pra um abraço bem apertado e acomchegante-....nunca tinha pensado que voce iria chorar por algo.....por mim.

-você não sabe a diferença que você faz na minha vida!!-disse baixinho e eu lhe solto um pouco o olhando nos olhos.Eles estavam vermelhos.Eu dei um breve selinho demorado, o fazendo sorrir de lado

-vamos em bora,pro hotel ???-pergunto sorrindo e ele assenti ,pego em sua mão e volto as entrelaçar,voltando a nossa ccaminhada de volta ao hotel.

[...]

Ja haviamos chegado ao hotel,ee eram 21:30 estavamos deitados no sofá ,naverdade ele tava sentado e eu deitada com a cabeça em sua perna,com ele fazendo um afago se leve ,me deixando sonolenta..

Ha!! E nós resolvemos que iriamos voltar pra los angeles ,de surpresa amanhã a tarde

-Vamos durmir??-pergunto e ele nega por um curto tempo e se levanta me levantando junto, subimos as escadas,assim que adentramos o quarto ele disse

-eu não quero durmir...-ele disse um pouco baixo ,mais mesmo assim eu escutei

-porque amanhã a gente vai voltar...-digo e ele me olho

-então ,eu nao  quero durmir,porque eu não quero que você esqueça dessa viagem e nem dessa noite...-ele disse me olhando dentro dos olhos

-por....-ele não me deixou falar

Ross começou a me beijar delicadamente,
Um beijo cheio de amor, carinho , respeito e bastante paixão ...

Ele me deu um certo impulso que me fez
Pular e entrelaçar as minhas pernas em volta do corpo do Ross , ele me levou pra cama me colocando na mesma com carinho e delicadesa...

Ele começou a espalhar beijos pelo meu pescoço , rosto e boca

Nos dois já estavamos quase sem roupa já
   - Você realmente quer isso ? - Ross diz me olhando no fundo dos meus olhos
   - Eu quero você , se isso é ter vc , então eu quero - disse no ouvido do mesmo que se arrepiou com minhas palavras
Ele já estava com um sorriso enorme estampado no rosto
Ross me beija novamente só que dessa vez com um pouco mais de desejo de ambas as partes
Ele começou a descartar as últimas peças de roupas até ficarmos totalmente nus
Pra mim nós não estavamos fazendo sexo
Agora estavamos fazendo amor
Ross me penetrou bem devagar e esperou um tempo para que eu me "acostuma se " com ele dentro de mim
E logo após esse tempo ele começou uns movimentos de vai e vem
Mais sempre Ross me beijava em meio a execução de ser "trabalho"
Passamos um bom tempo assim
Até gozarmos juntos
Ross caiu cansado do meu lado
Eu me deitei do seu lado o abraçando o mesmo passou um de seus braços em volta de mim
Eu comecei a fazer desenhos imaginários em seu peitoral até que o sono veio e me levou para um mundo de sonhos totalmente diferente da realidade...

-Eu adoro amar você ....-ele disse baixinho no meu ouvido


Notas Finais


Espero que tenham gostado

Tchal tchal ....(* ^ *)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...