História Monster - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Sehun
Tags Exo, Sehun
Exibições 23
Palavras 1.116
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiiie
Acho que não tenho nada pra falar por enquanto :v
Espero que gostem do capítulo :3

Capítulo 2 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction Monster - Capítulo 2 - Capítulo 2

Seria difícil, de certo modo, seguir o Sehun. Ele até poderia ser alguém quieto na sala, na escola. Mas sempre soube que Sehun tinha algo a mais. Até quando éramos menores, antes de ele ir para outra cidade. Era alguém que sempre escondia algo, sempre fazia algo sem ninguém saber, ou sequer perceber. Mas também tinha os amigos dele, que estavam com ele algumas vezes.

                Sehun não pode ter mudado tanto.

                Mas eu também não sou uma pessoa sozinha. Conhecia algumas pessoas daquela escola antes de estudar lá, fora que minha amiga (melhor amiga) irá estudar lá daqui uns dias. Acredito que ela não irá querer ajudar na hora de pôr os planos em prática, mas vai ser uma ótima ajudante na hora de montá-los. Júlia mora a uma quadra da minha casa, então provavelmente iríamos juntas até a escola, esse seria um bom momento para planejarmos as coisas, fora que podemos nos ver quase toda hora.

                Porém meus pais nunca poderiam imaginar que eu estava fazendo isso, eles são rígidos, jamais aceitaram que a sua “filhinha” estivesse seguindo um menino e tentando descobrir o que ele fazia de secreto. Ainda mais se esse menino fosse filho de um antigo amigo. Mas eu iria fazer isso. Já estava decidido, e eu iria conseguir.

                Era 15h00min, eu estudava de manhã e às vezes tinha umas aulas “especiais” em alguns dias da semana. Jú também estudava de manhã, então estaria livre a tarde, precisava pôr os planos em prática, e logo.

                Mandei uma mensagem pra Jú, dizendo que precisava vê-la para contar uma coisa. Ela visualizou logo e combinamos que nos encontraríamos no parque dali meia hora. Eu fui antes, afinal não tinha nada para fazer em casa. Tive que esperar uns quinze minutos sentada em um banco.

                - Oiii – Júlia disse animada me cumprimentando com um beijo em minha bochecha e sentando-se ao meu lado.

                - Oii – Disse sorrindo

                - O que tinha pra me contar?

                - Vai com calma – A encarei – Júlia, você toparia me ajudar com uma coisinha?

                - Aish s/n... Que coisinha? – Ela arqueou uma das sobrancelhas

                - Digamos que eu queira seguir um menino... – Disse séria

                Expliquei toda a história sobre seguir ele...

                - Por que você quer fazer isso?

                - Ah não sei. Sehun sempre chamou minha atenção. Sempre quis saber o que ele fazia... Fora que aquele colégio está bem sem graça, isso irá esquentar um pouco as coisas – Disse mexendo em um strass da minha calça.

                - Ah não s/n, isso aí não vai dar certo... – Ela disse me olhando com uma expressão negativa – Você vai se meter em encrenca

                - Ai, não vou não. Fica tranqüila, e também você não vai se meter em encrenca junto. Só preciso que me ajude com a parte de montar os planos... Vai, por favor! – Tentei fazer a cara mais fofa do mundo.

                - Tá bom, tá bom. Mas se você se encrencar não diga que eu não avisei

                - Tá, tá – Disse sorrindo – Ammm, mudando de assunto, quando você vai lá pra escola?

                Talvez ainda essa semana. Depende do que minha mãe decidir – Disse dando de ombros

 Continuamos conversando até umas 17h00min, conseguimos ter algumas ideias e depois fomos para casa.

                                                                                                            *

                De manhã fiz o que tinha que fazer normalmente, comi uma maçã e fui para a escola. Já tinha planos de observar Sehun hoje, na sala, no intervalo, almoço, enfim, quando pudesse.

                Fiquei olhando para Sehun durante a aula, afinal qualquer coisa poderia me ajudar. Sehun percebeu isso em um momento e sorriu de canto. Daria tudo para saber o que estava passando na cabeça dele nesse momento.

                Três aulas passaram e ele não fez nada de “suspeito”. Já estava na hora do intervalo. Eu continuaria plano. Fiquei com Camilly, uma menina que havia conhecido, mas ela não sabia de nada do meu plano, logo outras meninas chegaram. Elas eram bem legais, tinham meninos também. Basicamente lá estava eu olhando tudo que Sehun fazia. Ora ele estava falando com os amigos sobre um jogo de basquete que iria ter no sábado e que eles iriam participar (Claro que eu ia, eu iria fazer o máximo para ficar perto do Sehun.), ora estavam zoando um menino qualquer.

                - Então s/a, você vai ir? – Baek disse me olhando e tomando um pouco do seu suco.

                - Onde? – Disse não prestando muita atenção no que ele falava. Permanecia olhando para Sehun, que estava prestes a sair pela porta de acesso aos fundos da escola.

                - Pra festa que vai ter depois do jogo, s/a a gente está falando isso à um bom tempo – Hyuna disse me olhando.

                - Ah... Não sei... – Disse olhando para Baek e Hyuna

                - Ele vai – Sook estava do meu lado e sussurrou em meu ouvido, olhando na direção de Sehun

            Droga, alguém já havia percebido

            - Vamos s/a! – Baek disse sorrindo, ele era tão fofo

            - Ok, ok, eu vou – Sorri para Baek – Vai ser que horas? – Eu sabia que iria ser depois das 19h00min, pois escutei Chanyeol, amigo do Sehun, falando isso.

            - Lá por umas nove – Chen disse- O jogo termina ás sete. – Apenas concordei com a cabeça

            Iria ser bom ir a essa festa. Eu iria tentar não prestar muita atenção em Sehun, queria aproveitar. Afinal ainda era terça, tinha o resto de uma semana para observá-lo.

            - As meninas vão se arrumar lá em casa e depois vamos juntas, você quer ir lá também? – Hyuna disse sorrindo

            - Claro – Sorri novamente

            O intervalo estava acabando e Sehun tinha desaparecido, mas não dei muita importância.

            - S/a vamos comigo até o meu armário? –Baek falou, me fazendo prestar atenção nele-  Tenho que pegar uns livros – Ele sorriu

            - Claro – Levantei e saí com ele.

            Estava indo com Baek e no caminho Sehun passou ao nosso lado, não consegui evitar segui-lo com o olhar.

            - Você está a fim do Sehun s/n? – Baek disse sem me olhar

            - Não. Nada a ver – Disse olhando para Baek, que neste momento estava pegando os livros no armário

            - Então por que toda hora você está olhando pra ele? – Ele disse fechando o armário e se encostando sobre o mesmo

            Fiquei muda, não sabia se podia falar a verdade para ele...

            - Não precisa falar se não quiser – Ele me encarou – Mas se precisar de alguém para conversar pode falar comigo, ok? – Ele sorriu

            - Quando puder eu te falo – Correspondi o sorriso

            Baek disse que precisava fazer uma coisa antes de ir pra sala e pediu para que eu o esperasse. E assim eu fiz, fiquei com os livros dele esperando ele voltar

            - S/n – Uma voz ecoou pelo corredor e meu coração gelou. Eu conhecia essa voz. 


Notas Finais


Espero que tenham gostado :3
Alguma dúvida? Crítica? Sugestão? Deixe aí nos comentários ♥
Bjooos ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...