História Monstrinho do Papai - Capítulo 55


Escrita por: ~

Postado
Categorias Esquadrão Suicida
Tags Arlequina, Coringa, Joker
Exibições 800
Palavras 421
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Luta, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oii amores tudo bem?

Capítulo 55 - Amizades antigas


POV Harley

Já são 14h00min e nada de puddin chegar, onde será que ele se meteu? Deixa para lá, eu sei que onde ele estiver ele esta bem, tenho que se preocupar com o nosso (a) filho (a)... Meu Deus eu pensei isso mesmo?! No NOSSO (A) filho (a), será que vai ser menina ou menino?...  Não Harley, para você não pode pensar nisso, você não vai ter essa criança, eu não posso tê-la, ela só sofreria se nascesse isso se não morresse nos primeiros dias de vida, ou puddin a mataria, ou morreria sem cuidados, porque eu não tenho a mínima ideia de como cuidar de uma criança.

Ouço um barulho de porta se abrindo, e sei que é puddin:

- HARLEY- ele me chama da grande sala, e pelo seu tom de voz não esta nada contente, melhor descer o mais rápido possível- Por que a demora?- ele pergunta quando me vê descendo a escada, e antes que possa responder me interrompe- Ai deixe para lá não quero nem saber, vá se arrumar, vamos sair.

- Mas pudd... - antes que eu termine de chamá-lo de puddin ele me olha com raiva, como se dissesse “Não me chame assim agora”- Senhor C.- me corrijo a tempo, não quero deixa-lo ainda mais irritado do que já esta- Nós precisamos conversar- meu tom é mais doce do que posso imaginar.

- Mais tarde- ele esta se acalmando... Eu acho- Agora dá pra senhorita ir se arrumar logo?- vou antes que ele peça de novo.

Visto uma leg preta justa, uma regata branca, uma jaqueta preta de couro, calço uma bota preta salto fino, prendo meu cabelo num rabo de cavalo:

- Preciso pintar minhas mechas, a cor esta se desbotando- falo comigo mesma no espelho, passo um rímel e um batom vermelho, já esta bom não sei nem a aonde eu vou, mas melhor eu pegar meu taco e minha arma.

POV Coringa

Enquanto Harley sobe para se arrumar um de meus capangas me chama:

- Senhor!

- O que é?- falo sem o mínimo de paciência.

- Mandaram entregar isso para o senhor- ele me entrega um bilhete, de quem será que é?! O abro:

Coringa... Ou devo dizer Jack?!

Tenho certeza que se lembrará de mim, até porque trabalhamos juntos uma vez, estou comunicando que estou voltando para me vingar, destruir sua vida assim como você destruiu a minha.

Adeus de seu ex melhor amigo, e um até logo de seu novo inimigo.

G*

Não pode ser ele, impossível.


Notas Finais


Eu sei amores ta curto,mas o próximo será maior prometo, mas espero que gostem.
Beijos amores❤💘💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...