História Monstro² - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lendas Urbanas
Tags Horror, Sobrenatural, Suspense, Terror
Visualizações 13
Palavras 269
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Mistério, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Espero que gostem^^

Capítulo 1 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction Monstro² - Capítulo 1 - Capítulo 1

E se você se tornasse um monstro contra sua própria vontade? - Um dia, me pergutaram isso, e eu não tive resposta, para mim essa pergunta simplesmente não fazia sentido. Mas conforme o tempo passava, eu entendia tudo... A sociedade super "eu sou melhor que todo mundo" e o mundo perdido daqueles que foram excluídos. Dia a dia, algum comentário incrédulo mata um por dentro, e essas coisas vão se acomulando na alma. O ódio e a tristeza fazem você se tornar outra pessoa. 

"Chato, te odeio"   "Porque não se mata?"  "Você é inútil demais"   "Lixo"  


Quando você machuca alguém, nem sempre é uma ação física que causa a dor. As lacerações que uma pessoa causa por negligência, palavras duras, ações sem amor... Isso machuca muito mais. Mas, como não são visíveis, você não percebe o que fez. 


São as coisas pequenas... Que prefuram a alma, como se uma faca estivesse cravada no peito ou um vazio que não pode ser preenchido por nada. 

E é aí que surge o fator perigoso: a ausência de sentimentos. A ausência de tudo. Você não mais você e acaba preso em um passado que não existe mais, e são vários os motivos que fazem você mudar. Essa mudança não acontece da noite para o dia, e você tem que agüentar tudo calado. Uma hora tudo explode.  "Não me torne uma assassina". - Eu digo, aqueles que gostam de onfender os outros. Mas eu percebo que já é tarde de mais, quando me olho no espelho e vejo o Monstro. 

Dessa vez, ele não está embaixo da cama... E sim, dentro de mim. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...