História Montanhas de argila.-Imagine Jungkook - Capítulo 49


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Erotismo, Festa, Jungkook Bts, Romance
Visualizações 247
Palavras 1.965
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hum
.... queria avisar que esse capítulo está meio pesado, então se você não se sente bem lendo esse tipo de coisa, sugiro que você não continue. Espero não desagradar ninguém, mas esse acontecimento é necessário para o desenrolar da fic :|
Boa leitura!<333

Capítulo 49 - Halloween pt.3


Fanfic / Fanfiction Montanhas de argila.-Imagine Jungkook - Capítulo 49 - Halloween pt.3

Seu nome ON

Ótimo, não tem nada para ver. Melhor começar a escovar o cabelo. Ligo meu secador na tomada e começo a secar. Depois de uns 10 minutos Nathalie entra no quarto. Desligo o secador, meu cabelo já estava pronto. Agradeço todos os dias por não precisar na chapinha. Ela estava com o cabelo preto. Não sei já tinha dito, mas seus vabelos cresceram muito.

Seu nome: “Meu deus! Tá preto!”

Nathalie: “O que?”

Seu nome: “Seu cabelo!”

Nathalie: “Ah, verdade. Gostou? Queria entrar na personagem!”

Seu nome: “Gostei, ficou muito bonita.”

Nathalie: “Obrigada!”

Seu nome: “E o Tae?”

Nathalie: “Mandei ele se trocar com o Jungkook. Vamos começar?”

Seu nome: “Ok” Nathalie solta a toalha e vai até o armário. Fico corada e me viro para a parede. Eu sei que ela também é menina, mas ainda fico meio desconfortável. E me sinto mal, Nathalie tem um corpo magrinho que invejo.

Nathalie: “Pronto” Me viro e ela já estava de Lingerie, que nem eu. “Socorro, parece que a gente tá em um pornô lésbico!” Ela começa a rir, e eu faço o mesmo, meio envergonhada.

Nathalie: “Vou secar meu cabelo, começa a se trocar passar a base.”

Seu nome: “Beleza.” Faço o que ela diz. Depois de me trocar, comecei a passar a base. Tento fazer do jeito que Nathalie me ensinou. Quando acabei, Nathalie desligou o secador.

Nathalie: “Agora, passa o corretivo.” Ela volta a secar o cabelo, e sigo suas ordens. Não sabia se iria ficar legal a maquiagem. Ela desligou mais uma vez o secador e começou a fazer as trancinhas. Depois de arrumar o cabelo, me mandou sentar na cadeira que havia no quarto.

Nathalie: “Senta aí.”Me sento “Vou passar o pó branco.” Ela dá leve batidinhas em meu rosto e fecho os olhos, sentindo o cheiro do pó. Ela se afasta, e volta com o lábis vermelho.

Nathalie: “Não-se-mexe.”

Seu nome: “Ok.” Sinto ela começar a fazer o desenho das bochechas do vilão do filme.

Nathalie: “Ok, tá lindo. Agora a outra.” Ela faz a mesma coisa, e me dá um espelho para olhar. Estava muito bonitinho, Nathalie sabia bem como usar maquiagem.

Nathalie: “Vou fazer o desenho do queixo, e depois vou fazer seus olhos.” Ela pega o lápis preto e começa a desenhar. Depois vai para meus olhos, começando a pinta-los. Ela esfumaçou bastante em minha linha da água. Por último o delineador e o batom vermelho. Me levantei e fui até o espelho. Estava muito legal.

Seu nome: “Obrigada!”

Nathalie: “Tá linda! Agora, minha vez de me maquiar.”

Jungkook ON

Depois de sair do banheiro esfregando o algodão com demaquilante na minha cara, vou até meu quarto. Visto uma box e me olho no espelho, logo em seguida  deitando na cama. Ainda era cedo para se trocar. Pego o celular e já eram 21:00.

Jungkook: “Merda.” Me levanto para pegar a fantasia, e Tae aparece de toalha na cintura, segurando a fantasia nas mãos.

Jungkook: “O que você tá fazendo?”

Tae: “Vou me trocar aqui.”

Jungkook: “Por que você não vai no seu quarto?”

Tae: “Por que a minha e a sua namorada tomaram o quarto.”

Jungkook: “Hm. Se veste logo.” Coloco o terno com a capa, e depois meus sapatos, enquanto Tae fazia o mesmo.

Tae: “Deixa eu ver como você fica com a mascara!” Coloco a mascara.

Jungkook: “Você acha que tá bom?”

Tae: “Acho sim. Não vou perguntar sobre mim, porque sei que estou incrível.”

Jungkook: “Convencido. Que fantasia você acha que elas vão usar?”

Tae: “Pra falar a verdade, eu acho que ela vão nos provocar. Se não, não teria o por que de querer fazer uma surpresa.”

Jungkook: “Tá certo...”

“Para de reclamar.” Era possível ouvir J-Hope e Suga do corredor. Yoongi abre a porta.

Suga: “Já estão prontos?”

Tae: “Só preciso que a Nath faça minha maquiagem.”

J-Hope: “Eu também.”

Jungkook: “Eu vou chamar elas.” Saio do meu quarto e bato na porta no do de Nathalie.

Jungkook: “Estão prontas? O Taetae e o Hoseok querem maquiagem.”

Seu nome: “Estamos indo.” Fico nervoso quando ouço passos se aproximando da porta.

Seu nome: “Pronto.” Ela a abre a porta. Puta que pariu. O que é isso.

Seu nome: “Gostou?” Ela dá uma voltinha,  e vejo que sua saia quase mostrava sua bunda.

Jungkook: “É...”

Nathalie: “Deixa pra babar depois, Jungkook.” Cat sorri pra mim. Como essa menina consegue ser safada e fofa ao mesmo tempo? Eu vou ali me matar. Elas entram em meu quarto e começam a maquiar os garotos. Nathalie faz certinho o rosto do coringa em Tae, e Cat desenha delicadamente o bigode em J-Hope.

Suga: “Podemos ir agora? Já são 22:00”

Nathalie: “Vamos.” Não conseguia tirar meus olhos de Cat. Ainda estava surpreso. A maquiagem estava incrível, a roupa... Agora não. Se concentra, Jungkook.

Entramos no carro do Suga. Ele e J-Hope no banco do motorista, Nathalie e Tae no banco de trás, e eu e Cat lá trás, nos bancos reserva.

Seu nome: “Para de me secar.”

Jungkook: “Oi?”

Seu nome: “Daqui a pouco uma mosca entra na sua boca, fecha ela.”

Jungkook: “Eu não estava...”

Seu nome: “Eu mandei você fechar a boca.” Ela me puxa pela nuca, juntando nossos lábios.

Nathalie: “Mas já? Ainda nem chegamos na festa, seus apressadinhos.” Muito obrigada Nathalie. Cat se afasta e pisca pra mim. Se a intenção era me provocar, está de parabéns.

Seu nome ON

A república não era tão longe. Estava ansiosa, e com fome. Suga estaciona na frente de um castelo. Porra, todo mundo tem uma casa desse tamanho nessa cidade? Estava simplesmente lotada. Dava pra ver bruxas, colegiais e todo tipo de  fantasia que se vê em festas de filme americano. Entramos na casa, e Jungkook segurou em minha mão a sentir  olhares em mim. Levo sua mão até minha boca, deixando um selar nela. Era extremamente grande. Dava para ver a piscina lá fora oela grande porta de vidro. Meninas estavam nadando quase peladas. Fomos até uns dos barris de cerveja, e enchemos nossos copos. Estava me acostumando com essa ideia de beber.

Jungkook: “Aqui é enorme!”

J-Hope: “Certeza que vou me perder!”

Nathalie: “Vamos! Virem esses copos e vamos dançar!” Ela grita por causa da música alta. Começamos a dançar desengonçados, só pulando e aproveitando o momento. Não consegui contar quantas vezes J-Hope bateu com a bengala nas pessoas. Ficamos assim por um bom tempo, até que decidi colocar o plano em prática. Me virei de costas para Jungkook e coloquei suas mãos em minha cintura, colando meu corpo ao seu. Ele ri ao meu ouvido, e começo a me movimentar. Vez ou outra ele sussurrava algo em um ouvido e apertava minha cintura, me deixando mais necessitada. Esfrego mais meu corpo no dele, e sinto sua ereção. Ele me vira e lambe meus lábios antes de começar a me beijar intensamente. Empurro ele levemente.

Seu nome: “Ainda não.” Ele me olha bravo. Era claro seu desconforto pela ereção. Saímos da pista de dança e fomos até um canto da sala com sofás. Durante o caminho, reconheço um rosto.

Seu nome: "O que você tá fazendo aqui?"

Josh: "Eu também preciso me divertir!" Cumprimento ele com um abraço. "Eai, se divertindo?"

Seu nome: "Estou sim! Ah! Esse é  Jungkook, meu namorado!"

Josh: "Você tem namorado?"

Jungkook: "É, tem."

Josh: "Que legal! Eu também tenho! Ela se chama Sabrina! Não sei se vocês já viram, uma ruiva baixinha por aqui."

Seu nome: "Eu acho que não...mas adoraria conhecer!"

Josh: "Se você quiser, qualquer dia a gente marca algo pra sairmos nós 4! Se quiser pode levar seus amigos também!"

Seu nome: "Que legal! Pode deixar que a gente combina! Quer meu número?" Ouço Jungkook pigarrear. E acho que Josh também.

Josh: "Ãn...acho melhor a gente conversar melhor depois.Se me dão licença, vou procurar a Sabrina. Foi um prazer conhecer você, cara!"

Jungkook; "Uhum."

Josh: "Ãn...tchau Cat!" 

Jungkook: "Até que enfim ele foi embora."

Seu nome: "Aish, ele é uma graça! Seu ciumento, e ele ainda namora!"

Jungkook: "Isso não muda nada." Ele faz um bico.

Seu nome: "Vem, seu emburradinho!"

Tae: “Vamos jogar eu nunca!” Jungkook senta em uma poltrona, e sento em seu colo. Suga saí, e depois volta com copos e uma vodca na mão.

Jungkook: “Você vai ficar no meu colo mesmo? Só pode ser brincadeira Cat.” Ele sussurra em meu ouvido.

Seu nome: “Mas não estou fazendo nada!” Digo inocentemente.

Suga: “Quem vai começar?”

Quebra de tempo------

Não sei a quanto tempo estamos sentados aqui, e não sei quanto bebi. Minha cabeça está rodando, e estou rindo de qualquer coisa. Minha bexiga vai estourar.

Seu nome: “Eu preciso ir no b-banheiro.”

Jungkook: “Vam...eu t-te ajudo.”

Seu nome: “Você tá pior que eu...” Começo a rir. “Eu vou...s-sozinha.” Vou até um banheiro no andar de cima. Mesmo estando quase caindo, queria olhar lá em cima. Subo as escadas com dificuldade, e rio da cara das pessoas que passam por mim.  No corredor, encosto na parede para me equilibrar.

XXX: “Quer que eu te ajude?”

Seu nome: “N-não...eu to bem...” Digo sem olhar para a pessoa. Estava rindo dos meus próprios pés.

XXX: “Você tá bem louca na verdade. Vem, deixa que eu te ajudo.”

Seu nome: “É sério...e-eu só preciso ir no banheiro...” A pessoa segura em meu braço e me puxa para o quarto, fechando a porta. Ele me segura para não me deixar cair e me joga na cama. Minha cabeça começou a doer, muito. Tampei meus olhos na tentativa de afastar a dor.

XXX: “Você não era tão safada assim.” Abro os olhos, e vejo ele tirando a calça, junto com a cueca.

Seu nome: “N-não.” Começo a me levantar da cama, mas ele me empurra de novo.

XXX: “Quietinha.”  Escuto um barulho de um pacotinho ser aberto, e logo em seguida seu membro roçar minha intimidade. Ele levanta minha saia e empurra minha calcinha para o lado.

XXX: “Como você é rosada...”

Seu nome: “Para...”

XXX: “Fica quieta vadia, você vai gostar.”

Seu nome: “PARA!” Começo a me debater, e ele tampa minha  boca e segura minhas mãos.

XXX: “Calma, só vou conseguir algo que eu deveria ter conseguido a muito tempo.”

Seu nome: “S-saí...DANIEL, SAÍ!”

Daniel: “Cala a boca!” Ele dá um tapa em meu rosto, me penetrando logo em seguida. Começo a chorar. Tento me defender, mas ele era mais forte.

Daniel: “Você é muito apertada sabia?” Ele me estocava com força. Não conseguiria descrever a dor que estava sentindo.

Seu nome: “Me solta...p-por favor!” Ele me dá um tapa em minha coxa. Não conseguia fazer ele parar, e ele gemia alto. Como aquilo poderia ser prazeroso para alguém?

Daniel: “Ooh, (Seu nome)” Chorava mais ainda.

Seu nome: “J-Jungkook...me ajuda...”

Daniel: “Fica quieta! Ele não vai vir te ajudar por que tá caindo por aí de tão bêbado!” Ele levanta minhas pernas, intensificando ainda mais as estocadas. “Não percebe que eu sou a pessoa c-certa pra você?”

Seu nome: “Por favor...para...” Já estava ficando fraca, e minha visão começou a escurecer.

Daniel: “Ah...eu sempre sonhei com isso...finalmente vou gozar dentro de você...ooh” Ele estava quase, até que a porta se abre.

Jungkook ON

Mas que demora da Cat. Eu não aguento mais ficar sentado aqui, e a festa já estava perdendo a graça.

Suga: “V-vai logo chamar sua namorada antes que eu vomite cerveja em você.”

Jungkook: “T-tá.” Subo lá em  cima. Eu estava bem bêbado, mas Cat nunca ficou desse jeito. Eu sabia me controlar, mas era a primeira vez dela. Hum...banheiro...banheiro. Cadê o banheiro dessa coisa? Vou abrindo as portas até achar o banheiro. Atrapalhei algumas transas? Atrapalhei, mas caguei. Ué. Cat não estava no banheiro. Será que tem outro? Continuo a abrir as outras portas. Meus pés paralisam no chão.


Notas Finais


Espero que tenham gostado, obrigada por ler até aqui! Boa tarde, noite ou dia!
E FELIZ ANIVERSÁRIO PARA O MELHOR EMPRESARIO, PRODUTOR E PAI DOS NOSSOS MENINOS, HITMAN BANG!<3333333


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...