História Moonlight Falls - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Anny, Aventura, Bleer, Caçadores, Claire, Drama, Ficção, Herege, Híbrido, Lobisomem, Mago, Ragnar, Raven, Romance, Saga, Sobrenatural, Taylor, Vampiro, Violencia
Exibições 2
Palavras 1.420
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Esse capítulo para mim é um dos mais legais do meu livro onde podemos abordar não só a relação entre a Bleer e o Taylor mas também sobre o Ragnar.

Capítulo 3 - Ato 3: Uma nova vida pela frente.


Fanfic / Fanfiction Moonlight Falls - Capítulo 3 - Ato 3: Uma nova vida pela frente.

Após aquela noite difícil, achando que seria meus últimos dias nesse planeta, acordei nos braços do Taylor. Eu não estava mais sentido as dores, nem a febre, nem mesmo medo... depois de meses de sofrimento, eu estava realmente bem... depois de um tempo, o Taylor acordou... "Bom dia moça... dormiu bem?". Enquanto ele dizia tais palavras, ele fazia o belo sorriso dele, deixando cada vez mais, meu dia melhor... e eu pela primeira vez, não menti pra ele, sobre como eu estava...

 - Estou me sentindo bem melhor, graças a você! E você? Dormiu bem?

 Ele me respondeu que também dormiu bem.... parecia que era um sonho pra mim! Estava tudo dando certo, só de saber que eu poderia respirar o ar fresco de novo assim que a gente saísse daquele hospital, enfim, era tudo que eu mais desejava... ficamos trocando olhares por alguns minutos... depois de um tempo, chegou uma mulher no quarto... o Taylor ficou meio sem graça e vestiu a camisa, porque ele ficou com vergonha...

 - Oi Raven... - disse o Taylor para a moça que entrou no quarto.

 Eu achava que era mais um enfermaria, mas na verdade, era uma amiga dele... enquanto Taylor estava colocando a camisa, fiquei observando o corpo dele... como ele havia mudado bastante, tinha muito tempo que eu não via ele...

 - Então, como você está? Ele cuidou bem de você? - me perguntou a amiga do Taylor. 

 - Ele cuidou sim, mas agora eu só quero sair daqui... - digo fazendo um sorriso fraco.

 - Acho que já podemos sair... né Taylor? - disse ela sorrindo olhando pro Taylor.

 - Podemos... então vamos pra casa? - perguntou Taylor para nós duas. 

 Eu estava doida para sair daquele lugar, para eu tomar um banho quente, poder viver tudo que eu não podia enquanto eu estava doente, recuperar o tempo que eu perdi no hospital... eu já estava imaginando a alegria da minha mãe, ao me ver bem.

 - Vamos... Taylor, bem que você podia resolver a papelada da alta da Bleer enquanto eu e ela vamos para casa... - disse ela sorrindo e olhando pra mim. 

  - Bleer, podemos olhar roupas novas para você! - disse ela olhando novamente para mim.

 - Sim, eu adoraria mesmo! - falo estampando um sorriso no rosto.

 - Enquanto vocês vão pra casa, pode deixar que eu resolvo... - respondeu Taylor, saindo do quarto indo para a recepção.

 Como a Raven já estava querendo me ajudar, aproveitei para fazer outro pedido:

 - Eu preciso de um banho, tem como você me ajudar? - perguntei para ela um pouco tímida.

 - Bom, quando chegarmos na nossa casa, lá você pode tomar o seu banho, ok? - ela me respondeu sorrindo.

 - Por mim tudo bem... - falo meio tímida ainda. Fico arrumando minhas coisas super animada. Eu estava doida para ser como era a casa, e também por saber que eu ia morar com o Taylor. Enquanto eu arrumava as coisas, ela ficava me observando, por alguns minutos ficamos sem assunto até um certo tempo, então, ela resolveu dialogar comigo... 

 - Então Bleer, você deve estar se perguntando quem eu sou... no caminho vou te explicar tudo direitinho... 

 - Tudo bem... - fiz um sorriso fraco, e logo depois peguei a mochila e caminhei para fora do quarto junto com a Raven.

 Depois que saímos do quarto, andamos juntas até o elevador e depois entramos nele...

 - A quanto tempo você conhece o Taylor? - ela me pergunta enquanto o elevador estava descendo até o primeiro andar.

 - Desde que somos pequenos, na verdade, desde sempre! - fiz um sorriso fraco. 

O elevador chegou até o primeiro andar, enquanto caminhamos pela saída, vejo Taylor resolvendo a papelada na recepção. A enfermeira deixou a Raven me levar pra casa enquanto Taylor terminava de arrumar os documentos, assim, eu e Raven caminhamos até o carro e entramos nele...

 - Bom, voltando ao assunto, você e o Taylor são tão bonitos juntos... vocês namoram? - ela me pergunta enquanto estava dirigindo.

 - Não namoramos! - digo meio sem graça, mas por dentro era tudo o que eu mais queria.

 - Sério? Achei que vocês namorassem mesmo... - ela fez uma cara de surpresa ao saber que eu e Taylor não estávamos namorando.

 - Somos muito amigos, acho que não tem clima... - digo meio sincera e triste por dentro.

 - Pois eu acho que tem! Pelo que eu vi no hospital, vocês dois lá... - ela disse sorrindo e animada.

 - Viu o que? - começo a rir, meio corada. 

- Nada de mais... bom chegamos! - enquanto ela falava, ela fazia um olhar suspeito... 

 Enquanto eu ia saindo do carro, eu fiquei pensando no que ela falou sobre eu e o Taylor... fiquei pensando sobre a possibilidade de poder te algo entre eu e ele, mas na verdade, talvez era só amizade... mas se não for? Enquanto ficava vindo esses pensamentos em minha cabeça, nem percebi aonde a Raven estava me levando, quando eu voltei pra realidade, eu percebi que ela tinha me levado a uma loja de roupas...

 - Raven, eu não tenho condições de pagar... - falo sincera.

 - E quem disse que você vai pagar? Vai ser um presente meu! - ela me fala sorrindo enquanto mostrava o cartão dela.

 Fiquei um pouco sem graça, mas não rejeitei o presente... eu não sabia o que fazer, nem como agradecer... então, no impulso, fui até ela e dei um abraço nela...

 - Obrigada... - falo com um sorriso forte no rosto.

 - Agora chega de papo, vamos lá comprar suas roupas... - enquanto ela conversava comigo, entramos na loja.

Depois de provas várias roupas, mostrar pra Raven dar a opinião dela sobre o look e me olhar no espelho pra ver como tinha ficado, eu terminei de escolher as roupas... então, juntas fomos até o caixa da loja e Raven comprou as roupas pra mim...

 - Muito obrigada de novo Raven, eu nem sei como agradecer... - falei com uma alegria no coração.

 - Não precisa agradecer fofa, esses presentes são os primeiros de muitos! - disse ela fazendo um sorriso. 

  Caminhamos até o estacionamento... e depois entramos no carro...

 - Já começaram os sintomas? - disse ela com um olhar sério pra mim.

 - Sintomas? - digo meio preocupada e assustada.

 - Não se preocupa... é normal... olfato e audição ficam mais aguçados, então vai cheirar e ouvir coisas que não muito normais... - disse ela sorrindo.

 - Isso parece bom por um lado... - digo tranquila.

 - Não tente se preocupar muito com isso, mas sim com Ragnar... ele é cabeça oca, não entende que você é importante para o Taylor... então temos que convencer ele... - disse ela determinada e olhando pra mim. 

Depois dessa conversa, chegamos em casa... descemos do carro e entramos na casa. Ragnar estava no sofá, mas mesmo antes da gente entrar pela porta, ele já tinha percebido a nossa presença...

  - Raven e Taylor? - gritou ele, pois ele sentiu duas pessoas chegando...

 - Eu e Bleer! - disse Raven determinada e olhando para mim.

 - Bleer? Quem deixou essa menina entrar aqui? - ele levantou do sofá, e ficou me encarando de braços cruzados.

 - Ela é uma beta Ragnar... para ser mais mais exata, sua beta! - disse Raven com um olhar sério para o Ragnar.

 - Me desculpa... - digo meio pra baixo, naquele momento, eu queria voltar pra casa... ou até pro hospital... menos ali, que eu queria ficar agora...

 - Bleer não liga, vamos? Eu te empresto uma roupa para você passar o restante do dia, enquanto eu lavo suas roupas novas... - disse ela me puxando pela escada.

 - Sim, ela é minha beta... mas se ela não andar na linha, ela vai ser expulsa da minha casa! - disse ele com um olhar de raiva. 

Enquanto Raven me levava para o segundo andar, uma pessoa bateu na porta... Ragnar, então, foi atender a porta... enquanto eu estava no segundo andar, eu comecei a dar uma crise dos sintomas e comecei a escutar tudo que as pessoas ao redor daquela casa estava falando... enquanto Raven separava a roupa para mim, eu conseguia escutar tudo o que Ragnar estava conversando com a pessoa que estava visitando ele...

 - Ragnar nós temos um tratado de paz... e por incrível que pareça, apareceu um vampiro morto ontem na floresta... É bom você ter uma bela explicação! - disse a mulher desconhecida.

 CONTINUA, NO PRÓXIMO ATO...     


Notas Finais


O que será que Ragnar fez de errado? Bleer vai conseguir convencer ele que é uma pessoa boa para sua família?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...