História More than a friend - Imagine com Ten NCT - - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias NCT U
Personagens Doyoung, Jaehyun, Johnny, Mark, Taeyong, Ten, Yuta
Tags Drama, Kidol, Kpop, Nct, Nct U, Pandayu, Romance, Smrookies, Ten
Exibições 255
Palavras 974
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Bishounen, Colegial, Escolar, Famí­lia, Ficção, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


HEY!!!
Primeiramente eu gostaria de me desculpar por ficar quase um mês sem atualizar por aqui :P eu realmente sinto muito.
Esse capitulo é só pra não ficar sem postar nada por mais tempo, por isso ele ficou bem bem curtinho.
Me desculpem mais uma vez, espero que gostem ^^
~Pandayu

Capítulo 7 - Capítulo 7


S/N POV.

 

Acordei e percebi que estava deitada em minha cama.

 

“Como eu havia chego em meu quarto?” Pensei lembrando da época em que era criança e não importava onde eu dormia, no final sempre acordava em minha cama. Sorri com a lembrança.

 

Retirei as cobertas de minhas pernas e fiquei sentada na beirada da cama esfregando os olhos para tentar espantar o sono. Apenas me lembro de ter passado horas ao lado de Ten, e agora eu estava ali, mas como? Meu pai não estava em casa, e com toda certeza minha mãe não aguentaria me trazer até aqui em cima.

 

Levantei-me e fui em direção ao quarto de minha mãe esperando encontrá-la no local, bati na porta antes de entrar. Ela estava sentada em sua cama como esperado, e a sua volta haviam algumas caixas cheias de fotos antigas, ao me ver ela deu um pequeno sorriso.

 

- Conseguiu acordar? Achei q ia ficar naquela cama para sempre. – Disse com um tom divertido em sua voz. – Tentei te acordar, mas não consegui, acabei pedindo para que Ten lhe trouxesse para seu quarto.

 

- O quê? – Perguntei surpresa. – Por que não me deixou dormindo no sofá?

 

- Você parecia tão cansada, acabei pedindo para que ele fizesse esse favor. – Disse com a maior naturalidade do mundo. – Ah, acabei de me lembrar, N/n veio fazer uma visitinha, mas quando soube que você estava dormindo ele achou melhor voltar outra hora, acho melhor você dar uma ligadinha para ele mais tarde.

 

- Obrigada por avisar. – Droga, ele passou aqui e nem tive a oportunidade de vê-lo. - O quê a Sra. Está fazendo com essas fotos?

 

- Estou guardando-as, eu e a mãe de Ten passamos a tarde toda olhando fotos de quando vocês eram crianças. Até mesmo Ten e N/N juntaram-se para olhar essas fotos durante algum tempo.

 

Ao ouvir aquilo entrei em desespero, como eu pude esquecer que Ten estava aqui?

 

- O quê? Ten e N/N juntos olhando essas fotos? – Não pude acreditar que os dois estiveram juntos no mesmo lugar.

 

Não era apenas “os dois juntos no mesmo lugar”

 

Era pior, MUITO PIOR, eram “os dois juntos no mesmo lugar com a minha mão mostrando fotos de quando eu era criança para eles”

 

Por alguns segundos uma enorme vontade de me jogar ali no chão em frente a minha mãe mesmo e começar a chorar como um bebê tomou conta de mim.

 

- Por que esse drama S/n? Você e Ten se conhecem desde que eram dois pirralhos catarrentos e N/n é seu namorado, uma hora ele iria ver essas fotos de qualquer jeito.

 

Bem... Isso é verdade, mas não deixava de ser vergonhoso, muito vergonhoso, como ela pode fazer isso comigo?

 

- Eu sei, é que... Não é nada não. – Disse tentando me recuperar da vergonha que senti sem muito motivo. - Mas eles chegaram a conversar um com o outro?

 

- Pelo o que pude ver os dois conversaram muito. Espero que eles tenham tornado-se amigos depois de hoje. – Respondeu-me parecendo realmente esperançosa.

 

A curiosidade tomou conta de mim, eu precisava saber sobre o que os dois haviam conversado o mais rápido possível.

 

- Olha só essa sua foto com o Ten. – Minha mãe disse estendendo uma foto em minha direção.

 

Era uma foto nossa durante a formatura no fundamental, nela cada um tinha seus diplomas em mãos e Ten estava passando um de seus braços em volta de meus ombros. Nessa época ele já era um pouco mais alto do que eu. Sorri ao me lembrar desses tempos.

 

- Vocês não se largavam, jurava que um dia vocês acabariam juntos. Mas isso não aconteceu – Ela disse rindo. – Acredita que eu e a Sra. Chittaphon apostamos para ver quem acabaria se declarando primeiro? Acabou que nós duas perdemos a aposta com Ten indo para a Coréia e você conhecendo N/n.

 

- MÃE!! Não acredito que a Senhora Apostou sobre a minha vida, você é inacreditável!

 

- Por que está brava com isso? Agora você está com o N/n, e eu estou muito feliz com isso, ele parece ser muito gentil e carinhoso.

 

- Sim ele realmente é, e falando nisso preciso falar com ele. Até depois.

 

Sai de seu quarto o mais rápido que pude e fui em direção ao meu, já havia formado o plano perfeito em minha mente, assim que chegasse a meu quarto eu ligaria para o meu namorado e perguntaria sobre o que ele e Ten haviam conversado.

 

Mas como esperado nada em minha vida dava certo e ao chegar em meu quarto pude notar a bagunça que ele estava, é isso que acontece quando você chega da faculdade morrendo e vai jogando suas coisas para todos os lados, procurei meu celular em todos os lugares possíveis em meu quarto, mas não pude encontrá-lo.

 

Até lembrar que ele poderia estar na sala, já que antes de dormir eu estava por lá mexendo nele. Desci as escadas, tomando todo o cuidado do mundo para não escorregar e me machucar ainda mais.

 

Só quando cheguei ao pavimento inferior da casa pude notar como já estava escuro “por quanto tempo eu havia dormido” fui em direção à sala no escuro mesmo já que conhecia todo o local, mas ao chegar fui obrigada a acender as luzes para poder procurar o celular.

 

Demorei um pouco até encontrá-lo caído no chão quase debaixo do sofá, por sorte ele não havia caído com a provável queda enquanto eu dormia, como esperado eu havia dormido por um bom tempo, pois o relógio do celular mostrava que já passava das dez horas da noite.

 

Meu pequeno plano realmente havia sido destruído, como já estava tarde ao invés de ligar para N/n apenas mandei uma mensagem pedindo para que ele me ligasse no dia seguinte. Minha curiosidade teria que esperar mais um pouco, infelizmente.


Notas Finais


Hehe, foi isso '-' me desculpem qualquer erro
Prometo tentar ñ fazer mais isso kkk


AGORA VMS PANFLETAR AS FIC \o/

Believe me (MinWon) em andamento - https://spiritfanfics.com/historia/believe-me-6395823
Liar (Imagine com o Yuta - NCT) Oneshot - https://spiritfanfics.com/historia/liar--imagine-com-yuta-nct-6448548
Family (Essa historia ñ é minha, é só da LadyBoo que escreve algumas fics aqui comigo) em andamento - https://spiritfanfics.com/historia/family-6506389
Recomendo mt Family, ela é mt amor, mt amor msm gnt.

E caso vcs gostem deem uma passada no nosso perfil, lá tem mais algumas fics q talvez vcs gostem ;D
Por hj foi isso, até a próxima. Bj bj
~Pandayu


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...