História Mortos-Vivos - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias High School of The Dead
Exibições 6
Palavras 780
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Hentai, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Slash, Survival, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Canibalismo, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Sequestrador Morto-Vivo


Já eram 7 horas da manhã quando saímos de carro e formos a rodovia central ela estava cheia de zumbis certamente porque tinha um som muito alto vindo do outro lado de Haikishiu,minha cidade, sabíamos que por ali não daria para passar então comentei momentaneamente:

- será que não tem outro caminho para chegarmos a Honda até a casa da tia da Yoshino?

Certamente teria pensei mais o comentário do meu pai após o meu diminui o minha esperança

- bom que tem… tem agora provavelmente podem estar do mesmo jeito que esse,agora tem outro caminho que eu acho que pode estar livre mas teríamos que ir andando empurrando o carro porque o caminho é longo e até encontrar um posto porque o tanque do carro não estava cheio e agora ele só vai aguentar uns 3 km e até lá são 4 km pelo caminho que estou pensando pode ser?

Todos disseram juntos que podia além do mais em Haikishiu tem bem mais lugares melhor de se proteger do que aqui

Era de tarde quando chegamos a rodovia que o pai tinha falado era meu escura e sombria parecia que a qualquer hora poderia aparecer um Shinigami e nos pegar mas quando entramos não sabíamos oque iria acontecer.

Formos andando empurrando o carro por um quilômetro parando entre 100 e 100 metros Yoshino ficou no volante controlando o carro

Meu irmão ficou em cima ajudando minha mãe com os zumbis apesar de não aparecerem tantos porque não fizemos barulho depois que entramos no carro de novo Yoshino falou

- estamos todos com fome é melhor deixar a comida da mala para mais tarde porque já esta escurecendo eu e a senhora Kurae concordamos em pegar uns peixes num lago não muito longe daqui vamos demorar apenas 30 minutos se não voltarmos vão nos procurar ok?

Todos concordamos elas foram indo e indo até que desceram uma rampa e nos as perdemos de vista

La no lago:

- senhora Kurae a senhora trouxe a rede que pedi?

- sim está aqui

Peguei a rede e alguns galhos e fiz uma rede de pesca esperamos 20 minutos e quando formos ver tinha 3 peixes grandes que iria dar para todos quando estávamos voltando ouvimos algo no meio de algumas árvores

Então a senhora Kurae disse

- eu irei ver você fique aqui se acontecer algo comigo corra até o carro e conte a todos oque viu ok?

- ok

Fiquei vendo ela ir ir e ir quando do nada ela Caio em um buraco corri até lá para ajudar mas era profundo e não conseguiria sozinha corri na direção do carro quando do nada senti como se tivesse uma coisa quente escorrendo por minha cabeça quando me dei conta estava paralisada no chão tentando manter meus olhos abertos vi um casal em minha frente e………..

Acordei meio zonza ainda vi o casal novamente estavam no telefone falando com o senhor Kurae depois de um tempo que percebi que estava amarrada numa cadeira escutei um pouco da conversa o homem falava que meu resgate custaria nosso carro mas o senhor Kurae disse que poderiam conversa e melhorar o preço de meu resgate com comida e água mas eles disseram que se não aparecerem ate as 12:00 noite do dia de hoje me matariam

Quando já era um pouco mais tarde o relógio na parede marcava 11:40 consegui ouvir a conversa é ver um pouco a senhora Kurae estava lá um pouco machucada mas nada grave o senhor Kurae e o

David também mas não vi o Akira meu namorado ficaram conversando lá por 30 minutos mais ou menos depois o Akira apareceu atrás de minha cadeira soltando a corda que me amarrava ele falou vamos logo e sem barulho pegue sua arma e vamos peguei minha arma e quando estávamos saindo um cachorro apareceu e começou a latir muito alto o casal apareceu na porta instantaneamente o senhor Kurae gritou corram todos para o carro a senhora Kurae e o David entraram rapidamente e subiram os vidros que eram blindados o senhor Kurae veio imediatamente atrás do casebre onde o Akira estava lutando com o homem é eu estava com a mulher o senhor Kurae deu uma tacada na cabeça do homem é derrubaram a mulher em uma de suas armadilhas e voltaram ao carro quando o carro ligou nos vimos o homem no vidro de trás do carro eu tentei atirar nele mais ele sempre desviava David rapidamente abrio o teto solar e deu um tiro na mão do homem o mesmo Caio e morreu na estrada provavelmente não aguentou a dor do tiro e da tacada enquanto todos fitavam a entrada da cidade falei

- finalmente chegamos a cidade de Honda.


Notas Finais


Provavelmente eu irei postar outro capítulo amanhã ou depois


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...