História Motivos para não chorar - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural
Personagens Castiel, Dean Winchester
Tags Demonios, Destiel
Exibições 185
Palavras 305
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabs, Drama (Tragédia), Droubble, Fluffy, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Ai vocês me perguntam: capítulo 10 de novo?
Bom, sim.
Tive que excluir o capítulo bônus, simplesmente por que estou de saco cheio de ter que mandar MP pra pessoas me desculpando e me explicando sobre o capítulo.
Sinceramente, estou um pouco chateada, mas já passou e só não excluo a fanfic por que tem pessoas que realmente gostam e estão acompanhando.
Boa leitura.

Capítulo 9 - Capítulo 9


Nos filmes, a neve geralmente cai em flocos suaves, com um leve vento gélido que faz as bochechas corarem pela dilatação dos vasos sanguíneos, uma paisagem linda e romântica para quando o casal em questão está dando uma volta ao ar livre, num parque ou algo do gênero. Bem... vamos apenas dizer que a vida real não é tão romântica assim e que é tudo uma grande idealização que vem desde a época do Romantismo.

Castiel colocou uma mão na cabeça, para evitar que a touca voasse por conta do vento. Foco, não disperse-se, ele pensou consigo mesmo. Uma análise intrincada do terreno, um plano preparado de antemão - e por plano, isso significava três estratégias diferentes dependendo do desenrolar da situação; precaução nunca é demais -, um estudo detalhado das habilidades do inimigo... ele tinha tudo ao seu favor para vencer aquela guerra.

Preparou a arma na mão, sentindo o frio irradiar por sua pele, ainda que a luva de couro barrasse a transmissão do seu calor para o ambiente. A derrota não era uma opção.

Viu o seu inimigo se aproximar. Com o cabelo loiro na neve branca, ele era facilmente detectável. Tolo, ele pensou, rindo consigo mesmo. Foi então que notou que a distração criara uma abertura. Aquele não era o cabelo dele: era um disfarce. Dean estava atrás de Castiel, pronto para aniquilá-lo.

E, nesse momento, entrava em prática o plano C: fazer a expressão mais assustada e fofa que conseguisse para desencorajá-lo. E deu certo. Dean abaixou a mão que preparava para o ataque:

— Você se rende? — Sentindo as botas afundarem na neve Castiel andou até Dean e, com um abraço, ele preparou o truque e o atingiu com a bola de neve bem na cabeça.

— Não, eu venci. — Se vangloriou Castiel, beijando a bochecha de Dean.

— Você joga sujo.


Notas Finais


N sei pq, mas to gostando de escrever sobre o inverno, mas acho que no proximo capitulo vou mudar a temática, já que estamos nos aproximando do halloween ~~
enfim, espero que tenham gostado. Agradeço imensamente a quem esta acompanhando a fic
Beijokas, jujubas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...