História Mr. Arrogant - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, F(x), Got7
Personagens Amber Liu, Baekhyun, Chanyeol, D.O, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Kai, Krystal Jung, Lisa, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Youngjae
Tags 2jae, Chanbaek, Jikook, Kaisoo, Kookmin, Kryber, Lisoo, Markson, Namjin, Taeyoonseok
Exibições 117
Palavras 482
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Ayo Ladies And Gentleman's, tudo bem com vocês? Olha aqui minha primeira fanfic yaoi postada no spirit, e a terceira do BTS.

Primeiramente: Os capítulos podem ser variados de 1 semana a 2 para postar, ainda não tenho um prazo certo para isso.

Segundamente: Não, não é universo ABO, eu amo esse tema mas isso eu deixo para outra fanfic.

Terceiramente: Cada capítulo é narrado por um dos dois, e raramente por outro personagem.

Espero que gostem desse prologue, nos vemos lá em baixo.

Capítulo 1 - Mr. Arrogant


Fanfic / Fanfiction Mr. Arrogant - Capítulo 1 - Mr. Arrogant


Eu nunca me imaginei um dia assim, com outro cara, desde pequeno eu fui ensinado que dois iguais não procriam, que Deus não aceitava esse tipo de relacionamento e que eu iria para o inferno se ousasse experimentar beijar alguém do mesmo sexos. 

E é também desde criança que eu me apaixonei pelo violoncelo e o piano, era tudo tão maravilhoso, eu adorava o som, a melodia que escapava das cordas e teclas, eu tive aulas particulares desses instrumentos, fiz balé e até ousei tentar fazer etiqueta, mas eu era atrapalhado demais para isso.

Eles sentiam orgulho de mim, eu era o filho perfeito afinal, na visão deles, eu era tudo que um pai gostaria de ter, boas notas, comportamento descente e discreto, sem rebeldias e nunca ousei levantar a voz para meu pai, eu sabia que país mereciam respeito, mesmo que fossem terrivelmente idiotas.


- Ei Jiminnie, vamos no shopping no sábado? - Perguntou SungMin o meu vizinho.

- Tenho aula de piano. - Respondi sem tirar os olhos do livro que eu lia.

- Mate a aula oras.

E naquele dia eu soltei todos os palavrões que eu conhecia, ele me incentivava a desobedecer ordens superiores a mim, a ordem dos meus pais, eu não queria desaponta - los nunca, e nunca iria fazer isso.


Com 15 eu fiz a minha primeira apresentação, papai era dono do maior teatro da Coréia do Sul inteira, conseguiu um espetáculo só para mim, que todos adoraram o talento de um jovem do ensino médio no piano.

Na escola eu era cobiçado por todas, elas queriam sentar comigo no almoço, fazer dupla comigo na aula, ser do meu time na educação física, e até mesmo me acompanhar até em casa.

Eu sabia que era só interesse, e de qualquer jeito, eu não me interessava por nenhuma, eram todas atradas interesseiras em busca de dinheiro ou desejos carnais.


Eu recebi tantos elogios, tantas propostas de casamento, eu era o filho perfeito de Park SunWoong, herdeiro do seu teatro famoso e rico, um deus grego como diziam todas quando me viam.


Mas aos 17 eu conheci o pior, eu conheci a tentação, o pecado, e o demônio em pessoa. Eu nunca imaginei me entregar a aquele garoto, justo ele, eu nunca consegui dizer uma palavra a si, e justo por isso eu me apaixonei por ele.

Me apaixonei pelo seu jeito de me beijar.

- Seu beijo tem gosto se morango, Jiminnie. - Sorriu ladino me puxando para mais um beijo.

Me apaixonei pelo seu jeito de me tocar.

- Eu nunca irei me cansar de você. - Sussurrou rouco enquanto suas mãos percorriam meu corpo.

Me apaixonei pelo seu jeito de me amar

- Eu te amo mais do que amo a guitarra.

Me apaixonei pelo seu jeito de ser.


- Ok filhinho de papai, cala a boca antes que eu vá aí calar, e vai ser com uma coisa bem interessante.

Me apaixonei pelo seu jeito arrogante.


Porque Jeon JungKook

Era a definição para

Mr. Arrogant


Notas Finais


Iai nenes, foi bem curtinho para dar um gostinho de como essa fanfic vai decorrer, ou seja, JungKook vai ser bem FDP e cheio das mancada, e Jimin todo amorzinho <3.

Quem sabe se eu conseguir eu posto amanhã? Ou hoje sei lá, é quase seis horas da manhã e eu tô com insônia...

Mas espero que tenham gostado desse prologue, vamos dar um favorito e ajudar a tia aqui? 👍😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...