História Mr. Policeman - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bottom!jungkook, Bts, Jikook, Jimin, Jungkook, Kookmin, Top!jimin
Exibições 399
Palavras 1.982
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Lemon, Policial, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


olaaaaa meus amores, como estão?
como passaram no aniversário do meu UTT lindo maravilhoso delícia aka Jimin? bom, eu fiz um bolo pra ele e fiz minha família toda falar parabéns entaaaaao...
esse capítulo se passa no mesmo momento do date namjin ok? a primeira parte claro, a outra é o dia seguinte.
é isso, boa leitura.

Capítulo 12 - Capítulo 11


Fanfic / Fanfiction Mr. Policeman - Capítulo 12 - Capítulo 11

POV Jimin

Jeon me encarava com os olhos arregalados e a boca entreaberta como se quisesse me responder mas não conseguisse, e aquilo só me deixava ainda mais nervoso. Eu só falo merda. Ele não estava pronto ainda e eu falei merda. Droga, Jimin!

- Tudo bem se não quiser sair comigo, Jungkook... Quer dizer, na verdade não tá nada bem, mas não posso te forçar a nada. - Disse voltando a me sentar corretamente no banco, o dando espaço para poder ir embora.

- Não. Não é isso, Jimin... - ele segurou meu braço - é que eu fiquei realmente surpreso em saber tudo aquilo, me desculpe se pareceu rude. - me olhava intensamente enquanto acariciava meu braço - Sim, eu quero sair com você, Park Jimin. - essas palavras foram o suficiente para fazer a minha noite. Um sorriso brotou em meu rosto instantaneamente e ele sorriu, em seguida selando nossos lábios. - Te vejo amanhã. - foram suas últimas palavras e ele, assim, deixou o carro indo direto para sua casa.

Ele não disse se tem sentimentos por mim ou não, mas aceitou meu pedido, então, isso basta por enquanto.

Segui para minha casa com um sorriso bobo. Eu estava me apaixonando, é isso mesmo? Me apaixonando por um adolescente rebelde de olhos brilhantes e um sorriso encantador. - Suspirei. Eu estou realmente apaixonado. Estou fodido.

[...]

Estava comendo algo da minha geladeira quando recebi uma mensagem de Namjoon hyung.

Mensagem de Nam

Nam: Amanhã às 22h na minha casa.

Estranho, por quê diabos ele queria que eu fosse em sua casa assim tão tarde? Bom, é a hora que saímos do trabalho mas por quê amanhã e não sábado ou sexta?

Jimin: Por quê?  O que vamos fazer?

Nam: Amanhã saberá.

Dei de ombros e voltei a comer, já indo até o quarto para dormir.

Deitei na minha cama e, como um raio, me veio a imagem de Jungkook na cabeça. Era inevitável. E desde que nós dormimos juntos, isso só expandiu ainda mais em minha mente. Fechei os olhos fortemente e me concentrei em dormir, coisa que eu consegui só depois de uns 20 minutos. Falhei miseravelmente em tentar tirar Jeon Jungkook dos meus pensamentos.

[...]

Acordei em um pulo com o barulho agudo do despertador e o desliguei rapidamente, conferindo se havia alguma mensagem.
E havia. Era uma mensagem de voz de Jungkook. Isso me pegou de surpresa, ele nunca me mandou uma mensagem, quanto mais uma mensagem de voz.

Apertei para reproduzir sua voz em um piscar de olhos.

Mensagem de voz de Jungkookie

Jungkookie: Bom dia, hyung.

A mensagem dizia isso.

Seria loucura se eu dissesse que ele fez uma voz totalmente manhosa só para me provocar? E mais: seria loucura se eu dissesse que eu senti uma fisgada em meu membro só por ouvir um áudio de Jeon Jungkook dizendo 'hyung' em um praticamente gemido de tão arrastado?

Talvez seria. Mas que aquele garoto está me testando, isso é fato. Mas decidi que faria o mesmo se era isso que ele queria.

Jimin: Bom dia, Jungkookie-ah.

Minha voz saiu em um tom arrastado e eu acabei rindo quando ouvi meu próprio áudio em uma tentativa falha de gemer.

Corri para o banheiro e fui tomar um banho frio para relaxar os músculos.

[...]

Mensagem de Tae

Tae: Você vai buscar o seu namoradinho hoje ou eu vou?

Jimin: Ele não é meu namoradinho! E pode deixar que eu vou.

Tae: Ok. Só por favor, não fiquem transando no carro e para não perder a hora do expediente.

Jimin: Aish, Taehyung, cale os dedos!

Jimin: Te vejo daqui a pouco.

Tae: Hahahaha.

Tae: Tchau, Jimin-ssi.

Tae é um bobo mesmo. Só ele para me fazer rir uma hora dessas.

Percebi que estava perto do horário de trabalho e então, peguei o carro e dirigi ansioso para buscar Jungkook.

[...]

Nem precisei buzinar quando cheguei, pois Jeon já estava à minha espera e caminhou até a porta contrário à minha e a abriu, adentrando o carro, mas antes disso, parei para observá-lo caminhar até o mesmo.

Ele fica extremamente sexy com esse uniforme de polícia.
A calça apertada destaca suas coxas torneadas e a camisa o deixa com um ar tão sério e sensual. Mas ele é ainda melhor sem roupa nenhuma.

- Jimin? Você está bem? - Acordei de meu transe quando ele chamou por mim, estalando os dedos a minha frente.

- Sim, estou bem. Desculpe, estava distraído. - Disse parando de o encarar. Esperei ele se acomodar e colocar o cinto e eu liguei o carro.

- Eu estava em dúvida se seria você ou Tae que me buscaria hoje. - Começou, e eu o olhei rapidamente.

- Ele me perguntou o que eu preferia, e eu disse que eu iria te buscar.

- Ah é?  E por quê?

- Porquê - o encarei quando parei o carro em um semáforo. - eu queria te ver.

- Queria é? - eu assenti. - Então tudo bem. - se virou para mim. - Você não me pediu um beijo hoje.

Eu realmente não havia pedido como fiz ontem, acho que fiquei meio atordoado pelo áudio sexy que Jeon havia me mandado.

- Eu gostei muito da sua mensagem de bom dia. - disse o ignorando e voltei a dirigir quando o sinal se tornou verde.

- Gostei que você respondeu. Sua voz é linda até em mensagens de voz, hyung. - porra, ele me chamou de hyung de novo, da mesma forma que havia feito no áudio.

- Jungkook... - falei suspirando e ele deu um sorrisinho de lado.

- O que foi? Você é o meu hyung, não é?

- Você está falando de uma forma provocativa. - senti meu rosto ficar vermelho.

- Aigoo, eu jamais faria isso, hyung. - fez de novo. - só estou sendo educado. - o encarei franzindo as sobrancelhas e ele respondeu com um sorriso; e segui para o trabalho.

[...]

O relógio marcava 21h54, estava à caminho da casa de Namjoon hyung, que depois descobri que ele havia convidado os cinco de nós para irmos até lá, mas não ouvi nada sobre Jin hyung, oque achei estranho, porém, não perguntei sobre.

Taehyung levaria Hobi - obviamente - e também Jungkook. E eu buscaria Yoongi, que havia acabado de chegar em sua casa.

- Ayo, Jiminie. - falou entrando no carro, me cumprimentando com nosso aperto de mão que fazemos desde o colegial e eu sorri depois de feito.

- Você sabe o que Nam está aprontando? - perguntei e ele parecia na mesma que eu.

- Não, ele só me mandou uma mensagem dizendo para estar em sua casa às 22h.

- É, mesma coisa pra mim. - franzi o cenho pensando no que ele estaria fazendo.

Ele deu de ombros, e eu continuei a dirigir, logo chegando na casa do hyung.

- São 22h07, eu disse para vocês estarem aqui às 22h. - Namjoon disse enquanto puxava Yoongi e eu para dentro.

- Aish, foram só sete minutos, hyung. - falei - Aonde estão Jungkook, Tae e Hobi?

- Bem aqui. - Hoseok me deu uma cutucada no ombro e eu pulei pela surpresa e eles riram.

- Da onde vocês saíram? - Yoongi interrogou as criaturas atrás de mim.

- Ah, de lá de fora. Acabamos de chegar. - Taehyung deu de ombros e todos entramos, sentando nos sofás.

Jungkook sentou-se em um dos sofás e Tae fez sinal para que eu sentasse lá a seu lado. Bom garoto, Tae.
Me grudei ao moreno, sorrindo, que logo fez o mesmo.

Quando estávamos todos em nossos devidos lugares, Namjoon encostou as costas na parede e logo Jin apareceu vindo da cozinha.

- Então... gente - Nam começou a falar meio hesitante, ele parecia nervoso. -, tem algo que queremos dizer à vocês. - Yoon e eu nos entreolhamos cúmplices, que logo encaramos Hobi e Tae com as mesmas feições, e Jeon pareceu entender o que estava havendo. - Jin e eu estamos namorando.

- Eu sabia! - Hoseok praticamente gritou. - Vocês são péssimos em guardar segredo.

- Aigoo, parabéns hyungs. - Jungkook disse sorrindo.

- Eu sabia que esse dia chegaria! Eu sempre tenho razão. - disse Yoongi vitorioso e Nam e Jin riram.

- Fico feliz por vocês. - Falei e Tae assentiu.

- Eu também, estou feliz! - Taehyung exclamou.  - Finalmente tomou coragem hein, Namjoon. - levantou e deu um tapinha no ombro do mais alto.

- Tá, já chega de me encherem o saco. - Nam disse. - Eu chamei vocês aqui para contar sobre o nosso namoro, mas chamei para jantarmos também.

- Finalmente a parte boa. - Tae disse e andou até a cozinha, e Namjoon balançou a cabeça rindo; e nós o seguimos até o cômodo.

- É a comemoração do meu namoro e eu que tive que cozinhar. Uma audácia. - Seokjin hyung se pronunciou e nós rimos.

- Mas a sua comida é a melhor, amor. - Namjoon o deu um selinho na bochecha.

- Acabaram de começar a namorar e já tá essa viadagem toda? - Yoongi falou e acabou por receber um tapa de Namjoon. - Aish, qual seu problema com me bater?

- Você que provocou. - Nam rebateu e Jin revirou os olhos.

- Parem de discutir feito crianças e comam. Deu trabalho pra fazer essa comida toda. - Jin arqueeou a sobrancelha e se acomodou à uma das cadeiras depois de colocar tudo à mesa e os dois se renderam, enfiando a comida de Jin hyung na boca, que nunca decepciona.

- Está muito bom. - Hoseok disse e nós concordamos enquanto ele levava mais à boca e balançava a cabeça como se dissesse que estava maravilhoso.

[...]

Depois de comermos, voltamos à sala e estávamos assistindo um filme na TV. Estávamos todos deitados desleixados pelos sofás e Jeon estava com a cabeça em meu ombro.

- Já volto, vou no banheiro. - afirmou Jungkook saindo da sala.

- E eu vou beber uma água. - falei me levantando.

- Eles tão se pegando né? - escutei Namjoon perguntando mas não ouvi mais nada depois que deixei a sala.

Observei Jeon entrando no banheiro e antes de ele fechar a porta, eu a empurrei, entrando junto à ele.

- Eu posso saber o que você está fazendo aq... - antes de ele terminar, ataquei seus lábios o beijando ferozmente, atracando minha língua na sua.

- Eu estava te devendo um beijo. - falei ofegante e o o dirigi um sorriso, logo voltando para o beijo.

Puxei sua cintura contra meu corpo a apertando possessivamente e ele agarrou meu pescoço, o arranhando de leve.

Ele mordia meu lábio vez ou outra, e eu como resposta, apertei fortemente sua bunda, o fazendo gemer entre o beijo.
Separamos nossos lábios pela maldita falta do ar, e comecei a beijar seu pescoço, depois mordendo e por fim, deixando uma chupada forte que com certeza ficaria a marca. Sorri malicioso e o encarei.

- Parem de se comer dentro do meu banheiro! - escutamos a voz de Namjoon do outro lado da porta.

Olhei para Jeon que estava vermelho, não só pela excitação, mas agora também por vergonha.

Dei um selar em sua bochechinha corada e saímos do banheiro.

- Por favor me digam que vocês não transaram no meu banheiro. - Namjoon disse hesitante e eu ri anasalado.

- Se você não tivesse atrapalhado, talvez teríamos. - falei e Jungkook me deu um tapa em meu braço. - Aigoo, doeu.

- Ainda bem que eu atrapalhei. - Nam disse nos dando as costas.

- Jimin! - Jeon me olhou indignado.

- O que foi? - encarei-o rindo.

- Seu pervertido. - me deu outro tapa, porém mais leve.

- Amanhã será o nosso encontro, Jungkookie. Só nós dois. - disse e sorri para ele.


Notas Finais


bommmm, é isso. esse capítulo era pra ter saído sexta, mas não deu, sorry.
no próximo vai ser o first date jikook, preparadas? oq será q vai rolar? sei de nada.
espero q tenham gostado do capítulo. eu to planejando uma fanfic nova mas ta difícil pq eu tenho 74933949 de ideias de fanfics para fazer e eu fico indecisa aushsuh, aceito sugestões.
não esqueçam de clicar na opção 'observar usuário' para não perder nenhuma fanfic que eu começar. e comentem, eu adoro responder os comentários de vcs. bjaaaao, até o prox <3333.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...