História Mr.Mr - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Girls' Generation
Personagens Sooyoung, Tiffany
Tags Eunhae, Soofany, Vingança
Exibições 15
Palavras 888
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Lemon, Orange, Romance e Novela, Suspense, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hello! O cap está muito pequeno hoje, mas prometo que o próximo estará maior. Espero que gostem!

Capítulo 4 - Grande Hyukjae


Ouço vozes a minha volta,mas não consigo distinguir o que falavam. Minha cabeça doía muito e meus olhos pesavam.

-Quem está aí? -digo com certa dificuldade, sem abrir os olhos.

-Quem é você?

-Não te interessa, sai daí. Você dopou ela? -ouço a voz de Hyukjae e me sento com dificuldade na cama.

-Hyukjae...?-falo tentando abrir os olhos.

-Princesa,você está bem?  O que essa vaca fez para você?

-Vaca não!

-Vaza daqui.

-Hyukjae... Minha cabeça está doendo... -ouço o bater da porta e abro os olhos agora vendo o rosto de Hyukjae.

-O que aconteceu?

-Eu sei lá...Eu só me lembro que...-coloco a mão na cabeça e fecho os olhos pela dor. -Só me lembro de ter bebido e depois essa garota entrar aqui. Depois disso não me lembro mais de nada...

-Bom,a posição dela em cima de você não era a das mais bonitas...-ele diz rindo. Dou um soco em seu ombro e acabo rindo também.

-Essa menina é um saco... Ela não some do meu pé...

-Percebi. Mas ate que não é de se jogar fora...

-Se Donghae ouvir isso arranca seus miolos,fica esperto. -levanto da cama com dificuldade e vou até o guarda roupa pegando umas peças para vestir.

-Que isso. Eu só tenho olhos para ele,e ele sabe. -ele ri. -Ei,para onde vai?

-Ué, para o encontro da S.Kill é obvio. Pergunta besta...

-Eu não sei se você percebeu mas já é de manhã, princesa cavalo. - ele diz se levantando da cama.

-Como assim já é de manhã? -Vou até a janela abrindo as cortinas e quase fico cega com tamanha claridade.

-Eu achei estranho você não ter ido ao encontro da S... Então eu te liguei umas trezentas vezes, mas você não me atendeu,então decidi vir aqui ver o que tinha acontecido. E aí na hora que eu entrei no quarto a visão que eu tive foi de uma doida pelada em cima de você.

-Essa garota passou dos limites...-digo me sentando na cama passando as mãos no rosto. - A gatinha que é bom não cai assim de bandeija para mim. -digo inconformada.

-E quem é essa gatinha?

-A empregada.

-Desde quando você tem fetiche por empregadas?  -ele diz rindo.

-Ha. Ha. Ha. Que engraçado você... -digo revirando os olhos. -Ela é uma empregada gata. Só isso.

-Bom. Se for a que abriu a porta para mim realmente você tem um bom gosto. -ele diz.

Batem na porta.

-Entra! -digo.

-Me desculpe incomodar,senhora,eu vim trazer seu café da manhã. - Vejo Sooyoung adentrar o quarto com uma bandeija de café da manhã.

-Já disse para não me chamar de senhora...-digo a olhando.

-Desculpe. -ela coloca a bandeija ao lado de Hyukjae e se vira para sair.

-Não vai me dar bom dia? -digo fingindo um tom de decepção.

-Bom dia. Senhora. -ela diz e sai do quarto.

-Mas que gênio. -Hyukjae diz rindo. - É impressão minha ou ela te chamou de senhora novamente só para te irritar?

-Eu não sei. Mas sei que ela ainda vai ser minha. -digo sorrindo de lado. -Ah se vai...

Sooyoung P.o.v

Desde que eu entrei nessa casa nada foi como antes. Na primeira semana fui ameaçada por essa garota,Tiffany. E desde aí ela fica me cantando...E eu...Aish! Quase me deixei levar por ela um dia e acabei,bom,quase fazendo algo que não era para fazer.

Ela é mimada e mandona, mas é muito bonita...Não que eu goste de mulher,mas ela me atrai de alguma forma... E isso é errado meu deus. O que eu fiz? Joguei pedra na cruz?!

-Filha,o que você tanto pensa aí? Cuidado para não deixar toda a água da panela evaporar. -desperto com a voz da senhora Choi e corro para o fogão baixando o fogo, pego o açúcar e coloco na água.

-Desculpe senhora Choi,eu estava meio distraída com algumas coisas...

-Muitos problemas em casa filha?

-Na verdade não... O problema é que -

-Bom dia...-sou interrompida por uma terceira voz.

-Bom dia. -eu e senhora Choi dizemos em unnisono.

-Eu vim pegar algo para comer,eu posso? -o garoto pergunta e acintimos com a cabeça.  -Com licença. - Ele diz andando até a geladeira. Ele pega um pedaço de bolo e se senta na mesa. Volto a fazer o café e a senhora Choi sai da cozinha.

-Como é seu nome? - ele pergunta.

-Sooyoung.

-Muito prazer Sooyoung. - fico em silêncio. -Você trabalha a muito tempo na casa?

-Na verdade não... -digo indo até o armário pegando alguns ovos.

-Você não gosta muito de falar não é?

-É que quando estou ocupada e falam comigo eu me desconcentro. E eu preciso desse emprego,não posso fazer mada de errado.

-Entendo...-ele diz se levantando. - Bom,obrigado.

-Denada. -digo ainda sem olhá-lo e ouço seus passos até não ecoarem mais no recinto.

-Esse menino é bem educado não é? - a senhora Choi diz entrando na cozinha.

-Bom,ele é sim...-digo quebrando o ovo na panela.

Me vem a imagem de Tiffany na cabeça e me queimo na panela.

-Ai!

-Cuidado minha filha! Onde você tá com a cabeça?!  -ela vem correndo e pega meu braço olhando a queimadura.

-Na verdade senhora Choi,nem eu sei no que eu tanto penso...E porque penso tanto nela...Quero dizer,nisso. Porque penso tanto nisso!... -digo fechando os olhos.

Quase que você pisa na bola Sooyoung. Parabéns para você.


Notas Finais


Espero que tenham gostado! KISSUS! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...