História Mudança é primavera. - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Akamaru, Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Kiba Inuzuka, Naruto Uzumaki, Rock Lee, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shino Aburame, Tsunade Senju
Tags Hinasasu, Hinata, Naruto, Romance, Sasuhina, Sasuke, Tramas
Exibições 166
Palavras 5.036
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem de um pouco de ação, não sei se sou bom nisso, foi minha primeira tentativa. Se quiserem comentem e me deem dicas. Obrigado.

Capítulo 12 - Tentativa Akatsuki


No outro dia saiu muito cedo, precisa descobrir mais sobre aquele grupo, não poderia deixar tudo acontecer novamente, tinham que manter a paz a qualquer custo, já havia visto sofrimento demais.
Existiam pessoas como o sr Ly, que já tinha problemas demais  e Hinata que deviam ser protegidas a qualquer custo, quando chegou no esconderijo, viu que eles não estavam mais lá, seguiria os rastros, levou 1 dia para encontrá-los,  correu tanto que estava cansado, chegou o mais perto que pode e ficou sentado em uma árvore observando, havia um de vigia, mas sempre ele dava um jeito de ir conversar e voltar e os outros iam lá incomodar também, realmente pareciam crianças como ele e Naruto antigamente.
As habilidades que pode observar foi força no de cabelos compridos, transporte de armas no de cabelos brancos,  ele tinha vários pergaminhos, em nenhum momento observou eles falarem de um líder, o terceiro membro não mostrou suas habilidades, ouviu eles dizerem que o Lyu era bipolar, que algo estava quebrado na cabeça dele,  devia ser o membro que o Kakashi comentou.  algo estava quebrado na cabeça dele, no 2 dia, falaram de transporte de ouro que ocorreria em uma semana e que deveria ser feita pelo grupo todo, pois era muito protegido, não falaram aonde, precisava avisar a Hokage, para descobrir de quem era esse transporte, talvez esse seria o momento..., no 3 dia resolveu voltar pois eles continuavam da mesma forma só brincando e brigando.
Chegou na vila e procurou a Hokage imediatamente, contou sobre as habilidades que viu e sobre o carregamento de ouro, ela disse que ia tentar descobrir, mas se alguém fizesse um carregamento de ouro, provavelmente faria em segredo, não seria fácil, iria fazer uma reunião com os Kages para alertar todos.
Eu disse estarei voltando amanhã para continuar ouvindo e ver se descubro onde será o roubo.
Entrei na vila e vi que o muro da pracinha já estava destruído, e que o muro perto da entrada também estava sendo destruído, a placa continuava no lugar...
Vi a Hinata junto com as crianças pintando o canteiro central, com as cores do clã, gostei eu queria que ninguém esquecesse que ali era o clã Uchiha, ela veio em minha direção, e disse: - Bom dia Uchiha. Que bom que está bem, vai ficar uns dias?
Eu disse: - Não amanhã já saio em missão, ela disse o que achou da vila?
Observei que já havia uma casa pintada e a outra em andandamento com o sr Ly, os canteiros estavam pintados, as faixas brancas da calçada, e respondi: - Ficou bem.
- Gostou do canteiro central?
 Respondi: - Um pouco colorido - dei tchau e sai.
---
Hinata
Vi o Sasuke  parecia não ter nenhum arranhão, parecia uma eternidade que não o via, comecei a puxar assunto, mas ele estava monossílabico como sempre, será que era falta da valeriana, pensei em ir com ele ver o seu jardim que agora já tinha flores brotando, mas ele não me deu assunto apenas um tchau. Resolvi deixar para lá, realmente ele não estava bem ou estava no seu normal?
Terminamos a pintura do canteiro e me despedi de todos, queria sair dali, Sasuke não parecia gostar de me ver por ali. Quando estava indo embora ele apareceu novamente e perguntou sobre Yuho, respondi:
- Que já estava fazendo arte pintando -perguntei para ele devagarinho, - Em relação ao muro da entrada posso tirar a placa para .... -  ele me olhou furioso e disse: - Não toque na placa - e saiu.
Fiquei sem reação, porque iria dizer que era para pintar, pois tinha comprado as tintas para os canteiros e queria utilizá-las o quanto antes porque estragam, não fui atrás dele... parece nervoso .. ou é bipolar...
Sai da vila com Hanabi muito chateada porque ele foi grosso comigo, como se estivesse incomodando, atrapalhando, eu realmente me envolvi demais, ele talvez não era como eu estava imaginando, acho que a nossa relação tinha acabado aí mesmo. Era isso, só o básico sem laços. Senti um vazio tão grande, porque ele me ignora? Eu realmente não sirvo para nada, eu realmente pensei que existia alguma coisa, ... eu não tinha nem consideração dele como amiga, ... fraca, inútil é isso que eu sou... assim que chegamos em casa dei vazão as lágrimas, precisava desabafar o vazio do meu peito.
No outro dia fui vila cedo para ajudar o Yuho a experimentar as muletas, ele se saiu muito bem, mais tive que dar um puchão de orelha, ele só podia usar algumas horas por dia e devagar porque se machucasse a perna atrasaria a recuperação, a sra Ly puchou a orelha dele e disse ouviu? ri.
O sr Ly apareceu e me chamou para falar que havia um grupo de operários peguntando como fariam com a placa, fui lá ajudar e vi que não tinham como derrubar o muro sem tirar a placa, achei melhor chamar a Hokage, pedi para esperar um pouco que eu resolveria. Fui na sala da Hokage e expliquei para ela, ela disse que preferia sem a placa, porque as outros bairros não tinham, falei que o Sasuke não queria, tinha certeza disso, ela respondeu então podemos deixar só um dos lados do muro, diminuimos como uma pilastra e penduramos a placa um pouco lateralmente.
Respondi:  A Sra  precisa ir lá falar com os operários, eles estão esperando.
- Transmita o recado você,  não tenho tempo agora, mas já vê de eles aumentarem o muro e fazer o apoio da placa.
Concordei. Sai e passei as instruções e pedi que levassem a placa para a frente da casa do Uchiha, eu e o sr Ly colocamos em cima de um apoio, falei para ele que iria aproveitar para pintá-la, já que teriam que esperar a pilastra ficar pronta para colocar a placa de volta. Ele falou que ia dar uma lixadinha, para ficar mais lisinha a madeira, estava um pouco judiada. Avisei amanhã venho cedo então para pintar.
---
No outro dia voltei e o sr Ly me avisou que a pilastra só ficaria  pronta no outro dia que tinha que esperar secar o cimento 1 dia e no outro dia pintaria a pilastra de branco, falei que iria pintar a placa, ele me disse que teria que dar duas mãos para proteger bem a madeira e ficar melhor a pintura.
Terminei a pintura, a placa ficou bonita, mas percebi que iria precisar de mais uma mão, pois a madeira puxava a tinta mesmo, teria que vir no outro dia pintar novamente.
Voltei cedo no outro dia para passar a segunda mão de tinta, a placa ficou tão vistosa, não tinha como Sasuke não gostar quando a visse, fiquei tão feliz... encontrei o sr Ly restaurando uma mesa que havia achado em umas das casas e comentei que a varanda do Sasuke também iria precisar de uma restauração, lixar e passar uma nova mão de verniz, mas avisei pergunte para ele se quer que mexa na varanda (tenho que tomar cuidado, já tô na corda bamba com ele).
Quando chegue na vila no outro dia o sr Ly estava pintando a pilastra novamente, e ele disse que precisaria secar, que pintaria novamente amanhã, para esconder a cor do cimento, e talvez já pudessem colocar a placa de tarde, que precisariam chamar os operários, falei que avisaria a Hokage para mandar alguém procurá-lo amanhã. Me lembrei e disse vou aproveitar e pintar o balanço. Pintei o assento com as 3 cores e as pilastras de azul. Sai de lá e já fui na sala da Hokage avisar para mandar alguém ir na vila amanhã colocar a placa e pedi por favor não esqueça, ela só balançou a cabeça.
Sasuke encontrou o bando  no mesmo esconderijo, provalvelmente porque estavam fazendo o plano de atacar o carregamento de ouro, ficou escondido 2 dias até que ouviu que o carregamento estava indo para Konoha, saindo da areia. Ele não conseguiu saber de quem era o carregamento, como faltava 3 dias para o assalto achou melhor voltar e falar com a Hokage para descobrir de quem é o carregamento e assim fazer um plano de emboscada para a Akatsuki, ele nao sabia em qual parte do caminho porque entendeu que quem planejava o local eram os outros 2. Quando chegou em Konoha, já estava escurecendo foi direto falar com a Hokage, explicou o viu e ela marcou uma reunião para o outro dia cedo, iria chamar os outros de volta e tentar descobrir o dono do ouro.
Foi para a vila já eram quase 20h, chegando lá viu que a placa não estava ficou furioso, não acredito que tiraram a placa, ... eles querem que sumamos agora de outra forma, apagando a nossa existência, ...não ia deixar eles terem a consciência tranquila? Se controlou um pouco e foi até a casa do sr Ly, bateu e aguardou, quando o sr Ly saiu deu boa noite e perguntou, o sr sabe quem tirou a placa e ele disse foi autorizado pela Hinata, por causa do muro ... nem ouvi mais nada, disse desculpa incomodar e sai.
Eu já havia dito que não tocasse na placa, o que ela estava pensando..., quem ela era para mexer na história do seu clã, ela tirou a placa!? Tinha dito mais de uma vez que não tocassem na placa, ela que fosse mandar na família dela..., que fosse fazer bolinho para um terceiro..., será que ela tentava interferir na vida dele também e achava que podia fazer isso com ele! Mas ela vai ouvir .... Foi direto ao hospital sem perceber entrou e procurou Hinata, ela estava cuidando de uma menina de uns 11 anos, Ino me abortou no caminho e perguntou se ela podia ajudar eu disse: - Não, não estou ferido.
E continuei rumo a Hinata, ela se afastou da menina indo em minha direção olhando de cima abaixo, perguntando: - Está ferido, você está bem?
Falei alto sem me dar conta, por que estava com muito ódio, eu disse: - O que você está pensando que é para mandar tirar a placa da minha vila? Eu disse que não queria que tocassem nela!! Você é surda? Você acha que é alguma coisa minha para mandar lá? Já está estorvando a muito tempo, sabia que ia dar nisso!!! Não sei porque dei espaço para uma criatura chata e irritante como você!
Ela começou a gaguejar e dizer: - Sasuke,  não ... eu..
- Eu tenho orgulho do meu clã, não quero esconder o que aconteceu empurrando para debaixo do tapete até que as memórias desapareçam, quero que todos engulam isso, e sinto vergonha do que fizeram para minha família inclusive você!!
Ela gaguejava e estava com os olhos marejados: - Sasuke .. eu..acho q tem q honrar ... não foi isso...
- Não tenho tempo para ouvir você gaguejar - e sai.
Ele passou pela Ino e fuzilou, ela ficou parada não acreditando no que estava vendo e não entendo.. placa, Hinata, orgulho.. aí ouviu uma porta batendo e foi atrás de Hinata, que chorava no banheiro, pediu para a amiga abrir a porta para conversarem, ela resistiu, Ino disse vou dar uma volta no hospital e quando voltar você vai abrir essa porta para mim.
Voltou depois de quase 1h: - Hinata, por favor agora abra a porta.
Ela disse: Ino estou muito envergonhada para sair...
Ino insistiu, ela abriu e começou a chorar tudo de novo no ombro da amiga, contou sobre a placa e que tinha sido um erro tirar mesmo temporariamente, mas que a placa voltaria ao lugar, que não tinha intenção de ofendê-lo, que ele olhou-a com tanto desprezo que ela viu no olhar dele o mesmo do seu pai, o olhar de inútil, de estorvo..
Ino acalmou a amiga, e disse: -  O Sasuke é um grosso mesmo, que ele pediria desculpa,... preciso saber se você tem condições de trabalhar, posso ficar no seu lugar.
Ela falou não Ino, não quero ser mais um estorvo para ninguém, já estou mais calma e vou terminar meu turno falta menos de 1h eu aguento, vai tranquila!
Pensei Sasuke nunca me pediria desculpa e ela não queria mais falar com ele, pois ele a humilhou no local de trabalho, várias pessoas viram,  não pense isso agora Hinata, você tem que trabalhar sua inútil.
Quando o turno acabou foi para casa rapidamente e mal fechou a porta e caiu em prantos, chorava tão alto que Hanabi acordou e foi ver o que tinha acontecido, ela só pensava em quanto tinha sido humilhada e que seu pai sempre teve razão, que ela tinha jurado mudar e tinha se deixado humilhar novamente, que não conseguia que ninguém a respeitasse e valorizasse, nem seu próprio pai.
Hanabi perguntou: -  Foi o Naruto que te fez alguma coisa?
Hinata disse: - Não é nada Hanabi, vai dormir amanhã estarei melhor te prometo! - e  pensou em Naruto e lembrou de quando ele lhe disse que não havia sentimentos por ela.. e Sasuke dizendo você pensa que é alguma coisa minha? ...e chorou novamente.
Ino foi para casa e não sabia o que fazer para ajudar a amiga, achou que ele ia matar a Hinata, precisava falar com alguém, mas quem... resolveu ver se a Hokage ainda estava no escritório, ... não estava amanhã contaria para ela no hospital.
---
Fui para casa furioso e arrasado ao mesmo tempo, eles querem enterrar a história do meu clã e minha família, nunca mais iria deixaria isso acontecer..., quando voltei para Konoha foi para me desculpar pelos meus erros, porque Itachi pediu e também para erguer o nome da minha família, não vou deixar ninguém me enganar novamente, não esperava isso de Hinata estava quase confiando nela, e ela achou que podia enganá-lo? Ninguém presta mesmo... a noite estava muito escura e ele quando entrou não viu a placa na frente da sua casa.
No outro dia levantou cedo e estava chovendo muito, a reunião estava marcada para às 10h saiu de casa correndo e novamente não viu a placa, o sr Ly havia coberto para não molhar.
Todos chegaram praticamente juntos na reunião, Hokage e Sasuke começaram o contar o que aconteceu, precisam descobrir de quem era o carregamento, para proteger a carga e tentar fazer uma emboscada já que todos estariam lá para o roubo, Hokage disse que estava indo pessoalmente as famílias mais ricas de Konoha para descobrir de quem era o carregamento, que não havia descoberto nada ainda e que isso poderia demorar, pediu para o Kakashi e os demais estudarem as habilidades e as formas de neutralizá-los para fazerem prisioneiros. Vou até ao clã Hyuuga agora, sei que Hiashi está viajando então há uma possibilidade de ser dele.
Chegando ao clã a Hokage, soube que Hiashi estava viajando e que retornaria só em 3 dias, achou uma grande coincidência, mas precisava ter certeza, procurou o responsável no lugar de Hiashi e perguntou se a carga que Hiashi trazia era ouro, Ko não sabia se confirmava, mas o pai de Hiashi ouvia a conversa e perguntou o motivo daquele interrogatório, Hokage contou a ele tudo que sabia, então ele confirmou sobre o carregamento.
- Hiashi está supervisionando pessoalmente o carregamento, mas contra 5 ninjas treinados corre perigo de vida e ele a dará pela sua honra -, contou que ele viria daqui há 3 dias pelo caminho secundário da vila da Areia até Konoha. Hokage mandou avisar o que descobriu ao grupo reunido pela Shizune, assim eles já podiam trabalhar e ela iria ao centro de comunicação tentar falar com o Hiashi.
Ino esperou a manhã inteira e a Hokage não foi ao hospital, não sabia o que fazer, ninguém sabia dizer se ela iria até lá, saiu para ir almoçar em casa e quando passava pelo trabalho de seu pai, viu a Hokage, esta já lhe disse: - Não tenho tempo Ino.
Ino insistiu e disse: - Hokage, Sasuke brigou com a Hinata sobre uma placa ontem e pelo que eu entendi a placa foi tirado com a sua autorização.
Ela respondeu: - Sim, eu autorizei.
- Pois o Sasuke gritou e humilhou ela no hospital por causa disso.
-  Ah, Sasuke! E como Hinata está?
- Arrasada! - respondeu Ino.
- ok, Ino eu vou bater nele!
Hokage não conseguiu falar com Hiashi, mas deixou todos trabalhando nisso, inclusive de entrar em contato com a vila da Areia para localizá-lo.
Saiu de lá e voltou direto para a sua sala, a reunião era 14h, chegando lá pediu que explicassem o que planejaram e assim foi feito.
Ela disse que aguardava notícias sobre o Hiashi, assim seria mais fácil de o plano dar certo.
O combinado era que eles 2 ninjas iriam direto acompanhar o carregamento: Sasuke e Kakaschi, se eles conseguissem falar com Hiashi e 1 iria acompanhar o carregamento de longe: Naruto e os outros dois: Kiba e Shino iriam tentar localizar o lugar da emboscada para preparar com sucesso a captura do grupo. Caso não conseguissem falar com Hiashi, apenas Kakaschi iria direto para o comboio acompanhar o carregamento para poder explicar tudo para Hiashi, porque se fosse outro ele talvez, criasse problemas e não acreditaria, 2 acompanhariam o carregamento de longe: Sasuke e Naruto, Kiba e Shino no rastreamento do local da emboscada.
Naruto perguntou: - O Sr Hiashi é tão paranóico assim?
E Hokage falou: - Sim!! Ele vive desconfiando e em guerra com todo mundo!!
- Mas por que isso?
Hokage respondeu: - Um pouco porque ele já perdeu muito o irmão, a esposa, Neji, as tentativas de raptarem suas filhas e seus parentes para arrancar-lhes os olhos... e descobrir os segredos do clã...
Sasuke pensou algo familiar nisso, lembrava de ouvir sobre sequestro envolvendo o clã Hyuuga, e tinha sido  a Hinata.
- Amanhã você saíram, o encontro será aqui, para informar se consegui falar com Hiashi, como leva 1 dia e meio da areia até aqui e está previsto que cheguem em 3 dias, isso dá exatamente com os 3 dias que o Sasuke escutou, porque provavelmente irão tentar pegar ele no meio do caminho.
- Todos vão para suas casas rever as estratégias com as habilidades que ja conhecemos, principalmente você Kakashi e Shikamaru, então quem vai na missão Sasuke, Kakashi, Shino, Kiba e Naruto. Kiba e Shino rastreiam o lugar da emboscada e Shino é responsável pela comunicação com os insetos. Shikamaru quero que você organize aqui em Konoha o lugar para os prisioneiros e o interrogatório. Naruto quero que você de cobertura de longe, você não é o primeiro a agir porque só vai causar confusão, só irá agir se Kakashi te chamar, entendeu, sejam discretos? Agora vão.  Sasuke, quero falar com você!
Ele já se aborreceu, esperou todos sairem e ficou o olhando a Hokage.
Ela simplesmente levantou e bateu na mesa tão forte que quase quebrou!
- O que você está pensando para gritar com a Hinata!
Ele respondeu: -  Faço o que eu quero com quem ousa interferir na minha vida!! Foi pouco o que fiz com aquela inútil!!
E a Hokage sentou pasma e disse: - Achei que você estava mudando Sasuke, como ousa falar assim de Hinata..., ela é tudo menos inútil...- esperou alguns segundos e continuou.
- Fui eu que autorizei a retirada da placa, porque não havia como quebrar o muro, foi feito um pilar para a placa ser colocada novamente...faltava secar o cimento... saia da minha frente...
Sasuke saiu da sala não acreditando muito, mas sentiu a decepção no olhar da Hokage, será que Hinata não tinha nada a ver com isso? Será que ele foi injusto com ela? Foi pra vila na entrada viu a pilastra no formato de um tronco de árvore, foi indo em direção a sua casa e encontrou o sr Ly, perguntou: - O que era aquela pilastra na entrada?
Ele respondeu: - Para pendurar a placa que estava no muro antes, mas achei que ficou bonito a placa no lugar que está, dá pra ver de longe por causa das cores e Sasuke olhou em direção a sua casa e viu a enorme placa no muro, estava reformada...
Seu coração quase parou quando percebeu a burrada que tinha feito, ele tinha gritado com ela e a ofendido por nada, ele nem perguntou onde estava a placa, já presumiu que haviam tirado por mal, pela lembrança do clã Uchiha.
Como ele consertaria a burrada que fez, como ele teria presumido que ela fez por mal se ela sempre o ajudou, esse era o jeito dela de estar sempre interessada nos outros e auxiliando.
Ele não merecia perdão, ele não sabia se iria falar com ela, se esperaria, se sumiria da vila até ela esquecer.... aí ouviu a palavra estorvo na sua mente quando ele gritou com ela e pensou ela não iria esquecer...
Ficou pensando por horas e resolveu ir avisar o sr Ly sobre sua missão e que achava que demoraria 3 dias, entregou-lhe o salário, o sr Ly falou que amanhã se parasse de chover, já poderiam colocar a placa e Sasuke disse não pode deixar onde ela está, a placa realmente era visível da entrada da vila e ele iria pensar um pouco mais...
Perguntou como estava Yuho, e o sr Ly falou ainda aprendendo a andar com muletas, mas que o menino já era feliz novamente, mesmo com todos os problemas que ele ainda tinha.
Sasuke  se despediu e pensou, eu também estava me sentindo feliz com Hinata apesar de todos os problemas que tinha.
Ele não conseguia se decidir se ia falar com ela enquanto a via saindo do hospital às 23h, ela parecia triste, não falou com ela,  voltou para casa após vê-la de longe chegar bem em casa, resolveu arrumar suas coisas para a missão.
Não conseguiu dormir direito pois ficava lembrando do que tinha dito ...estorvo ... irritante ... chata ... e seus olhos grandes em pânico, esses foi realmente um de seus piores erros. De manhã foi para sala da Hokage e todos foram chegando, a Hokage informou que não conseguiram encontrar ele na vila da Areia, onde ele estava em um local próximo ou mudou a rota sem avisar ninguém, que todos fossem pelo caminho secundário ir em direção a vila da Areia e que esperava que esse fosse o trajeto certo.
---
Hiashi-sama acordou cedo e decidiu que iria adiantar a sua viagem, já tinha passado quase 2 meses longe de konoha e estava querendo ver as filhas, Hanabi já devia estar diferente, nessa manhã já havia conseguido adiantar os seus negócios como gostaria, haveria um festival em Konoha e ele queria estar presente para a venda de alguns produtos.
Resolveu seguir o trajeto passado da trilha secundária, como havia andiantado o cronograma e mudado só no dia, achava que isso já era uma proteção, seu comboio consistia em 3 carroças que estavam extremamente cheias e 8 pessoas, sendo 1 criança e uma senhora que estavam indo para Konoha e pediram para ir com eles para proteção, isso atrasaria um pouco, mas como as carroças estavam pesadas talvez isso não seria problema.
O menino tinha somente 7 anos e cabelos compridos, lembrava Neji de costa e isso o deixava um pouco triste, pois seu sobrinho tinha aberto um buraco no seu coração e tinha um sonho de tê-lo sempre ao seu lado, o leal Neji, filho de seu irmão tão leal quanto.
Afastou esses pensamentos e pós o comboio em marcha eram 10h da manhã, pararam a 17h da tarde para comerem e seguiram viagem, estavam indo muito devagar, ainda havia gente na estrada porque estavam próximos da cidade ainda, resolveu que iriam andar mais um pouco até não haver niguém e assim acampariam, se não houvesse nenhum problema amanhã estariam chegando em Konoha, andaram até às 21h, quando resolveram montar o acampamento.
Levantaram às 6 para seguir viagem, havia muito barulho das pessoas arrumando as bagagens na carroça e Hiashi não percebeu o barulho nos arbustos, avisou para tomarem café para estarem caminhando até no máximo às 7h.
Quando percebeu o ruído de queda de um corpo no chão, pois esse barulho era inconfundível para ele depois de tantos anos de luta, percebeu que todos estavam despreparados para aquela emboscada, estavam arrumando as carroças, verificou que a Sra e o menino ainda estavam embaixo da sombra de uma árvore quando avistou o primeiro bandido, ativou o seu byakugan, para ver enquantos seriam, e se assustou seriam 5 e um estava um pouco afastado em uma árvore, 3 dos seguranças já estavam caídos e 2 estavam em cima das carroças, pois as estavam arrumando, no seu campo de visão só via 1 bandido, então os outros já deviam estar próximos dos seus outros seguranças... e precisava proteger o menino.
Foi para sua posição de luta e falou para o seu segurança da carroça mais próxima, venha já para cá.
Quando o segurança se aproximou disse, pegue a Sra e o menino e vão caminhando no sentido da Areia, mais a frente contornem e vão ao sentido de Konoha, está mais perto, vou tentar lutar com eles, o segurança disse façamos o contrário e ele disse não, e agora vá. Não havia tempo para discutir com o líder e fez o que lhe foi mandado, se encontrasse alguém pelo caminho deixaria a sra e a criança e voltaria.
Hiaschi aguardou o que podia para dar tempo para a fuga, quando viu o primeiro ataque sendo dado, foi um soco que parecia feito com uma grande força, mas ele conseguiu desviar, já estava pronto, rapidamente acertou o braço e pulmão de seu adversário, fazendo o recuar e cair a 5 metros desacordado.
Aguardou onde estava e se aproximou agora um garoto, não devia ter 16 anos que o atacou com uma cobra gigante, ele começou a golpear a cobra tentando localizar os melhores pontos de chacra, não foi tão difícil, ela era muito grande deixando vários pontos vulneráveis, depois de 30 min de luta a cobra caiu desacordada, viu que os outros vasculhavam as carroças e percebeu o que queriam, faltavam 4. Mais um se aproximou rapidamente e tentou prendê-lo com uma corda, ele analisou o material da corda e percebeu que era chacra e já sabia o que fazer, começou a inverter o sentido da corrente causando dor ao seu adversário, começou a enviar cada vez mais chacra e em blocos, até danificar a saída de chacra do ninja. 
Percebeu que um ninja e o outro que estava escondido, não estava mais, onde será que ele foi? Lembrou do menino, avançou rapidamente para o outro ninja, pois precisava saber onde estava os outros dois, e ir atrás do menino, levou a primeira pancada e percebeu que seu oponente era rápido, começou a sentir dores nos seus ombros e costas, seu oponente o atacava por trás, como ele já estava cansando se sentia mais lento, com o byakugan ativado percebia aonde seria o ataque de seu oponente, kaiton ocupava muito chacka, mas parecia o melhor para se defender, porque criava uma proteção ao seu redor, não deixando o inimigo se aproximar. Foi quando sentiu a aproximação de 2 ninjas e viu que era o Uchiha e Kakashi, falou: - Vão para o sentido da Areia atrás de um Sra e um menino eles correm perigo, talvez com dois ninjas no encalço, Kakashi chamou Kiba e disse: - Vem comigo.
Sasuke se posicionou perto de Hiashi e este falou: - Pareço alguém que precisa de proteção?
 Ele não respondeu, e Hiashi percebeu  que dois dos ninjas caídos estavam de pé, deixe este comigo e vá atrás do outro, era o da força, Sasuke sentiu o primeiro golpe e percebeu que ele era um ninja igual a Sakura, só precisa desviar dos golpes até acertar alguns e nocauteá-lo. Shino se aproximou da batalha igualando, rapidamente a cobra já estava cercada de insetos que não permitiam que visualizasse seu oponente e acertasse seu golpes. Após 20 minutos os outros dois ninjas apareceram e estavam com a sra e o menino, eles gritaram: - Basta, nos entreguem o ouro e nos iremos embora.
O sr Hiashi disse: - Primeiro quero ver a segurança dos dois, um ninja que se teletransportava apareceu já com a faca no pescoço do sr Hiashi, enquanto o ninja que havia o tentado prender com a corda de chacra se aproximou do menino e o colocou em uma bolha de água, essa era outra habilidade.
Naruto apareceu rapidamente e tirou o garoto da bolha, mas a Sra ainda estava com o outro ninja, Sasuke aproveitou a distração e retirou o sr Hiashi do ninja, que mesmo com dor no braço devido o Sasuke ter quase arrancado para liberar o sr Hiashi, se teletransportou e pegou no braço do ninja que estava com a Sra e do outro que antes estava com o menino e sumiu.
Kakashi e Kiba apareceram e cercaram os ninjas agora eles eram prisioneiros, haviam conseguido capturar 3 dos 6 ninjas.
Kakashi falou: - Naruto proteja a área, Kiba e Shino tentem rastreá-los, nos iremos ajudar os feridos, Hiashi tem sangue no seu pescoço, só aí Hiashi percebeu que o ninja ia matá-lo.
Após 2h todos estavam prontos para seguir rumo a Konoha, o menino estava muito quieto, ele quase tinha sido afogado era de se esperar. Sasuke falou para ele: - Suba na carroça você precisa descansar um pouco e levantou o menino e colocou em cima da carroça menor.
Naruto ia bem  à frente,  Kakashi e Hiashi na lateral e Sasuke atrás do comboio.
Chegaram em Konoha à meia-noite, Hokage o interceptou no caminho e perguntou: - Todos bem?
Kakashi respondeu: - Todos bem. Kiba e Shino ficaram para tentar rastreá-los, trouxemos 3 prisioneiros, por isso tivemos que voltar - , a Hokage respondeu entendo, levem 1 para o interrogatório e os outros 2 para cela, já está tudo pronto. Hiashi, você esta bem?
- Sim, Kakashi me explicou um pouco o que aconteceu, mas preciso saber de tudo.
Hokage falou: - Hoje você deve descansar, amanhã conversaremos, -e perguntou: - a carga foi roubada?
- Não.
- Então foi tudo bem.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...