História Mudanças - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Como Treinar o seu Dragão
Personagens Astrid, Banguela, Batatão, Bocão, Cabeçadura Thorston, Cabeçaquente Thorston, Dente-de-Anzol, Fúria da Noite, Melequento, Perna-de-Peixe, Personagens Originais, Soluço, Stoico
Exibições 26
Palavras 1.498
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Fantasia, Ficção, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oii <3

Desculpa não ter postado esse capítulo antes, é que essas últimas semanas estão sendo difíceis pra mim e eu acabei perdendo o capítulo de uma outra fanfic minha e acabei ficando muito chateada para escrever, MAAAASS tá aí, aproveitem a leitura.

Beijinhos. O link da "minha outra fanfic" vai estar nas notas finais.

Capítulo 3 - Capítulo Dois: História


Fanfic / Fanfiction Mudanças - Capítulo 3 - Capítulo Dois: História

Eu nunca pensei que a história dos dois poderia um dia vir a acabar. Eles eram a unica prova viva - pra mim - que o amor existia.


- Que? Terminou? Quanto tempo eu dormi? Como?


- Longa história e a Astrid não gosta que eu fale.


- Conta, vai? Resumido, ela vai demorar!


- Você é muito insistente! Eu e Astrid estávamos dando um passeio numa ilha aqui do arquipélago. Estava anoitecendo, nos estávamos na praia, com uma paisagem linda...



Flashback on (P. O. V. Narradora on) 


Hiccup e Astrid estavam cansados, também, depois de uma longa semana de trabalhos pesados quem não estaria? 

Os dois estavam olhando para aquele lindo por do sol, aquele céu alaranjado com algumas manchas rosas. Hiccup nunca teve coragem de se declarar para sua amada, seria aquele o momento perfeito? "Dane-se, se eu não fazer isso agora eu nunca vou fazer", pensou o rapaz consigo mesmo. 

O rapaz olhou aquele lindo rosto que tinha cabelos rebeldes voando contra o mesmo, aqueles cabelos loiros dourados que, neste momento, estava mais brilhante ainda, aqueles olhos, olhos cor de céu ao meio-dia, céu claro e maravilhoso, toda vez que Hiccup voava juntamente com Toothless lembrava daquele par de olhos azuis que pertenciam a dona de seu coração.

A menina virou a cabeça para perguntar o porque dele estar a encará-la.

Os rostos muito perto. As respirações descompassadas. Os sentimentos a flor da pele. 

O menino inclinou sua cabeça com intenção de beijá-la, um erro, pois só a garota sabia o que acontecerá essa semana, ela estava machucada e ele desconhecia tal fato. 

Descontroladamente, a garota começou a gritar com o rapaz de olhos verdes, o xingando de quaisquer nomes sujos possíveis, todos os nomes sujos, na verdade. Até que ela falou algo que ninguém queria ouvir, muito menos aquele menino tão inocente que só queria mostrar seus sentimentos: "Você não é bem meu amigo, por que acha que eu vou querer alguma coisa com você, seu imprestável idiota"

Naquele momento a loira saiu voando com Storm. E o que restou para o moreno? Juntar is pedaços de seu coração que agora está partido e chorar em quanto ninguém olhava. 


Flashback off (P. O. V. Narradora off) 



-... Então duas semanas depois eu fui viajar, Conheci outras garotas que me deram oportunidade. Depois que eu voltei para Berk nós fizemos as pazes e fim. Ela fica no canto dela e eu no meu.


- Eu... não sabia... Me desculpa por te fazer contar isso - minha voz era de consolação mas não era a história em si que me incomodava, era a facilidade dele de falar isso. Talvez ele esqueceu ela mesmo.


- Como poderia saber? Ninguém sabe o verdadeiro motivo por que eu fui viajar. Nem Astrid sabe. Pra essas coisas ela não é tão inteligente.- algumas risadas sairam ecoando pela sala. 


- Vai ficar aonde? - Hiccup me pergunta."Ele não sabe que eu vou ficar na casa dele?", pensei


- Seu pai me chamou para ficar lá até nos partimos para o domínio do dragão... - falei olhando para meus pés 


- E você vai aceitar? - perguntou 


- Cabe todos lá, sete pessoas? - me refiro aos estudantes que comigo estavam


- Claro que cabe. Meu pai deve estar arrumando tudo.


- Então eu vou aceitar sim


- Aceitar o quê? - uma voz feminina vem em direção da porta... Astrid. Eu e Hiccup pulamos


- Que susto! - falamos em coro, depois algumas risadas.


- Eu vou ficar na casa do Hiccup até irmos ao domínio do dragao - ela jogou a camisa dele no rosto dele.


- E os outros? - pergunta a loira


- Também - respondo rapidamente 


- Cabem todos lá? - outra pergunta da loira


- Cabe sim - Hiccup se manifestou, nós duas viramos na direção dele, ele tirava o colete, o corpo dele não contia nenhuma gordura, só o que havia lá eram músculos e meu Thor! Ele colocou a camiseta acabando com a minha diversão - Vocês podem cuidar dela até acordar e quando ela acordar me chamarem? 


- Claro. - respondemos em uníssono e, logo em seguida, o garoto saiu do escritório. 


- Astrid você é muito idiota... - mencionei assim que Hiccup se retirou 


- Que? - Ela me olhou confusa 


- Ele é lindo, inteligente, tem um corpo que faria qualquer garota ter um orgasmo e você deixa ele escapar assim? Idiota! - me refiro a Hiccup


- Eu não gosto do Hiccup, ele é só meu amigo... - ela olha para o outro lado tentando não obter contato visual comigo, talvez ela esteja ruborecida. 


- Tem um monte de garotas atrás dele... - mencionei 


- Não me importa, eu não gosto dele! - ela alterou um pouco sua voz.


- Beleza, se você não se importa... - me rendi.


Ficamos em silêncio até a garota acordar, quando ela acordou Astrid saiu correndo para chamar o Hiccup... e eu fiquei esperando


- Cheguei - disse soluço ao entrar na sala. Ele estava com uma Toothless, sobre ele tinha uma sela diferente, de dois acentos e o acento de trás tinha um apoio - Hey, qual é o seu nome? - ele perguntará a garota que havia sido machucada. 


- Agythe - Ela fala calmamente. 


- Ok Agythe, eu e Toothless vamos te levar para casa, está bem? - tinha um tom de calmaria em sua voz


- T-tudo bem - Hiccup a carregou no colo até a sela sobre Toothless, era visível a vergonha da garota pela vermelhidão de suas bochechas. 


- O que é isso? - a garota perguntou apontando o dedo para o apoio. 


- É pra você não se machucar mais no vôo de volta a sua casa - eu expliquei


- Isso mesmo - Hiccup me olhava de um jeito estranho, supreso de eu saber. 


Eu e Soluço fomos deixar a garota em sua casa, depois decidimos voltar andando... um silêncio absoluto estava a reinar.


- E aí?  o que aconteceu nesses 3 anos que nós não se falamos? - ele quebrou o silêncio.


- Bem... no começo eu só queria me aventurar, sabe? voar por aí com nada de objetivo... ir sozinha para...


- O fim do mundo - ele completou a minha frase, olhei surpresa, ele pensa do mesmo jeito que eu! - voar é se sentir...- eu sabia o final dessa frase


- Livre - nós paramos e nossos olhares se encontram, um misto de vergonha e surpresa rolou...


- Enfim... - continuei a andar -, más depois eu fui pra aquela academia e tcharam ... Estou aqui cuidando de 6... AÍ MEU THOR! EU ESQUECI DELES!!!


- Quase estamos chegando, vamos! - Ele pegou na minha mão e saímos correndo.


Entramos na casa dele (ainda de mãos dadas) e eu me deparo com todos (Laicca, Rhuan, Ingry,  Matirh,  Anne, Hubre e Stoick) sentados almoçando...


- Aonde vocês estavam? fiquei preocupado - disse Stoick, o imenço.


- Cuidando de uma emergência - respondeu soluço.


- Que emergência? - perguntou Laicca.


- Emergência sei... - respondeu Anne ironicamente olhando para minha mão dada com a de Hiccup 


- Só para sua informação nós estávamos tirando um pedaço de madeira da perna de uma garota - me soltei de Soluço e me juntei a mesa. Ele ele fez o mesmo.


Todos almoçamos, apresentei Berk e a academia aos seis.  Depois (a noite) voltamos para casa de Hiccup... fui tomar um banho. Eu estava me ensaboando e ouço a conversa de Hiccup e Stoick:


- Filho... aqui em casa temos quatro quartos, o meu, o seu e dois de visitas. As meninas dormem em um quarto de visita e os meninos dormem no outro e Heather dorme com você no seu quarto.


- OK, eu durmo no chão - respondeu desdém Hiccup. 


- Nem pensar, a sua cama é de casal, vocês dormem na cama


- QUE? - gritou


- Pisiu,  fala baixo, eu já decidi, papo encerrado! - deu para ouvir os passos de Stoick.


Dormir com o Hiccup? Essa é a parte fácil a difícil é me segurar, ele dorme sem camisa... aí meu Thor! Eu já estava limpa, peguei uma toalha e fui para o quarto, onde estava a minha bolsa, eu entrei e fechei a porta.


-Oi - uma voz masculina... a voz do... Hiccup... Thor!!! eu me virei num pulo, lá estava ele, deitado na cama.


- Que susto! - eu coloquei a mão no coração.


-Ah... desculpe - disse se levantando - eu vou me limpar e você pode se vestir - chegou bem perto de mim e me deu um beijo na bochecha, e saiu do quarto.


Eu abri a minha bolsa, não tinha muita coisa, ou eu dormia sem roupa ou eu dormia com um vestido... vestido! ele não era longo, na verdade ele era bem pequeno, vinha até a metade da minha coxa, é um vestido regata bem leve [NN: imagem do capítulo] 

Me sentei na cama, encostando minhas costas na cabeceira da cama,  depois de ter colocado o vestido, estendi os cobertores por toda a extensão das minhas pernas, meu corpo ocupava todo um lado da cama, peguei um livro e comecei a ler, eu gosto de ler antes de dormir.


To be continued... 



Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...