História Mudando meu "Eu" - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Free!, Kimi ni Todoke
Personagens Aiichiro Nitori, Goro Sasabe, Gou Matsuoka, Haruka Nanase, Makoto Tachibana, Nagisa Hazuki, Rei Ryugazaki, Rin Matsuoka, Sousuke Yamazaki, Ume Kurumizawa "Kurumi"
Tags Free, Kimi Ni Todoke
Exibições 40
Palavras 3.013
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Ecchi, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi oi pessoas estou de volta,me desculpem por não postar mês passado,aconteceram muitas coisas...
Yey mais um capítulo que na expectativa é pra ficar bom, mas a realidade não deixa!!...Bom,eu tento ,né??
Queria agradecer á todos que acompanham minha fic e que,assim como eu,têm esperança que ela fique melhor à cada cap.,apesar de serem poucos vocês são muito importantes pra mim ^.^,são a razão pela qual eu estou escrevendo o quinto capítulo. Obrigada pelos comentários e eu me sinto muito feliz de conseguir agradar vocês com uma fic romântica que envolve meus dois animes preferidos.

Capítulo 5 - Férias!!


Fanfic / Fanfiction Mudando meu "Eu" - Capítulo 5 - Férias!!

Sexta-feira,último dia de aula antes das férias de verão.O relógio marcava 05h30 da tarde,os membros do clube se encontravam no lugar de costume,em círculo conversavam sobre algo.

- Meus parabéns pessoal,seus tempos estão ótimos e o Coffe Iwatobi foi um secesso, acho que teremos muitos membros ano que vem.- Falava Gou orgulhosa.

- Isso é ótimo, estou orgulhoso de todos nós, principalmente de você Kurumi-chan que depois de anos sem treinar alcançou um tempo menor em poucos meses.- Makoto dizia sorrindo gentilmente para a menina.

- As férias começaram, onde vamos para aproveita-las ??- Indagou Rei animado.

- Vamos á praia,passar alguns dias por lá...- Sugeriu Gou.

- Adoro praia,estou de acordo! - Nagisa falou saltitando.

- Idem.- Disseram Rei, Kurumi e Makoto em coro.

- Pode ser...- Respondeu Haru.

- Nós sairemos Domingo, então é melhor irem arrumando suas coisas, quanto mais cedo chegarmos melhor vai ser!

- Você está mesmo muito animada.- Sorriu Kurumi.

- E-espere Gou-san, quem vai nos levar?- Interviu Rei.

- Ah é mesmo, minha mãe alugou uma van para nos levar,o ponto de encontro será na minha casa ,sairemos no máximo 07h00 da manhã ,então sugiro que cheguem antes!

- Ah...Gou-chan, por que tão cedo ??

-  Para podermos aproveitar o primeiro dia que chegarmos lá.

- Não vejo problema em acordar cedo...- Rei dizia arrumando o óculos.

- Bom agora que tudo está decidido, vamos treinar!- Kurumizawa falava enquanto ia correndo até a piscina.

- Ei Nagisa, essa é a sua chance em??- Sussurrou Gou dando-lhe uma leve cotovelada.

- G-Gou-chan não me deixe mais nervoso!

O resto da tarde passaram treinando juntos, à todo momento diziam algo sobre o que fariam na viagem.Ao chegar o fim desta se arrumaram e foram para suas respectivas casas.

O sábado passou normalmente, como era de se esperar todos prepararam suas malas, compraram comidas e coisas que usariam na tão esperada viagem que pra muitos era cheias de expectativas.

Enfim Domingo , o relógio marcava 06h20, todos já se encontravam na casa de Gou, mais especificamente na sala.

- Daqui a alguns minutos já estaremos na estrada,só esperar os outros chegarem...- Gou falava com um ar misterioso.

- Outros?!- Ume parecia confusa.

- Gou, mas já estamos todos aqui.- Makoto falava um pouco sem graça.

- Ele está certo Imouto: já estamos todos aqui!- Rin abrira a porta junto de Nitori, Sousuke, Momotaro e outro garoto que possuía cabelos com salmão,olhos violetas ,além de ser bem alto.

- Waa Ume-Neko-chan, quanto tempo!- Disse o garoto a abraçando.

- K-Kisumi-kun...O-oi...

- Você conhece ele, Ume-chan??- Nagisa parecia estar contrariado.

- S-sim, ele andava com o Rin quando namorávamos ...

- Waa você não mudou nada! Tirando essas maravilhas que você chama de peitos!

- E-ei não fale assim com a Ume-chan!- Falou Nagisa com uma voz séria puxando-a pra si.

- Ei Kurumi, me desculpa por aquela noite que eu te dei um bolo...Aconteceram alguns imprevistos...- Rin se desculpava com um olhar mortal direcionado para sua irmã.

- Tudo bem Rin, podemos aproveitar a viagem para fazermos algo juntos!- Sorriu ela.

- Rin, não seja chato a Ume-Neko-chan já foi sua...Já está na hora de deixar outra pessoa conseguir seu coração ,seu egoísta.- Shigno falava puxando Ume para perto tirando-a de Nagisa que até então a envolvia com seus braços.

- N-não está na hora de irmos Gou-chan??- Hazuki falava com a voz trêmula de raiva.

- Nagisa-kun, me perdoa, meu irmão pediu para minha mãe e ela deixou, eu não fazia ideia que ele traria o outro garoto que está interessado na Kurumi-chan.- Sussurrou Gou.- Vamos pessoal , já está hora!

van era espaçosa e possuía lugar para todos: os três bancos da frente foram ocupados pela mãe de Gou, que iria dirigindo, a própria Gou e Rei, nos três primeiros bancos de passageiro ficaram (da esquerda para a direita) Shigno, Haru e Makoto, atrás  estava Rin, Kurumi e Nagisa, nos últimos três bancos estava Sousuke, Nitori e Momotaro.

A viagem seguia normalmente, todos conversavam entre si.

- será que falta muito? Estou com muita fome...- Kurumi falava desanimada.

- Ume-chan, eu comprei alguns pacotes de Pocky*  ,podemos dividir se quiser.- Nagisa ofereceu o pacote que acabara de tirar da mochila.

- Yum , Adoraria!

O garoto pegou um daqueles palitinhos doces levando até a boca da menina, Ume por sua vez fez o mesmo.

- Vocês estão comendo Pocky e nem dividem??- Kisumi falara quebrando o clima fofo que os rodeava.

- Quer um Shin-chan??- Nagisa esticou o braço que segurava o pacote.

- Não,obrigado.Acho que posso dividir com a Neko-chan...- Kisumi se esticou até a menina colocando uma de suas mãos em seu queixo ,pegando assim um enorme pedaço fazendo com que seus lábios ficassem à milímetros um do outro.

- Kisumii não faça isso! Seu folgado!- Kurumi empurrou o garoto com um forte rubor nas bochechas.

- Ei,pare de ficar se aproveitando da Ume-chan assim!!

- Ah Nagisa-kun, você e o Rin são tão chatos.Deviam aprender à dividir as coisas...

- Eu estou aqui,tá??E não sou um objeto!

- Nagisa-kun está com ciúmes?? Não precisa ficar, tem Kisumi pra todo mundo!- Shigno se esticou até o garoto ameaçando fazer o mesmo que fizera com Kurumi.

- S-Shigno,n-não se aproxime!- Nagisa tentava recuar.

Todos riram aos montes da cômica cena que ocorria naquela instante,assim como outras que ocorreram durante a viagem de ida.

3 horas depois já haviam chegando na tal praia,que possuía uma água cristalina e areia morna, a casa onde ficariam se localizava em frente à praia,era bem espaçosa ,com três quartos, dois banheiros,uma cozinha e uma sala,além de um varanda onde havia uma grande mesa.Não passou muito tempo e todos já tinham se acomodado na casa, as três mulheres ficaram num quarto, Rin,Sousuke,Nitori,Momotaro e Kisumi se acomodaram no quarto à frente ,enquanto Haru,Makoto,Nagisa e Rei no quarto ao lado deles.

Com tudo organizado resolveram fazer um churrasco, que ficou por conta de Haru e Makoto assarem a carne, Gou e Ume ficaram de arrumar a mesa e servir os outros hospedados na casa. Rin,Rei,Nagisa,Nitori, Sousuke e Momotaro jogavam vôlei numa rede que os próprios improvisaram e Kisumi...Bem, não saiu da cola de Kurumi...

- Waa Neko-chan você serve tão bem todos aqui! Assim que eu gosto,uma maid que sabe ser fofa e sexy ao mesmo tempo!

- Você adora imaginar coisas, né? Do jeito que está falando até parece que eu te pertenço.

- E você me pertence!- Sussurrou ele de forma provocante no ouvido da menina.

Aquele clima que os orbitavam logo fora quebrado quando Rin acertou com tudo a bola de vôlei na cabeça de Kisumi fazendo-o cair.

- Ops ...Acho que não foi forte o bastante...- Rin falava com um grande sorriso ao lado de Nagisa que se acabava de rir .

- Ei Rin, toma de volta...- Kisumi jogou a bola com a mesma intensidade acertando em cheio Rin.

À tarde Gou estaria na cozinha lavando a louça silenciosamente pensando em coisas muito distantes dali. Nagisa por sua vez viu que a mesma estava sozinha resolveu ajudá-la ,então começou a secar a louça.

- E aí ,Nagisa. Por que não está dando uns beijos na Kurumi-chan??- Falou Gou num tom de chacota.

- Será porquê há dois seres que quase a devoram com suas demonstrações provocantes??

- Hahaha,por que não a chama pra sair??

- Acho que desta vez não daria certo... Shigno com certeza iria dar um jeito de aparecer na hora H.Ah cara,gosto tanto dela que meu amor já chegou à se tornar possessivo ...Que doentio...-Suspirou Nagisa bagunçando o próprio cabelo.

- Chama ela quando ninguém estiver perto...se quiser posso te ajudar com isso!

- Bom...Eu nunca sei o que falar quando estamos sozinhos...Ela é quem sempre puxa assunto e isso me incomoda...Gou-chan,por que não vai junto?

- Oi?! Eu?! Não mesmo! Amo muito os dois juntos mas não quero ficar velando o casal não,sinto muito mas dispenso!

Enquanto conversavam, Makoto entrou na cozinha para levar alguns pratos que ficaram para trás e acabou entrando na conversa dos dois.

- O que houve? Estão falando do quê??- Makoto se aproximou ficando do lado de Gou.

- Waa! Tive uma ideia!! Gou-chan,chama o Mako-chan pra sair e assim eu poderei sair com a Ume-chan sem ficar nervoso e parecer um bobo!!

- M-mas eu acabei de chegar! Sair pra onde? Por que resolveram isso? POR QUE EU??- Makoto ficou confuso com a situação,pois pegara o bonde andando e não estava entendo nem uma virgula do que diziam.

- Mako-chan,você pode sair com a Gou-chan pra que ela não se sinta mau perto de mim e da Ume-chan?? Vaaaai saia com ela é só para me ajudar com a Ume.

- Wow, nunca vi esse Nagisa desesperado por uma garota...Novidade isso.- Riu Makoto.- Bom, pelo o que eu entendi,você vai sair com a Kurumi,mas como se sente inseguro quer que nós dois vamos para te ajudar??

- É exatamente isso Makoto-senpai...- Disse Gou.

- Por mim tudo bem, a Gou é minha amiga e será legal passar um tempinho com vocês!- Sorriu ele.- Mas é claro que só vou se a Gou estiver de acordo de ir comigo!- Makoto olhou a garota colocando a mão sobre seu ombro.

- A-ah...Bom...Eu shippo muito os dois...Então sim,irei! Mas sugiro que a chame o quanto antes,podemos sair da casa quando todos estiverem dormindo.

- Ok! Só preciso falar com ela quando aqueles dois pararem de sufoca-la ...- Suspirou Nagisa saindo do cômodo.

Makoto pegou o pano de prato que Nagisa havia deixado no balcão e começou a secar a louça que Gou tinha acabado de lavar.

- Nunca vi o Nagisa tão desesperado... A não ser por aquela vez que os pais dele quiseram tirar ele do clube...- Makoto riu .

- Pois é, esse Nagisa é mais maduro de certa forma...Ele está mudando...Isso bom,mas faz falta aquele Nagisa brincalhão que adora irritar aqueles que gosta.- Falou Gou lembrando de algumas palhaçadas que o amigo fizera.

- Você acha que ela gosta dele?- Sussurrou ele.

- Bom... Talvez. Mas que os dois estão se aproximando cada vez mais não tem como negar! Ultimamente ela não está brigando tanto com ele,mas não está caindo em amores por ele... Acho que logo iremos saber,né? Tenho um shipp muito forte que se chama Umegisa e tenho esperança nos dois.- Falou ela com um tom de determinação.

- Hahaha você criou isso sozinha?! Que engraçado,mas bem bolado. Espero que você esteja certa sobre eles...- Makoto bagunçou o cabelo da menina carinhosamente que retribuiu com um meigo sorriso.

Do lado de fora da casa estava Ume caminhando na margem do mar sentindo a leve brisa marinha balançar seus longos cabelos ondulados,de olhos fechados inspirava e expirava o ar fresco que vinha do horizonte,em uma de suas mão segurava uma correntinha dourada que possuía três pingentes com as letras do nome da jovem,o balançava pra frente e para trás enquanto andava. Nagisa que a assistia de uma distancia significativa resolveu se aproximar e lhe fazer a proposta , se aproximou cautelosamente para ter o privilégio de vê-la dessa maneira antes mesmo que a interrompesse.

- Ume-chan o que faz aqui sozinha??- Nagisa colocou as mãos na cintura da menina.

A menina deu um pulo no lugar em que estava deixando cair sua correntinha na água que nesse mesmo instante se aproximou e puxou o objeto para o mar.

- N-NAGISA-KUN!!! O que deu em você pra me assustar desse jeito e ...- A menina olhou para a mão onde supostamente estava segurando o delicado objeto dourado e não o viu.- M-minha correntinha!! Nagisa, será que nunca vai deixar de fazer essas criancices ?? Por que não me chamou como qualquer pessoa normal faria?? Agora como vou encontra ela ?

- Calma Ume-chan, eu vou te ajudar,caso não acharmos eu compro outro...- Nagisa falava com um sentimento de culpa dentro de si.

- Comprar outro?! No que está pensando? Aquela correntinha meu pai meu deu quando eu nasci,não tem como substituir algo assim! E-eu.. Vou ter que entrar na água pra procurar...- a Menina aproveitou que já estava de biquíni e apenas colocou seus óculos.

- Não faça isso , já está anoitecendo e falou na TV que está chegando um temporal daqueles!- Nagisa segurou o braço da menina a puxando para longe da água.

Kurumi por sua vez  empurrou Nagisa e saiu correndo até o mar que já apresentava estar mais agitado. O mesmo foi atrás da garota ,mas não conseguiu impedi-la de pular, a menina começou a mergulhar na esperança de achar algo brilhante que fosse a tal correntinha. O mar estava furioso , o garoto não pôde evitar, foi atras de Ume mesmo sabendo que seria muito perigoso.

A jovem se encontrava bem no meio do mar onde as onde estavam enormes ,ao avista-la Nagisa se aproximou da mesma com muita dificuldade, em seguida segurou o braço dela impedindo que ela desse outra mergulhada.

- Ume, vamos voltar ,aqui está muito perigoso...

Assim que Hazuki falou, uma enorme onda se formou atrás dos dois os engolindo, após isso um breu se formou.

Mais tarde os dois se encontravam deitados na areia desacordados, Ume foi a primeira a acordar,ela estava coberta de areia e aparentava estar zonza ,ao ver Nagisa ainda desacordado correu até o mesmo desesperada,percebeu que sua respiração estava fraca. A menina então aproximou seus lábios dos dele preste a fazer respiração boca a boca,mas no mesmo instante Nagisa dispertara aos tossidos .

- O-o que estava tentando fazer, Ume-chan?- perguntou ele corado.

- Não iria fazer o que está pensando! Não sou dessas de se aproveitar de situações desse tipo! - A menina desviou o olhar se levantando apresentando um leve rubor nas bochechas.

- Onde estamos? - Nagisa olhou para os lados tentando se localizar.

- Acho que viemos parar em outra ilha...Era só o que me faltava...- Suspirou- Vamos levante talvez possamos encontrar um caminho ou até nadar onde está nossa casa...

- Tá maluca? O mar ainda está agitado , não é seguro irmos agora!-  Nagisa falou com uma voz séria.- Já aconteceu isso comigo antes, o melhor à se fazer agora é encontrar um lugar para ficarmos, quando amanhecer vemos o que faremos .

- Qual seu problema? Não está vendo que estamos presos ? Achar lugar para ficarmos... Quanto antes sairmos daqui melhor ,perderemos muito tempo procurando um abrigo!

Nagisa suspirou se levantando indo até a garota.

- Tudo bem...Mas acho que estava atrás disso...Se quer se arriscar de novo,pode ir,desta vez não irei atrás !- Nagisa tirara da areia a correntinha da menina e logo depois saiu andando à procura de abrigo.De repente caiu um raio no mar provocando um barulho muito alto, Ume ao ouvir saiu correndo atrás de Nagisa,que riu da reação da menina.

- Não ria! Vamos encontrar o tal abrigo,sim?

- Ok ,ok...Você é engraçada Ume-chan- Sorriu ele.

Depois de andarem muito,encontraram uma gruta bem espaçosa, não demoraram muito e já estavam dentro dela. Kurumi sentou longe de Nagisa encolhida,mesmo que ele tivesse encontrado a correntinha ainda sim estava brava com ele por te-los colocado nessa situação.

Nagisa viu que a mesma estava com frio e se aproximou a fim de esquenta-la.

- Não se aproxime!

- Você está com frio...Me deixe te esquentar.- Sorriu.

A garota apenas virou a cabeça para o outro lado dobrando os joelhos e os envolvendo com seus braços .Nagisa riu da reação da menina e apenas encostou um pouco mais nela para esquenta-la nem que fosse um pouco.

- Ei Ume-chan,me desculpe por nos ter colocado nessa situação,por ter feito você quase perder pra sempre sua correntinha...- Ele falava colocando a mão atrás da nuca um pouco constrangido.

- Tudo bem...Eu exagerei demais também... É que meu pai me deu e eu não o vejo muito, pois ele trabalha no exterior e as vezes sinto muita falta dele...- Suspirou a menina.

- Entendo... Me desculpe por ter te assustado,eu não sabia como chegar em você naquele momento,era o único em que você não estava sendo sufocada pelo Rin e pelo Shigno e talvez eu tenha ficado nervoso pra te fazer a proposta...

- Que proposta?- Ume virou levemente a cabeça.

- E-eu queria te chamar pra sair...M-mas não seria apenas nós dois, o Mako-chan e a Gou-chan também iriam...

- Haha,como você é bobo,por que ficou nervoso em me pedir isso? É claro que eu aceitaria, seria muito divertido passar um tempo com meus amigos sem ser que alguém tentasse me seduzir à cada cinco minutos.

- A-ah...Que bom em saber disso...- Sorriu ele corando levemente.

Um forte raio caiu fazendo um estrondo,Kurumi pulou de susto e involuntariamente abraçou Nagisa fortemente escondendo seu rosto no peito do mesmo,a menina estava tremendo, o garoto sorriu gentilmente apertando-a contra si e a acariciando.

- Calma eu estou aqui...-Sussurrou ele.

No dia seguinte, mais especificamente 6h30 ,os dois acordaram , vendo que já tinha clareado o dia saíram da gruta e foram até a margem da ilha.

- Veja,a nossa casa está do outro lado! Podemos nadar até lá!- Kurumi falava animada.

- Pode ser...,Mas toma cuidado com a sua correntinha,não será nada legal perde-la de novo...

Ambos foram correndo até a água, com um pulo de ponta entraram nela e assim nadaram  até a praia onde estava a casa.

Do outro lado todos estavam dormindo tranquilamente,possivelmente não se preocuparam tanto com Ume e Nagisa que acabaram de chegar muito exaustos com o esforço que fizeram, não aguentando acabaram por dormir na areia um do lado do outro, o que desperto uma curiosidade enorme nos outros assim que acordaram e viram os dois dormindo juntinhos na areia.

- O-o que será que fizeram ??- Gou indagou para Makoto num tom de sussurro e foi respondida com um balançar de cabeça do mesmo.

- Ah cara, o Nagisa-kun é um egoísta mesmo!- Shigno falava arqueando a boca fazendo bico.

Rin por sua vez olhava-os com um olhar sério ,não falou nada enquanto os observava, seus olhos pareciam ter ganhado uma chama ardente.


Notas Finais


Oin pessoinhas acabei demorando mais do que tinha imaginado,peço desculpas por isso.
Mais uma vez obrigada por aqueles que lêem minha fic ,que comentam e tudo mais Amo vocês !!

* Pocky é um doce japonês no qual é um palitinho salgado coberto por chocolate :3

Queria fazer um comentário sobre esse fic: Ela nasceu a partir das minhas encenações nos grupos de RPG do Facebook onde eu interpretava a Kurumi e um dia acabei interpretando com outro garoto que tinha como personagem o Nagisa :3, ficamos muto amigos e gostamos tanto desse casal que fizemos várias cenas, algumas bem pesadas -u- hehe.. Isso me inspirou muito a fazer,pois queria que outras pessoas conhecessem o Shipp Umegisa e que assim como eu torcessem por ele :3

bjs da tia Shirasaki


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...