História Mudando minha vida - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Itachi Uchiha, Karin, Kurenai Yuuhi, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shizune, Temari, Tsunade Senju
Tags Drama, Mistério, Naruto, Romance, Sasusaku
Exibições 406
Palavras 3.017
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


OII GATAS AQUI MAIS UM CAPITULO FRESCO PARA VOCES.
ESPERO QUE GOSTEM.

Capítulo 27 - Nova casa urgente.


Fanfic / Fanfiction Mudando minha vida - Capítulo 27 - Nova casa urgente.

Capitulo 27.

Sasuke.

Depois que sakura sai com meu irmão eu me solto do seguranças e começo a andar pelo jardim pensando o que será da minha vida sem minha mulher sem minha família não quero mais ficar sozinho não sem ela isso não pode acontecer! Passo a Mao no cabelo puxo de raiva.

  - Sasuke querido esta frio vamos entrar, vou preparar algo para você comer! Diz minha mãe do meu lado.

  - Mae pode entrar quero ficar mais um pouco aqui sozinho, preciso pensar mãe, e quanto a algo para comer nem perca tempo sem chance deu comer algo não desce nem água! Digo e ela sai indo para casa novamente.

Caminho mais um pouco tento limpar minha mente mais e impossível começo a chorar e caio no chão aperto a grama que ta molhada pelo sereno choro sinto agonia tudo que um dia eu não senti sinto agora, e sei muito bem que estou sofrendo assim por causa que sou um cafageste fui um idiota com Chiyo e isso esta pensando agora.

Depois de um tempo sozinho naquele breu olho para casa e vejo minha mãe enroladinha em uma manta sozinha na varanda me olhando sentadinha sei muito bem que ela não ira sair de La se eu não sair daqui então vou voltar, pois ela precisa dormi, caminho ate a varanda recebendo um sorriso dela retribuo meio sem graça.

  - Vamos dormi mãe ta tarde!

  - Sim filho, mais você ira tomar um banho primeiro! Apenas entramos abraçados.

Termino meu banho e saio do banheiro de calça moletom e deito na cama minha mãe esta do meu lado ela se aconchega perto de mim e faz carinho na minha cabeça limpa as lagrimas que insistem em cair.

  - Filho ela ira voltar meu amor, ela te ama muito também, so precisa do tempo dela meu anjo! Não falo nada apenas fecho os olhos tentando mentir que estou dormindo para ela sair, e depois de alguns minutos ela se levanta e sai me deixando no meu quarto sozinho, me levanto e caminho ate ao lado da porta aonde ta a mala de roupa da Sakura a que ela deixou com suas coisas quando eu idiota mandei ela embora e ela foi, abro e pego um camiseta e uma calça e coloco ela esticada na cama e me deito do lado sentindo o cheiro dela que percorre meu quarto, coloco minha Mao em cima da roupa pensando que ela esta aqui comigo.

*

*

Quando levanto estou eu La sozinho olhando novamente para teto pego meu celular que marca 5:00 horas da manha me levanto continuo com a mesma calça so vou no banheiro passo um água no rosto e escovo os dentes vendo a escova da noite em que eu e Sakura dormimos juntos nesses quarto.

Volto para o quarto coloco um tênis que tem no guarda roupa tenho roupas minha nesse guarda roupa depois que aconteceu aquilo minha mãe pediu para trazerem enquanto a gente ficava aqui. Coloco uma blusa de moletom e me fecho com o capuz saio ainda ta escuro desço devagar e saio ainda recebendo a escuridão, passo pelo jardim lembrando na noite passada em caminho para dentro da floresta o dia esta começando a clarear devagar, quando éramos pequenos meu pai nos traziam para uma cachoeira linda aqui e então ali esta ela linda águas cristalinas caindo em queda livre uma perfeição de Deus, me sento no topo dela vendo o por do seu que amanheceu lindo hoje respiro fundo para inalar aquele cheiro maravilhoso, de repente um galho se quebra ao meu lado me assusto e me viro ao ver viro e olho uma bolinha de pelo um filhotinho de lobo fico meio assim da mãe dele esta nos observando mais ele parece sozinho caminha ate próximo de mim, não vou mentir sim tou com um pouco de medo, fico ali alisando ele quando ele sobe no meu colo ele e lindo todo pretinho com os olhos caramelo e um potinho bem no fundo pretinho, pego no colo e ele me lambe ele esta um pouco magro então irei levar ele para casa e manda levar ele para um bom veterinário.

Quando saio da floresta recebo olharem de todos meus pais e da família do Itachi.

  - Tio que lindo podemos ficar com ele? As gêmeas corre em minha direção e quer passar a Mao no lobinho.

  - Cristo filho onde você estava? Acordei e fui ao seu quarto tava agoniada já. Ela me abraça e olha para o lobinho.

  - Mae calma to aqui fica calma.

  - Pai cadê o Jiraya preciso que ele examine o lobinho achei ele La próximo a cachoeira e vou ficar com ele! Itachi me olha e ri.

  - Vai dar briga com minha filhas Sasuke olha a cara delas! Olho para elas que tão com o braço cruzado e bufando de bravas. Apenas sorrio para elas que sai correndo.

  - Meninas não acordem a tia e as crianças! Grita Izumi.

  - Ela ta bem Izumi? Pergunto para Izumi e ela concorda com a cabeça, Jiraya chega e pega o lobinho não falo nada ele já sabe o que fazer. Caminhamos todos para dentro da casa de Itachi, me sento a mesa com meus pais e minha cunhada para tomar café enquanto Itachi foi trocar de roupa para ir a empresa! Eles tomam café da manha mais eu apenas tento tomar um café preto mais a um no na minha garganta que impede de tomar qualquer coisa!

  - Amor as meninas acho que elas acordaram a Sakura e as crianças! Itachi diz descendo as escadas dando risada. E eu também começo a ri essas gêmeas elas são terríveis.

  - Não acredito amor serio, vou ter que dar um jeito nelas, elas não me obedecem Itachi! Diz Izumi brava subindo a escada. Enquanto rimos da cena.

Acabamos o café e sentamos na sala eu e meus pais!

  - Filho já volto vou buscar a roupa de Kasuke! ficamos eu e meu pai conversando sobre a noite passada! O telefone da casa toca e a empregada corre para atenter!

  - Senhor Sasuke e sua mãe! Me levanto e vou ate o telefone.

  - Filho Kisame ta aqui!

  - To indo! Deixo o telefone e corro porta a fora, não acredito que ele conseguiu!

Chego em casa e abro a porta vejo ele sentado no sofá com minha mãe conversando e tomando café, comprimento ele que sorri!

  - Cara você ta horrível! Ele diz me fitando por inteiro!

  - Obrigado Kisame pela gentileza, so não esquece que você esta falando com seu chefe! Digo e ele ri com minha mãe!

  - Vejo que foi so a aparência mesmo que mudou, pois ainda continua mau humorado! A Kisame não brinca comigo porra, minha mãe nos deixa e sentamos para conversa.

  - Sasuke consegui o que você me pediu!

 

*DOIS MESES ATRAS*

Depois de falar com a Irma sobre a Sakura não conseguir a guarda da Bia mesmo ela cuidando tanto e ela não conseguir por causa da assistente fico.meio com uma pulga atrás da orelha! Pego o celular e ligo para Kisame.

*Fala Sasuke do que precisa?

*Kisame quero que você investigue um orfanato, precisamente a assistente social!

*Sim Sasuke, mais alguma coisa?

*Sim depois que consegui quero que você passe a guarda de uma menininha chamada Bia para o nome da Sakura aquela que pedi para você investigar!

*Sasuke enlouqueceu foi como assim cara!

*Kisame se vira sei que você ira conseguir, ate mais, espero ansioso!

*Voce e louco Sasuke!

Desligo. Sei que ele ira conseguir.

*VOLTANDO DA RECORDACAO*

 

  - Entao ta aqui a menininha e filha da Sakura agora, registrei ela e agora ela ta no nome da Sakura, e parabéns pela filha nova Sasuke! Corre uma lagrima dos meus olhos de alegria! Me levanto pego os papeis que Kisame me estendeu e leio so falta uma assinatura da Sakura para tudo se acerta de vez!

  - Preciso saber como você conseguiu isso Kisame? Pergunto olhado para ele que ri!

  - Vamos dizer que seu PE atrás com a assistente social tava certo! Bingo sabia.

  - O que era?

 - Corrupçao, mais deixa para falar isso outro dia preciso ir agora, e sei que você ira correr para Sakura agora e isso será uma boa reconciliação! Diz kisame apertando minha Mao e saindo porta a fora.

Não acredito nisso meu Deus consegui de verdade, saio de casa e vou para a do Itachi quando abro a porta os meus dois anjinhos estao descendo a escadas rindo corro para eles e apertos com força e os beijos e eles retribuem!

  - Papai por que você brigou com minha mãe? Pergunta Kasuke saindo dos meus braços.

  - Kasuke a mamãe disse que eles não brigaram! Bia diz olhando para ele.

Olho para os dois e abraços os dois de novo eles seguem para a mesa com as gêmeas para tomar café, logo subo as escadas preciso me acerta com a Sakura, minha mãe esta descendo as escada com um sorriso no rosto.

  - Por que você esta tão feliz meu filho? Ela pergunta e eu entrego os papeis de adoção da Bia ela olha e me abraça apertado.

  - Filho você conseguiu meu querido, agora corre conta para ela, vou sair com as crianças e Izumi vou fazer compras na feira espero que vocês se acertem.

Minha mãe devolve os papeis e me da uma piscadela e eu não entendo muito bem, mais continuo indo antes de bater na porta coloco os papeis em cima de uma mesa próxima a da porta primeiro irei conversa depois falarei da adoção. Bato na porta meu coração parece que ira rasgar meu peito.

  - Pode entrar esta destrancada!

 Mais que depreca abro e vejo ela saindo desembrulhando de dentro do edredom acho tão linda ela me olha por um instante eu fico triste pois ela não demonstra nada nem raiva, me aproximo e deixo lagrimas me entregarem quando vou falar alguma coisa ela faz com a Mao para eu para, isso quebra meu coração abaixo a cabeça com o no me machucando já e me viro para ir embora ela ainda deve estar magoada.

- Sasuke fica deita comigo! Quando ouço aqueles meus olhos se arregalam e eu mais que depressa me viro novamente para ela sorri mais eu não consigo muito pois ainda estou triste por ter feito ela sofre ontem!

Confirmo com ela se posso mesmo e ela diz sim me sento na cama onde ela de deu especo tiro meus tênis e levanto o edredom viro e fico olhando aquela pele aqueles olhos lindos e maravilhosos criando coragem para começar. Então começo falando e depois peço perdão por ter sido um idiota deixo cair mais umas lagrimas e ela as enxuga e me da um beijo.

Que saudade desse beijo que vontade de te La a paixão que sinto por ela arde em meu corpo que chega doer. Minutos depois nos separamos para respirar pois nosso ar falha pergunto se estou perdoado e ela diz sim aperto ela contra meu peito e agradeço a Deus por ter feito ela me perdoar,lembro que a machuquei e pesco para ver seu pulso mais ela esconde debaixo do corpo eu me desgrudo e puxo vendo o que eu fiz esta roxo e eu não irei nunca me perdoar por ter feito isso com ela.

Ela diz para curtimos nossos bebes ate por que Bia tem que voltar final de semana mau sabe ela que isso não precisara mais.

 - Sim eu volto para a empresa amanha mais so para a reunião e depois volto para casa quero ficar com minha família e enquanto a nossa princesinha Bia ela ...............! Ela se levanta apoiando o braço na cama e fecha a cara.

  - O que tem ela Sasuke? Você não a quer mais com a gente e isso? Ela pergunta com a cara triste, como essa mulherzinha pode ser tão brava e tirar conclusões precipitadas.

  - Amor não e isso e que a Bia, como dizer ela e sua filha! Digo e ela me olha confusa.

  - Sim Sasuke ela e minha filha mais o que te isso a ver? Eu levanto e saio indo para fora atrás dos papeis.

  - Sasuke volta aqui, me fala! Grita ela e eu começo a rir, pego os papeis e volto dando de cara com ela vindo ate a porta em uma minúscula camisola preta meus olhos estralam meu corpo vibra de desejo engulo seco ao ver aquela visão do paraíso, meu amiguinho já começa a se animar e ela percebe isso e abre um sorriso e vem em minha direção.

  - Gosta do que ve meu amor? Eu aceno com a cabeça e ela passa a língua envolta dos lábios e morde o cantinho me deixando completamente louco e duro como ferro.

  - Sakura não faz isso meu preciso te mostrar isso aqui mais com você desses jeito e impossível. Ela se vira e eu entro e fecho a porta ela caminha ate próximo a cama e se curva para pegar o roby que esta no chão me dando um vislumbre maravilhoso da sua bunda onde ela veste uma calcinha rosinha pequena que me deixa totalmente louco caminho ate ela e para ter ela mais ela se vira rapidamente e coloca o roby e ri.

  - Não brinca assim princesa eu não aquento, meu amor! Falo tentando conter minha ereção já animada demais.

  - Deixa eu ver esses papeis! Ela toma da minha Mao e senta do meu lado na cama e olha tudo parece que esta em choque com o que ve ela deixa pingar algumas lagrimas na folha onde molha.

  - Sasu... amor... isso.. e! ela gagueja e me olha com um lindo sorriso.

  - Sim sakura a Bia e nossa filha ela e registrada no seu nome e quando a gente casar eu quero registrar ela no meu também! Ela volta a olhar para os papeis e me olha! Se levanta e para na minha frente e tira o roby me dando a visão maravilhosa novamente. Ela puxa a camisola tirando a e me tira seus sutiãs me mostrando seus seios onde enlouqueço de tesao.

  - Me faça sua Sasuke agora por favor preciso de você amor, tou com saudade. Eu me levanto e abraço ela com força apertando ela beijo ela feroz distribuo beijos por todo seu pescoço onde ela geme e e crava suas unhas na minhas costa. Pego ela no colo e a coloco na cama mordo chupo ela descendo seu corpo ate a suas pernas abro e me coloco no meio delas mordo por cima da calcinha sua intimidade já úmida, ela geme e puxa meus cabelos. Cravo meus dentes no tecido da calçinha e rasgo ela com força Sakura ergue a cabeça e ri mais logo abaixa. Chupo ela como se tivesse chupando um sorvete favorito meu passo minha língua em cada parte da sua intimidade fazendo ela se contorcer e tentar escapar da minha garras mais eu a puxo pela cintura querendo mais e mais fazendo a gemer alto de tesao.

Ela se derrama na minha boca gosando eu sugo tudo e ainda quero mais subo minha Mao ate seu seio onde eu aperto com força fazendo ela soltar um gritinho, meu pau esta latejando para te La logo, levanto da suas perna e começo a me despir ficando somente de cueca ela de levanta e vem ate mim abaixa minha cueca e começa a dar selinhos no cabeça do meu membro onde puxa com força de desejo,ela começa a chupa lo acaricia lo me deixando ainda mais quente faz um vai e vem com a Mao me levando a loucura puxo ela e a posiciono de 4 na cama de dando a visão da sua bunda perfeita me posiciona entre suas pernas e me afundo dentro delas que sensação maravilhosa perfeita eu agarro Nela segurando seus seios na minha Mao e continuo me afundando mais e mais fazendo ela respira ofegante e gemer alto.

  - Sasuke eu vou gozar! Ela diz quando esta cavalgando em cima de mim.

  - Entao goza comigo minha gostosa vem goza em cima do seu garanha! Digo rangendo os dentes. Ela começa a cavalgar mais forte e deixando meu pau ainda mais eufórico dentro dela. Depois de horas chegamos ao nosso ápice de desejo. Ela cai sobre meu corpo e eu puxo ela para um beijo molhado na sua boca carnuda e vermelha.

  - Agora entendo por que minha mãe disse para eu aproveitar enquanto ela saia com as crianças, ela já sabia que você ia me perdoa! Digo para Sakura que ri baixinho deitada sobre mim.

 - Se ela te falou isso, sim ela já sabia! Nos dois gargalhamos juntos.

  - Sasuke você rasgou a calçinha ela não era minha! Sakura me diz com um pedaçinho da calçinha acenando e olhando para mim toda coradinha.

  - Não tenho culpa você emprestou dela agora se vira, eu sou homem e eu não consigo ficar sem tar dentro de você minha linda! Passo a Mao no seu rosto e a jogo na cama deitando sobre ela.

  - Próxima rodada minha gostosa! Falo para ela quando escuto.

  - Filho chegamos! Grita minha mãe meio que sabendo que tavamos aprontando mais queria avisar a gente de mais alguma coisa.

  - Acho que não meu amor! Sakura sai debaixo de mim rindo e se levanta.

  - Porra hoje mesmo vou preocupa uma casa para gente isso na da toda vez que quero passa o dia te comendo alguém atrapalha! Digo bravo e Sakura começa a gargalha e sai indo para o banheiro.

Me cubro com o edredom ficando com raiva sozinho. Ate que...

  - Papai, mamãe abre queremos brincar com vocês, vovo disse que vocês não estão brigado mais e sim brincando! Diz Kasuke batendo na porta trancada. Ainda bem que lembrei de trancar e francamente minha mãe não ajuda muito.

Respiro fundo e me levanto vestindo a roupa.

  - Já vai filhao! De hoje não passa vou comprar uma casa.

 

 

 

 

 


Notas Finais


GOSTARAM MENINAS?????

PARA VOCES QUE GOSTAM DA MINHA FIC. TENHO OUTRA TAMBEM E BEM LEGAL DE UMA OLHADINHA.

https://spiritfanfics.com/historia/um-policial-em-minha-vida-6606738


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...