História Mudando minha vida - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Itachi Uchiha, Karin, Kurenai Yuuhi, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shizune, Temari, Tsunade Senju
Tags Drama, Mistério, Naruto, Romance, Sasusaku
Exibições 524
Palavras 1.778
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


OLA MINHAS GATINHAS...
UMA OTIMA TARDE UM UM CAPITULO NOVO FRESQUINHO...

Capítulo 32 - Feliz da vida.


Fanfic / Fanfiction Mudando minha vida - Capítulo 32 - Feliz da vida.

Capitulo 32.

SAKURA.

Acordo com uma dor no corpo me viro e encontro Sasuke todo esparramado na cama, do um beijinho na sua bochecha e levanto preciso fazer xixi minha bexiga parece que vai explodir. Ta calor resolvo entrar de baixo do chuveiro em uma água fria a qual relaxa meu corpo.

Viro de costa e apoio minhas mãos no na parede inclino e deixo a água correr pelo meu corpo de forma suave me relaxando.

  - Uau não sabia que taria pronta para mim assim! Sasuke diz se encaixando e me penetrando com tudo.

  - Ai Sasuke devagar! Ele coloca a Mao nos meus seios e começa a me penetrar novamente de forma deliciosa.

  - Assim ta bom minha gostosa?

  - Nossa assim ta delicioso! Digo em um sussurro e ele da um tapa na minha bunda.

  - Minha safada. E geme puxando meu cabelos.

Depois de um sexo gostoso com ele de baixo do chuveiro saímos, e começamos a nos trocar com roupas que ele trouxe dentro do carro.

  - Sasuke que vergonha o que as arrumadeiras vão pensar de mim amor! Termino esperando ele.

  - Não vão pensar nada amor, vou pagar muito bem eles para não pensar nada sobre o que ouve aqui. Diz ele me dando um beijo quente e selvagem.

Saímos do quarto e descemos para recepção.

  - Como foi sua estadia senhor Uchiha? A moça pergunta e ele se vira para mim e me olha maldosamente me fazendo corar.

  - Maravilhosa, perfeita.

  - Passa o valor de canto deu na maquina para eu ver? Ela digita algo eu tento ver mais não consigo, ele digita e passa o cartão Black sem limite, e entrega para a moça que fica boquiaberta.

  - Nossa obrigada senhor Uchiha, espero ter o senhor aqui novamente! diz ela toda assanhadinha.

  - Obrigado. Ele segura minha Mao e me puxa para baixo dos seus braços, tou mordida de ciúmes por que todas mulheres são assanhadas assim.

  - O que foi, o que te incomodou? Ele pergunta me colocando no banco do passageiro, fecha a porta e da a volta.

  - Não me diz que e por causa daquela moça?? Ele liga o carro e saimos.

  - Para de ser convencido, agora sei por que Kasuke e tão convencido tem de quem puxar. Ele coloca a Mao na minha perna e sobe meu vestido passando sua Mao em minha intimidade.

  - Adoro voce bravinha, me deixa durinho para voce! Eu vejo sua calça onde já esta erguida.

  - Vamos logo quero ver as crianças! Ele continua e a cada semáforo ele para e me beija me deixando completamente excitada.

  - Amor temos que conversar! Ele para o carro próximo a uma farmácia.

  - O que?

  - Voce sabe que tem que fazer um exame NE? verdade tinha me esquecido, mais ainda esta muito recente.

  - Sim eu sei mais ainda ta muito cedo se eu fizer na vai dar nada. Ele liga novamente o carro.

  - Sakura voce iria querer morar junto da casas dos meus pai e Itachi ou queria um canto so para nos?

  - Adoraria morar naquele lugar Sasuke e lindo tão calmo, e acho que a natureza ajudaria nossos filhos.

  - Verdade, então hoje mesmo irei ligar para um amigo meu arquiteto e pedir para ele fazer nossa casa do jeito que voce pedir e minha mãe ficara muito feliz.

  - Sim verdade amor! Ele me abraça e me da um beijo estalado.

Depois de tempo nos chegamos em casa somos recebidos por todos as crianças estão dormindo devido ao cansaço dona Mikoto disse que eles não pararam de correr ontem.

  - Mae eu e Sakura podemos construir nossa casa ali no meio? Diz Sasuke apontando pela janela o campo enorme, me viro e olho a minha sogra com os olhos estralados em Sasuke.

  - Serio meu filho ? que vir morar perto da sua mãe? Ela começa a chora e eu me aproximo dela e abraço.

  - Nos queremos sim e vamos sem muito feliz aqui. Ela retribui o abraço e Sasuke nos olha rindo.

  - Sakura voce e uma mulher maravilhosa, na verdade tenho so que agradecer a Deus por ele ter me dado duas noras maravilhosas, nora não filhas pois vocês são minhas duas filhas.

  - Filha não Mao Sakura e nora se fosse filha não poderia ter casado com essa maravilhosa aqui! Ele me tira dos braços dela e aperta meu bumbum me fazendo corar, onde os dois caem na risada.

  - E pelo jeito que to vendo ai não demora muito para tem vários minis Uchiha correndo por ai NE meu filho! Diz Fugaku rindo e caminhando ate nos, me deixando ainda mais envergonhada.

  - Se depender de mim todo dia faço um! Olho para Sasuke e estapeio o braço dele fazendo todos rirem inclusive ele.

  - Seu bobo, me dêem licença vou ver meus filhos. Quando vou sair recebo outro tapinha da bunda eu me viro e fuzilo ele, subo morrendo de vergonha como ele pode.

Abro a porta do quarto e os dois estão dormindo separados no meio tem um grande espaço me deito no meio Bia me olha e abre um sorriso e me abraça.

   - Mamae que saudade que eu tava de voce! Eu me viro em cima dela faço carinho e dou fugadinhas fazendo ela rir.

  - Que moçinha linda que a mamãe tem, princesa linda da mãe, eu Te amo. De repente sinto uma mãozinha me puxa e sei que e meu bebezao.

  - Voce também me ama? Ele e muito fofo me firo e beijo sua testa e abraço ele faz biquinho.

  - Como eu tenho o filho mais dengoso do mundo! Bia pula em cima dele e da um beijinho na sua bochecha.

  - Biiiaaa já te disse para não beija assim! Ele fala ficando todo vermelho.

  - Mamae por que Kasuke não gosta que eu beije ele, eu amo meu irmazinho. Ela faz beicinho e deixa cair umas lagrimas eu a pego do colo e limpo, Kasuke fica olhando e eu sei que ele ta surpreso dela falar que ama ele.

  - Bia também te amo minha irmãzinha e que eu fico com vergonha de voce me beijando toda hora eu fico vermelho e todos riem de mim, desculpa! Ele a toma da minha Mao e puxa ela para um abraço lindo.

  - Aiiii como eu tenho os melhores filhos do mundooooo! Grito e os dois caem em cima de mim fazendo cócegas.

  - Tambem quero fazer cócegas! Pula Sasuke na cama se juntando a eles, sinto que minha barriga vai explodir e a ânsia começa, pulo da cama e corro para o banheiro vomitar pois apertaram minha barriga demais.

   - Tudo bem? Sasuke diz puxando meu cabelo para trás, olho para as crianças que estão no batente me olhando triste.

  - Ta sim tira as crianças daqui! Ele solta meus cabelos e puxa elas e fecha a porta.

  - Merda! Dou descarga e me levanto para escovar os dentes, e logo a porta e aberta e Sasuke me olha de braços cruzados atrás de mim.

  - Tem certeza que não quer fazer um exame? Eu o encaro.

  - Sasuke não e assim, tem que esperar não faz nem uma semana que a gente transou tem que ter pelo menos 12 dias para eu fazer um exame, e o vomito agora foi por que apertaram de mais minha barriga, agora acalma por favor! Abaixo a cabeça.

  - Desculpa e que to com uma ansiedade de ser pai de um filho seu, e fico te pressionando assim perdão? Ele ergue meu rosto e beija minha boca.

  - tudo bem meu amor! Abraço ele e El me pega no colo e me coloca na cama onde as crianças se junta e deitam suas cabeçinhas na minha barriga Sasuke tira o celular do bolso e tira uma foto.

  - Linda. Ele me mostra e ela ta de papel de parede.

  - Amor voce se importa deu da uma saidinha e rápido vou na empresa ver as coisa, hoje e sexta-feira e eu passei a semana toda fora.

  - Tudo bem amor! Ele se despede de mim e das crianças.

  Ficamos ali tempo conversando falando da felicidades da gente tar juntos como uma família.

  - Crianças vamos tomar banho? Elas diz sim com as carinhas e La vou eu pro banheiro dar banho nas crianças, termino uma e já entro para dar banho no outro.

  - Sabe que sei tomar banho sozinho não e? kasuke fala irritado por eu tar dando banho nele.

  - Mentiu errou feio primeiro voce e meu filho e eu do banho em voce quando eu quiser, segundo seu PE ta vermelhinho de sujeira pois se bem conheço voce não tomou banho direito, então fica quietinho e deixa eu termina seu banho.

  - Ta bom, ta bom!

Depois que terminei de dar banho neles eu desci e fiz alguma coisa para eles comerem.

  - Sakura se voce quiser deixar eles aqui e ir tomar um banho fica a vontade eu cuido deles! Diz Fugaku com Kasuke no colo.

  - Mais não quero que eles atrapalhem seu jornal senhor! Ele estava lendo um jornal quando Kasuke correu para seu colo.

  - Imagina filha pode ir! Ele levanta e coloca Kasuke sentado no sofá junto com Bia pega o controle remoto e liga em um desenho que nunca vi e senta ao lado das crianças.

  - Sou um vo muito abençoado! Eu digo um obrigado e subo para cima escolho uma roupa entro no banheiro ranco toda a minha e entro no Box quando me viro para fechar a porta do Box vejo Sasuke pelado me desequilibro e caio sentada com a bunda no chão.

  - Sakura! Grita ele abrindo a porta e me levantando do chão.

  - Nossa sou um besta mesmo, não queria te assusta!. Ele me vira e ve que ficou vermelha minha bunda.

  - Não me machuquei fica tranqüilo, so assustei to ótima.

  Ele liga o chuveiro e me olha maldosamente.

  - Entao ta tudo bem se eu comer minha mulherzinha mais gostosa do mundo aqui de baixo desce chuveiro! Olho e do uma risada ele me puxa e começa a me beijar.

  - Voce e insaciável!

  - Logico voce me deixa duro toda hora que me olha!

  - A porta ta aberta!

  - Relaxa falei pro meu pai segura as crianças, e tranquei a porta do quarto! Bato no seu peito empurrando ele que da gargalhada.

  - Voce disse pro seu pai? Ele me puxa de novo me beijando no pescoço e mordendo.

  - Quietinha! E toma minha boca em uma beijo quente selvagem cheio de luxuria.

 

 


Notas Finais


OBRIGADO MENINAS PELO COMENTÁRIOS ELES AJUDAM MUITO NA HORA DE ESCREVER ME INSENTIVAM MUITO. BJSSS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...