História Muito Mais Que 30 Dias - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Karin, Naruto Uzumaki, Sai, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha
Tags Cantores, Comedia, Hentai, Morando Juntos, Naruhina, Saiino, Sakura, Sasuke, Sasusaku
Visualizações 91
Palavras 1.480
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiii meus viagras ͡° ͜ʖ ͡°! Tudo beleza?
Demorei horrores, podem me xingar!

Enfim fiquem com o capítulo mais que especial!


Erros de ortografia, perdão!

Capítulo 8 - Eles estão transando? "Tamanho do MAMUTE"


 

               .Muito Mais Que 30 Dias. 

 

                       SASUKE  ON

 

 

     

    – Vamos logo Haruno! - falo puxando ainda mais Sakura.

 

    – já disse, NÃO! - grita Sakura se segurando ainda mais no corremão.

 

    – porque diabos, você não quê andar de patins? – a solto.

 

    – porque eu tenho o direito de não querer! – fala ela cruzando os braços. – e também... Eu... Eu tenho medo de andar de patins! pronto falei.

 

    – que? Hahahaha! – gargalho alto.

 

    – para de rir, seu imbecil! – ela faz um bico enorme.

 

    – aiih, não acredito que Haruno Sakura tem medo de patins! – gargalho mais um pouco – Ridícula!

 

    – aff, se for assim eu já to indo, tchau! – ela se levanta, mas quando ela já está saindo, seguro seu braço.

 

    – espera, coisa rosa! – suspiro derrotado. – eu te ensino! 

 

 

                           _*-*__*-*_

 

 

 

    – Não, Haruno! – falo já impaciente com a rosada.

 

    – eu já tentei, não consigo! – fala Sakura desistindo.

 

   – aluna minha não desiste, para de besteira e faz direito! 

 

    – aff, tô vendo que você não vai largar do meu pé tão cedo!

 

   

  DIZZZ, DIZZZZ, DIZZZ... (celular de Sasuke)

 

     

   Ponho minha mão no bolso pegando o aparelho que vibrava freneticamente. Olho a tela. Leio “Baka”. Naruto, como sempre me atrapalhando!.

 

   Pensso varias vezes em deixar tocando, mas a essa hora Naruto devia está babando na cama, deve ser Importante.

 

 

   – ALÔ, DOBE? – berra o loiro do outro lado da linha.

 

    – seu imbecil, quantas vezes eu tenho que dizer “Não, grita no meu ouvido”!

 

    – Desculpa! – ele faz uma breve pausa – eu queria te convida para a minha despedida de solteiro!

 

   – vou ver se o povo da agência me libera! 

 

   – Aih, Sasuke... Me segura mais forte, eu vou cair! – reclama Sakura.

 

   – calma irritante, só relaxa! 

 

   – Sasuke, é a Sakura-cha? Seu tarado solta ela, seu pervertido de uma figa! 

 

    – Cala boca, Naruto! Só foi isso?

 

    – si... 

 

    – Naruto-kun, Avisa para o Sasuke que a produtora e a coreógrafa da Sakura-cha que vê-lá! – ouço a voz doce de Hinata ao fundo.

 

    – a é mesmo, avisa pra Sakura-cha que ...

 

    – Sasuke... Ta doendo! Esse negócio machuca, é muito pequeno! – reclama a rosada.

 

    – para de reclamar Sakura! 

 

    – Parece que o morenão pegou a rosadinha de jeito. 'Pequeno"? – ouço um grito de, Ino? {Oque ela tá fazendo na casa do Naruto?}.

 

    – cala boca, loira do banheiro! sasuke se você tira a pureza da Sakura-cha eu juro que te mato! 

 

    – como assim “tira a pureza da Sakura”? Vocês pensão que eu tô... Vocês são loucos! – acabo soltando a Sakura.

 

    – SASUKEEEE! 

 

    – eita, porra! – paro e olho Sakura descendo ladeira a baixo.

 

        

                        _*-*__*-*_

 

         

     – Não faz essa cara! eu já tem pedi desculpa! – afirmo a olhando.

 

    – desculpa, Uchiha? desculpa não vai curar o meu pé torcido e nem vai tira esse galo enorme da minha cabeça! – reclama Sakura com os braços cruzados e com sua pior cara.

 

     – galo? Nem da para perceber já que sua testa é enorme por natureza! – me seguro para não rir.

 

    – ha ha ha, engrasadão você... Quero ver quando eu tira esse sorrisinho do seu rosto! – Sakura me olha com fogo nos olhos.

 

    – hum, você não da medo em ninguém! – falo convencido.

 

     – Hum... É mesmo? Então porque você está se escondendo atrás dessa cortina? 

 

     – Calor! Aqui ta quente né? – ele sorri sem graça.

 

     – senhorita Haruno... – fala o médico adentrando a sala. – estou com seus exames prontos. a senhorita tomara esse comprimido em 6 em 6 horas, até a próxima semana, os efeitos colaterais são: “perda de memoria passageira e sono”... Iremos mandar um enfermeiro para cuidar da senhorita todos os dias, ele levara os medicamentos e os equipamentos. – fala o velho medico entregando o grande papel para Sakura enquanto falava.

 

     – obrigada senhor! – Sakura da um Pequeno pulo da cama do hospital. – Aih! – ela da um pequeno grunhido de dor.

 

    – é melhor o senhor leva-la nos braços! – sujere o idoso médico.

 

    – hum... Não acredito nisso! – vou até Sakura. – sobe! – me agachou! 

 

    – eu não! 

 

    – para de ser teimosa Haruno! Sobe logo! 

 

    – hum, palhaçada... – ela cede, logo após ela sobe nas minhas costas.

 

    Saímos do hospital desse jeito. Muitas pessoas nos olhavam curiosas, lógico, duas pessoas que se odeiam ficarem tão próximas assim é estranho.

 

   Depois de um tempo no completo silêncio, Sakura que até então estava com a cabeça em meu ombro olhando para o lado, decide se pronúncia.

 

   – porque você me odeia? – pergunta a rosada ainda deitada em meu ombro.

 

   – eu não te ódeio... Você que começa a me provocar! – explico.

 

   – eu te amo, não me deixe! – ela fala calma.

 

    – oque? – aquilo me chocou, como assim ela me ama? – Sakura, Você deve está delirando!

 

     – mamãe, não vá, não me deixe! – ela fala. – ... De onde os bebês vem?... 

 

    Agora que eu me lembrei que ela tomou aquele remédio no hospital, por isso ela está dormindo!

 

    – Hum, irritante! – Volto a andar até a casa na praia.

 

 

                        _*-*__*-*_

 

 

    – Já chegamos? – Sakura acorda a sim que entro na casa.

 

    – sim! – falo exausto!

 

    – ainda bem, porque eu to com uma fome! 

 

    Suspiro cansativo, a ponho no sofá com o pé engessado, esticado encima da mesinha de centro.

 

    Sinto que meu ombro estava molhado, não, não, não. 

 

    Haruno eu te mato!

 

    Tiro a minha blusa rapidamente, recebo o olhar aprovador de Sakura que aprecia gostar do que via.

 

    – uou, Uchiha... Acho que vou torcer o pé mais vezes; a academia ta caindo muito bem em você.

 

     – para de besteira, Haruno! – olho o molhado na blusa – pode me explicar isso? 

 

    – babá! – ela limpa o canto da boca debochada, logo depois pega o controle da TV e liga a mesma sem dar importância a minha roupa.

 

    – arg, se você não tivesse nesse estado eu iria mandar você lavar essa blusa a mão! – saio do Local batendo o pé.

 

     – NÃO ESQUECE DO MEU ALMOÇO! – ouço ela gritar do andar de baixo.

 

    Entro no meu quarto já estresado. Eu não estou mais aguentando essa mulherzinha infernal!

 

     Acho melhor ir tomar um banho, tirá essa babá das minhas costas.

 

     Quando estou prestes a entrar no banheiro ouço um grito de Sakura.

 

     – SASUKEEEE!

 

     – porque Deus? Porque me torturas deste jeito? 

 

            

                       _*-*__*-*_

 

 

      – Não acredito que você me chamou só para abrir a porta! – bravejo. 

 

      – cala boca, você que me machucou, agora aguenta! – fala Sakura comendo, salgadinho?

 

      – como você conseguiu esse salgadinho? 

 

      – salgadinho? Que salgadinho? – ela esconde rapidamente o saco. – você deve está delirando. A campainha, atende logo!

 

      – hum. 

 

    Vou até a porta e atendo a mesma, logo recebo um impurao de uma certa loira escandalosa. 

 

      – SAKURAAAA, SUA PUTA!!! – berra Ino pulando em cima do sofá. – oque aconteceu com seu pé? Aff, esquece. Viada, quero detalhes!

 

      – hum, estranha! – falo apenas, vou direto para a cozinha.

 

      Aff, não acredito que estou me rebaixando a isso, eu Uchiha Sasuke fazendo comida para a desequilibrada da Haruno, devo está em um pesadelo.

 

     Enquanto cortava alguns tomates, acabo, por conhecidencia, escutando a conversa da Haruno com a loira escandalosa.

 

      – Do quê você está falando? – ouço Sakura questionar a amiga.

 

      – abre o jogo Saky, eu sei que você tem uma quedinha pelo Uchiha bonitão, aí! – ouço Ino.

 

       Sabiá, sempre soube! Todas me amam, todas me querem nú na cama! 

 

       – Ino, acho que sua erva estava estragada! – ela solta algumas risadinhas sem graça. – você está viajando legal.

 

       – aha! Então eu estou certa! Haruno Sakura está "xonadona" no Uchiha bonitão. 

 

      – que? Nada disso! E-eu o ódeio, ridícula você! – Sakura começa a se atrapalhar nas próprias palavras.

 

     – então me fala... Qual é o tamanho? 

 

     – “Tamanho” do quê? 

 

     – para de se fazer de santa, porque você não é. O tamanho do Pênis dele, do Pau, do companheiro de guerra, do meninão, DO MAMUTE!! 

 

      Essa daí é bem direta! Meu Deus...

 

     – QUE? E eu vou la saber garota? Me respeita! – braveja Sakura.

 

      – vai se foder Sakura, eu te ouvi gemendo! Então é grande mesmo? Eu vi em um Nud que vazou do Pênis dele que era 24cm ou maior. – conta a loira empolgada.

 

       24cm? HAHAHAHAHA, eu mereço! 24 não é nem a metade... (͡° ͜ʖ ͡°).

 

       – aiih meu Deus, eu não acredito que estou ouvido isso! – fala Sakura com uma voz debochada. 

 

       – abre o jogo Saky! Sou sua amiga, confia, viada! – a loira continua ensistindo.

 

      – tabom, eu conto! – fala Sakura derrotada.

 

     Essa eu quero escutar, hum... Vamos ver se ela acerta o tamanho do meu "mamute". 

 

      – então vai logo, poxa!  

 

     – ele é broxa; tem o Pênis do tamanho de um amendoim... E o mais triste... Ele é ruim de cama! 

 

     – QUE? – acabo gritando da cozinha. – HARUNOOOOO! – ando até a sala.

 

     – tô caindo fora! – fala Ino pegando sua bousa. – bejos Saky, depois te ligo! – Ino sai da casa correndo.

 

     – Ops, você ouviu? – ela coça a nuca nervosa.

 

      – oque você acha? – rosno de raiva.

 

      – eu? Eu acho que você é uma pessoa que tem um grande coração, e que não iria bater em uma garotinha machucada! – ela faz uma carinha de cachorro sem dono.

 

      – isso vai ter volta. Se prepare, Haruno!

 

     – claro, claro, tô morrendo de medo! – ela boseja sem dar a minima importância.

 

    Isso ainda vai ter volta. Espere e verá Haruno, espere e verá! 

 

  

                                                CONTINUA?


Notas Finais


Gostaram? Tomara que sim.

Fiquem a vontade para escrever oque quiserem ai em baixo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...