História Mundos Diferentes - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Luna Valente, Matteo, Personagens Originais, Simón
Tags Gastina, Jico, Lutteo, Pelfi, Simbar, Yamiro
Exibições 255
Palavras 1.672
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Aqui estou eu com mais um capítulo, e olha eu bati recorde hj três capítulos em um dia só: dois na minha nova fic Lutteo e um nesse, me surpreendido agora. Espero que gostem do capítulo.

B
O
A

L
E
I
T
U
R
A

Capítulo 19 - Ciúmes e Briga


P.O.V Luna
Eu estou quase pra roer as unhas de tanto nervosismo, só não entendo o por que de eu estar assim, é só mais um encontro com mais um garoto, porém o Matteo não é qualquer garoto, ele é especial. As meninas terminaram de me ajudar e no fim deram o veredito

Nina – amiga você vai arrasar nesse encontro
Âmbar – o Matteo com certeza vai babar 
Jim – pode apostar que vai

Ótimo! Meu nervosismo só aumenta, como as meninas me ajudam viu!!

P.O.V Matteo
Nesse momento estou quase na porta da casa da Luna. Estou com as mãos suando e também estou tremendo. Tomei coragem e toquei a campainha, depois de alguns segundos uma mulher atendeu, suponho que seja a empregada dela

Xxxx – pois não?
Eu – eu sou amigo da Luna e vim buscá-la para um passeio
Xxxx – ah claro, pode entrar – disse dando espaço para eu entrar

 Eu entrei e... Uau!! A casa da Luna é enorme, parece até um palácio. Eu estava tão distraído admirando a casa dela que não percebi que a mesma me chamava

Luna – Matteo? Você tá aí?
Eu – tô sim, desculpa é que... – eu não consegui terminar minha fala ao ver a Luna

Nossa!! Não achei que fosse possível, mas ela conseguiu ficar mais bonita do que o normal. Eu queria entender como essa garota consegue me encantar mais a cada dia que passa

Luna – Matteo? O que você tem? Por que está aí todo paralisado?
Eu –  é assim que você me deixa com essa beleza indiscutível que você tem – falei sem pensar e acabei me arrependendo, o que é que ela vai pensar?
Luna - o-obrigada – disse sorrindo tímida e olhando pra baixo corada, não sabia que a garota mais popular do Blake e que gosta de pisar nos outros ficava emvergonhada
Eu – bom, vamos? – disse estendendo a mão pra ela
Luna – vamos – disse pegando minha mão, fazendo com que eu sentisse uma corrente elétrica por todo meu corpo. Fala sério Matteo isso não é hora de você sentir essas coisa, lembre-se: essa garota só quer brincar com seus sentimentos

Então nós dois saímos da casa dela e eu a levei em direção ao lugar onde será nosso encontro.

P.O.V Âmbar
Tem uma coisa que está me incomodando: será que o Matteo chamou a Luna pra sair mesmo ou é por causa do plano? Na real, não tenho mais tanta certeza se devo continuar com esse plano ridículo, quando eu chegar no Jam & Roler vou conversar com a Jim, o Ramiro, a Delfi e o Gastón

Xxxx – Âmbar? – uma voz me chamou, quando olhei era o Sebastian
Eu – oi Sebastian
Sebastian – tudo bem?
Eu – sim e você?
Sebastian – melhor agora que te encontrei – eu corei com o elogio – pra onde você está indo?
Eu – pro Jam & Roller, só que eu estou meio perdida já eu nunca fui pra lá
Sebastian – então hoje é seu dia de sorte, eu estou indo pra lá, se quiser posso te acompanhar
Eu – claro, que mal tem
Sebastian – então vamos – disse pegando em minha mão e me levando até lá

P.O.V Simón
Nesse momento estou no Roller com a Jim, o Nico, o Gastón, a Nina, a Yam, o Ramiro,  Delfi e o Pedro

Gastón – onde vocês acham que o Matteo vai levar a Luna?
Jim – pelo que eu conheço dele, é capaz de levar a Luna pra alguma cachoeira muito linda
Eu – sério?
Jim – sim, ele acha cachoeiras românticas
Eu – ta bom né, cada um com sua opinião. Mas mudando de assunto, quer dizer então que temos dois novos casais no grupo? – disse olhando pra Delfi, o Pedro, a Jim e o Nico
Delfi e Pedro – sim – responderam se olhando e sorrindo
Jim e Nico – com toda certeza – também se olharam e sorriram
Eu – quando açúcar - reclamei
Nico – relaxa, você ainda vai estar nessa mesma situação
Pedro – ou não
Eu – como assim?
Pedro – olhe você mesmo – disse apontado pra alguma coisa que tinha atrás de mim

Eu me virei e uma raiva me subiu à cabeça na mesma hora, a Âmbar chegou toda risonha com o Villalobos. Que ódio! Por que esse desgraçado tem que ficar cercando a Âmbar? Mas eu não vou deixar ele se aproximar dela, ah mais não vou mesmo. Me levantei e fui até lá a passos largos

Eu – Âmbar – a chamei e quando ela me viu abriu um lindo sorriso
Âmbar – oi Simón
Eu – o que esse cara ta fazendo com você?
Âmbar – é que eu não sabia onde era o Jam & Roller, encontrei o Sebastian no caminho e ele me trouxe até aqui
Eu – você poderia ter me ligado, eu iria te buscar
Âmbar – eu não queria incomodar
Eu – você não me incomodaria nem se quisesse, e eu acho que no fim quem incomoda sou eu
Âmbar – claro que não, eu adoro sua companhia
Eu – que bom porque eu vou ficar sempre do seu lado. Âmbar você não têm ideia de como você torna meu mundo melhor – eu disse e pude ver que ela corou com o elogio
Sebastian – fala sério Álvarez, escuta Âmbar não caí no joguinho dele, ele sempre fala coisas desse tipo pra iludir as garotas
Eu – eu não sou mais assim Villalobos, e sabe por que? Porque a Âmbar me mudou, eu nunca me senti com garota nenhuma, e eu mesmo confesso: eu realmente usava as garotas, mas depois que eu te conheci Âmbar tudo isso mudou, você virou meu mundo de cabeça pra baixo e eu adorei esse giro – disse olhando nos olhos dela e ela sorriu
Sebastian – isso não vai ficar assim – escutei ele sussurrar

Depois o Villalobos fez uma coisa que me deixou despedaçado: ele beijou a Âmbar. Raiva, ódio, tristeza e mágoa me subiram na cabeça, ver aquela cena estava me matando, eu senti meu peito doendo, o que está acontecendo comigo? Eu não aguentava mais ver aquilo e então sai batendo o pé pra pista, quando cheguei lá tive vontade de quebrar tudo e comecei a socar a parede, eu soquei tanto que senti minhas mãos molhadas, quando vi elas estavam sangrando mas eu não me importei, continuei socando a parede com toda força que eu tenho.

P.O.V Pedro
Quando vi a Âmbar chegando com o Villalobos já sabia que ia dar briga, e quase deu, se não fosse por Sebastian ter dado um beijo na Âmbar, o que deve ter deixado meu amigo arrasado. Quando ele saiu a Âmbar conseguiu empurrar o Villalobos e deu um tapa na cara dele

Âmbar – nunca mais faça isso – disse com ódio nítido na voz
Sebastian – eu pensei que você... – ela o interrompeu
Âmbar – você pensou errado, eu gosto do Simón e te digo uma coisa, se ele começar a me evitar por causa disso você vai se arrepender de ter nascido
Sebastian – escuta aqui bolsista imunda – disse e segurou o braço de Âmbar com força – ninguém me ameaça e muito menos me dá o fora
Âmbar – existe uma primeira vez pra tudo e vê se me larga – ela tentou se soltar mas ele apertou com mais força e a jogou na parede fazendo ela gritar de dor, e isso foi o limite
Eu – ficou maluco seu covarde – disse indo até lá e ficando entre a Âmbar e ele, enquanto os outros foram socorrer a Âmbar
Sebastian – não se mete
Eu – você é muito covarde mesmo pra bater em uma garota, enfrenta alguém do seu tamanho
Sebastian – com o maior prazer – após dizer isso ele desferiu um soco no meu rosto me fazendo cair no chão, mas eu senti que não foi a mão dele que me bateu, quando olhei vi que ele estava com um soco inglês
Delfi – Pedro!! – percebi em sua voz que ela ficou preocupada e ela foi pro meu lado
Eu – eu to bem meu amor
Delfi – você tá sangrando muito bebê, e tudo por causa desse desgraçado eu joga sujo – eu sorri quando ela me chamou de bebê
Eu – eu espero qualquer coisa desse miserável

P.O.V Simón
Eu já tinha parado de espancar a parede e agir eu estava chorando, eu nunca senti isso antes, é um sentimento horrível. Eu continuei chorando, até que ouvi alguém gritando de dor e eu reconheci esse grito, era a Âmbar. Me desesperei na mesma hora então fui correndo pra lá. Quando cheguei vi a Âmbar chorando no chão com o braço vermelho e a cabeça com um pequeno corte, e o Pedro com a boca sangrando. Olhei para o Villalobos e o vi com um sorriso cínico pra eles e com um soco inglês na mão. Filho da puta. Não pensei duas vezes e parti pra cima dele, dando vários socos naquela cara de retardado que ele tem

Eu – seu desgraçado, nunca mais encoste um dedo nos meus amigos – disse parando e socá-lo, já que ele estava sangrando muito, não que ele não mereça, mas se a Tamara pega essa cena eu sou banido do Roller por tempo indeterminado
Sebastian – isso não vai ficar assim, vocês dois vão se arrepender – disse pra mim e pro Pedro e foi embora
Eu – você ta bem Âmbar? – disse indo pro lado dela e a ajudando a levantar
Âmbar – sim, só meu braço que dói um pouco. Obrigada por me defender
Eu – não foi nada, eu vou te defender sempre que precisar
Âmbar – obrigada – disse sorrindo tímida pro chão e corando, o que a deixa mais linda 
Delfi – gente – disse chamando nossa atenção – eu confesso que tenho medo do que aquele cara pode fazer
Pedro – fica calma meu amor, eu não vou deixar ele encostar um dedo em você
Delfi – obrigada meu bebê, você é um fofo. Mas não é comigo que estou preocupada, é com vocês dois – se referiu a mim e ao Pedro – vocês ouviram que ele disse que vocês dois iam pagar
Pedro – não se preocupa com isso princesa
Eu – é não tem com o que se preocupar

Apesar de dizermos isso, eu e Pedro nos olhamos meio tensos, nós dois sabemos do que o Sebastian Villalobos é capaz de fazer...


Notas Finais


Eita, a treta foi braba, mas esse Villalpbos também não facilita. O que acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...