História Mundos paralelos cap 1


Escrita por: ~


Sinopse:
Reencontros

Abri meus olhos, estava escuro, não enchergava muito bem, levantei atordoado e me sentei na cama, é eu estava no meu monótono quarto, esfreguei meus olhos para acordar de vez. Logo lembrei que dia seria aquele, então fui ao banheiro, tomei meu banho, e me dirigi para meu quarto novamente. Escolhi uma calça preta e vesti junto com meu uniforme, calçei meu tenis e dei uma arrumada no meu cabelo. Eu sou loiro 1,70 de altura e 58 kg, olhos castanho claro que herdei de minha diva(mãe) Mary, tenho 18 anos eu estou cursando o ultimo ano na escola. Sai do quarto á procura do escritorio de meu pai. Entrei e peguei meus materiais escolares, após me dirigi para cozinha e comi uma maçã. Sai tranquei a casa e o jhou (meu cachorro) veio igual um louco na minha direção até que eu gritei:
_ Sai jhou!! 
O coitado saiu triste, e eu acabei me arrependendo eu fui lá nele fazer um carinho. Voltei na lavanderia lavei minhas mãos, e depois fui para a área pegar minha bicicleta para descer para escola. Este seria o primeiro dia de aula após as férias de julho e eu não estava nem um pouquinho animado. Cheguei lá e me dirigi ao estacionamento para bikes que tinha na escola. Tranquei ela lá e me dirigi para o pátio. Quando chego bem no meio do pá a luh (luana) se atira em mim e me abraça dizendo:
_ Vivas galera!!! Chegou meu boy loiro favorito, eai gato como ce tá? 
_ Oi e bom dia tambem né kkkk mas eu to legal e vc?_ falei meio desanimado.
_Nossa migo que isso, parece que passou um carreta de tres vagões em cima de sua auto-estima. Vamo reagir né, primeiro dia de aula querido!! _ disse ela.
_ ah se sabe que eu so assim mesmo, deixa de frescura e vamo logo pra sala _ falei puxando ela.
A luh é minha melhor amiga, conto tudo pra ela e ela conta tudo pra mim, ela tem 17 anos e somos amigos desde os 4 anos e ela era uma das poucas pessoas alem de meus pais que aceitaram minha homossexualidade com respeito, compreensao e afeto. Bem voltando a escola, eu e a luh iamos entrando na sala depois de bater perna quase que na escola inteira pra pode achar essa bendita sala e demos de cara com o guh (gustavo). Eu e a luh ficamos simplismente paralisados, eu senti um frio na espinha, e quase dei uma parada cardiaca. Ele tava muito gato, nem parecia garoto de um mes atras.
Ele era meu amigo tabem, eu , a luh e o guh formavamos um trio inseparavel. Ele tava muito bonito mesmo, cabelos lisos e pretos,os olhos negros continuavam brilhantes, ele era um pouco mais auto que eu, e tava com um corpinho mais musculoso do que antes das ferias e tambem era gay e tinha 16 anos. depois que saimos do nosso transe luh disse:
_ Uaal, parece que alguem aki resolveu fazer um belo upgrade eihm!! -falou ela
_Nossa guh kk as ferias lhe fizeram bem eihm- disse 
_ Que nada gente foi so uma mundança de visual mesmo- disse ele meio envergonhado.
_ Uhm,Com essa inovada ate que eu posso te dar uns pegas agora. Disse luh e nos tres começamos a rir das doideiras que ela falava. Então o guh disse: 
_ Vamos entrar que eu separei nossos lugares.
_ Ah então vamo pra poder atualizar as noticias das vidas de cada um logo- disse luh.
_ Affs luh, tu ainda ta nessa de fofoca eh.falei
_ Claro né pra que melhor kkkk.
Nos então entramos e nos sentamos, a luh ficou a minha frente e o guh do meu lado, e ficamos conversando enquanto o professor não chegava. Não demorou muito e ele chegou e os alunos começaram a entrar ate que entra o Daniel e começa a me encarar descaradamente. Eu olhei pra luh e percebi que ela tinha entendido o que estava acontecendo. Então ele começou a andar vindo na minha direção, passou por mim e se sentou do outro lado da sala. Apos, o professor começou a explicar algo com um novo sistema de avaliação dos alunos, mas eu nem prestei atenção, estava imerso em um longo fluxo de pensamentos. Fiquei assim ate a hora do intervalo. Saimos eu, guh e luh fomos para o refeitorio e nos sentamos em uma das mesas, ficamos conversando um pouco ate que o guh sai e diz que vai ao banheiro, então depois que ele sai a luh fala: 
_ Alex(esse é o meu nome, desculpem não ter falado antes)meu colega o que foi aquela troca de olhares mortifera entre vc e o Dani?
_ Ah luh nem eu sei viu!
_ Mas vc acha que ele lembra do que aconteceu?
_ Ah querida concerteza, se não nunca me olharia daquele jeito, mas o que eu estou preocupado é em que ele esta pensando e sentindo em relação a mim.
_ Ah relaxa migo, o que tiver de ser, será!
_ Uhm muito obrigado pelo conselho Senhora filosofa.
_ Disponha baby!kkkkk
Nos rimos muito ate que ouço alguem falando comigo.
_ eai Alex não fala com os pobres mais não é - disse Daniel atrás de mim.
Minha surpresa foi tão grande que eu mal tive coragem de me virar para olhá-lo.

--------------------------------------------------------------------------------- Oiiee gente, bom esse é o primeiro capitulo do primeiro conto que é fictício não é verdadeiro, então peço que vcs relevem nos seus julgamentos, peço que se possível comentem, e se quiserem podem criticar também, meu objetivo é escrever um conto descrevendo vida e os conflitos do personagem principal Alex. Eu ja tenho em minha mente um enredo traçado mas estou aberto a novas sugestões. Bjos e ate o próximo capitulo que deve sair nos próximos dias...
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Categorias Amizade Colorida
Tags Lgbt, Romance
Exibições 0
Comentários 0
Palavras 0
Terminada Não

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

O autor dessa História ainda não destacou nenhum comentário.