História My Alfa Possessive..(Imagine Mark Tuan) - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Alfa, Imagine Got7, Lobos, Marcada, Mark, Você
Visualizações 319
Palavras 896
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


~OLÁ COELHINHAS..
LINDAS EU QUERO AGRADECER PELOS 102 FAVORITOS...❤❤❤💕💕❤
MUITO OBRIGADA MESMO FOFAS
Eu não chegaria até onde cheguei sem vcs..OBRIGADA..❤❤

-Fiquem com o capítulo coelhinhas..

Capítulo 21 - Não deveria ter feito isso!


Fanfic / Fanfiction My Alfa Possessive..(Imagine Mark Tuan) - Capítulo 21 - Não deveria ter feito isso!

Estava andando num corredor da escola até que me deparo com a Deborah 

Deborah: Olá S/n! 

-Oi

Deborah: S/n?! Eu percebi que você é muito boa em literatura certo? 

-Sim. Literatura é minha matéria favorita. 

Deborah: Eu queria lhe pedir um favor. 

-Fale 

Deborah: Você poderia me ajudar a estudar. Eu estou péssima nessa matéria. 

Nessa hora me lembro das palavras do Mark. 

-Eu não sei não. (Abaixo o olhar eu queria ajudar ela, mais o Mark não irá deixar) 

Deborah: Por favor S/n. Me ajude vai. Eu quero ganhar boa nota pro meus avós sentir orgulho de mim. 

Pensamento on 

Ahh Dane-se o que o Mark disse, eu quero ajudar ela, ela não parece mal pra mim  

Pensamento off 

-Ok eu vou te ajudar sim Deborah. (Falo sorrindo doce pra ela, tenho a impressão que ela deu um sorriso maldoso? Deve ser só impressão mesmo, ignoro isso) 

Deborah: Obrigada mesmo, passa lá em casa hoje. Eu moro na rua ***** e a casa ****

-Você mora naquela rua deserta e aquela casa abandonada?( Eu sei disso, porque quando eu e a Luna fomos procurar um restaurante coreano, do jeito que ela é meio doidinha, Ela acabou pensando que o restaurante era pela aquela rua E acabamos nos perdermos lá, mais uma moça nos ajudou aquela casa que a Deborah falou é meio acabada e abandonada)

Deborah: Ahh sim. Eu e os meus avós moramos lá, meus pais morreram há 3 meses e não temos muito dinheiro então moramos lá mesmo. (Fala triste) 

-Oh Sinto muito Deborah. (Falo com pena e culpada por toca naquela assunto delicado pra ela) 

Deborah: Tudo bem. Então passa lá as 20:30 Ok? 

-Tarde assim?? 

Deborah: É porque os meus avós estão meio que doentinhos e eu vou ficar a tarde toda cuidando deles 

-Ok então

Então de repente eu fico tonta mas antes de cair Deborah me segura.  

Deborah: você está bem?? 

-Sim só foi o mal-estar mas está tudo bem. (Falo me soltando dela) 

Deborah: É melhor  você ir no médico. Vai que seja uma coisa grave. 

-Não preciso eu não estou doente eu estou gravi... ( paro de falar quando percebo que eu estou dizendo) 

Deborah: Grávida?! 

Eu acho que não tem mal eu falar para ela

- sim eu estou grávida. 

Deborah: Humm. Você me parece bem íntima com aquele garoto... Qual o nome dele?? 

-Mark...Tuan Mark. 

Deborah: Ahh sim.  Você está grávida dele não é?!

-Sim. (Falo corada) 

Deborah:Hummm... então muito obrigada mesmo s/n, por me ajudar, eu espero você lá em casa tchau

-Tchau... 

S/n off 

Mark on 

Jackson: MARK. (Grita correndo em minha direção) 

-Que foi? 

Jackson: Quando eu estava passando no corredor sem querer querendo ouvir a conversa da S/n e da Deborah. 

- O que elas falaram?? 

Jackson: Parece que a s/n vai na casa dela hoje à noite às 20:30. 

-Eu não vou deixar ela fazer isso....

Mark off 

S/n on 

[....] 

Já eram 19:30 estava descendo as escadas para ir para casa de Deborah quando,  antes de eu abrir a porta Mark me chama. 

Mark: Nem pense ir à casa da Deborah S/n. 

-Mark eu só irei ajudar ela nada de mais Ok. (Falo já abrindo a porta mais o Mark pegar bruscamente o meu braço e fecha a porta com força. ) Ei. Me solta 

Mark: Você não vai S/n. 

-Você não manda em mim Ok? Posso ser sua marcada, mais eu não recebo ordens de ninguém. (Falo com raiva) E eu vou sim. (Me solto dele e abro a porta de novo, mais antes ele diz) 

Mark: Se você sai S/n serei obrigado a te pegar a força e te deixar trancanda dentro do quarto. 

-Pare com isso Mark você não manda em mim. E você não faria isso.. (Então ele segura o meu braço com força que gemo de dor, ele novamente fecha a porta e me leva até o quarto) E-esta d-doendo. (Reclamo de dor, mais ele não liga) Ma..

Mark: Calada. 

Então ele me joga na cama. 

- Pra que isso? Eu só quero ajudá-la, eu não vejo maldade nela. Qual o problema??

Mark: Aí que está o problema S/n. VOCÊ É MUITO INGÊNUA. (Grita e eu me assusto, ele suspira e bagunça os seus cabelos) Desculpe. Você não me deixou escolha S/n. 

Fala e tranca a porta, me levanto e começo a bate na porta. 

--MARK!! ME SOLTA AGORA! MARK TUAN ABRE ESSA PORTA AGORA. TUAN ME SOLTA.. (Falo batendo na porta mais é inútil) 

-AHH IDIOTA..

Olho em volta e vejo a janela aperta, vou até lá e não é muito alto. 

-Eu vou ajudar a Deborah sim. (Falo e com muito cuidado pulo a Janela) 

Então eu vou correndo a direção a casa da Deborah 

[...] 

-Deborah? Desculpe entra sem permissão na sua casa! Deborah? Cadê você? (Falo entrando na casa, essa casa me dá cala frios, estou com medo) 

Sinto algo tampa minha boca e logo adormeço.. ..

S/n off 

Mark on 

Luna: OH MY GOOD! MARK???!!!!!!!

-Precisa grita Luna? 

Ela corre até a mesa 

Luna: MARK EU FUI ATÉ O QUARTO VÊ A S/N..MAIS ELA NÃO ESTÁ LÁ, ELA FUGIU..

Me levanto e corro até o quarto e vejo ninguém lá só a janela aberta 

-Não acredito....

Mark off 

S/n on 

Acordo em um quarto um pouco escuro, forço o olhar e vejo um homem 

??: Olá S/n 

Eu só pensei uma coisa agora, eu não deveria ter fugido

Eu não deveria ter feito isso! 


×CONTINUA 





Notas Finais


Então??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...