História My angel - imagine Yoongi (suga) - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Iludidas Ao Ponto Extremo, Você, Yoongi Delicia, Yoongi Que Queremos Namorar
Exibições 172
Palavras 1.266
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Fluffy, Hentai, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Bom pessoal, primeiramente eu queria agradecer pelos quase 200 fav, sério vcs saum foda, te amo vcs

_AVISO IMPORTANTE_

gente eu sei que eu to sendo uma tremenda cuzona postando uma vez no mês, mas eu realmente to passando por várias coisas, a escola a casa, enfim, tudo. Como alguns sabem, eu sofro de depressão, e eu tenho tido vários problemas. E durante esse tempo, eu quase me matei. Se não fosse por meus lindos e divosos amigos, eu tava morta. E obg tbm pir alguns leitores q puxam minha orelha pedindo cap novo :v amo vcs de corazaum. Espero que me perdoem, e nas férias irei compensar tudo isso <3

E também vou fazer modificações nessa fanfic, tipo, O Namjoon não vai mais ser o kapiroto. Mas é isso gentiney bjss

Capítulo 12 - Capítulo 12


Kim Taehyung.... E-esse nome....me deu arrepios.....


- Hum..... Você não é daqui não é mesmo? - claro que não, eu sou do inferno


- Ah, não....


- É de onde?


- Brasil....- foi oque Jin disse.


- Hum, lá é legal?


- Não sei, eu apenas nasci lá


- ah bom


- bem.... Está ficando tarde e eu tenho que ir, foi um prazer- me levantei mas ele segurou meu braço


- espere - ele deu uma pausa - posso te acompanhar?


- hum...Claro - se ele tentar algo vai morrer



Taehyung on



Só preciso de sua confiança....E conseguirei de uma forma.... ou de outra. 


Fomos andando e eu fazendo palhaçadas fazendo-a rir, esbanjando um lindo sorriso, que quando em vida, eu nunca havia visto antes. Nunca vi um sorriso tão lindo e verdadeiro como o dela apesar de ela passar por tudo oque está passando, ainda consegue sorrir. Parei um momento para poder observa-la melhor. Cada detalhe de seu rosto era uma obra de arte, sua boca levemente avermelhada pelo frio repentino, lindos cabelos, em fim, ela era linda. Seus cabelos, por conta do vento foram pra frente cobrindo seu rosto, fazendo-a ficar brava, mas ela brava é tão fofa. Nem mencionarei seu corpo. Ele era perfeito.  Ela é perfeita.


No que estou pensando??! Vocé precisa focar no seu objetivo Taehyung..... Foco no poder Taehyung, foco no poder.....


_______ on


Eu sentia algo ruim, um sentimento ruim? Não sei ainda, mas não era bom. Senti um arrepio repentino e esses sentimentos ruins estavam a me atormentar. Tudo parou


- Olá minha querida 


Uma cena, uma garota, acorrentada e sangrando.... e essa garota.... sou eu?


Pisquei duas vezes percebi que estava ajoelhada no chão. Meu nariz estava sangrando e eu estava me sentindo fraca. E ao mesmo tempo forte. 


- mentiroso.....


Essa voz...eu não à reconheço mas me é familiar


Taehyung parecia não saber oque fazer pois seu olhar transmitia desespero.


- V-você está bem?? - ele disse ajoelhado comigo 


- A-acho que sim - falei meio sem ar - Vamos?


- Claro... - pronto! Agora ele deve achar que sou louca!



Taehyung on


Senti uma forte energia ao toca-la arrepiando-me por completo. Isso significa que.... está completo.



Estavamos voltando e eu a deixei em seu condomínio, e fui pra minha "nova casa" não era tão distante da dela, então fui andando calmamente. Cheguei em "casa", aish, me sinto estranho falando isso. 


______ on



Cheguei em casa e não tinha mais ninguém, estranhei, mas fiquei feliz. Eu só quero dormir e me desligar dos meus problemas atuais.


No dia seguinte.....


Acordei com o som do despertador,  levantei um pouco zonza, me olhei no espelho e eu estava parecendo uma drogada em estado de reabilitação. É a vida.


Fiz minha igiene matinal, me despi e tomei um banho de água morna. Saí do banheiro ainda um pouco molhada e escorreguei. Minha manhã já começou maravilhosa. Coloquei o uniforme, um all star cano médio e um moletom preto de rosquinhas. Amo meu moletom e irei protege-lo. Me perfumei e prendi meu cabelo em um rabo de cavalo, peguei meu óclinhos amado. Fui na cozinha, peguei uma maçã e fui.


Eu não gosto muito da escola.... digo, não é que eu não goste de estudar, longe disso. As pessoas lá são muito superficiais, e isso me irrita pra caralho. Lá você só é respeitado se: é popular, tem muitas curtidas em suas fotos, é bonito/rico, ou simplesmente é amigo de alguém popular. Por isso só tenho três amigas. Ou melhor....tinha. Ah Mi-cha, eu sei que você tinha problemas pessoais, mas, você tinha que me abandonar? Tudo que eu mais queria agora é poder te abraçar, te dar sermões quando se cortava, você me dar sermões quando eu fazia merda... Eu.... sinto muito a sua falta. Eu queria poder dizer o quanto eu te amo. O quanto você é especial pra mim. Todos os momentos bons que passamos, que você estava do meu lado, uma cuidando da outra, mas....e agora?  Eu preciso de ti. Volta pra mim.


Quando me dei conta não enchergava direito por conta das lágrimas que saíam e saíam sem parar. A dor é imensa. As vezes seria melhor se eu tivesse ido no lugar dela.


- _______!!! - alguém chamou vulgo berrou meu nome. Olhei pra trás e vi Taehyung tentando me alcançar 


- O-olá! -falei secando as lágrimas


- Estava chorando? - ele me perguntou, e eu o olhei triste - Acho melhor eu não tocar nesse assunto...- ele parou por um momento - está indo para a escola? - perguntou


- Sim - sorri fraco - você estuda?


-  A faculdade tá de férias - el falou. Ai que inveja


- Nossa que legal.... - falei e eu juro que tentei ser simpática. Ele percebeu que eu estava mal.


- Está afim de matar aula? Vamos só nos divertir, acho que você tá precisando! - ele disse empolgado


- Hum..... Eu não sei.....- a  quem eu tô querendo enganar, eu quero muito ir


- Vamoos pir favoor, é muito chato ficar sem nada pra fazer - olhei pra ele, e ele fez cara de bravo e eu apertei suas bochechas. 


- oooown, que fofinhoo, parece que saiu de um anime de tão fofo e lindo - ele riu - tudo bem mas só hoje! Onde vamos?


- Você gosta de animes?


- gosto, amo, adoro


- Sério?? Quais seus preferidos?


- One piece..-- ele me interrompeu


- ONE PIECE É UM DOS MEUS ANIMES PREFERIDOS AAAH - ele gritou como se eu fosse a única pessoa com isso em comum com ele. - VAMOS SE CASAAAAAR


Eu e ele ficamos conversando sobre animes, mangás, cultura japonesa e kpop. A cada segundo com ele eu tinha um ataque de risos. Saímos dali e fomos para um um parque ao lado, ele comprou um sorvete pra mim, e outro pra ele, e ficamos conversando e rindo, sentamos no gramado e passou várias borboletas vermelhas, uma pousou no meu dedo, ele pegou o  celular e bateu uma foto.


- Hum, o que é isso no seu nariz?


- Isso oque?


- Você é cega? Isso aqui ó - ele sujou a ponta do meu nariz de sorvete


- AGORA É GUERRA MEU IRMÃO - passei meu sorvete todo na cara dele por que sou dessas


- ah sua vigarista - como estava sol novamente, eu já havia tirado mue moletom, abri minha mochila e peguei o mesmo. Desculpa meu amorzinho, é por uma boa causa. Esfreguei a blusa na cara dele com brutalidade. - Minha cara ainda vai continuar grudenta


- Foda-se - falei - você fez eu desperdiçar meu sorvte na sua cara - fingi estar brava, cruzei os braços fazendo bico.


- Oh meu Deus que bonitinhaa - ele apertou minhas bochechas e eu tentei continuar com a mesma cara de brava só que não deu. Eu desabei no riso junto com ele


Deitamos na grama e ficamos falando os formatos das nuvens


- aquela nuvem tem forma de cu - apontei pra nuvem


- Aquela parece uma rola - falou eu ri. Tudo o que faziamos era rir.


As horas foram passando, e cada segundo era valioso. Estavamos pesseando pelo bosque cantando Boombayah e eu estava nas costas do Tae. Então avistei flores belas e azuis numa  árvore alta.


- Tae, olha! Que flores lindas! - apotei para as mesmas. 


- Você quer?


- Está muito auta - fiz bico

Ele me tirou das costas dele e começou a escalar a árvore pegou a flor e desceu


- Pra você - ele me entregou e logo sorri e cheirei.


- Agora me põe nas costa de novo escravo - falei e rimos e voltei a ficar em suas costas



.    .    .



Estavamos voltando e ele estava dividindo fone comigo e estavamos comendo doces. Chegamos na porta do meu condomínio.


- Hey obrigada - falei a ele quando estava indo embora


- pelo quê?


- por me fazer sorrir.


Notas Finais


Hj foi mais focado no Tae :v

Shoremos

mas é isso gente, amo vcs e é nois

Desculpem-me qualquer erro
Mas é isso ♡
Kissus ☆


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...