História My Angel - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias South Park
Personagens Butters Stotch, Craig Tucker, Eric Cartman, Ike Broflovski, Kenny McCormick, Kyle Broflovski, Liane Cartman, Shelly Marsh, Stan Marsh, Tweek Tweak, Wendy Testaburger
Tags Style Kyman Bunny Creek
Exibições 42
Palavras 1.618
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bom , essa é a minha primeira fanfic que eu estou fazendo por mim mesma ,eu demoro muito para postar por falta de idéias...ou por preguiça mas eu NUNCA abondono , isso vocês podem ter certeza viu , essa fanfic pode, não ser muito longa , com muitas palavras , pq eu quando a fanfic tem 900 e poucas palavras e não 1.000 e poucas para mim ela já parece ruim, ALGUMAS , apenas o prólogo q eu meio que aceito ter 900 e poucas e talz , mas eu não duvido que essa fic não tenha no máximo 900 e poucas palavras até mesmo 700 e poucas então não me julguem ,e me ajudem a fazer essa fanfic cada vez melhor , kisses.

Capítulo 1 - Capitulo 1


– Kyle meu filho me prometa que vai cuidar se seu irmãozinho - Sheila Broflovski chorava , sem saber o que fazer com seus filhos, já que as tropas de Hitler os acharam em sua casa. Mesmo que esteja a casa quase no meio da floresta , eles os acharam.

– M-mas mãe e-eu não entendo , o que está havendo? , v-você não vai mais cuidar de nós , o que tá acontecendo? - Kyle gaguejava abismado nunca viu sua mãe chorando , nunca a vira chorar. Sheila era conhecida por ser uma mulher forte , e grande , que não se dava por vencida por qualquer um por qualquer coisa , Kyle não entendia mesmo tendo seus 15 anos , ainda uma criança , tendo que cuidar de outra criança.

– Filho por favor fassa o que sua mãe pede , nos iremos ficar bem! - Gerald Broflovski, nunca fora Mentiroso, mas dessa vez , não sabia o que fazer , lágrimas caiam de seus olhos , enquando encarava uma imensidão verde dos olhos de Kyle , que estavam assustados.

– Mas... Pai eu não tô entendo o que está acontecendo?. - Kyle Tinha lágrimas em seus olhos , não suportava ver seus pais chorando

– Apenas prometa que vai cuidar de Ike como se fosse sua vida. - Sheila falou como se estivesse ordenando para que ele prometesse .

– E-eu prometo mãe. - Kyle olhou para Sheila chorando - eu prometo pai.- Olhou para seu pai agora - eu prometo que vou cuidar de Ike - E disse por fim pegando seu irmão de 10 anos no colo.

– Eu te amo filho. - disseram seus pais em unisom.

– Também te amo mãe e pai.

– Agora vá filho e se salve.

Foram as últimas palavras de Sheila, antes de ver seus dois filhos correndo , mesmo ela sabendo que iria morrer , ia morrer em paz sabendo que seus dois filhos estavam a salvo, e iria morrer ao lado de seu marido , o unico que ela amou de verdade.

                    Um ano depois

Kyle não havia entendido na época o que sua mãe queria dizer. Mas agora tudo estava claro , ele estava no meio da 2° Guerra Mundial , no começo ficou abismado , quando soube , por pessoas que o ajudou ele é seu irmãozinho. Soube que estava em uma guerra onde Adolf Hitler, criará campos de concentração, para matar judeus, não indedia do por que, mas não era para ser entendido.

Kyle apenas sabia que prometera cuidar de ser irmão mais novo , e uma promessa para ele é uma coisa sagrada. Mesmo que estivessem fujindo das tropas de Hitler , não pudera evitar de que seu irmão ficaquece gripado por conta das chuvas freqüentes.

Kyle achava comida do jeito que desse , matava animais , até mesmo roubava , comiga , remédios e etc. Prometeu que era para proteger seu irmão como sua vida , e não importa o que tivesse de ser , ele o pretejeria o jeito que desse.

                 

                  Dois anos depois.

Kyle agora com seus 18 anos , estava muito fraco , seus lindos cahos vermelhos estavam sem vida , as olheiras visíveis , o corpo magro. Mas seu irmão estava bem isso era o que importa , ele finalmente tinha sarado de sua gripe. Ike estava preocupado com seu irmão , não sabia o que fazer , tinha protegido ele a tanto tempo e agora não sabia como retribuir, estava se sentindo mal, Ike sabia do risco que estava correndo, e o que estava acontecendo a sua volta , mas não queria acreditar.

Ja se faziam o que 2 ou até 3 meses desde que Kyle fizera 18 anos ,estava acabado , os seus lindos olhos verdes , sempre transbordando de alegria , estavam totalmente sem vida, muito tristes. Kyle olhava para cima , vendo um teto totalmente de pedra , estavam em uma caverna. Kyle e Ike se esconderam ali , tentando correr das tropas, ele sabia que tinha que sair dali , a chuva do lado de fora estava forte, provavelmente Ike deveria estar com frio.

– Ike? - Kyle falou assim que viu que seu irmão não estava onde ele tinha o posto - Ike?cadê você? - novamente o chamará pelo nome e nada - IKE ? - Kyle começou a se desesperar onde , esse muleque se enfiou ? Kyle estava com medo , e se as tropas o tivessem o pegado o qua aconteceria , morreria se algumas coisa acontece com seu irmão , era a única família que ele tinha , não iria fracassar dessa vez fezera uma promessa aos seus pais.

– Estou aqui Kyle - Ike disse afogante como se tivesse corrido muito , Kyle olhou para ele e o abraçou , tão forte , um abraço de urso.

– Não some assim sem avisar , fiquei preocupado - Kyle falou se separando do abraçando e o olhando nos olhos.

– Kyle , eu tinha saído por que eu vi , umas pessoas andando e quando fui ver quem era, eram umas pessoas de uniforme e cheia de armas , essas pessoas me viram , temos que sair daqui Kyle! - Foi tudo que Ike disse.

Kyle ficou branco , as tropas de Hitler o acharam , ferrou , pensou o ruivo agora com as mãos segurando as de Ike e correndo o máximo possível, enauquanto as tropas atrás deles. Kyle estava apavorado, era a primeira vez que corria deles , não tinha aonde se esconder , estavam no meio de uma floresta , tinha muito mato e muito era venenosa lá , não tinha aonde escapar , se encontracem uma caverna , seria muita sorte.

Corriam muito , Ike estava cansando , Kyle também , mas não iria desistir tão fácil , correram , correram e correram , até que não viram mais as tropas, os despistaram , foi isso que os dois pensaram antes de serem dopados por alguém , que nem ao menos viram o rosto.

                     Horas depois

Kyle acordou , em uma cama muito mal feita , estava com um pijama , de presidiário? Ele olhou em volta e viu muitas pessoas , ele não conhecia ninguém , as pessoas eram magras , parece que só comiam uma vez a cada 2 anos , talvez fosse isso mesmo , não entendeu , ele não sabia como eram os campos de concentração , só sabia os nome , e como eram feitos lá dentro.

Até que lembrou de algo Ike , cadê ele, ele olhou em volta , muitas pessoas curiosas olhavam para ele , Kyle não entendia onde seu irmão se metera.

– Vocês viram meu irmãozinho Ike? - Perguntou para as pessoas ao redor , muitas se entreolharam outras abaixaram a cabeça , até que uma moça , muito magra , muito mal cuidada , deveria ter uns 40 anos, se aproximou dele.

– Menino , seu irmão foi para outro lugar.- a moça falou com uma voz gentiu , meio rouca.

– Que lugar? Aonde eu estou ? Quem são essas pessoas ? - Kyle fez muitas perguntas , fazendo a moça ficar até meio tonta de tantas perguntas mesmo assim respondei todas , com calma e gentileza.

– Eu não sei onde ele foi , existem 24 campos de concentração entre toda a Europa, seu irmão deve ter ido para um deles - Kyle arregalou os olhos - você está em um campo de concentração na Alemanha, essas pessoas são judeus como você e eu , estamos elas ainda estão vivas , por que são úteis quem não é útil ou muito velho é morto dentro da câmara de gás - Kyle olhou para as pessoas , estava abismado , as pessoas eram magras algumas velhas até demais.

Imaginou Ike um menino de 13 anos uma criança, trabalhando Ike praticamente não sabe fazer nada,se Ike não for útil pode ser morto. E com esses pensamentos começou a chorar , não sabendo o que fazer , sentiu a moça gentiu que falou com ele , o abraçar.

– Calma, menino , tenha calma - começou a fazer carinho no cabelo de Kyle.

– Kyle , meu nome é Kyle. - ele olhou para a moça que sorriu, revelando dentes amarelos.

– Muito prazer Kyle meu nome é Maria.- Kyle a olhou e sorriu para ela , voltando ao abraço , as pessoas que antes olhavam , agora estavam olhando para o nada.

Kyle passou uns 15 minutos abraçado a Maria, estava pelo menos um pouco feliz por que encontrou pelo menos uma amiga. Até que ouviu um estrondo , a porta foi aberta com uma brutalidade imensa , todo mundo olhou para a porta e viu um homem que no máximo deveria ter uns 19 pra 20 anos , ele tinha cabelos castanhos, olhos caramelados e ele era gordo , estava vestido com o uniforme do nazismo.

Já esse homem olhou diretamente para Kyle e estava abraçado ainda com Maria , mas olhava para o homem . O mesmo olhou para Maria que imediatamente soltou Kyle e foi para o canto , o mesmo homem se aproximou de Kyle e o olhou , parecia analisar ele , até que por fim falou:

– Você vem comigo judeuzinho de merda - Kyle olhou apavorado para aquele homem o que ele queria ? E por que com ele? Tinha outras pessoas ali, até que o homem pegou o Kyle pelo braço com força , e o tirou daquele "Quarto", Kyle não sabia onde estava indo , mas sabia que coisa boa não era , estava com medo.

Continua.


Notas Finais


Me desculpem qualquer erro de português , me desculpem por qualquer coisa que vocês não gostarem e é isso kisses , até o próximo capítulo.

De:~KellyBroflovski~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...