História My Angel - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescente, Amor, Comedia, Drama, Esquizofrenia, Hospicio
Exibições 3
Palavras 479
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Oeee pessoas sz
HJ EU TO COM LONG FIC NOVA (Dessa vez não é crack fic, é fic bonitinha e bem gay)
Eu me inspirei nos livros do Jhon Green (ele é um ótimo autor), nada na história, mas a escrita sim, especialmente em ''Quem é Você Alasca'', eu AMO esse livro <3
CHEGA DE PAPO E VAMOS PRA HISTÓRIA

Capítulo 1 - Prólogo


Acordei animado, meu primeiro dia de estágio, tanta coisa para aprender, fiquei mais feliz ainda quando soube que iria ajudar meu pai, meu pai é psiquiatra, no Hospital Psiquiátrico Lawrence Gordon, quando soube que eu estava procurando um estágio de meio período me ofereceu a vaga, e é claro aceitei, eu adoro entender as pessoas, por isso achei que podia entender todos naquele lugar
–Tyler, meu filho – Falou meu pai entrando sem aviso prévio no meu quarto –Animado? –Perguntou se sentando na cama
–Folgado o senhor, não é? –Falei com um sorriso brincalhão no rosto
–Se arrume logo, ou vai ficar aí – Falou se retirando sério –Ah e me respeite, além de ser seu pai sou seu chefe carinha
–Ok –Falei indo tomar uma ducha, conforme a água caia em meu corpo, eu ficava mais pensativo ‘’E se tudo isso tiver sido tolice minha? Podia arrumar um emprego com menos risco, podia ser balconista, trabalhar em alguma lanchonete, sei lá, mas trabalhar em um Hospício? Eu nunca vou entender esse meu gosto’’ – Pensei enquanto me secava e me vestia, vesti uma calça jeans escura e uma camisa do Nirvana, uma das minhas bandas favoritas, peguei minha mochila que meu pai comprara justamente para o meu estágio,  coloquei meu celular, fones, uma prancheta com algumas folhas e um lápis
–Estou pronto ‘’chefe’’ –Falei sarcasticamente indo em direção ao carro do meu pai
–Pare de graça e entre no carro Tyler
­–Sim senhor –Falei com um ar de sarcasmo entrando no carro e indo em direção ao Hospital

–Então deixe ver se eu entendi pai, o hospital é dividido em áreas de risco, desde os mais pacíficos até os mais criminalmente insanos? –Perguntei
–Sim Tyler, escute, quero te propor um desafio, se ganhar o desafio eu dobro o seu salário e a sua mesada, mas se perder, terá que sofrer as conseqüências, das quais não vou falar –Propôs ele
–E como seria esse desafio?
–Meu filho, você conhece Angel Woods? –Meu rosto congelou ao ouvir tal nome, Angel Woods, do caso Woods, um caso popularmente conhecido, passou dois anos sendo discutida, a garota que matou os próprios pais, e que fora mandada para vários hospícios diferentes nos últimos anos
–S-sim –falei com dificuldade
 –Pois bem, ela fora transferida para cá há uma semana, eu proponho que VOCÊ seja o médico dela, e que a faça entrar na linha, pois a justiça está cansada dela, todos os hospícios da América se cansaram dela, e cabe a VOCÊ, fazer-la uma garota comportada
–E se ela não se adaptar? –Perguntei inquieto
–Você verá as conseqüências
–Fechado –Falei com medo, logo depois meu pai apertou a minha mão
–Agora, vamos conhecê-la –Falou ele me levando até a área 5 ‘’PERIGO, ÁREA 5, CRIMINALMENTE INSANOS, SOMENTE PESSOAL AUTORIZADO’’ a placa na entrada alertava, paramos em frente ao quarto 512 –Angel Woods? Seu médico está aqui...


Notas Finais


Espero que tenham gostado
Isso é só o Prólogo
Eu irei postar (acho) bastante nessas férias, e pretendo concluir a fic nesse período
Comentem o que acharam, críticas tanto positivas quanto negativas ajudam pacas (E se puderem compartilhem com seus amigos sz)
-Maii


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...