História My Angel. -(Imagine Jung Hoseok) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Personagens Originais
Tags Bts, Bts Imagines, Imagine, Jhope, Jhope Imagine, Jung Hoseok
Exibições 176
Palavras 1.021
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Hentai
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - My Angel.


{ Hello, amores!

Sintam-se à vontade para dar uma olhada nas minhas outras fanfic's e imagines :3 

Espero que gostem~ }




“Quem é você?” -seus olhinhos curiosos clamam por uma resposta


“Seu anjo.” -ele responde sorrindo


“Meu anjo?” -você abaixa a cabeça por alguns segundos e quando a levanta não o vê mais -“Para onde você foi?” -você fica aflita, queria ver seu anjo novamente -“Onde você está?”


“No seu coração.” -uma voz ecoa pelo quarto


“Você cabe aqui?” -você diz apontando para o peito, mas especificadamente, seu coração


Não se ouve nenhum barulho, nada.


~Onde ele está?~ você pensava.


Jung Hoseok. Esse é o nome do seu anjo, do seu primeiro e único amor.


Mas aonde ele está? Para onde ele foi? Por que te deixou sozinha?


Faz tempo que você tem esses sonhos com ele. Em todos eles você aparenta ter outra idade. Mas como uma menina de apenas onze anos pode ter sonhos assim? Simples, desde quando ele te viu, não tirou os olhos de você.


Ele quer te proteger, cuidar de você e ser único na sua vida. Ele se vê na obrigação de sempre mostrar para você que é o amor de sua vida. E como ele queria mostrar isso? Em seus sonhos. Aparecendo neles e falando coisas que para você não faziam sentido algum.


~10 anos depois...


“Hoseok?” -você o chama -“Por favor...aparece...já faz oito anos que você não fala mais...” -já angustiada, você desiste e deita na cama


~Ele me deixou...~ você pensa.


“Eu não te deixei...” -a voz ecoa pelo quarto


Aquela voz, você conhece bem aquela voz um pouco rouca, que te causa arrepios.


“Ho-Hoseok?!” -você se senta na cama e um sorriso brota em seus lábios ao ouvir a voz de seu amado -“Aparece! Por favor, eu preciso ver você...” -sua voz estava baixa e você estava emocionada


“Pequena...” -mesmo não o vendo, você podia jurar que ele estava sorrindo


“Onde você está?” -sem pensar duas vezes, você começa a tatear tudo a sua volta até sentir tocar algo -“É você?” -você se aproxima mais do local e sente algo te envolver, ele te abraça


“Sou eu...” -ele aparece e você não consegue conter as lágrimas


“Que saudade...” -você aperta o abraço e coloca a cabeça em seu pescoço -“Por que me deixou? Por que desapareceu?” -sua voz soa baixa por conta dos soluços


“Eu não te deixei...nem desapareci...eu sempre cuidei de você, só que você nunca me via...”


Ele, seu anjo, seu amor, está bem na sua frente e você não sabe nem o que dizer.


Você não sabe, mas ele te ama muito, ele têm medo de você não sentir o mesmo. Ele não conhece seus sentimentos. Envolvida alí, naquele abraço, você não consegue pensar em mais nada. Somente no quanto o ama.


“Eu te amo, S/n...” -ele sussurra e se solta so abraço -“E eu não sei se você...”


“Eu te amo. Eu te amo muito.” -ele sorri em meio as lágrimas que rolavam de seu rosto


Ele aproxima seu rosto roçando seus lábios e dá início a um beijo envolvente, cheio de desejo e amor. Suas línguas travam uma batalha intensa na busca de espaço. Ele fazia questão de explorar cada canto da sua boca.


Logo ele te deita na cama e, aos poucos, sobe as mãos até sua cintura e a aperta com um pouco de força. Você não sabe quanto tempo ele esperou para poder fazer isso, sentir seu corpo, ver que você era só dele e de mais ninguém. E você também não via a hora de poder sentir ele dentro de você.


Olhando-a nos olhos ele sorri e deixa um selinho em seus lábios rosados puxando seu lábio inferior entre os dentes em seguida.


Ele retira seu pequeno short do pijama devagar e você se sente um pouco envergonhada. Você nunca fizera sexo com ninguém, não sabe o que tem que fazer, mas ele está alí e é isso que importa.


Sua calcinha está molhada por pura expectativa e seus hormônios estão em guerra.


Ele logo tira sua própria camisa e, logo depois, abre os botões de sua calça, com seu olhar focado em seus olhos, o que te deixava mais envergonhada.


“Linda.” -ele sussurra e beija sua intimidade ainda coberta


Mordendo os lábios, você prende seus gemidos ao sentir ele beijar mais ainda sua intimidade e logo depois ele tira sua calcinha e penetra um dedo com toda a calma do mundo. Você geme. Geme alto, o que o deixa mais excitado do que ele já está; seu membro está pulsando.


Movendo os dedos para frente e para trás. Para frente e para trás. Isso era o suficiente para você gemer alto.


“Quero ouvir seus gemidos...” -ele diz vendo você morder o lábio para segurar os gemidos que, mesmo assim, ainda escapavam


Ele retira os dedos de você e lambe os mesmos. Em seguida, ele segura a barra de sua blusa te olhando, como se pedisse permissão para retirá-la. Você assente um tanto nervosa e ele beija sua testa retirando a blusa em seguida e se deparando com seus seios descobertos.


Um sorriso brota nos lábios dele e ele desce sua boca até seu seio, sugando o mesmo, fazendo você gemer baixinho.


Quase. Você está quase fazendo ele ficar louco. E ele está te deixando louca. Louca de prazer.


Ele te olha fundo nos olhos e retira as peças de roupa que falta. Ele penetra lentamente soltando um gemido rouco.


Você sente dor. Muita dor.


Ele percebe isso e te beija, esse beijo...como você ama esse beijo. Esse beijo faz com que você não pense em mais nada.


Ao perceber que você estava mais calma, ele começa a se mover lentamente dentro de você, aumentando a velocidade das estocadas gradativamente.


Você geme alto, alto o suficiente para todos os vizinhos ouvirem. E ele por sua vez, geme arrastado, mordendo os lábios que já estavam vermelhos.


Ele geme seu nome inúmeras vezes e você sente seu ápice chegar, gemendo alto e revirando os olhos de tanto prazer.


Hoseok se retira de dentro de você e se masturba, chegando ao ápice e derramando o líquido em sua barriga. Em seguida, ele joga o peso do corpo ao seu lado na cama e te puxa para um abraço.


“Eu nunca mais vou deixar você...se você prometer que vai ser minha para sempre...”


“Eu prometo ser sua para sempre...e você? Promete ser meu para sempre?”


“Prometo.”





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...