História My Angel (imagine Jungkook) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mitologia Grega
Tags Anjos, Demonios
Exibições 2
Palavras 697
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drabs, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Lírica, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Super Power, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Capítulo 3 - (SN)


P . V (S/N)

E novamente eu retornava para Terra em busca de um humano. "Jeon jungkook"  repetia o nome varias vezes para não esquecer. 

- aposto que e um metido a besta! fiquei pensado se ele sabia de sua origem.... sera que ele sabe o que deve fazer? provavelmente não! - resmungava pra mim mesma enquanto eu procurava pelo menos um ser humano gentil que me pudesse dizer o caminho que eu deveria seguir - so fico imaginando porque eles escolheram um iniciante como eu parra proteger alguem tão importante! -  virei em uma rua e pude ver um rapaz fechando um estabelecimento. dizem que quando a gente e um anjo guardião sentimos uma sensação de incomodo e de segurança.... e um pouco dificil de explicar!

pude perceber Jungkook descendo a rua e o segui, mais senti uma sensação estranha, era como se algo ruim estivesse para acontecer. fui na frente e senti alguem me agarrar por tras. SOU UMA PESSIMA GUARDIÃ

comecei a "chorar" para ver se aqueles pecadores desistiam, se Gabriel me visse ferindo algum humano eu seria gravemente punida. pedi por socorro para ver se Jeon parasse nem que fosse por 2 minutos. se eu perdesse ele de vista seria bem dificil de encontra-lo

- soltem a garota! - ouço uma voz no inicio do beco e me viro para olha-la. nem percebi que ja estava sendo segurada por dois homens e que um ja lutava com Jungkook

pude perceber que o homem que me segurava agora havia me jogado no chão e partido pra cima de Jungkook que por pouco não havia perdido a consiencia. olhei em volta rapidamente e achei um pedaço de metal ''seria a distração perfeita''! fui ate o criminoso e toquei calmamente minha mão em seu pescoço fazendo o mesmo dormir calmamente, depois puz o ferro em posição de ataque como se eu tivesse batido nele.

vou em direção ao jungkook e lhe agradeço, ele desconfiou de algumas coisas mais eu dei meu jeito

...

 me dirigi ao banheiro e relaxei minhas asas, como Gabriel conseguia esconder elas?

entrei no box com dificuldade por conta do espaço e deixei que a agua quente se espalhasse por todo o meu corpo fazendo eu finalmente ter o sossego que mereço.

sai do box e encontrei na pia uma camiseta branca e uma lingerie preta que provavelmente e de sua namorada... qual e eu sei tudo sobre o cara! sei que ele rouba lingerie da namorada, canta bem, e empresario e tem um belo gosto musical.... sei tanto sobre ele que sei ate quantas vezes ele ja foi ao banheiro!

depois de me vestir e comer ao lado de Jungkook a gente jogou cartas e vimos filmes

_ Kookie o que e aquilo? - me pergunto olhando o casal do filme se beijar. meu plano era o seguinte: eu daria um jeito de beija-lo para assim conseguir marcar ele. se ele estiver marcado por mim se eu o perder vai ser bem mais facil de encontra-lo

- um beijo! - ele responde rindo da minha cara

- e por que as pessoas se beijam? - pergunto arqueando uma das sombrancelhas

_ normalmente quando se gosta muito de uma pessoa e se sente seguro e bem com ela.... ou so por diversão mesmo - ele ri. nem se fala esse menino na adolescencia era o "cão chupando manga"

subi em cima dele e me aproximei roçando os nossos labios, e enfim nos beijamos delicadamente. Se eu não tivesse essa cara de santa (teoricamente eu sou uma) e esse jeito inocente eu diria que estaria aproveitando da situação porque o amiguinho ali de baixo ja estava me incomodando 

- melhor pararmos por aqui. - ele me tira do seu colo e me põe no sofa - boa noite pequena! - ele me cobre com o cobertor e da um beijo em minha testa. depois de algum tempo eu ja podia ouvir seus roncos vindo la do seu quarto

levantei e fui ate ele. ele era tão lindo dormindo (não que não fosse acordado) que não resisti e me deitei junto a ele.

ja estava quase dormindo quando ouço um estrondo vindo da sala...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...