História My angel:Jikook - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Monsta X
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Show Nu, Suga, V, Won Ho
Tags Jikook, Namjin, Taeyoonseok, Vhope, Vkook
Visualizações 69
Palavras 1.010
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais uma história de autoria minha.
Espero que gostem.
Boa leitura!

Capítulo 21 - Sexy shop


Fanfic / Fanfiction My angel:Jikook - Capítulo 21 - Sexy shop

~ Park Jimin

 
 O clima estava cada vez mais ancioso em meio dos hyungs.
 Hoseok não se aguentava por esperar o dia da viagem a Hawaii, tinha foquetes no cu.
 A aproximação da viagem, os dias demoravam anos, até chegarem a decadas e séculos.
 Sempre conversavamos, o assunto entre todos os hyungs eram as mesmas coisas.
 
 
 Eu e Jungkook estamos cada vez mais proximos, trocamos até nossos telefones, mesmo eu morando a duas casas longe do mesmo.
 Parece pequeno mais é enorme, que vasa do meu peito.

 Kook ao passar dos dias ainda está andando pensativo.

 Sempre sentavamos, na mesma mesa, o mesmo assunto, as mesmas pessoas.
 Ninguém desconfia que eu e Jungkook tinha algo a mais, pereciamos que nem nos conheciamos, perto das pessoas.
 Só Taehyung desconfiava, pelo motivo de ter visto o incidente no elevador do museu, a um mês a trás.
 Parecia que foi ontem.



(๑ˇεˇ๑)•*¨*•.¸¸♪(๑ˇεˇ๑)•*¨*•.¸¸♪(๑ˇεˇ๑)•*¨*•.¸¸♪
{Vesperada viajem}

 Eu e Jungkook vamos a escola todos os dias juntos.
 Sempre conversando de maneira alegre.
 
 Chegamos na escola.

 - Kook eu vou no banheiro e já volto, okay?
 - Okay, eu estarei junto com os hyungs na mesa. Fala apontando.
 - Tudo bem.
 Caminho até o banheiro.
 Entro.

 Arrumo meu cabelo.
 Ouço a porta bater, olho para trás é Yoongi.
 Ele fecha o zíper de sua calça jeans escuro larga.
 
 Eu tinha que falar com ele, já tinha enrolado muito o assunto.

 - Olá, Jimin. Fala ele tirando minha atenção do reflexo do mesmo no espelho.
 - Oi...an...Yoongi temos que conversar. Comprimo os lábios
 - Agora?. Pergunta.
 - Sim.
 Ele cruza os braços a espera de uma conversa.
 - Olha, sabe aqueles beijos que trocamos na maca do hospital?
 - Sim. Ele parece confuso.
 - Eu estava gostando de você... - Falo sem jeito - Mais eu descobri que....
 - Que....
 - Que eu gosto de Jungkook. Falo baixo de mais.
 Ele faz uma cara confusa:
 - Não intendi.
 - Que eu gosto de Jungkook... . Agora falo rápido de mais.
 - Porfavor fala em português. Diz sem alteração na voz.
 - Eu-gosto-de-Jungkook. Falo de uma vez.
 Fecho os olhos e espero a resposta.
 - Estava claro de mais Jimin - Abro os olhos, ele está me olhando de um jeito azedo, descruza os braços - Você me iludio! porque fez isso?.
 
 Eu estava com medo de ser iludido, enquanto eu iludia alguém, porque eu fiz isso, eu me aproveitei de Yoongi, achei que Kook ía fazer isso comigo, mais no fim foi eu quem fiz.
 
 Ouço passos.
 Yoongi saio do banheiro deixando minha  tristeza ocupa-lo.

 Caminho de cabeça baixa, até a mesa dos hyungs.
 - O que aconteceu Jimin?. Pergunta Seokjin.
 Meu Deus estava tão claro que eu estava triste.
 Todos olham, Jungkook parecia o mais preocupado da roda junto com Jin.
 - Não é nada. Digo inseguro.
 Jin não acredita.
 - Só estou com um pouco de dor de cabeça, é só...
 Jungkook se preocupa ainda mais.
 - Quer que eu te levo embora Jimin?
 - Não, eu já tomei remédio na hora que saí de casa. Minto.
 - Okay. Ele encosta na cadeira, mais não desmancha sua feição preocupada.

 Yoongi acaba de se sentar, não se dá o trabalho de olhar na minha cara.
 Agora me sinto pior ainda.
 
 Taehyung dava início a sua conversa:
 - Amanhã será o grande dia!. Mal posso esperar. Dizia cheio de si.
 Todos riem menos Yoongi que mantém sua cabeça baixa olhando para a grama verde.

 Vai ser um longo dia.
 Muito longo.
 Esse vai demorar milhões de anos!.
 
 
 A professora parecia um zumbi na sala de aula.
 - Agora alunos - Para, enche os pulmões - Abram seus livros na página - Mais uma pausa, a professora faz uma feição confusa, como se seu cérebro estivesse derretido, agora vazando pela orelha - 92 - Volta a reviver, depois de 1 minuto.


 As horas derrepente viraram dias.
 Minha anciedade transborda do meu corpo.
 Taehyung batucava a carteira, sem fazer som.
 Jungkook...estava dormindo.
 E eu escrevendo na última página do meu caderno.

         JIMIN
  ♡♡♡ E♡♡♡
     JUNGKOOK

 - Jimin pode me emprestar o corretivo, porfavor - Pede Chanyeol se virando para minha carteira.
 Fecho meu caderno rapidamente. O barulho ecua por toda a sala.
 Kook acorda.
 - Calma! Só o corretivo tá?. Continua.
 - Há! Toma. Busco-o em meu estojo e coloco-o em sua mão.
 - Obrigado. Vira o rosto para frente junto com o seu corpo.
 Jungkook abaixa os olhos e dorme novamente.
 
 
 Caminho de volta a casa.
 Kook, junto a mim.
 Nossas mãos se trombam mais nada acontece.
 
 Jungkook muda o caminho.
 - Onde nos vamos?. Pergunto, alcançando-o.
 - Eu preciso ir em uma loja, se encomoda?. Olha para mim e sorri sem mostrar os dentes.
 - De forma alguma. Falo.
 Caminhamos durante 5 minutos.
 - Eu preciso comprar um carro. Reclama.
 Rio.
 - Há! chegamos. Ele aponta.
 ~Meu Deus! Kook acaba de me levar a um sexy shop!!!!!!!!!!!!!.
 - Jungkook o que nós estamos fazendo aqui!?.
 - Duas palavras me levam até aqui Park Jimin... viagem e vibradores.
 - Não consigo pensar como elas fazem sentido...
 - Tem uns brinquedinhos legais aqui. Comenta.
 Ele abre a porta completamente preta.
 O sigo.
 - Eai Sungjoo!. Acena para o cara.
 - Suave Kook!?.
 - Tudo beleza.
 Ele caminha até as pratileiras, tem plugs, dildos, algemas, chicotes, vibradores.
 Roupas gritantes, calcinhas com buracos na entrada.
 Filmes MUITO eróticos.
 E entre outros
 - Gosta desse Jimin. Ele me mostra um vibrador preto.
 - Porque me pergunta isso. Finjo- me de inoscente.
 - Adoro sua inocência.
 Rio, encosto-me em uma pratileira e cruso os braços.
 Ele pega dois vibradores idênticos, mais algemas (uma replica exata de um oficial da polícia).
 Caminha ao caixa.
 O sexy shop era como uma locadora, mas com abjetos mais divertidos (vamos dizer assim).
 - Só isso. Pergunta o venderdor.
 - Sim.
 Jungkook passa o cartão,digita a senha.
 Em quanto o vendedor embalava suas coisas.
 - Vamos. Fala o mesmo - Pega a sacola - Obrigado. Diz ao cara.
 Desencosto da prateleira.

 Caminhamos a porta negra, até sairmos do estabelecimento.


Notas Finais


Desculpe-me pelos erros ortográficos.
Obrigada por lerem até aqui!
Até o proximo cap meus leitores sedentos!
BYE BYE!!!
~ Showtriz
(^+++^)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...