História My arrogant Boss - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Erótico, Hot, Romance, Sexo
Visualizações 118
Palavras 1.682
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Espero que gostemmm minhas coisas fofas!😍❤😍❤

Capítulo 26 - Cap Bônus:2 parte


Mas me surpreendo quando depois de um tempo a vejo no quarto denovo com pipoca e suco de laranja.

Sim,ela voltou...a garota que eu descontei a raiva...voltou,e eu não mereço isso...ela sorrir se uma forma encantadora,só quero colocá-la em meus braços e ficar junto,sem safadeza apenas sentir ela perto de mim...

-O que ta esperando?Ja fiz a pipoca,agora procure um filme para assistirmos.

-Você...-Antes que eu termine de falar, ela coloco pipoca na minha boca.

-Está muito boa não é?-sorrio ao sentir ela perto de mim.

-Que tipo de filme quer ver?

-Comédia romântica.

-Sério isso?

-Seja bonzinho,eu fiz a pipoca,pelo menos eu tenho que escolher o filme.

-Mas tem que ser logo esses filmes clichés?

-Então coloque um de ação.

-Agora sim!

Depois de alguns minutos procurando,começamos uma longa discursão.

-Adrenalina é muito bom!-digo.

-Mas velozes e furiosos também é!

-Eu mereço um crédito,pois estou doente.

-Assim não vale!

-Claro que vale.-Ela encosta em mim e faz uma carinha tão fofa!

-Não faça isso,ai ja é roubar!

-Por favorzinho-diz manhosa e me catucando.

-Você venceu!-ela me abraça forte,e me esmaga com seus peitos,são quentes e tem um cheiro tão bom!Já sinto meu pau criar vida,ainda bem que o lençol está cobrindo.

-Valeu!

-Você ta me apertando,com seus peitos-ela me solta e cora,então volta a comer a pipoca.-Você costuma comer quando ta com vergonha?

-Vamos logo assistir o filme!-ela joga uma pipoca em mim,e agarro com a boca,e começamos a fazer isso várias vezes.

So paramos de brincar quando o filme começa,e várias vezes fico olhando sua expressão entusiasmada das cenas,mas logo vejo seus olhos se fechando e ela adormece nos meus braços.

  Emma dorme tão lindamente,passo a mãos em seu rosto e a cubro com o cobertor.

  Então durmimos...

Ei,acorde-diz Emma,e abro os olhos.

-An?O que foi?-pergunto.

-Seu amiguinho...Ta muito...próximo.-olho para baixo e vejo meu pau bem no meio das suas pernas.

-Ah,não percebi...porra sua bunda é quentinha.

-Andrew?!

-Sou sincero,puta merda!-me mecho e agor meu pau esta perto do seu cuzinho,que tesão!.-Vai me dizer que não ta excitada?

-Não estou!Você não é meu tipo eu ja disse.

-Péssima mentirosa,já posso te sentir molhada.-a respiração dela esta acelerada de excitação.

Não resisto,e coloco a mão por debaixo da sua blusa,sinto seus seios macios e aperto com força. É tão delicioso,diferente dos seios artificiais das outras mulheres. Beijo seu pescoço e ouço seus gemidos baixinhos e suas pernas se apertando por causa da excitação.

Mas nosso momento de puro tesão acaba quando começamos a ouvir uma voz chegando perto do quarto.Emma se levanta e a porta se abre e vejo a maldita Ângela e o segurança.

-Senhor eu deixei avisado para ela não entrar,ja que estava doente.-diz o segurança.

-Já entrei então va embora!-a Ângela grita.

E logo Ângela começa a falar e falar,e quero matar ela pelo jeito que fala com Emma.

Mas dou aleluia quando Emma consegue fazer ela ir embora.

-Você é incrível!-falo.

-Por que esta rindo?

-Por que amei o jeito que você colocou ela para fora.

-Idiota,precisa tomar os remédios.

-Prefiro continuar aonde paramos.

-Andrew não!Foi um delize nosso,vou pegar os remédios.

-Um deslize que você gostou!-porque ela não diz afirma,ouvi seus gemidos quando a toquei!Apenas tomo os remédios.

-Descanse.-Assinto e ela se vai e durmo um pouco.

Sinto alguém mechendo nos meus cabelos e com certeza deve ser Emma.

-Acorde amor.-fico bravo ao ver Ângela vestindo uma camisa minha,mas não vou nem mandar ela tirar por que ja sei que ela queria que eu falasse isso,para aí ela tirar a blusa e vim para cima de mim.

-O que está fazendo aqui Ângela?!-estou me sentindo fraco,e muito tonto.

-Tem que almoçar,então fiz uma comidinha para você com muito amor!

-Não quero!!

-Você precisa comer Andrew.

-Eu não quero nada vindo de você!Agora vá embora!

 

Não quero Ângela,quero Emma!Quero sentir seu cheiro e abraça-la.Mas acho que ela deve estar brava comigo,por que dei em cima dela,sou tao idiota!

-Você precisa tomar remédio,amor.-fala a maldita Ângela.

-Não me chame assim,vá embora!-Se eu não estivesse me sentindo tão tonto já teria tirado essa idiota daqui.

-Tome o remédio pelo menos...

-Não Ângela!Não tente se fazer de boazinha eu te conheço bem.

-Com aquela empregadinha idiota você quer está agarrado,mas a mim não!

-Não fale assim dela!Você nem se compara a ela.-reuno toda a força que tenho e me levanto cambaleando e fico em frente a Ângela.-Diferente de você,ela é pura e fez de tudo por mim...então eu não admito que uma vadia que nem você sequer fale dela!-Ela veste suas roupas rapidamente e vai embora.

Respiro fundo e acabo caindo no chão,estou com dores.Me arrasto até a mesinha para pegar o comprimido e tomar.

  Durmo ali mesmo no chão frio,sentindo falta da pequena Emma,sim eu assumo,sinto sua falta.Quero tanto ver seu sorriso agora...

...

São três e pouca da madrugada e ainda estou no chão.Me levanto,agora a tontura passou,e estou faminto!Pego a camisa que Ângela tinha vestido e jogo no lixo.

Desço as escadas,e vou para a cozinha,mecho nos armários pensando no que comer.

-Que susto!-diz Emma quando me ver na cozinha,e nossa ela está muito sexy!

-Ah,desculpa,eu tava com fome então vim fazer algo para eu comer so que não sei o que fazer.

-Quer um sanduíche?

-Sim e faz pra você também,a propósito por que não estava durmindo?

-Não consegui,e você não deveria estar deitado com sua noiva?-Oque?!

-Ela não é nada minha!

-Ahh sei.-diz- Vocês dois estavam bastante ocupados de tarde.

-Do que você ta falando?

-Eu fui levar sua comida,e ela tava só com sua blusa,então ela disse que te entregaria a comida ja que você estava sem roupa!

-Perai,agora to entendendo tudo...

-Ta entendendo o quê?

-Olha,quando você saiu eu durmir muito tempo,e quando acordei tomei um susto da porra,por que Ângela estava mechendo no meu cabelo enquanto eu durmia e eu achei...que era você.Mas aí ela colocou a comida na minha frente dizendo que ela tinha feito com muito amor e bla bla bla,ai eu não comi até agora!E mandei ela ir embora,e por sinal a blusa que ela estava vestindo está no lixo agora,e não aceitei que ela me desse remédio,e eu achei que você estivesse brava comigo por quê eu dei em cima de você hoje,o quê eu não vou negar que foi muito bom!

-Ai meu deus,eu caí no que ela falou!Aquela vadia,eu achei que vocês estivessem tranzando,que droga!E ainda por cima disse que a comida que euzinha tinha feito foi ela que fez,não gosto dela!

-Também não gosto.

-É melhor comer tudo,não acredito que esta sem comer até agora.-Sorrio ao ver aqueles sanduíches.

-Me diz uma coisa,você parece que ficou com ciúmes...

-Euu??Bem...eu...é...não estou com ciúmes...

-Ata sei,nossa esse sanduíche tá muito bom!

-Que bom que gostou,quer suco?-faço que sim,e fico olhando seu corpo delicioso,sua bunda é linda e tenho vontade de dar um tapinha .-Por que esta me encarando?

-Estou admirando seu pijama-vejo ela corar.

-Droga tinha esquecido que ainda estava de pijama!

-Não se preocupe,você fica linda com ele.

-Sou uma deformada perto das mulheres que você transa.-Oque?!Impossível.

-Discordo,você tem um belo corpo.A propósito sua bunda é natural ou você colocou algo?

-Você tava olhando a minha bunda?!

-Sou sincero tava sim,é bem redondinha e grande,vai responder minha pergunta?

-Sua sinceridade me mata,é natural sim.

-Ja namorou Emma?-pergunto receoso.

-Ja sim.

-Quantas vezes?

-Três

-Então com certeza não é mais virgem.

-Você fala umas coisas constrangedoras.

-Gosto de falar como amigo,é melhor do que chefe.-olho mais uma vez para sua bunda.

-Nisso eu concordo.ANDREW!?

-O que foi?

-Para de comer minha bunda com os olhos!

-Tenho que parar mesmo ou vou acabar te comendo na cozinha.-Meu pau já está doendo de tanto tesão!

-Não seja idiota,você so tranza com garotas siliconadas,é algum fetiche isso?-Por que ela sempre me lembra das garotas que eu pego,quando a única garota que penso no momento é ela?!

-Não,e que essas garotas riquinhas so usam silicone.

-Ta explicado,é melhor você durmir,jaja vai amanhacer.

-Fica comigo ate amanhecer,quero te mostrar uma coisa.

-O que quer me mostrar?

-Você vai ver,vem comigo vou pegar a camera.

-tudo bem.

Ela vai comigo até o quarto,e abro o armário das cameras,ela fica surpresa então entrego uma câmera a ela.

-Tire fotos,a paisagem aqui e linda e principalmente quando o sol nasce.

-E incrivel!

Ela pega a camera e começa tirar várias fotos,vejo sua empolgaçao. E mesmo já tendo visto o nascer do sol daqui,eu nunca me canso de ver.

-Veja que lindo-diz ela me entregando a câmera e voltando a olhar o sol,aproveito e tiro uma foto sua.-Ei nao tire fotos minhas!

-Ficou linda-realmente estava linda,porque ela sorria espontaneamente ,entrego a câmera e ela analisa,e antes que eu perceba Emma tira uma foto minha-Quem mando você tira foto minha.

-Melhor você nem ver,ficou horrível a foto.

-Impossivel,eu sou lindo ta.

-Então nem veja a foto,ou sua auto estima vai cair.

-Deixa eu ver.

-Não-ela corre para dentro e eu a sigo.

-Vou te pegar de qualquer jeito nem adianta correr.

-Duvido!

Alcanço ela,e a jogo na cama,ficando por cima dela e com o rosto próximo do dela.

-Viu!Ganhei.-pego a câmera e vejo que eu sorria.-Eu fiquei lindo!

-Não achei.

-O quê?!Você vai ter certeza agora!-seguro suas mãos acima da cabeça e nossos olhos estão tão pertos.-Agora diga,Eu tenho o chefe mais gostoso e lindo do mundo!

-Nunca.

-Olha eu tenho dois métodos pra fazer você dizer nisso. Vamos começar a tortura-começo com as cosquinhas.

-Paraaaa-sua risada é contagiante-Não vou dizer!

-Vai dizer sim-continuo com as cosquinhas-Diga.

-ta bom eu digo.-então paro-Meu chefe é... muito chatoooo.

-Não acredito que você disse isso.

-Pois acredite.-chego perto da sua  barriga e inspiro.

-Puta merda!Que cheiro bom,nenhuma mulher que ja transei tinha esse cheiro.-Dou um beijo e a ouço gemer baixinho,mas esse simples gemido me deixa excitado.-Eu ouvi isso,e meu amigo aqui em baixo gostou-roço minha ereção nela.

  Beijo seu pescoço e mordo devagar.

-Diga Emma.-ela coloca as pernas em torno de mim,pressionando mais nossos corpos,e de repente agora ela que está por cima de mim.

-Não vou dizer.

-Garota você e dificil.

-Agora quietinho,você brincou comigo,e agora e minha vez!-Ela levanta minha camisa,e começa a beijar meu abdómen me matando de tesão, depois da um beijo no canto da minha boca,e rebola em cima do meu pau deliciosamente.

Essa mulher ainda vai me matar!

-Cacete!O que você ta fazendo comigo Emma!-Agarro sua bunda gostosa forte-Tenho que dizer que bunda sem silicone é muito melhor.

Ela levanta um pouco sua blusa,deixando amostra parte dos seus seios deliciosos,mas logo abaixa e sai de cima de mim.

-Eu ganhei-diz ela e sai do quarto.

Começo a rir com sua atitude ousada.

Sim,você ganhou...mas não ganhou apenas o jogo,você me ganhou por inteiro!E agora estou louco por você Emma Clark,e de uma coisa eu tenho certeza: você ainda vai ser minha,e eu vou lutar para te ter,mesmo que eu tenha que enfrentar todos e tudo!


Notas Finais


Int minhas coisas fofas,espero que tenham gostado do cap bônus😍❤😍❤

Outras fics:

One:
https://spiritfanfics.com/historia/garoto-passado-8930548


1°Temporada de Doce Desejo:
https://spiritfanfics.com/historia/doce-desejo-8588668


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...