História My BabyGirl (1* temporada) - Imagine Kris Wu - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Chen, Kris Wu, Lay, Lu Han, Tao, Xiumin
Tags Exo M, Hot, Imagine, Kris Wu, Submissão, Wu Yifan
Visualizações 202
Palavras 1.331
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi sentiram minha falta? Eu sei q não ashuahsua,minha tia levou o cell aí eu me fudi :"( mas enfim. O capítulo de hj tem putaria como os outros,a foto do Lu tá aí pq a putaria vai ser com ele kkkk leiam o cap...e até lá em baixo :')

Boa Laytura *-*

Capítulo 18 - Festa do pijama


Fanfic / Fanfiction My BabyGirl (1* temporada) - Imagine Kris Wu - Capítulo 18 - Festa do pijama

...

- Sério Shin?! Festa do pijama? Pra quê você vai inventar isso menina? - Eu e Shin estamos conversando sobre sua ideia maluca de festa do pijama hoje.

- Aí s/n deixa de ser chata! - Revira os olhos. - Vamos descontrai um pouco! Chega dessa vida de solidão.

- Não sei se vai dar pra eu ir...- Faço uma pausa mordendo meu sanduíche de queijo. - Você sabe que meu daddy é muito chato e não me deixa sair.

- Aff,pede pra ele. Só hoje amiga,por favor! - Shin me sacode implorando.

- Tá eu vou tentar. - Afirmo dando outra mordida no sanduíche que está quase acabando.

*Quebra tempo*

Depois que saí da escola,chego em casa subindo diretamente para meu quarto,tiro o uniforme da escola e visto uma mini saia rodada rosa bebê, e uma camisa cinza com mangas compridas para proteger-me do frio que faz em Hong Kong. Desço as longas escadas cruzando a ante sala,caminhando até o quarto de Kris. Respiro fundo e dou três batidas na porta,então ouço os passos do mais velho vindo atendê-lá.

- Pequena! O que faz aqui? - Pergunto ele surpreso. Quase perco o fôlego ao me deparar com Kris apenas com uma toalha enrolada em sua cintura.

- Ér...eu queria que v-você me deixasse ir na festa do pijama de uma amiga. - Fico sem jeito,com os olhos fixos para o chão. Kris fica mudo...

- Você tá brincando comigo só pode s/n! - Ele dá um sorriso de deboche. - Claro que não,você não vai.

- Por que daddy? - Faço um bico manhoso cruzando os braços. - Eu nunca lhe pedi nada,e você vai sair mais tarde,eu não quero ficar aqui só,nem as criadas estão aqui para me fazer companhia. 

Tive que dramatizar. Não é justo que Kris saia todos os fins de semana e eu fique presa aqui nessa mansão silenciosa e chata.

- Não você não vai,pode esquecer pequena! - Kris da as costas,eu porém insisto mesmo sabendo que posso correr o risco de ser punida ou coisa do tipo. 

- Por favor daddy,por favorzinho. - Imploro fazendo aegyo,o mais alto então vira-se vindo em direção a mim...

- Você é muito insistente...okay eu deixo. - Kris faz uma pausa. - Mas...eu levarei você lá,e quero saber quem é essa amiga e quem vai estar nessa "festa".

- Tudo bem. - Concordo já que não tem outro jeito.

- Só vou deixar você ir,por que o lugar que vou não entra menores de 19 anos,se não você ia junto. - Finaliza o mais velho. - Agora vem cá que eu quero dar uns beijos em você. 

Sou puxada para dentro do quarto,começa então os beijos,Kris começa a alisar minhas nádegas por baixo da saia,eu por minha vez me ergo para acariciar a nuca do mais alto,seus beijos me excitam,despertam um grande desejo em mim,só tenho vontade de arrancar minhas roupas e me entregar totalmente a ele.

- Queria muito me divertir com você minha babygirl,mais tenho um encontro de negócios com Minseok e uns outros sócios. - Kris interrompe os beijos.

- Okay daddy,então eu já vou indo. - Ajeito minha saia e me retiro dos 'aposentos' de Wu Yifan.

*Quebra tempo*

**Mensagens on**

- Shin...ele me deixou ir.

- Amém viado! Vou esperar :')

- Vou me vestir!

- Tá ok <3

**Mensagens off**

Vou para o banheiro,tiro minhas roupas e mergulho na banheira,me lavo,faço tudo o que tenho que fazer,depois me enrolo na toalha e saio.

Escolho um pijama bem fofo,um mini short rosa bebê com detalhes de ursinho meio folgado nas coxas,com uma blusinha de alcinhas acima do umbigo a mesma é par do short por isso também tem os detalhes de ursinho,sem esquecer também as pantufas de ursinho também ainda é rosada,enfim eu estou completamente uma ursinha cor de rosa. Desço e encontro Kris me esperando na sala de estar,sentado no sofá mexendo em seu iphone atentamente...

- Já estou pronta daddy. - Minha voz soa baixo,comigo trazia um ursinho de pelúcia branco. Kris me olha fixamente,principalmente para minhas pernas descobertas,o mais velho morde os lábios maliciosamente.

- Nossa você está...muito... gostosa com esse pijama. - Novamente o mais velho morde o lábio inferior,fico corada olhando para o ursinho. - Pena que não posso desfrutar dessa gostosa agora,mas você acabou de me deixar ereto. - Kris levanta e caminha em direção a mim,este fica por trás,sinto sua ereção me encostar...fecho os olhos profundamente sentindo uma grande excitação tomando conta de minha alma.

- Daddy vamos ir antes que fique tarde. - Caminho na frente.

[...]

Enfim chega,retiro o cinto de segurança e saio do carro,em seguida Kris sai. Caminhamos até a porta da casa de Shin,toco a campainha,e não demora muito minha amiga atende.

- Oi s/n,olá senhor Wu.

- Olá mocinha. - Sorri Kris cumprimentando Shin. - Bom...quem vai participar dessa festa?

- Ah...eu,s/n e mas umas amigas que ainda não chegaram. 

- Muito bem...só garotas. - Assente o mais velho. - Então pequena,assim que eu voltar da boate passo para te buscar. - Um beijo é selado em minha testa,Kris então se vai.

- Nossa esse é o seu pai? - Shin pergunta de boca aberta,incrédula.

- Digamos que sim.

- Cara com um pai desses,eu não saía mais de casa!

- Shin...menos por favor. - Reviro os olhos.

- Nossa desculpa...mas que esse homem é gato...ele é. - Ela sorri sapeca.

- CALA A BOCA! - Levo as mãos para o ar e entro.

Fomos para o quarto de Shin,a mesma se desfez de seu roupão,e já está vestida,bem vestida demais para quem vai ficar apenas em uma festa do pijama.

- Menina,isso é uma festa do pijama,por que você está vestida assim? - Arqueio uma sobrancelha.

- Por que eu não vou ficar nesta festa amiga! - Como assim ela não vai? Que tipo de história é essa!?

- Não vai? E vai pra onde?

- Sair com MingHao.

- Nojenta! Por que não me avisou que ia sair,assim eu não me vestia assim bizarra. - Digo em protesto,eu estou realmente certa,me vesti toda para nada. Revoltada.

- Nossa sua chata...o LuHan vai te fazer companhia,ele deve está chegando. - Outro sorriso sapeca é estampado no rosto de Shin. Será que essa "festa do pijama" foi tudo um pretexto pra ela me deixar sozinha com o LuHan? 

Não demora muito e ouço uma voz masculina vindo da sala,me levanto e sigo Shin até esta. 

Vejo LuHan tirar a camisa e a jogar no sofá,em fração de segundos sinto minha respiração cessar de uma maneira inexplicável,da mesma forma que Kris mexe comigo,LuHan também mexe...e eu sigo assim confusa.

- Oi s/n,que bom te ver. - LuHan me abraça e eu retribuo.

- Olha o MingHao já está me esperando,estou indo beijo se comportem meus filhos! - Shin se despede e sai.

LuHan e eu ficamos parados um olhando para cara do outro sem saber o que fazer,até o mais velho ter a ideia de jogarmos um pouco de Mortal Kombat...

- Então você aceita a derrota?! - Diz ele vitorioso.

- Ata! Vamos ver quem é o perdedor aqui. - E começamos a batalha. Foram cinco rodadas e eu perdi todas.

Minutos passaram,ficamos jogando,e eu perdendo,chega uma hora que acabo me enjoando.

- Aí Lu...- Resmungo. - Já cansei de perder,vamos fazer outra coisa.

- Chorona! - Ele diz me zoando.

- Não sou chorona. - Dou língua.

- É sim. - O mais velho bagunça meus cabelos,eu começo a dar risadas.

- Vamos assistir um filme então? - Sugiro,e LuHan concorda na mesma hora.

- Vamos assistir um filme de terror. 

- Ah não LuHan! - Balanço a cabeça negando,eu odeio filmes de terror,não me deixam dormir de noite.

- Ah sim! - O mesmo abre uma das gavetas da estante tirando um dvd,fico olhando atentamente.

- Vamos assistir O Grito! 

- Aff! 

Começa o filme,LuHan assiste atentamente,e eu medrosa fico escondendo o rosto atrás de uma das almofadas,cada parte é uma tortura pra mim. LuHan então percebe que estou com o rosto escondido atrás da almofada...

- Pequena você tá com medo? - Ele segura meu queixo me fazendo o encarar...

- Eu não. - Disfarço me ajeitando no sofá.

- Você tá sim!

- Não estou!

Nossos olhares se traçam. Vejo os olhos de LuHan brilharem,aos poucos nossos rostos vão se aproximando...

Continua...


Notas Finais


Vou deixar vcs na curiosidade kkk
Depois eu posto a continuação :)

Bjs amo vcs ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...